Busca

Categoria: Reservatórios


10:41 · 15.02.2018 / atualizado às 10:41 · 15.02.2018 por

O início da quadra chuvosa neste ano no Estado foi assunto de alguns deputados que abriram o Primeiro Expediente, na Assembleia Legislativa, hoje pela manhã. O deputado Fernando Hugo (PP) chamou a atenção, no seu discurso, para o fato de que a água precisa ser “retida, acumulada, tratada, distribuída e, logicamente, após o uso em domicílios e/ou outras atividades que ela proporciona, podendo ser reusada”.

O parlamentar defendeu que o governo estadual tem investido na questão dos recursos hídricos, com a construção de poços profundos, barragens, aquisição de adutoras, “que levaram o Estado a ter condições de vida humana”. Por outro lado, ele ressaltou que as condições para captação de água são “enormes”. “O Semiárido não oferece boa condição hidropotável e de degustação com o uso alimentar dos seres humanos, porque quando se cava nesse sertão poços de até 100 metros, encontra-se, muitas vezes, água com salinidade lá em cima, trazendo consequências para o uso por parte da população humana”, alertou.

O deputado Carlos Felipe (PCdoB), subiu à tribuna em seguida, e lamentou os sucessivos atrasos na conclusão do Eixo Norte, da Transposição das Águas do Rio São Francisco, que beneficiará o Estado do Ceará. “Se adiou para 2016, para 2017 e, agora, para o início de 2018, mas já se fala no final do ano de 2018, uma obra que falta menos de 10% para ser concluída. Eu espero que o Governo Federal reveja esse contingenciamento que vem sendo colocado pro nosso canal”, cobrou.

Apesar disso, Carlos Felipe comemorou o “reforço hídrico” que reservatórios do Estado vem recebendo com as chuvas deste início de ano, o que dá uma”boa perspectiva” para um bom inverno de 2018.