Busca

Categoria: Reflorestamento


08:11 · 09.07.2013 / atualizado às 08:11 · 09.07.2013 por

MONITORAMENTO CAMPANHA

Por Maristela Crispim

No fim da semana passada recebi um simpático convite vindo das hospitaleiras Gerais. Fui estimulada a divulgar uma campanha de plantio de espécies endêmicas do bioma Cerrado. Minha recompensa será o plantio de uma espécie em meu nome e, quem sabe um dia, terei a oportunidade de regá-la ou descansar à sua sombra…

Em novembro de 2012, a Floricultura Ikebana Flores, de Belo Horizonte, deu início à campanha “Plante uma Árvore”, realizada na Serra do Gandarela, santuário natural localizado a aproximadamente 40 quilômetros da Capital Mineira.

Localizada nos municípios de Caeté, Santa Barbara, Barão de Cocais, Rio Acima, Itabirito e Raposos, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, faz parte da Reserva da Biosfera do Espinhaço.

É, ainda, divisora das bacias hidrográficas dos rios Doce/Piracicaba e São Francisco/Rio das Velhas, ao formar um corredor ecológico natural com o Caraça, unindo as duas bacias.

Com o apoio de blogs/sites, até o momento, mais de 100 internautas já contribuíram, explica a publicitária Thaís Alessandra, do Coletivo Cirandar. Obedecendo a um cronograma de plantio, a cada post sobre a campanha, uma muda endêmica é plantada em uma área devastada na Serra do Gandarela em nome do internauta colaborador.

As atividades do plantio estão sendo realizadas em meses nublados, para favorecer o crescimento saudável das plantas. Em de janeiro de 2013 o primeiro plantio foi realizado e monitorado após seis meses por meio de visita ao local.

Thaís Alessandra é a responsável pela divulgação da campanha, em ações de redes sociais, textos e captação de parceiros.

Quem quiser que a Ikebana Flores plante uma muda típica do Cerrado na Serra do Gandarela em seu nome só precisa divulgar a campanha em seu site, blog ou redes sociais.

Todas as atividades do plantio são divulgadas no site da Ikebana Flores. Além disso, a floricultura distribui gratuitamente mudas nativas do bioma.  Ela fica na Avenida Getúlio Vargas, 1697, Savassi.

Participe! O futuro da Serra do Gandarela também depende de você!

14:26 · 27.04.2011 / atualizado às 09:16 · 28.04.2011 por

A direção do Iguatemi Fortaleza assinou, em 2010, cinco projetos de adesão ao Programa Carbon Free. Segundo as informações apresentadas, foram emitidos em gases com efeito estufa (GEE) 57,25 toneladas de CO2 equivalentes e houve o plantio total de 365 árvores nativas da Mata Atlântica da seguinte forma para compensá-las:

  • Semana do Meio Ambiente, emissão total de 2,57 toneladas de CO2 equivalentes compensada com o plantio de 17 árvores nativas
  • Corrida Iguatemi, emissão total de 29,05 toneladas de CO2 equivalentes compensada com o plantio de 184 árvores nativas
  • Chegada do Papai Noel, emissão total de 4,76 toneladas de CO2 equivalentes compensada com o plantio de 31 árvores nativas
  • Corridinha Iguatemi, emissão total de 10,87 toneladas de CO2 equivalentes compensada com o plantio de 69 árvores nativas
  • Iguatemi Mix, emissão total de 10 toneladas de CO2 equivalentes compensada com o plantio de 64 árvores nativas

 

Essa compensação ficou a cargo da Iniciativa Verde, que criou o Programa Carbon Free, destinado a empresas, produtos, eventos e pessoas físicas que compensam suas emissões de GEE por meio de restauros florestais, de forma a contribuir para desacelerar do aquecimento global, no momento em que o problema saiu da academia por meio dos relatórios do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC), ligado à ONU, no início de 2007.

Mudanças de comportamento contribuem, e muito, para aliviar a situação do Planeta, mas pode-se ir além, desde atos grandiosos, como mudar a matriz energética em escala global – substituindo combustíveis fósseis por fontes de energia renováveis – e evitar queimadas, a plantar árvores, que absorvem CO2 durante a fotossíntese e ajudam a deixar o Planeta mais limpo.

Método

A Iniciativa Verde produz um inventário de emissões de GEE utilizando uma metodologia desenvolvida pelo World Resources Institute (WRI) a partir de dados como consumo de energia elétrica e de combustíveis no transporte.

A partir dos resultados do inventário é mais fácil de identificar as maiores fontes de emissão de GEE e promover, através de melhores práticas, a redução, a reutilização e a reciclagem. As emissões que não puderem ser evitadas são compensadas.

Com o resultado do inventário em mãos, quantifica-se o número de árvores necessário para compensar as emissões. As árvores são plantadas em Áreas de Preservação Permanente (APPs).

Calculadora verde

A calculadora verde está disponível no site www.iniciativaverde.org.br , assim como uma tabela com as principais espécies de arbóreas de Mata Atlântica e dicas para plantá-las. Ou seja: qualquer pessoa pode calcular sua emissão de gás carbônico e plantar, por conta própria, as árvores para compensá-la.