Edison Silva

Categoria: Guarda


12:10 · 09.08.2016 / atualizado às 12:10 · 09.08.2016 por

O deputado estadual Heitor Férrer (PSB) usou seu tempo no primeiro expediente da sessão ordinária da Assembleia, nesta terça-feira, para criticar a resposta da Secretaria de Segurança e Defesa Social (SSPDS) para um requerimento elaborado por ele sobre o programa Pró-cidadania, instituído pelo ex-governador Cid Gomes (PDT).

O projeto de 2009 institui a criação de cargos de agentes pró-cidadania que atuariam nos municípios. “Eles serão agentes do prefeito porque é seleção pública. Encaminhei à OAB a matéria que tratou da inconstitucionalidade do projeto”, relatou.

“É uma ‘cretinice’ que o governo praticou para criar cabide de empregos para os prefeitos indicarem seus agentes de cidadania”, disparou o parlamentar com relação ao teor do projeto.

Heitor citou que o requerimento enviado à SSPDS solicitava a relação de municípios que foram atingidos pelo programa e quantos deles instauraram a guarda municipal, prevista como obrigatória no texto.

O deputado ainda disse que a secretaria não informou quais eram os municípios requeridos pelo documento. Segundo Heitor, a ideia é saber quais deles não instituíram a guarda municipal.

Pesquisar

Edison Silva

Blog da editoria Política, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

09h09mBardawil recorre ao TSE por candidatura ao Senado

09h09mVereador diz que acidentes de trânsito retiram recursos de outras áreas

09h09mEunício e Girão são os candidatos ao Senado que mais gastaram em campanha

09h09mNomes de profissões, apelidos e animais no apelo de candidatos por votos

09h09mParlamentares criticam o general Mourão

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs