Busca

Categoria: Resíduos


18:10 · 06.07.2016 / atualizado às 18:10 · 06.07.2016 por

Por Suzane Saldanha

 

Deodato Ramalho destaca a importância de se cuidar dos resíduos sólidos FOTO: JL ROSA
Deodato Ramalho destaca a importância de se cuidar dos resíduos sólidos FOTO: JL ROSA

Apontando a importância da política de gerenciamento adequado dos resíduos em Fortaleza, o vereador Deodato Ramalho (PT) destacou em pronunciamento, ontem, os encaminhamentos dados em uma audiência pública na Câmara Municipal que discutiu propostas para o uso dos ecopontos pela cidade. Os espaços têm sido disponibilizados na Capital para a entrega voluntária de materiais volumosos ou inservíveis e pequenas quantidades de poda e entulho.

Na última sexta-feira, a audiência pública proposta por Deodato discutiu medidas para estimular os condomínios residenciais e comerciais a utilizar os Ecopontos e a inclusão do trabalho de catadores de lixo nesta política. No pronunciamento, o vereador destacou a presença do professor Albert Gradvohl, coordenador Especial de Limpeza e Resíduos Urbanos.

Deodato salientou que o debate foi proveitoso no sentido de ter contado com os representantes do Poder Executivo que podem promover colaborações nas mudanças sugeridas. Segundo ele, o tratamento dos resíduos é um tema que merece atenção dos vereadores da Capital. “Fizemos uma discussão sobre os ecopontos, equipamentos que estão sendo construídos, e de fato é um tema que tenho abraçado de modo intenso em nosso mandato”, ressaltou.

O vereador explicou que o resíduo produzido pela população pode ser reaproveitado ou reciclado. “O tema ganha mais importância quando o governo se abre e participa do debate, como fez a gestão na audiência que realizamos”, destacou.

Para Deodato, o Poder Executivo deve analisar uma forma de equacionar as atividades dos catadores com a questão dos ecopontos. “Sabemos que os catadores já fazem um trabalho de reciclagem e a Prefeitura pode encontrar uma forma para que eles possam contribuir com a atividade dos ecopontos”, defendeu.

09:55 · 14.03.2013 / atualizado às 09:55 · 14.03.2013 por

 

O deputado Dedé Teixeira (PT) defendeu  na manhã de hoje a reutilização de resíduos sólidos para que estes sejam transformados em energia renovável para o País. Segundo ele, dados recentes publicados por uma agência americana ressaltam que o potencial energético desse tipo de material ofereceria 280 megawatts podendo atender uma população de até 1,5 milhão de pessoas. De acordo com o  parlamentar 30 toneladas por ano não tem destinação adequada no País, ainda que 22 projetos estejam em vigor no Brasil.

“Os municípios precisam discutir para que tenha recurso nessa área. Tem investidores interessados na reciclagerm do lixo. São R$ 10 bilhões que se joga no lixo”, reclamou. A deputada Silvana Oliveira (PMDB) lembrou ser necessário iniciar a conscientização para recilagem do lixo dentro da família e na escola.