Busca

Categoria: Saúde


04:31 · 02.01.2018 / atualizado às 04:34 · 02.01.2018 por

O governador Camilo Santana reuniu-se, na última semana do ano passado, com os diretores da rede de hospitais públicos do Estado do Ceará.

Depois de mais de duas horas de conversas, os dois lados decidiram o seguinte:

Primeiro, eles se reunirão mensalmente para examinar problemas e encaminhar soluções para os entraves da saúde estadual;

Segundo, os diretores dos hospitais consideram que o Ceará tem a melhor saúde pública do País;

Terceiro, eles se consideraram afrontados pelo vídeo que está circulando nas mídias sociais em que um grupo de médicos faz uma paródia musical sobre a saúde no Ceará;

E quarto, até o fim deste mês de janeiro haverá nova reunião do governador com os diretores dos hospitais do Estado, que  apresentarão ao governador as suas três prioridades.

08:24 · 22.12.2017 / atualizado às 08:26 · 22.12.2017 por

O secretário de Meio Ambiente do Governo do Ceará, Artur Bruno (foto), também considera que a melhor maneira de melhorar a saúde e de combater a obesidade é a ingestão de comidas saudáveis.

E citou as frutas, as verduras e os legumes como alimentos que substituem, com todas as vantagens, as chamadas   dietas da moda.

Artur Bruno vai na mesma linha dos médicos nutricionistas, que também prescrevem para os seus clientes obesos uma única receita: a comida de frutas, verduras e legumes, que estão na Ceasa, nas feiras e nos supermercados.

10:15 · 05.12.2017 / atualizado às 10:17 · 05.12.2017 por

Perguntaram a este blogueiro qual a diferença entre um mamão ou uma banana produzida pela agricultura orgânica e um mamão ou uma banana cultivada pela agricultura tradicional, que usa agroquímicos para eliminar as pragas e doenças que atacam a lavoura.

A resposta é: não há nenhuma diferença.

Se alguém duvidar disso, ponha um mamão ou uma banana orgânica ao lado de um mamão ou de uma banana da agricultura tradicional, e chame um médico nutricionista, de olhos vendados, para provar as frutas.

Do ponto de vista do sabor, não haverá qualquer diferença.

O sabor será igual.

Mas há uma gigantesca diferença: o preço.

Um mamão ou uma banana orgânica custa até 50% mais do que um mamão ou uma banana da agricultura tradicional.

08:42 · 15.11.2017 / atualizado às 08:44 · 15.11.2017 por

Por um valor ainda não revelado, mas que vai para a casa dos centenas de milhões de reais, a Odontoprev S/A, uma gigante nacional do setor de planos de saúde odontológica, comprou 100% do capital da empresa cearense Odonto System, que tem 622 mil usuários.

O negócio, divulgado terça-feira, 14, será agora submetido à análise da Agência Nacional de Saúde Suplementar, do Conselho Administrativo de Defesa da Economia e do Banco Central do Brasil.

Com essa transação, a Odontoprev amplia sua atuação no Nordeste e consolida sua liderança no mercado nacional de planos de saúde odontológica.

04:55 · 26.10.2017 / atualizado às 04:55 · 26.10.2017 por

Há uma campanha crescente contra a agricultura tradicional, que usa agrotóxicos para combater suas pragas e doenças.

Essa mesma campanha enaltece sempre os produtos orgânicos.

Pois bem: os agrotóxicos são – assim como os remédios para a pessoa humana – produtos químicos, que precisam ser aplicados de acordo com a bula. Exatamente como os remédios.

As frutas e hortaliças produzidas pela agricultura tradicional, que usa os agroquímicos, são tão saudáveis quanto os produtos orgânicos.

Aliás, se a vigilância sanitária fiscalizasse, para valer, as fazendas produtoras de orgânicos iriam se surpreender.

Será mesmo orgânico tudo o que é vendido como tal nos supermercados?

Frutas e legumes orgânicos custam até 50% mais do que frutas e legumes tratados com agrotóxicos.

 

09:31 · 25.10.2017 / atualizado às 09:33 · 25.10.2017 por

Deram-se as mãos o Instituto do Câncer do Ceará (ICC) e o Instituto Avon, que juntos promoverão no próximo domingo, 29, no Parque do Cocó, em Fortaleza, mais uma campanha de conscientização sobre o câncer de mama e de próstata.

Haverá uma intensa programação, que começará às 8h30.

O ICC, que é o organismo de maior referência no tratamento contra o câncer no Norte e Nordeste, agendou uma manhã de bate-papos com o mastologista Antônio de Pádua e o urologista Érico Diógenes, ambos profissionais da instituição.

Eles abordarão as questões que envolvem os dois tipos de cânceres, como diagnóstico, prevenção e tratamento, e também responderão a perguntas do público.

Além de uma tenda preparada para expor e vender as novas t-shirts da campanha de modelos dryfit e com proteção UV, fará parte da programação um “aulão” de Dance Hits, e logo após, às 11 horas, um momento de descontração e muita alegria com a banda The Dillas, que promete colocar para dançar as milhares de pessoas esperadas para o evento.

04:40 · 17.10.2017 / atualizado às 04:41 · 17.10.2017 por

A Organização Mundial de Saúde (OMS) está recomendando que as pessoas comam, por dia, 440 gramas de frutas e hortaliças.

Isto significa 146 quilos por ano.

De acordo com a OMS, uma pessoa que come diariamente pelo menos esses 440 gramas de frutas e hortaliças está bem mais preparado para enfrentar gripes, infecções e outras doenças.

Os médicos, por sua vez, dizem que uma banana ou uma laranja é muito mais saudável do que um sanduíche de hamburguer com bacon.

Aliás, as dietas mais modernas incluem as frutas e as hortaliças como alimento obrigatório porque contêm vitaminas e antioxidantes.

04:49 · 06.09.2017 / atualizado às 04:49 · 06.09.2017 por

O blog conversou com Bruno Girão, sócio e presidente executivo da CBL Alimentos, empresa dona da marca Betânia de lacticínios.

Ele e seu pai, Luiz Girão, que fundou a empresa, disseram que aumentou em 50% a produção e a comercialização da manteiga.

Eu perguntei qual foi a causa desse incremento, e os dois explicaram que a única causa visível foi a notícia de que os cientistas descobriram que a manteiga é uma gordura saudável.

Mas nessa área das pesquisas científicas em torno dos alimentos, há informações para todos os gostos, inclusive as que antes diziam que a manteiga fazia mal ao coração e contribuía para o aumento da obesidade e do colesterol.

Na verdade, essas pesquisas sempre atendem ao interesse dos lobbies da agroindústria.

05:21 · 01.09.2017 / atualizado às 05:21 · 01.09.2017 por

Haverá uma mudança na atividade do varejo farmacêutico.

E no curto prazo.

As grandes redes de farmácias já estão prontas para prestar serviços suplementares na área de saúde.

Entre esses serviços, estão os testes de HIV e aplicação de vacinas.

A Associação Brasileira de Farmácias – Abrafarma – confirma a informação e adianta que as farmácias brasileiras poderão até celebrar convênios com planos de saúde para a prestação desses e de outros serviços.

Coincidência ou não, a farmácia Pague Menos de número mil, que está em fase final de construção na esquina da avenida Santos Dumont com a rua José Vilar, na Aldeota, aqui em Fortaleza, terá um espaço especial para a prestação desses serviços.

Nos últimos 15 anos, as farmácias, além de medicamentos, passaram a vender também produtos de beleza, sorvete, chocolates e até telefone celular.

04:57 · 25.08.2017 / atualizado às 04:57 · 25.08.2017 por

A Unifor e a Prefeitura Municipal de Aracati tornaram-se parceiras.

Essa parceria funcionará assim: os alunos do último semestre dos cursos de Medicina, Enfermagem e Odontologia da Unifor prestarão serviços – como estagiários – à Prefeitura de Aracati, atendendo, no seu campus em Fortaleza, as pessoas encaminhadas pela Prefeitura daquele município residentes nos bairros de Canoa Quebra, Farias Brito, Nossa Senhora de Fátima e Pedregal.

A parceria, que também envolverá a UFC, permitirá aos futuros médicos, enfermeiros e dentistas das duas universidades, a prestação de serviços de alto nível – que serão acompanhados pelos professores de cada curso – e, em contrapartida, o atendimento da população aracatiense de mais baixa renda