Busca

Categoria: Cinema Ambiental


12:00 · 23.06.2011 / atualizado às 12:00 · 23.06.2011 por
Premiados no XIII Fica
YouTube Preview Image

A produção Bicicletas de Nhanderu, de Ariel Ortega e Patrícia Ferreira, foi escolhida pelo júri do XIII Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) como melhor obra cinematográfica. O troféu Cora Coralina, no valor de R$50.000,00 foi entregue pelo governador do Estado, Marconi Perillo, e pelo cineasta homenageado, Arnaldo Jabor, na tarde do dia 17, na cidade de Goiás, sede do evento.

A escolha do júri formado por Alfredo Manevy, Anselmo Pessoa, Maria Dora Mourão, Cacá Diegues, Michel Renov, João Campari e Laurent Jullier foi celebrada pelo cineasta “É bom que os jovens tenham ferramentas para trabalhar em projetos de proteção ao meio ambiente”, declarou emocionado e sob aplausos da platéia.

Além disso, o XIII Fica premiou com RS 35.000,00 mais o troféu Carmo Bernardes o longa-metragem Os Guerreiros do Arco-iris da Ilha de Waiheke, de Suzanne Raes, produção holandesa. O melhor media-metragem, agraciado, com troféu mais R$ 25.000,00 foi, O Desejo da Vila de Changhu, de Xia Chenan, produção chinesa. Na categoria curta metragem, levou troféu Acari Passos e R$ 25.000,00 o filme Pólis, de Marcos Pimentel, de Minas Gerais.

YouTube Preview Image

YouTube Preview Image


Duas produções goianas foram escolhidas pelo júri. O troféu José Petrillo mais R$40.000,00 foi para TamanduAbandeira, de Ricardo de Podestá; e o troféu João Bennio mais R$40.000,00 foi para Teia do Cerrado, de Uliana Duarte.

YouTube Preview Image

YouTube Preview Image

A melhor Série Ambiental para TV foi Consciente Coletivo, de Lúcia Araújo e Pedro Ivá, que recebeu o troféu Bernardo Élis e RS 25.000,00.

Por fim, o público que lotou diariamente o Cine-Teatro São Joaquim e o Cinemão, montado no Colégio Professor Alcide Jubé escolheu Lixo Extraordinário, como melhor filme desta edição do XIII Fica. A produção assinada por João Jardim, Karen Harley e Lucy Walker recebeu o Premio Luiz Gonzaga Soares mais RS 10.000,00.

YouTube Preview Image

Os jornalistas credenciados no FICA escolheram como melhor filme desta edição, “pela qualidade dramatúrgica e amplitude da visão da questão ambiental”, o media-metragem A Terra da Lua Partida, de Marcos Negrão e Andre Rangel, do Rio de Janeiro.

João Batista Pimentel Neto, Cynthia Falcão e Saskia Sá formaram o júri da 9ª Mostra da ABD/GO. A Associação Brasileira de Documentaristas – Seção Goiás distribui prêmios em 12 categorias. Entre os premiados: Diga 33, de Ângelo Lima, recebeu o prêmio Eduardo Benfica de Melhor documentário; Verde Maduro, de Simone Caetano foi escolhida melhor ficção e O Ogro, de Marcio Jr. e Márcia Deretti, levou o prêmio ABD na categoria melhor direção.

YouTube Preview Image


A programação do XIII Fica foi encerrada no último domingo. Homenageado nessa edição o cineasta Arnaldo Jabor acompanhou a projeção dos longas: Eu Sei que vou te Amar, O Casamento, Toda Nudez Será Castigada, Eu te Amo e Suprema Felicidade.

11:10 · 10.06.2011 / atualizado às 11:13 · 10.06.2011 por

A cidade de Goiás transforma-se, a cada mês de junho, em um grande palco para viver mais uma edição do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (FICA). A sua 13ª edição vai de 14 a 19.

A abertura oficial acontece no dia 14 de junho às 20h30 no Cine Teatro São Joaquim com o show de Almir Pessoa, cantor, compositor e instrumentista de viola caipira, e apresentação da Orquestra de Violeiros de Goiás, criada há mais de 25 anos e é composta por pessoas simples, talentosas e apaixonadas pela música.

A Mostra Competitiva, composta por 30 produções provenientes de sete países, tem início na tarde do dia 15 de junho com a exibição do documentário “No Meio do Rio, Entre as Árvores”, de Jorge Bodansky. O filme é resultado de uma expedição ao Alto Solimões, na Amazônia, que ministrou oficinas de vídeo, fotografia e circo a diversas comunidades ribeirinhas.

Ainda no dia 15 haverá a exibição da coprodução entre Itália, Bélgica e Rússia chamado “O Grande Processo do Amianto”, de Niccolò Bruna e Andréa Prandstraller. Neste documentário o amianto é discutido como grande problema ambiental e já foi banido em 53 países. Amianto é um nome genérico para uma família de minérios encontrados na natureza e muito utilizados pelo setor industrial no último século. Porém, a frequente exposição ao amianto causa diversas doenças, inclusive o câncer.

Além da Mostra Competitiva outras mostras paralelas serão realizadas, como IX Mostra ABD, Fica Animado (Mostra Infantil), Mostra do Cinema Brasileiro e, ao fim do festival, Mostra dos Filmes Vencedores do XIII Fica, com cerimônia de premiação aos escolhidos pelo júri especializado e pelo voto popular.

Na Mostra do Cinema Brasileiro, o grande homenageado é Arnaldo Jabor, que, junto com Cacá Dieges, vai ao festival para um debate sobre o cinema brasileiro. O Fórum de Cinema ainda terá outras palestras e debates com os realizadores do festival, cursos e oficinas de introdução ao cinema, efeitos especiais, animação, fotografia e mais.

Fórum Ambiental

No Fórum Ambiental, o grande destaque é a presença da ambientalista Marina Silva que, junto com o índio Benki Pinhanta Ashaninka, vai discutir os avanços de desafios da conferência Rio + 20. Com a colaboração dos reitores da Universidade Federal de Goiás (UFG), Edward Madureira Brasil, Universidade Estadual de Goiás (UEG), Luiz Antônio Arantes, e da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), Wolmir Amado, e do secretário estadual de Meio Ambiente, Leonardo Vilela, o Fórum ainda discute clima e conservação do patrimônio histórico, história cultural ambiental e a energia nuclear.

Os cursos e oficinas de meio ambiente ensinam sobre artesanato, construções sustentáveis, batuque reciclado, aproveitamento alimentar de frutos do Cerrado, cultivo de plantas, recuperação de nascentes e gestão de resíduos sólidos.

Na programação artística, a cantora Maria Rita faz show na Praça de Eventos Beira Rio. No sábado, dia 18, o Fica recebe sua primeira atração musical internacional, Manu Chao, cantor francês com com sua banda Mano Negra, misturando influências da música francesa, espanhola e do punk. Mano também participa da oficina de Artes Plásticas. No dia 19, Rita Lee, considerada a rainha do rock, encerra o XIII Fica com o show da turnê ETC…, que apresenta sucessos históricos da carreira da cantora.

O XIII Fica tem a colaboração do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), que faz um Empório com palestras e seminários sobre cineclubes, Economia Criativa, gestão cultural, sistemas municipais de cultura e gestão do patrimônio cultural e natural. O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) também contribui com o festival realizando a exposição Bonecas Karajá.

LISTA DE FILMES SELECIONADOS PARA A MOSTRA COMPETITIVA

LONGA-METRAGEM

1. LIXO EXTRAORDINÁRIO

Direção: Lucy Walker, João Jardim e Karen Harley

2. NO MEIO DO RIO, ENTRE AS ÁRVORES

Direção: Jorge Bodanzky

3. O GRANDE PROCESSO DO AMIANTO

Direção: Niccoló Bruna e Andrea Brandstraller

4. OS SOLDADOS DO ARCO-ÍRIS DA ILHA DE WAIHEKE

Direção: Fenna Damstra e Suzanna Raes

5. 2012 TEMPO DE MUDANÇA

Direção: João Amorim

6. TERRA DEU, TERRA COME

Direção: Rodrigo Siqueira

7. TUDO PELO BEM DO MUNDO

Direção: Vit Klusak

MÉDIA-METRAGEM

1. LA MONEDA

Direção: Pedro Dantas

2. A TERRA DA LUA PARTIDA

Direção: Marcos Negrão e André Rangel

3. BICICLETAS DE NHANDERÚ

Direção: Ariel Ortega e Patrícia Ferreira

4. IDADE DO COBRE

Direção: Ivo Bystoléan

5. O DESEJO DA VILA DE CHANGHU

Direção: Xia Chenan

6. O PREÇO DA SEMENTE

Direção: Miguel Vassy

CURTA-METRAGEM

1. ACERCADACANA

Direção: Felipe Peres Calheiros

2. ALIMENTAR A BESTA

Direção: S. Louis

3. AZUL COR DE TERRA

Direção: Rafael de Almeida.

4. DIGA 33

Direção: Ângelo Lima

5. EU SOU CONTRA

Direção: Sunchild Eco-Club of Yeveran

6. FRACTAIS SERTANEJOS

Direção: Heraldo Cavalcante

7. MARCOVALDO

Direção: Cíntia Langie e Rafael Andreazza

8. O PLANTADOR DE QUIABOS

Direção: Coletivo Santa Madeira

9. O SOM DO TEMPO

Direção: Petrus Cariry

10. PEIXE PEQUENO

Direção: Vincent Carelli e Altair Paixão

11. PLANET Z

Direção: Momoko Seto

12. PÓLIS

Direção: Marcos Pimentel

13. TAMANDUABANDEIRA

Direção: Ricardo de Podestá

14. TEIA DO CERRADO

Direção: Uliana Duarte

SÉRIE DE TV

1. ECOS DO BRASIL

Direção: Lúcia Araújo e Dener Giovanini

2. CONSCIENTE COLETIVO

Direção: Pedro Luá e Analúcia Godoi

3. UM PÉ DE QUÊ?

Direção: Lúcia Araújo e Estêvão Ciavatta

A programação completa está disponível no site www.fica.art.br