Edison Silva

Categoria: Transferências obrigatórias


14:11 · 17.10.2017 / atualizado às 14:31 · 17.10.2017 por
A proposta orçamentária foi encaminhada à Assembleia Legislativa (Foto: José Leomar)

A previsão de gastos do Estado do Ceará, em 2018, para garantir o funcionamento de seus serviços é de R$ 5,6 bilhões, valor muito superior ao montante previsto para os investimentos, e de todos os recursos liberados para os 184 municípios cearenses, as tais transferências obrigatórias.

O Estado projeta distribuir com todos os municípios R$ 3,9 bilhões, referentes à arrecadação do IPVA, do ICMS, do IPI-Exportação e dos Royalties, sobrando, então R$ 5,6 bilhões da rubrica Outras Despesas Correntes.

“Este montante é destinado para a manutenção dos serviços administrativos necessários ao funcionamento da máquina estatal e para garantir a expansão decorrente do funcionamento dos novos equipamentos públicos que foram concluídos em 2017 e outros que serão entregues à sociedade no decorrer do exercício de 2018, incluindo hospitais e escolas, dentre outros equipamentos disponibilizados ao cidadão”

Leia mais: 
> Estado pretende arrecadar pouco mais de R$ 26 bilhões em 2018

> Estado vai gastar R$ 11,4 bi com a folha de pessoal em 2018

Pesquisar

Edison Silva

Blog da editoria Política, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

09h09mBardawil recorre ao TSE por candidatura ao Senado

09h09mVereador diz que acidentes de trânsito retiram recursos de outras áreas

09h09mEunício e Girão são os candidatos ao Senado que mais gastaram em campanha

09h09mNomes de profissões, apelidos e animais no apelo de candidatos por votos

09h09mParlamentares criticam o general Mourão

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs