Busca

Tag: Governador Camilo Santana


17:34 · 04.07.2018 / atualizado às 18:20 · 04.07.2018 por

Além de instalar, no Aeroporto Internacional de Fortaleza, um centro de conexões de voos para destinos domésticos e internacionais, cuja operação começará amanhã, quinta-feira, 5, a Latam anunciou nesta quarta-feira, 4, pela voz do seu CEO Jerome Cadier (foto), que aqui também operará uma Central de Distribuição de Peças para seus aviões. “É algo que movimentará, anualmente, R$ 50 milhões”, disse o principal executivo da Latam.

A fala de Jerome Cadier foi durante a solenidade que marcou, no Palácio da Abolição, o anúncio dos novos voos da Latam, partindo de Fortaleza para diversos destinos nacionais e estrangeiros. Na verdade, a operação começou no domingo passado, dia 1º de julho, com a terceira frequência para Miami (EUA). O evento foi presidido pelo governador Camilo Santana e teve a presença do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, e de várias outras autoridades.

Iniciada com uma hora de atraso, a solenidade foi aberta com um breve discurso do prefeito Roberto Cláudio, que agradeceu à Latam “por ter acreditado no potencial da economia e do turismo de Fortaleza”. Ele disse que a Latam abre para ela e para a capital cearense “novas oportunidades”.

Jerome Cadier foi direto ao ponto e ressaltou a decisão do Governo do Ceará de reduzir o ICMS incidente sobre o querosene de aviação que, no Brasil, é o terceiro mais caro do mundo. Ao conceder esse incentivo, o Governo cearense atraiu as companhias aéreas que agora investem em novas malhas. “O querosene representa 40% do custo de um voo. Entender isso é importante e o governador Camilo Santana entendeu”, disse Jerome, para quem “isso só é possível quando se unem o Poder Público e a iniciativa privada”.

Ao anunciar a instalação, no Aeroporto de Fortaleza, de um Centro de Distribuição de Peças para seus aviões que voam para os diferentes estados do Norte e do Nordeste do País, o executivo da Latam ressaltou a importância dessa providência, pois representará um investimento relevante que será feito em Fortaleza.

08:08 · 04.07.2018 / atualizado às 08:14 · 04.07.2018 por

Até o fim deste mês de julho, o Governo do Ceará, por meio da CIPP S/A (antiga Cearaportos), e a Autoridade do Porto de Roterdã celebrarão o contrato por meio do qual a empresa holandesa participará do capital e da gestão do Complexo Industrial e Portuário do Pecém.

Roterdã é o maior porto da Europa e um dos maiores do mundo.

Quem, há poucos instantes, transmitiu esta informação ao blog foi o governador Camilo Santana. Antes de conceder entrevista ao programa Paulo Oliveira, da Rádio Verdes Mares, ele ainda acrescentou que os diretores do Porto de Roterdã virão a Fortaleza, onde haverá o ato de assinatura do contrato.

Por força da legislação eleitoral brasileira – que proíbe, a partir da próxima sexta-feira, 6, a participação do governador em atos públicos – a cerimônia de assinatura do contrato será, obrigatoriamente, um evento fechado, no Palácio da Abolição. A data ainda não está marcada, mas será antes do dia 31.

Os entendimentos do Governo do Ceará com a Autoridade do Porto de Roterdã começaram em março do ano passado na cidade holandesa, para onde viajaram o governador Camilo Santana e uma grande comitiva de empresários cearenses. Foi assinado um Memorando de Entendimento por meio do qual as duas partes contrataram consultorias internacionais cujo trabalho viabilizou a elaboração do contrato que será agora celebrado.

Desconhecem-se, ainda, os detalhes do contrato, uma vez que uma cláusula de confidencialidade impede a divulgação de qualquer pormenor. Também é desconhecida a avaliação dos ativos sob administração da CIPP S/A.

Para os holandeses de Roterdã, o Porto do Pecém é um equipamento estratégico para os seus interesses: ele se encontra equidistante da Costa Leste dos EUA e da Europa e bem próximo ao Canal do Panamá, através do qual é facilitado o acesso ao Oceano Pacífico e à Costa Oeste dos EUA e Canadá.

04:00 · 29.06.2018 / atualizado às 04:03 · 29.06.2018 por

Fortaleza ganha nesta sexta-feira, 29, a sua primeira escola de gastronomia.

Trata-se da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco (foto), construída pelo grupo M. Dias Branco no bairro Vicente Pinzón e doada ao Governo do Estado do Ceará, que cuidará de sua gestão por meio da Secretaria de Cultura e do Instituto Dragão do Mar.

A escola qualificará jovens de Fortaleza – de 18 a 29 anos – para as diferentes atividades da gastronomia, principalmente a panificação e a confeitaria.

A programação de inauguração será iniciada às 17 horas com a apresentação de artistas do bairro Vicente Pinzón. Às 19 horas, o governador Camilo Santana e a família Dias Branco estarão presentes para a cerimônia de doação da escola.

 

 

04:07 · 12.06.2018 / atualizado às 04:09 · 12.06.2018 por

O empresário cearense Everardo Telles (foto), controlador do Grupo Telles, que atua em diferentes setores da atividade econômica, inclusive na produção de cana de açúcar, está interessado em assumir o comando da usina de biodiesel de Quixadá.

Essa usina, como sabemos, pertence à Petrobras, que a fechou por um motivo simples: não há matéria-prima no Ceará em quantidade suficiente para mantê-la em funcionamento.

O governador Camilo Santana disse ao blog que, além de Everardo Telles, há empresas estrangeiras também interessadas na usina de Quixadá.

Quem cuida da questão é a Adece, que analisa as ofertas dos interessados.

07:33 · 11.06.2018 / atualizado às 11:44 · 11.06.2018 por
O acordo “já passou pela aprovação do Conselho” do Porto holandês”, ressaltou o governador. Foto: Natinho Rodrigues
Em primeira mão!

O governador Camilo Santana acaba de anunciar ao blog que, “no mais tardar em julho”, ou seja, no próximo mês, deverá ser concluída a negociação para a celebração do contrato por meio do qual o Porto de Roterdã se associará à CIPP S/A (antiga Cearaportos). A declaração de Camilo confirma previsão do Governo para o cronograma do acordo.

O acordo “já passou pela aprovação do Conselho” do Porto holandês. na Holanda, ele adiantou. “Agora, precisa passar pelos acionistas, que praticamente é o poder público”.

Exibindo otimismo, o governador Camilo Santana disse: “Em breve, a gente vai poder dar uma notícia boa para o nosso querido Estado do Ceará”.

O blog indagou: Ainda neste mês de junho? Camilo respondeu: “Eu estou torcendo para ainda este mês, mas no mais tardar em julho”.

Camilo falou ainda sobre a reativação da usina de urânio de Itataia e da usina de biodiesel de Quixadá.

Camilo concedeu entrevista à Rádio Verdes Mares. Foto: José Leomar

Acordo é parceria

Logo após falar ao blog, em entrevista à Rádio Verdes Mares na manhã desta segunda-feira (11), o governador ressaltou que o acordo se trata de uma parceria com o Porto de Roterdã e não uma venda, como já se especulava desde março. “Não vamos vender nada do Porto do Pecém. É uma parceria. Tudo que é do Ceará, continua sendo do povo cearense. Todos os investimentos feitos pelo Porto de Roterdã serão feitos, por exemplo, como se eles fossem acionistas”, explicou Camilo Santana.

 

 

03:47 · 23.05.2018 / atualizado às 03:51 · 23.05.2018 por

Já se conhece o grande adversário do governador Camilo Santana na eleição de outubro deste ano.

É o general Guilherme  Theophilo (foto), indicado pelo PSDB do senador Tasso Jereissati para o pleito majoritário do próximo mês de outubro.

Na última segunda-feira, 21, o general Theophilo reuniu-se com um grupo de empresários da indústria e da agropecuária, para os quais traçou algumas linhas do que será o seu plano de governo, já em elaboração por uma equipe de técnicos ligada aos tucanos.

Os empresários cearenses já sabem o que pensa, o que diz e o que faz o governador Camilo Santana.

Eles agora querem conhecer as propostas do general da oposição, que, depois da debandada do PSD de Domingos Filho, ficou praticamente isolada, razão pela qual terá pouco tempo de televisão na propaganda eleitoral.

Mas há um detalhe: em 1986, há 32 anos, Tasso Jereissati, lançado a governador contra o coronel Adauto Bezerra, foi chamado de novato na política.

Agora, é o general Theophilo que também ganha esse apelido.

Por enquanto, é só uma coincidência.

10:24 · 07.05.2018 / atualizado às 11:12 · 07.05.2018 por

Virou comício o evento que, no Palácio da Abolição, foi organizado para marcar o lançamento do pacote de obras rodoviárias no valor de R$ 600 milhões. Há cerca de mil pessoas, parte das quais deputados, prefeitos e vereadores de mais de 40 municípios que serão beneficiados pelas obras. Antes do início da solenidade, o governador Camilo Santana concedeu entrevista à imprensa detalhando o que será daqui a pouco anunciado. Emissoras de rádio do interior transmitem tudo ao vivo. E as de tv digital, também do interior, igualmente estão no Palacio transmitindo imagem e som pela internet. Nos Jardins, telões transmitem para os que não puderam ter acesso ao auditório, que está superlotado. Este blog confirma: é uma autêntica festa do interior.

04:08 · 02.05.2018 / atualizado às 04:10 · 02.05.2018 por

Amanhã, quinta-feira, 03, às 20h30, no Palácio da Abolição, o Governo do Ceará promoverá um ato de comemoração pela inauguração do Hub da Air France-KLM-Gol.

A celebração começará uma hora depois da decolagem do primeiro voo da Air France-KLM de Fortaleza para Paris.

Esse voo, no sentido Paris Fortaleza, aterrissará amanhã às 16h30 no Aeroporto Pinto Martins.

No dia 4, isto é, na sexta-feira, decolará o voo inaugural para Amsterdam, capital da Holanda.

Estarão presentes ao ato no Palácio da Abolição a alta cúpula dirigente da Air France-KLM-Gol, o governador Camilo Santana e seu secretariado, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, empresários e políticos estaduais e federais.

Os primeiros voos de Fortaleza para Paris e Amsterdam estão lotados.

04:37 · 25.04.2018 / atualizado às 04:37 · 25.04.2018 por

Até agora, ainda não se sabe por que razão o governador do Ceará, Camilo Santana, adiou a solenidade, que aconteceria nesta quarta-feira, 25/04, de anúncio dos novos voos da Latam, partindo do Aeroporto de Fortaleza para os Estados Unidos, a Europa e a África.

A assessoria da Latam mandou ao blog um comunicado, informando que não partiu dela a iniciativa de adiar o evento.

O blog apurou que foi o próprio governador Camilo Santana quem tomou essa decisão.

No comunicado enviado ao blog, a Latam diz, com todas as letras, que o evento foi can-ce-la-do.

Mas por que?

É o que todos desejamos saber.

08:52 · 17.04.2018 / atualizado às 11:09 · 17.04.2018 por

Começou ontem, segunda-feira, 16, e prosseguirão até sexta-feira a última rodada de reuniões das autoridades do Governo do Ceará com as do Porto de Roterdã. O objetivo é concluir os entendimentos para a assinatura – até o fim do próximo mês de junho – do contrato que permitirá a participação do Porto de Roterdã na gestão do Complexo Industrial e Portuário do Pecém.

Esta informação foi transmitida há poucos instantes ao blog pelo governador Camilo Santana.

Segundo Camilo Santana, nas reuniões desta semana – que se realizam na sede da Autoridade do Porto de Roterdã, na Holanda – serão dissipadas todas as dúvidas e superadas algumas poucas divergências que ainda existem em torno do contrato.

Estão em Roterdã, em nome do governo do Ceará, o secretário de Desenvolvimento Econômico, César Ribeiro, e o presidente da CIOPP S/A (antiga Cearaportos), Danilo Serpa, além do Procurador-Geral do Estado, Juvêncio Viana.

Essa prolongada reunião deveria estar sendo realizada em Lisboa (Portugal) – um ponto equidistante entre Fortaleza e Roterdã, mas um problema de saúde de um dos dirigentes do porto holandês, que ficou impedido de viajar, obrigou a mudança de local do encontro, explicou o governador Camilo Santana.

De acordo com ainda o chefe do Executivo cearense, a perspectiva é de que essas reuniões encerrem o longo período de entendimentos das duas partes, o que permitirá que até junho, quando se espera a celebração do contrato entre Roterdã e Pecém, o documento a ser assinado esteja com sua redação concluída.

O contrato – se tudo chegar a bom entendimento, como espera Camilo Santana – será assinado em Fortaleza em um evento que se realizará no Palácio da Abolição.