Busca

Categoria: Viagens de Cid


15:02 · 20.10.2013 / atualizado às 15:02 · 20.10.2013 por
A volta do governador Cid Gomes está prevista para o próximo domingo (27) Foto: Bruno Gomes
A volta do governador Cid Gomes está prevista para o próximo domingo (27) Foto: Bruno Gomes

O governador Cid Gomes viajou, no último sábado (19), para Tel Aviv, em Israel, para buscar parceria econômica e tecnológica para o Estado.  O convite foi feito em agosto pelo governo israelense. Ele  deve realizar a assinatura de memorando de intenção para a instalação de uma fazenda modelo no Ceará e participar de encontro com cientistas para discussão sobre criação de vacinas, além de visitar centros de tratamento de saúde, kibutz e usinas de dessalinização.

A programação compreende ainda reuniões com o ministro da Economia de Israel e de Assuntos Internacionais.  Entre os projetos desenvolvidos entre o Estado e Israel estão a implantação de um laboratório da Fiocruz e de tecnologia em projetos de irrigação.

Já na próxima sexta-feira (25),  o governador vai para a Itália para uma reunião com empresa que fornece os trens para o Metrô de Fortaleza. Cid Gomes também pretende visitar as obras de mobilidade urbana do país. O retorno ao Brasil está programado para o próximo domingo (27). Durante esse período, o vice-governador Domingos Filho assumirá interinamente a Chefia do Executivo Estadual.

17:46 · 05.06.2012 / atualizado às 17:46 · 05.06.2012 por

O governador Cid Gomes está viajando no fim da noite desta terça-feira para Lisboa. No início da noite está assumindo o Governo do Estado o desembargador José Arísio, presidente do Tribunal de Justiça do Ceará. É que o vice-governador Domingos Filho tem evitado assumir o cargo, nas ausências de Cid, para evitar que sua mulher Patrícia Gomes, pretensa candidata à Prefeitura do Município de Tauá, não fique incompatibilizada.

Pelas mesmas razões, não ficar incompatibilizado para uma eventual disputa pela Prefeitura de Fortaleza, o deputado estadual Roberto Cláudio, presidente da Assembleia Legislativa, também não assume o Governo. Roberto Cláudio, por disposição constitucional é o segundo na linha de sucessão, nas ausências e impedimentos do governador, mas ele tem pretensão de ser candidato do PSB à Prefeitura, no caso de o partido romper a aliança com o PT e ter candidato próprio.