Busca

Fraport diz que Pinto Martins poderá ter dois hubs

05:07 · 24.10.2017 / atualizado às 05:10 · 24.10.2017 por

A empresa alemã Fraport, que assumiu a gestão do Aeroporto Internacional de Fortaleza, o Pinto Martins, anunciou ontem, pela voz de sua CEO no Brasil, Andreea Pal, que não será necessário construir uma segunda pista de pouso e decolagem naquele terminal.

“Pelos próximos 30 anos, isso não será necessário” – disse a executiva alemã durante entrevista coletiva que ela e outros diretores da Fraport concederam segunda-feira, 23, no Palácio da Abolição, ao lado do governador Camilo Santana e do prefeito Roberto Cláudio.

Firme e objetiva em todas as suas respostas, Andreea Pal também anunciou que, no próximo mês de fevereiro, serão iniciadas as obras de ampliação em mais 500 metros da pista de pouso e decolagem do Pinto Martins e as de ampliação da estação de passageiros.

Ela disse que, se for necessário, será demolido tudo o que já foi construído para a expansão do aeroporto. Os estudos técnicos que a Fraport fará nas fundações dos prédio é que orientarão o que será feito.

A CEO da Fraport também disse que o Aeroporto de Fortaleza poderá ter não apenas um, mas dois ou mais hubs, e confirmou que a Latam já retomou os contatos visando à instalação de seu hub. “A Latam não quer perder a chance de um hub aqui”, disse a sra. Pal.

Quanto ao hub da Air France-KLM-Gol, ela assegurou que a Fraport dará a ele todas as instalações e equipamentos necessários para a sua operação a partir de maio do próximo ano.

 

Comentários 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *