Busca

15:07 · 23.01.2018 / atualizado às 15:07 · 23.01.2018 por

Nove integrantes da delegação brasileira vão disputar medalhas nos Jogos Olímpicos de Inverno. Confira o que esperar da participação brasileira na competição na neve

1. Espetáculos da patinação artística

A união de movimentos de balé ao esporte rende belas performances sobre o gelo. Piruetas, saltos e loops são obrigatórios nas apresentações, e a rapidez e precisão dos movimentos sobre as lâminas encanta o público. Isadora Williams representa o Brasil na modalidade.

2. Bobsled

Um trenó que leva dois ou quatro competidores em um tobogã de gelo. A descida pode chegar a 150 quilômetros por hora e passa por 15 curvas em alta velocidade. Ao todo, os atletas percorrem quase 1,3 quilômetro. O Brasil terá representantes de duplas e quartetos de bobsled.

3. Superação no esqui cross country

Com a ajuda de bastões, os atletas percorrem longas distâncias de até 50 quilômetros nas provas sobre esquis. Nessa modalidade, o desafio é de resistência.

4. Saltos no esqui alpino

Nessa modalidade, os competidores têm de passar por pontos obrigatórios nas pistas. Há quatro categorias do alpino, que descem morros em velocidades que chegam a 120 km/h.

5. Adrenalina no snowboard cross

O esporte mistura surf, skate e esqui.Os atletas fixam os dois pés em uma prancha e descem morros em alta velocidade. Isabel Clark, uma das principais snowboarders da América Latina, vai disputar medalhas para o Brasil.

Fonte: Governo do Brasil, com informações da Rede Nacional do Esporte e Confederação Brasileira de Desportos no Gel
19:29 · 09.01.2018 / atualizado às 19:30 · 09.01.2018 por
Ivigna Sales possui experiência na confecção de cosplay (FOTO: Reprodução/Facebook)
Ivigna Sales possui experiência na confecção de cosplay (FOTO: Reprodução/Facebook)

A Biblioteca Pública Municipal Dolor Barreira abrigará, na tarde deste sábado (13), das 14h às 19h, a primeira edição do Mercado Geek, evento dedicado a livros, filmes, quadrinhos, música, games e outros temas ligados ao universo Geek.

São duas atividades na programação de estreia: feira para a venda de produtos diversos e a “Oficina de Cosmaker“. Com orientação de Ivigna Sales, a oficina será realizada no pátio interno da biblioteca. Já a feira ocupará o espaço do estacionamento.

“Do lado de fora da biblioteca, a feira se mistura à rua e ganha mais visibilidade. Quem passar pela Avenida da Universidade vai ter a oportunidade de ver todo o movimento”, afirma o diretor da Dolor Barreira, Eduardo Pereira.

Oficina para cosplays

Ministrada por Ivigna Sales, a “Oficina de Cosmaker” é destinada a quem tem interesse em fabricar a própria vestimenta para cosplay. O workshop terá duração de 3h e vagas limitadas a 18 inscritos. Interessados devem entrar em contato pelo email bibliotecadolor@yahoo.com.br ou telefone (85) 3105.1299 para efetuar a inscrição.

Serviço
Mercado Geek
Quando: 13 de janeiro de 2018, das 14h às 19h
Onde: Biblioteca Pública Municipal Dolor Barreira (Avenida da Universidade, 2572, Benfica)
Informações: (85) 3105.1299

20:56 · 02.01.2018 / atualizado às 20:56 · 02.01.2018 por
Mangá 'Ayako' chega em fevereiro (FOTO: Reprodução)
Mangá ‘Ayako’ chega em fevereiro (FOTO: Reprodução)

O mangá ‘Ayako‘, do mestre Osamu Tezuka, já está disponível em pré-venda na Amazon. Com preço de R$ 129, o título em português é o primeiro da Editora Veneta a ser lançado no Brasil. A publicação estará disponível a partir do dia 24 de fevereiro, com um total de 720 páginas.

Originalmente lançado em 1972, o mangá traz Jiro Tenge, filho de uma família aristocrática do norte do Japão, como protagonista. Ele volta para casa depois de passar anos como prisioneiro dos americanos durante a Segunda Guerra Mundial.

Jiro descobre então um terrível segredo envolvendo seu pai, seu irmão mais velho e sua cunhada. Mas Jiro também tem um segredo, também terrível. E todos decidem que a filha mais nova, a pequena Ayako, é quem pagará pelos pecados da família.

Através da história da família Tenge, o quadrinista Osamu Tezuka conta a história do Japão no pós-guerra. O trauma da ocidentalização forçada imposta pela Força de Ocupação norte-americana, os reflexos da Guerra Fria, os choques de gerações, a luta de classes, a corrupção na política, o poder da Yakuza, as guerras de gangs, a violência do machismo… Tudo em um ritmo de suspense alucinante, que surpreende à cada página. Um livro emocionante.

14:34 · 21.12.2017 / atualizado às 14:35 · 21.12.2017 por

A Netflix divulgou a data de estreia do seu mais novo animê, B: The Beginning. Dirigida por Kazuto Nakazawa e desenvolvida pela Production I.G., a série animada chega ao serviço de streaming em 2 de março de 2018. A estreia será mundial.

Na trama – que terá muito sangue, diga-se de passagem –, cientistas criam “novos humanos” para tentar conquistar a paz mundial na nação arquipelágica Cremona , mas um grupo com planos bem diferentes sequestra as criaturas.

A produção terá 12 episódios de 30 minutos. B: The Beginning conta com profissionais que atuaram no Vigilante do Amanhã: Ghost in The Shell, o interlúdio de Kill Bill’s Anime, Animatrix entre outros.

Veja teaser divulgado recentemente:

14:28 · 20.12.2017 / atualizado às 14:29 · 20.12.2017 por
Países foram escolhidos por serem responsáveis por 60% dos pedidos de visto para o Brasil (Divulgação/Ministério do Turismo)
Países foram escolhidos por serem responsáveis por 60% dos pedidos de visto para o Brasil (Divulgação/Ministério do Turismo)

Até outubro deste ano, mais de US$ 4,8 bilhões já foram movimentados por turistas que visitam o Brasil para conferir a cultura, a história e as belezas naturais do País.

Para fortalecer o turismo brasileiro, a entrada dos visitantes da Austrália, Japão, Canadá e Estados Unidos ficará mais simples com o visto eletrônico, que está sendo emitido desde 21 de novembro para os australianos.

Passaporte brasileiro

O primeiro país da lista a ser beneficiado com a novidade será o Japão, em 11 de janeiro, seguido pelo Canadá, no dia 18, e pelos Estados Unidos, em 25 de janeiro. As nações foram escolhidas por serem responsáveis por 60% dos pedidos de visto para o Brasil: em 2015, foram 400 mil vistos para turismo ou negócio para os turistas desses países.

A iniciativa foi proposta pelo Ministério das Relações Exteriores; e o Ministério do Turismo a apoia com a divulgação, já que é esperado crescimento no número de turistas e, consequentemente, dos valores movimentados por eles no País, gerando emprego e renda.

Antes, o turista tinha de pegar toda sua documentação e levar ao consulado brasileiro, e levava cerca de 30 a 40 dias para receber o visto. Com o visto eletrônico, você faz o upload dos documentos e o recebe em 72 horas”, explica o chefe da Assessoria de Relações Internacionais do Ministério do Turismo, Rafael Luisi.

Além disso, os turistas não vão mais precisar se deslocar até o consulado brasileiro mais próximo e os vistos ficaram mais baratos: nos Estados Unidos, por exemplo, o valor vai cair de US$ 250 para US$ 40.

O processamento do visto eletrônico não é de urgência e dura até cinco dias úteis, portanto o turista deve solicitar previamente, lembra o conselheiro Paulo Gustavo Iansen de Sant’Ana, chefe da divisão de Imigração do MRE. Cerca de 500 mil vistos devem ser emitidos pelo novo sistema, que vem sendo preparado desde o ano passado.

Esse é um projeto que já vem de longa data, porque, para que ele fosse factível, foi necessária a adoção de passos como a integração da base de dados do Itamaraty com a da Polícia Federal, para que o estrangeiro possa entrar sem mostrar papéis. A Polícia Federal consegue o identificar de imediato”, comenta o conselheiro.

Isenção

Além do visto eletrônico, o Brasil está facilitando a entrada de turistas de outros países por meio da isenção de vistos e da criação de visa centers. No caso dos acordos de isenção, o brasileiro também é beneficiado e pode entrar nas nações somente com o passaporte, sem vistos ou documentações a mais.

Já assinamos cerca de 90 acordos com grandes parceiros, como países da América, União Europeia, África do Sul, Rússia, mas com alguns mercados ainda não foi possível fechar acordos dessa natureza. Então, a solução do visto eletrônico cai como uma luva”, diz Sant’Ana.

Na China, foram instalados cinco visa centers, locais que avaliam a documentação e enviam ao consulado brasileiro. Com isso, o tempo de processamento foi reduzido de 40 para cinco dias. “Nossa intenção é que a China, que hoje manda 120 milhões de turistas para o mundo por ano, tenha maior facilidade de vir para o Brasil, que recebe atualmente 50 mil turistas chineses”, afirma Rafael Luisi.

A meta para 2018, segundo Sant’Ana, é aumentar o número dos centros para 15 em 2018. “Com a China, houve vários avanços. Durante a visita do Presidente da República à China, ele assinou acordo que amplia a validade do visto de turista de 90 para cinco anos e de negócios de três anos para cinco”, ressaltou.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério do Turismo e do Ministério das Relações Exteriores
11:41 · 20.12.2017 / atualizado às 11:41 · 20.12.2017 por

Batalhas ainda mais realistas com Pokémon Go estão prestes a chegar ao game. Uma atualização que melhora a realidade aumentada no modo de captura RA. Chamada de ‘Plus’, os treinadores de todo o mundo com iOS 11 no iPhone 6s e mais recentes poderão experimentar RA+.

Com o RA+, os pokémons agora ficam em um ponto fixo no espaço, o que significa que você pode caminhar para perto de um monstrinho para ver como ele se pareceria no mundo real. Imagine olhar para um imenso Onix ou caminhar ao redor de um gigante Snorlax que está bloqueando o seu caminho?

O novo recurso leva um passo mais próximos de realmente perceber os Pokémon da forma que se supõe que eles sejam representados no mundo real. As fotos capturadas no modo em RA de Pokémon GO ganham um novo aperitivo.

Percepção

A atualização torna o jogo um pouco mais interativo também. Os pokémons irão fugir se eles perceberem que os treinadores estão chegando perto, então seja cuidadoso. Você pode esgueirar-se para se aproximar e ganhar bônus de Profissional em AR+, mas pense duas vezes antes de correr direto para aquele Charizard.

Você precisará ser muito cuidadoso para não o espantar. Um medidor de percepção irá aparecer próximo ao pokémon, e se o medidor encher, o monstrinho irá fugir. Se isso acontecer, você pode tentar tocar na grama alta que estiver próxima, o que pode fazer com que o Pokémon reapareça e te dê mais uma chance de captura-lo.

Bônus de Profissional

Acha que tem o que é preciso para ser um treinador especialista de Pokémon? No modo RA+, você finalmente terá a chance de provar. Se você conseguir pegar um Pokémon enquanto estiver muito perto, você terá melhores chances de ganhar bônus de jogada ótima e excelente, assim como o novo bônus de Manejador Especialista, que recompensa com ainda mais XP e Poeira Estelar.

Este é o nosso primeiro passo para tornar as capacidades de RA em Pokémon GO ainda mais impressionantes, abrindo a estrutura para maiores experiências de RA no futuro. Enquanto explora sua vizinhança, lembre-se de compartilhar suas fotos de RA+ dos seus encontros nas mídias sociais com a hashtag #PokemonGOarplus. E certifique-se de sempre estar atento ao seu redor e de estar seguro enquanto usa o modo RA+. Adoraríamos ver todas as suas novas aventuras a medida que se desdobram.

16:47 · 13.12.2017 / atualizado às 16:47 · 13.12.2017 por

O megasucesso ‘Captain Tsubasa‘, conhecido no Brasil por ‘Super Campeões‘, ganhará remake em 2018. A produção ficará por conta do estúdio David Production e terá direção de Toshiyuki Kato. Ambos já tiveram juntos em ‘Jojo’s Bizarre Adventure: Diamond is Unbreakable‘.

Publicada em mangá entre 1981 e 1988, a aventuras de Oliver Tsubasa e dos demais jogadores viraram febre no ‘País do Futebol’ ao ser transmitida pela extinta TV Manchete e, posteriormente, pela Redetv! Hoje é uma ds atrações da TV Diário.

O foco da história está nas aventuras da seleção japonesa de futebol e seu capitão, Oliver. A trama é caracterizada por movimentos de futebol dinâmicos contidos em ações fantasiosas. Também trata do relacionamento de Tsubasa com seus amigos, rivalidade com seus oponentes, treinos, competições, e o andamento das partidas.

No remake, a história original será mantida. Porém, não há previsão de chegada no Brasil após seu lançamento no Japão. Veja trailer:

20:09 · 06.12.2017 / atualizado às 20:09 · 06.12.2017 por

Monstrinhos da 3º geração – região Hoenn – chegam a Pokémon GO neste fim de semana. A atualização anunciada pela Niantic traz ainda novidades um novo sistema dinâmico que mudará a forma como treinadores descobrem, capturam e interagem com o game.

Além do mapa do jogo ser atualizado com um novo visual, o clima perto de você irá influenciar de várias formas. Por exemplo, o jogador irá perceber que as suas chances de encontrar um Mudkip respingando por aí irão melhorar bastante nos dias chuvosos, enquanto certos tipos de Pokémon serão mais facilmente encontrados em várias condições climáticas diferentes.

Outra novidade é que os ataques de certos tipos serão mais eficazes durante a mudança de tempo, então o Fire Spin do Charizard terá melhor desempenho nos dias ensolarados, por exemplo. Chova ou faça sol, no inverno ou primavera, sua experiência de jogo permanecerá atualizada, fazendo com que o seu tempo ao ar livre seja mais emocionante. Veja vídeo:

11:05 · 01.12.2017 / atualizado às 11:07 · 01.12.2017 por

A Editora JBC entrou oficialmente para a “era” dos mangás digitais com o lançamento de alguns de seus títulos em formato digital. Primeiro foram lançados o Henshin Mangá (#1 e #2), Combo Rangers Ano Um (#1 e #2) e Combo Rangers Revolution (Edição Especial Série Completa), todos de autores brasileiros. Os mangás foram editados em formato e-book, e já estão disponíveis nas melhores lojas digitais e podem ser acessados de qualquer lugar do mundo.

A partir desta sexta-feira (1º) começam a ser lançados os primeiros mangás de autores japoneses no mercado digital brasileiro em formato de e-book. Os títulos que chegam em formato e-book são: Blame! e Knights of Sidonia, de Tsutomu Nihei; Fairy Tail, de Hiro Mashima; Fort of Apocalypse, de Kazu Inabe e Yu Kuraishi, Samurai 7, de Mizutaka Suhou; The Seven Deadly Sins, de Nakaba Suzuki e The Ghost in the Shell, de Shirow Masamune. Até o final de dezembro, a previsão é de que sejam liberados mais de 100 volumes de mangás. Para os títulos que ainda estão em publicação no Brasil, o lançamento em formato digital deve acompanhar a chegada de cada volume em versão impressa.

Pré-venda

As novidades não param por aí. Entram em pré-venda as versões digitais de mais dois títulos que serão lançados oficialmente no dia 6 de dezembro de 2017, na Comic Con Experience: The Ghost in the Shell 2.0, de Shirow Masamune, e Combo Rangers – Somos Iguais, de Fábio Yabu e Michel Borges, que fecha a trilogia de graphic novels dos heróis brasileiros. Seguindo as versões impressas, os mangás digitais da Editora JBC têm sentido de leitura oriental (da esquerda para a direita). O formato é compatível para navegação em aparelhos como smartphones, tablets, e-readers ou computadores.

A comercialização dos e-books da JBC é realizada por lojas como Amazon, Kobo Rakuten, Kobo Livraria Cultura, iBooks e Google Play Books. É possível conferir a lista dos primeiros títulos disponíveis pelo site Mangás JBC pelo link: https://goo.gl/fY5bSe

17:54 · 27.11.2017 / atualizado às 17:54 · 27.11.2017 por

É hora de elevar seu cosmo. Chega ao Ocidente o jogo para smartphones ‘Saint Seiya: Cosmo Fantasy’. Gratuito e disponível para iOS e Android, o game traz as principais sagas da série japonesa e ainda tem a assinatura de Masami Kurumada, criador da história original.

No melhor estilo RPG, ‘Saint Seiya: Cosmo Fantasy’ tem batalhas épicas em grupos que serão formados pelo próprio jogador. A baixa, a princípio, é que as lutas são automáticas, cabendo ao player escolher os golpes especiais quando a barra de força estiver completa.

A formação da equipe depende de sorte ou de horas de jogo, afinal, os integrantes podem chegar por meio de uma roleta chamada ‘Gasha’ ou ganha-los em missões.

Além do modo história – já conhecido para quem curte RPG -, o novo jogo de Cavaleiros do Zodíaco possibilita batalhas aleatórias ou em grupos, as tradicionais guildas.

Em um primeiro momento, as comuns falhas de servidor podem dar dor de cabeça, mas nada como sentir o poder do cosmo queimando ao nível máximo.

Baixe aqui para Android

Baixe aqui para iOS