Busca

Categoria: Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P)


18:49 · 31.08.2013 / atualizado às 18:51 · 31.08.2013 por

5PREMIOA3P

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) recebe, até o dia 15 de setembro, inscrições para a 5ª edição do concurso “Melhores Práticas de Sustentabilidade (Prêmio A3P). O objetivo é destacar as melhores iniciativas dos órgãos do setor público que promovem a sustentabilidade ambiental.

O prêmio também serve de estímulo para que mais órgãos possam implementar iniciativas inovadoras na gestão socioambiental. Busca, ainda, encorajar e recompensar as instituições que possuem compromisso com a Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P).

Atitudes como imprimir nos dois lados da folha, apagar a luz ao sair do ambiente, realizar compras públicas sustentáveis que priorizem critérios ambientais, dentre outras, exemplificam possíveis mudanças no ambiente de trabalho.

O prêmio é dividido em quatro categorias:

  • Gestão de Resíduos
  • Uso ou Manejo Sustentável de Recursos Naturais
  • Inovação na Gestão Pública
  • Destaque da Rede A3P

Podem participar órgãos e entidades públicas que possuam termo de adesão vigente da A3P ou que estão inseridas da Rede A3P, que promove o compartilhamento de experiências, ou mesmo sem o termo de adesão. Neste caso, os candidatos só podem concorrer na quarta categoria – Destaque da Rede A3P. As instituições devem apresentar resultados concretos qualitativos ou quantitativos de que executam as ações da categoria escolhida. Serão feitas vistorias para verificação.

É necessário preencher uma ficha de inscrição e um relatório da iniciativa no site da A3P. Receberão certificados e troféus os três primeiros colocados de cada categoria.

Mais informações no site da A3P

Fonte: MMA / A3P

11:58 · 29.06.2012 / atualizado às 11:58 · 29.06.2012 por

Estão abertas, até o dia 14 de setembro, as inscrições para a quarta edição do Prêmio Melhores Práticas da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P), coordenada pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA). O objetivo do prêmio é dar visibilidade a iniciativas socioambientais de instituições públicas que aderiram à agenda.

As categorias que concorrem são gestão de resíduos; uso sustentável dos recursos naturais (água ou energia); inovação da gestão pública; e destaque da Rede A3P, novidade deste ano. “A nova categoria, ao contrário das outras três, vai premiar o órgão ou instituição que ainda não possua Termo de Adesão, mas que participe da Rede A3P, com o intuito de estimular que mais instituições e órgãos públicos façam a adesão formal à agenda”, informa a analista ambiental Ana Flora Caminha, do Departamento de Cidadania e Responsabilidade Socioambiental do MMA.

Novos padrões

A A3P tem como meta sensibilizar os gestores públicos para as questões socioambientais; promover o uso racional dos recursos naturais e a redução de gastos institucionais; contribuir para a revisão dos padrões de produção e consumo; reduzir o impacto socioambiental negativo direto e indireto causado pela execução das atividades administrativas. Com tudo isso, visa por fim contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população.

A portaria 211, que autoriza o prêmio, foi assinada pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, e publicada no Diário Oficial da União da quarta-feira passada (27de junho). O prêmio é uma realização do Departamento de Cidadania e Responsabilidade Socioambiental da Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental do MMA.

Fonte: Letícia Verdi/MMA