Edison Silva

Categoria: Servidores da saúde


12:07 · 05.12.2012 / atualizado às 12:07 · 05.12.2012 por

Os trabalhadores terceirizados da Prefeitura Municipal de Fortaleza, ligados à saúde, voltaram a lotar parte do auditório da Câmara Municipal de Fortaleza para cobrar o pagamento de seus salários. Segundo eles, o Instituto de Desenvolvimento e Gestão da Saúde (IDGS) não pagou os salários dos funcionários e nem o décimo terceiro, ainda que o líder da prefeita Luizianne Lins,o vereador Ronivaldo Maia (PT), há duas semanas, tenha dito que o benefício seria pago até o dia 30 de novembro.

 Os trabalhadores denunciam possíveis crimes contra a saúde e os funcionários e estão se articulando para entrar com ação no Ministério Público Estadual e à Delegacia do Trabalho. “Solicitamos a abertura da caixa preta da saúde que deve estar vazia, visto o descumprimento de nossos pagamentos”, ressaltam em nota à imprensa. Uma comissão foi formada para receber as categorias, mas até o momento a reunião está sendo prejudicada, pela ausência do líder do Governo, Ronivaldo Maia.

Pesquisar

Edison Silva

Blog da editoria Política, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

09h09mBardawil recorre ao TSE por candidatura ao Senado

09h09mVereador diz que acidentes de trânsito retiram recursos de outras áreas

09h09mEunício e Girão são os candidatos ao Senado que mais gastaram em campanha

09h09mNomes de profissões, apelidos e animais no apelo de candidatos por votos

09h09mParlamentares criticam o general Mourão

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs