Busca

Categoria: Inquietação


10:06 · 23.06.2014 / atualizado às 10:21 · 23.06.2014 por

Por Suzane Saldanha

Com a disputa e o clima de tensão entre o PT e o PCdoB que pleiteiam a vaga ao Senado Federal na chapa majoritária dos partidos que compõem base aliada do governador Cid Gomes (PROS), o PMDB se coloca como possibilidade para o partido comunista.

Na última sexta-feira, o deputado Lula Morais (PCdoB) subiu à tribuna da Assembleia Legislativa para destacar o nome de Inácio Arruda (PCdoB) que, segundo ele, é praticamente unânime nos bastidores da base aliada, enquanto o de José Nobre Guimarães (PT) tem gerado receio.

O cenário político que se aproxima das definições com as convenções dos partidos marcadas para o fim deste mês, o líder do PMDB na Assembleia Legislativa Danniel Oliveira sinalizou conversas entre os dois partidos e não descarta a possibilidade de uma aliança com PCdoB, inclusive a indicação de um nome do partido ao Senado pela chapa majoritária do senador Eunício Oliveira, que postula o Governo do Estado.

“Então numa conversa entre o PCdoB e o PMDB, que já aconteceram várias, uma conversa que possa definir um nome indicado pelo PCdoB e que possa dá continuidade ao trabalho de senador do próprio senador Inácio Arruda”.

O presidente estadual do PCdoB Luiz Carlos Paes confirmou ter conversado com o senador Eunício, mas afirma que não houve nada concreto. “O senador Eunício tem buscado conversar com diversos partidos. Ele conversou conosco, agora não existe nada de concreto até porque nós estamos há 8 anos apoiando o governador Cid”.

Além de reeleger Inácio Arruda para o Senado, o partido quer a continuidade de Chico Lopes e João Ananias como deputados federais e eleger três deputados estaduais. No plano nacional, o partido apoia a reeleição da presidente Dilma Rousseff. Luiz Carlos garante que o PCdoB está bem posicionado entre os partidos da base aliada.

O presidente estadual do PCdoB reforçou o pronunciamento do deputado Lula Morais afirmando que em conversas entre líderes partidários nos bastidores existe uma preocupação com o nome a ser indicado ao Senado Federal e que o nome de Inácio é visto como melhor candidato em uma avaliação gera. Luiz classifica Inácio como um nome mais fácil de fazer campanha.

O presidente do partido ainda reconhece a importância de um nome do Partido dos Trabalhadores para a chapa majoritária, mas garante que até o último momento buscará garantir o nome do senador Inácio Arruda a reeleição. “A reeleição do Inácio significa a manutenção. O PT quer tomar a nossa vaga e ter mais um senador”.

Segundo Luiz, o PT quer ocupar a vaga de Inácio no Senado a força e tem deixado o Pros acuado. Questionado qual seria o posicionamento do partido caso Inácio Arruda não concorresse ao Senado, Luiz Carlos afirmou que o caso não foi discutido pelo fato do nome nunca ter sofrido vetos.

A Convenção Estadual do PCdoB está marcado para o dia 29 de junho em conjunto com a convenção do Pros e demais partidos da base aliada. O partido deixou agendada para o dia 30 uma reunião extraordinária caso seja necessário um ajuste no projeto eleitoral.

12:31 · 07.06.2012 / atualizado às 12:31 · 07.06.2012 por

Marcos Cals, presidente estadual do PSDB e pretenso candidato à Prefeitura de Fortaleza, conversa amanhã com o ex-senador Tasso Jereissati, a principal liderança do partido no Estado, sobre as eleições municipais deste ano, tanto na Capital quanto no Interior do Estado onde o partido tem pretensão de disputar prefeituras em aproximadamente cinquenta municípios.

Alguns tucanos não escondem a inquietação existente, no momento, em razão das dificuldades que estão sendo apresentadas a Marcos Cals, não só para sua provável candidatura, como também em relação ao Interior.