Busca

Categoria: Réveillon


09:30 · 15.11.2017 / atualizado às 09:30 · 15.11.2017 por

Por Renato Sousa

O líder da bancada do PDT, Iraguassú Filho, afirmou que o Réveillon de Fortaleza caminha para se transformar na principal festa do tipo no País. De acordo com o parlamentar, isso deverá confirmar-se até o fim do mandato do prefeito Roberto Cláudio (PDT). “Já ultrapassamos o da Avenida Paulista e vamos superar Copacabana”, declara. Segundo ele, as ações dos governos municipal e estadual em “vender” a festa fora do Estado, bem como os investimentos do setor hoteleiro são os principais responsáveis pelo crescimento. “A gente não tem dúvida que, a curtíssimo prazo, Fortaleza seja o maior (Réveillon) do Brasil”, diz.

Segundo o parlamentar, a confirmação do cenário dependerá de uma ampliação da capacidade do setor hoteleiro da cidade e, principalmente, da conclusão da ampliação do Aeroporto Internacional Pinto Martins. Até 2020, de acordo com Iraguassú, “provavelmente nós já teremos uma parte finalizada, que já deverá aumentar em 50% a capacidade de voos e passageiros”.

As próprias características do fortalezense, de acordo com o trabalhista, já estariam contribuindo para a expansão. “É um povo festeiro, hospitaleiro e trabalhador, que tem dado as condições necessárias para que o Réveillon de Fortaleza torne-se o maior do Brasil em breve”. Para ele, a cadeia produtiva da cidade também é própria para que esse objetivo seja alcançado. “É um atrativo que Fortaleza já tem naturalmente, que é o de ser uma cidade de serviços e, acima de tudo, turísticas, que já há muito tempo tem um dos principais destinos domésticos”, explica. O vereador lembra que a Capital já teve, no ano passado, a mais longa queima de fogos de Ano Novo do País. E, de acordo com ele, a intenção é que a desse ano seja ainda maior. “O prefeito disse que quer pelo menos mais 30 segundos”, explica.

Segundo o parlamentar, até 2020 há a expectativa de que todos os recursos necessários para a realização da festa já sejam captados pelo Paço Municipal junto à iniciativa privada. “Em 2018 ou 2019, com certeza o Réveillon terá todos os seus recursos captados com o setor privado, ficando apenas a organização com a Prefeitura”, diz. O vereador lembra que, já este ano, o Palácio do Bispo licitou uma empresa para prospectar parcerias com o setor privado. “A meta é já zerar (este ano”, diz. Segundo ele, mesmo que a meta não seja alcançada, “talvez esse ano, um valor significativo já venha das empresas privadas”.

16:25 · 03.01.2013 / atualizado às 16:25 · 03.01.2013 por

Oficialmente o Governo do Estado do Ceará gastou, até agora, com o pagamento dos artistas que fizeram a festa da virada do ano na Capital cearense, no Aterro da Praia de Iracema, um total de R$ 1.930,000,00, distribuídos da seguinte maneira: Billy Paul e banda, R$ 400.000,00; Lailtinho Brega, Raimundinha, Ciro Santos, Skema e Mastrogilda, R$ 50.000,00; Aviões do Forró, R$ 250.000,00; Zezé di Camargo e Luciano, R$ 500.000,00; Luan Santana, R$ 500.000,00; Waldonys, R$ 45.000,00; Forró Real, R$ 80.000,00; Italo e Reno, R$ 65.000,00 e Nyra Costa e Banda, R$ 40.000,00. Esses valores foram óficializados no dia 27 de dezembro de 2012.

O Governo do Estado, para as despesas com o Réveillon, conseguiu a abertura de um crédito especial de R$ 2.500.000,00, autorizado pela Assembleia Legislativa, dias antes do Natal. Na mesma autorização legislativa ficou definido que além desse total o Governo poderia gastar mais até 25% daquele total.

15:18 · 26.12.2012 / atualizado às 15:19 · 26.12.2012 por

O Diário Oficial do Município que circulou ontem, com data do último dia 20, traz o resultado da licitação para a contratação de empresa responsável pela montagem dos palcos e iluminação para festas do Réveillon no Aterro da Praia de Iracema e ainda em Messejana e no Conjunto Ceará. A publicação no Diário Oficial é a seguinte:

AVISO DE HABILITAÇÃO/INABILITAÇÃO/RESULTADO DE JULGAMENTO

PROCESSO: Concorrência n° 01/2012.

ORIGEM: Secretaria de Turismo de Fortaleza – SETFOR.

OBJETO: Contratação de empresa especializada na execução de montagem e desmontagem de palco, camarins, sonorização, iluminação, vídeo-projeção e estruturas necessárias para a realização do Réveillon de Fortaleza 2012/2013 no Aterro da Praia de Iracema e em  outros dois pólos: Messejana e Conjunto Ceará, conforme especificações técnicas, plantas, perspectivas 3D, e memorial descritivo contidos neste edital e seus Anexos.

TIPO DE LICITAÇÃO: Menor preço global.

A COMISSÃO PERMANENTE DE EXECUÇÃO DAS LICITAÇÕES DO MUNICÍPIO DE FORTALEZA, em cumprimento ao parágrafo 1° do artigo 109 da Lei n° 8.666/93, comunica aos licitantes e demais interessados no presente processo que: HABILITA AS EMPRESAS: P/01 – ARTE Produções de Eventos Artísticos e Locações Ltda E P/02 – PAZINI Som Luz e Festas Ltda. CLASSIFICA AS EMPRESAS: 1°lugar: P/01 – ARTE Produções de Eventos Artísticos e Locações Ltda, com o valor global de R$ 2.490.000,00. 2°lugar: P/02 – PAZINI Som Luz e Festas Ltda, com o valor global de R$ 2.499.000,00. A presidente informou que as empresas P/01– ARTE Produções de Eventos Artísticos e Locações Ltda e P/02 – PAZINI Som Luz e Festas Ltda, declinaram do prazo recursal de Habilitação/Inabilitação e Resultado de Julgamento.

Fortaleza, 19 de dezembro de 2012.

O palco no Aterro da Praia de Iracema já está sendo montado por conta do Governo do Estado e, na manhã passada, a Assembleia aprovou um projeto de Lei do Executivo estadual abrindo um crédido especial de R$ 2,5 milhões, para custeio das despesas com o Réveillon.

 

 

 

12:48 · 21.12.2012 / atualizado às 12:48 · 21.12.2012 por

Os deputados ainda estão aguardando, neste último dia de sessão ordinária, o encaminhamento de mensagens do Poder Executivo. Além do mais, o Governo do Estado já comunicou ao Legislativo o seu interesse em fazer uma convocação extraordinária do Poder Legislativo, no período compreendido entre os dias 26 e 28 próximos, a fim de que seja votada pelo menos uma mensagem de abertura de crédito para que o Governo possa pagar despesas relacionados com o Réveillon de Fortaleza, no próximo dia 31.

Para fazer o Réveillon o Governo já conseguiu recursos particulares, em forma de patrocínio, do Banco do Nordeste do Brasil, da Operadora Oi e da Coca-cola. Essas empresas garantem o pagamento das despesas com os fogos de artifícios. As outras despesas que serão pagas pela Fazenda estadual serão conhecidas com o envio de mensagem à Assembleia, para o período extraordinário após o Natal.

16:38 · 20.12.2012 / atualizado às 16:38 · 20.12.2012 por

O deputado estadual Roberto Mesquita (PV) lamentou,  durante discurso na Assembleia Legislativa, na manhã passada, a desistência da prefeita Luizianne Lins de  realizar a festa do Réveillon 2012-2013 em Fortaleza. Na avaliação dele, a petista está dando um “tiro no pé”, pois, segundo o paramentar, tudo indica que a festa será organizada pelo Governo do Estado. As críticas foram rebatidas pelo deputado Antônio Carlos (PT).
“Não entendo essa pequenez”, lamentou Roberto Mesquita, cobrando da prefeita mais respeito ao povo de Fortaleza e aos partidos aliados ao PT. De acordo com ele, o Partido Verde apoiou a gestão petista durante os oito anos de mandato, mas não apoia a atitude de Luizianne de cancelar a festa. “O PV repudia essa decisão, porque vem de uma prefeita raivosa e não de uma gestora que batalhou pela cidade”, justificou.
Para o deputado, Luizianne Lins deveria sair “grande” da Administração, realizando a festa pela qual tanto lutou para que acontecesse. “Entendo a dor de cotovelo dela por não ter elegido seu sucessor, mas não entendo o rancor, a vingança dessa atitude”, disparou Mesquita, acrescentado: “A campanha já passou. Nós perdemos! Vamos tentar segurar os nossos 47% (de votos), para que um dia possamos ter um processo vencedor de novo”. 
Rebatendo o discurso de Roberto Mesquita, o deputado Antônio Carlos (PT) defendeu a decisão de Luizianne Lins, justificando que haverá uma interrupção do mandato à 0h do dia 1º de janeiro, o que faz com que a prefeita não tenha todas as garantias para que não questionem a idoneidade da festa posteriormente. “São muitas questões envolvidas, como segurança do público, limpeza, transporte coletivo, além da responsabilidade administrativo-financeira”, alegou.
De acordo ainda com ele, a não realização do Réveillon “não é questão de birra nem de se apequenar”. Ele lembrou que, durante sete anos, o Ano Novo foi colocado como festa que não deveria ser realizada por muitos políticos da oposição, que alegavam que o dinheiro gasto deveria ser aplicado em outras áreas. “Antes, aliás, não eram contra o Réveillon, eram contra porque era realizado pela gestão de Luizianne Lins”, disparou.

14:38 · 15.11.2012 / atualizado às 14:38 · 15.11.2012 por

A assessoria do prefeito eleito Roberto Cláudio, encaminhou nota às redações, agora à tarde, falando sobre a festa de Réveillon de Fortaleza. Leia a sua íntegra:

O prefeito eleito de Fortaleza, Roberto Claudio, anunciou, agora há pouco, que vai fazer tudo o que estiver ao seu alcance, como futuro gestor da Capital, para garantir a realização do reveillon de Fortaleza.

“Temos a certeza de que o evento é importante para a cidade e no que depender de mim será dada toda a garantia de sua realização. Para isso, estou delegando à minha equipe de transição a tarefa de buscar junto à atual administração todas as informações necessárias no que diz respeito às responsabilidades que cabem à nova administração”, afirmou Roberto Cláudio, destacando que “é importante ressaltar que a lei prevê como obrigação da atual gestão a previsão orçamentária e o empenho dos recursos para pagamentos das despesas decorrentes da festa”.