Autor: Nicolas Paulino


11:21 · 13.12.2018 / atualizado às 11:35 · 13.12.2018 por

Faltam dois dias para a Batalha do Murph, evento da Ceará Games que terá dez horas do hero wod para equipes de 12 atletas. Homens e mulheres se revezarão para completar rounds de 1,6 km de corrida, 100 pull ups, 200 push ups, 300 air squats e mais 1,6 km de corrida.

Hidratação é uma das chaves. (Foto: CrossFit Games/Reprodução)

Além disso, o wod é tradicionalmente realizado em dezembro, na maioria dos boxes mundo afora. Quem já fez o Murph sabe que ele é brutal, principalmente para as mãos, dorsais e quadríceps. A seguir, o Hora do Cross lista sete dicas para você minimizar o desgaste na tarefa e tentar otimizar seu tempo.

1. Hidrate-se bem
É bom começar a hidratar o corpo dois dias antes do Murph, principalmente se você se expõe demais ao sol. Lembre que muitos atletas no Games 2015 passaram mal por causa disso.

2. Não dê um sprint na primeira corrida
O ideal é começar num ritmo moderado e manter constância. Não sacrifique qualidade pela velocidade.

3. Divida os exercícios
Ainda que você seja capaz de fazer 100 pull-ups unbroken, dividi-los com certeza vai evitar uma fadiga mais rápida. Lembre de poupar energia.

4. Economize energia
Sua técnica pode ser perfeita, mas isso não significa que você tenha que fazer todas as repetições da melhor forma possível. Eliminar esforço significa economia de energia. Nos agachamentos, por exemplo, não precisa encostar a bunda na panturrilha.

5. Alterne os push ups
A dica é de Samantha Briggs nos Games 2016. Ela alternou a posição das mãos diversas vezes durante a prova, por vezes mais afastadas, noutras com as mãos na linha dos ombros. Assim, a força e a pressão sobre os braços, ombros e peito são mais distribuídas.

6. Cuide das mãos e pés
Não importa como a pull up é feita porque 100 são 100. Você pode proteger as mãos com grips de couro, esparadrapos ou fitas elásticas. Ajustar a pegada também é importante. Para os pés, priorize um tênis de corrida flexível e com calcanhar estável para os agachamentos.

7. Tenha foco
Centenas de repetições ininterruptas causam muito cansaço, que tende a aumentar junto com a sensação de pânico ao olhar para o relógio. Em vez de se preocupar com isso, mantenha foco apenas na próxima repetição. Sua mente será seu maior desafio.

Boa sorte!

15:55 · 09.12.2018 / atualizado às 15:55 · 09.12.2018 por
Foto: Nícolas Paulino

Em clima de confraternização de fim de ano, o Ceará Affiliates Challenge reuniu 21 times RX de boxes oficiais de Crossfit no Estado. Depois de quatro wods super exigentes, saiu campeã a Crossfit Gurkha, de Fortaleza, que levou para casa o troféu cuja proposta é ser itinerante de acordo com os vencedores de cada edição.

A equipe tinha como integrante ninguém menos que Renata Pimentel, atleta nível Crossfit Games que ficou na 11ª colocação mundial em sua categoria. Não menos importantes, Karol Paiva e Matheus Caetano, que participaram da Latin America Regional, e Jorge Lucas, uma das “crias” de Eder Costa que levanta 130kg de snatch.

Em segundo lugar, ficou o time da Crossfit Superação (que liderou a disputa até a última prova), formada por Lucas Ponte, Pedro Yago, Yasmin Melo, Thaynara Lopes e Caio Cavalcanti. Completando o pódio, ficou a equipe da irreverente e poderosa Crossfit Dragão do Mar, encabeçada pelo headcoach Allan Marx. Ao lado dele, competiram Sensei Michael Barbosa, Daniel Nunes, Mayara Reis e Jane Castro.

As provas montadas pelo liaison da Crossfit HQ no Brasil, Ricardinho Prudente, exigiram muito até dos atletas veteranos. Assim, vimos que RX também quebram DU. RX também deixam a barra escapar pelos dedos escorregadios num clean pesado. RX também abrem a palma da mão depois de muitos muscle bar. Mesmo super atletas, RX são, acima de tudo, humanos.

12:13 · 05.12.2018 / atualizado às 12:13 · 05.12.2018 por

O islandês Einar Hansberg Árnason se lançou numa tarefa árdua após uma colega de academia perder o marido, pai de dois filhos, há pouco mais de um mês. A causa? Suicídio. Para arrecadar fundos, sensibilizar outras pessoas e mostrar seu apoio à família, Einar decidiu percorrer 500 quilômetros num simulador de remo em aproximadamente 50 horas, iniciadas na última sexta (30).

A tarefa requereu uma tremenda força de vontade e muita resistência. Acima da física, a mental. O islandês recebeu apoio de colegas do box, que se revezaram remando ao lado dele, mantendo-o alimentado e hidratado e certificando-se de que ele descansava. O tempo final foi de 55 horas, completos na noite do último domingo (2). Ao todo, Einar e os apoiadores da campanha remaram mais de 6 mil quilômetros.

 

O atleta remou durante dois dias seguidos. (Foto: Reprodução/Instagram)

A Crossfit Reykjavik, onde o desafio ocorreu, pertence à mundialmente famosa Annie Thorisdottir, primeira mulher a vencer duas edições dos CrossFit Games. Aparentemente, a resiliência da atleta é contagiante. Na semana passada, ela publicou no Instagram que passou por um procedimento cirúrgico para corrigir uma arritmia cardíaca.

“Nós da Crossfit Reykjavik queremos aumentar a conscientização e dizer que não há problema em falar sobre isso, não há vergonha em sentir que o mundo está sobre seus ombros. Talvez se falássemos mais sobre isso, isso não aconteceria com tanta frequência. Queremos que os jovens não tenham medo de falar e obter ajuda se esses pensamentos ocorrerem”, declarou a página do box.

14:46 · 02.12.2018 / atualizado às 15:09 · 02.12.2018 por

O brasileiro adora um reality show, seja sobre negócios, gastronomia ou esporte. Em 2019, o País também será sede do WodLive, primeiro reality show de Crossfit no mundo, segundo a organização. E pode ter cearense no meio da história!

De 7 a 17 de abril do ano que vem, quatro times de dois homens e duas mulheres passarão dez dias numa casa totalmente vigiada em Maceió, capital do Estado de Alagoas. Os espectadores poderão acompanhar toda a rotina de treinos, alimentação e dia a dia de 16 atletas de elite da modalidade.

Por enquanto, a organização montou uma votação online para decidir os primeiros integrantes dos times encabeçados pelo quatro atletas já confirmados na disputa: Anderon Primo, Guilherme Malheiros, Camille Morales e Caro Hobo, todos nível Torneio Crossfit Brasil (TCB).

Quarteto de líderes dos times viajou a Maceió, em setembro. (Foto: Reprodução)

O cearense Éder Costa, headcoach da CrosFit Gurkha, é uma das opções para dividir os wods com Caro. Na votação online, que segue até dia 15 de dezembro, ele encara o paulista André Sanches. Os outros dois integrantes de cada time serão escolhidos por meio de um qualifier, em janeiro, no qual devem se inscrever na categoria Elite individual.

Aplicativo

Durante os dez dias de reality, os times realizarão oito provas montadas por Gustavo Vaz Tostes, headcoach da Wit Training, na Inglaterra. “Prometo os melhores e mais divertidos workouts pra vocês”, escreveu Vaz em sua conta no Instagram, ao lado dos emoticons de um demônio e de uma pimenta.

Conforme adiantou Gui Malheiros, os espectadores deverão pagar um pay-per-view, por aplicativo, para conferir tudo que acontece na casa. O valor da assinatura deve ser menos de R$10. Mais informações serão divulgadas em breve.

De acordo com o WodLive, o objetivo é aproximar o público “dos seus ídolos e dos segredos do alto rendimento e do sucesso”. Um dia após o fim do reality, em 18 de abril, será iniciado um campeonato com o mesmo nome do show, reunindo atletas em dez categorias, individuais e em times.

13:04 · 01.12.2018 / atualizado às 13:04 · 01.12.2018 por
Foto: Reprodução

O fim de 2018 está se aproximando e todos os crossfiteiros já estão cansados de competição, certo? Errado! No dia 8 de dezembro, uma nova disputa está marcada para ocorrer na Porão Crossfit, em Fortaleza: a Ceará Affiliates Challenge.

A novidade é que a competição só terá a categoria RX e é voltada apenas para os boxes afiliados CrossFit no Ceará. Segundo o CrossFit Affiliates Map, são 38 no Estado – 34 em Fortaleza e Região Metropolitana e mais quatro no Interior (Sobral, Iguatu e Juazeiro do Norte).

Cada unidade deve formar uma equipe mista de dois homens e duas mulheres. “Cada box com apenas um time, representando sua bandeira. Uma confraternização para celebrarmos nosso esporte”, declara a organização.

Ao todo, serão quatro provas ao longo do dia. Uma curiosidade é que todos os testes foram montados por Ricardinho Prudente, representante da CrossFit HQ no Brasil.

Outra ideia bacana do Affiliates Challenge é o troféu, que deve ser itinerante. A cada ano, ele ficará nas prateleiras do box vencedor do campeonato. Quem será que vai levar a melhor?

12:23 · 25.11.2018 / atualizado às 12:23 · 25.11.2018 por

Mais um box de Crossfit abriu as portas em Fortaleza, na última sexta-feira (23). O Kremlin Crossfit ganha espaço no bairro Luciano Cavalcante.

O comando fica por conta do headcoach Diego Palomares, atleta que participou da Latin America Regional, no Rio de Janeiro, em maio, na categoria por times. Ele é especialista em Treinamento Desportivo e em Fisiologia do Exercício.

O primeiro “treino oficial” foi realizado no sábado, com a participação de atletas conhecidos no Crossfit cearense: Carlos Abreu e Fred Guedes, da Crossfit Aldeota, e Rosimary Lima, da 6450.

Foto: Reprodução/Instagram

Até o dia 6 de dezembro, o Kremlin faz seu open box. Pra quem ficou curioso com o nome, explica-se: a palavra significa “Fortaleza”, em russo, e alude tanto à Capital cearense como “a qualquer complexo fortificado encontrado nas cidades russas históricas”.

O box é decorado com quadros que remetem a esportistas soviéticos, praticando atletismo e natação, por exemplo, representando força, determinação, coragem e superação. O Kremlin fica na Rua Luiza Miranda Coelho, 826.

12:05 · 17.11.2018 / atualizado às 15:20 · 19.11.2018 por

Que o Crossfit vem se expandindo no Brasil desde 2009, ano em que o primeiro box foi inaugurado no País, em São Paulo, todo mundo já sabe. Mas é de Fortaleza o primeiro equipamento público da modalidade derivada, o Cross Training. O CrossCuca foi lançado pela Prefeitura no fim da tarde da última sexta (16), no Cuca Mondubim, na periferia da cidade, e visa a atender jovens de 15 a 29 anos.

O espaço, antes vazio, passou por reforma, pintura, grafitagem e recebeu toda a aparelhagem da Gladius Equipment. Já o headcoach da CrossFit Nakoa, Danilo Queiroz, prestou consultoria na organização do equipamento. Para coordenador de Juventude de Fortaleza, Júlio Brizzi, o CrossCuca tem o objetivo de ampliar as oportunidades de bem-estar e saúde dos jovens do município.

Coach Marcelo Mota dá a primeira aula experimental. (Foto: Divulgação)

“Academia assim na cidade, só tem em locais que cobram valor alto. Porque realmente é um serviço qualificado, e aqui a gente está trazendo com esforço, gratuitamente, num espaço totalmente recuperado”, destacou durante a inauguração.

O projeto contou com entusiasmo do diretor de Formação, Esporte e Trabalho da Rede Cuca, Luís Fernando de Freitas, que também é atleta de Crossfit. “Nós acreditamos na ferramenta de transformação que é o esporte. É uma oportunidade de se engajar e pôr o talento a prova”, disse.

Homenagem

Na ocasião, a atleta Renata Pimentel, primeira cearense a estar no CrossFit Games, foi homenageada pela gestão. “Quando me disseram que eu ia ser homenageada, fiquei emocionada. É uma coisa que reconhece tudo que a gente faz o ano inteiro” ressaltou, desejando ainda sucesso ao CrossCuca.

“Acredito que aqui vai ser um celeiro de grandes atletas porque sei que o pessoal daqui tem muita vontade. Agora, com o aparelhamento, estão com a faca e o queijo na mão. Espero ver, nos próximos anos, algumas pessoas daqui em destaque nas competições nacionais”, desejou Pimentel.

Primeira aula

O primeiro wod experimental, conduzido pelo coach Marcelo Mota, foi um Emom de 10 repetições de: deadlift, L-situp, swing, wallball, burpee, T2B, push up, box jump, shoulder to overhead, pull up e goblet squat, além de três rope climb. “Aqui, sempre é pesado”, riu.

O equipamento funcionará de terça a sexta, com turmas de 15 pessoas, em aulas de uma hora de duração entre 16h e 20h. Para se inscrever, são necessários documentos de identificação, comprovante de residência e atestado médico para prática esportiva, que pode ser obtido na própria Rede Cuca. O CrossCuca fica na Rua Santa Marlúcia, s/n, no bairro Mondubim. Informações pelo telefone (85) 3499-0018.

17:47 · 11.11.2018 / atualizado às 17:47 · 11.11.2018 por

Na última semana, a Crossfit Inc. atualizou a lista de atletas banidos pelo uso de substâncias proibidas e, infelizmente, os nomes dos brasileiros André Sanches e Viviane Aiello foram confirmados pela empresa. Eles estão proibidos de participarem de eventos oficiais da Crossfit por quatro anos, além de terem perdido suas medalhas de bronze conquistadas na Latin America Regionals, realizadas em maio, no Rio de Janeiro.

Foto:Reprodução/Instagram

Respondendo a um seguidor, o atleta Pablo Chalfun, primeiro brasileiro a chegar à Elite dos Games, postou três stories no Instagram, no último sábado, comentando esses resultados. Ele saiu em defesa da carreira de Vivi e André e comentou que preferia, ao contrário de outras pessoas, não julgar as atitudes de ninguém.

“Eu conheço o trabalho da Vivi e do André. Eles são atletas tops, muito bons mesmo, e vejo que eles trabalham duro por isso”, afirmou. “Se fosse só tomar e chegar no topo, todo mundo faria. Até porque, se você perguntar pra 20 pessoas aí na tua academia, ou convencional ou de Crossfit, se tu começar a dar uma de detetive, tu vai descobrir uma meia dúzia que tá usando e os caras não estão no topo igual a eles”, completou.

Substâncias flagradas

Chalfun terminou seu posicionamento declarando: “Sinceramente, não cabe a mim julgar. Eu não vou condenar e não vou apontar o dedo pra ninguém. Se tu quiser fazer isso, pode fazer, mas eu não vou fazer porque acho isso hipocrisia”.

Vivi foi pega pelo uso de estanozolol, agente anabólico cuja base é a testosterona, capaz de aumentar os níveis de massa magra e reduzir a gordura corporal. Para Sanches, deu positivo para epimetendiol (esteroide), ostarine (anabolizante que atua diretamente nos hormônios androgênicos) e LGD4033 (ligandrol, que aumenta a massa muscular e força).

12:35 · 05.11.2018 / atualizado às 12:36 · 05.11.2018 por
Foto: Reprodução/Instagram

A veterana dos CrossFit Games, Kara Saunders (Kara Webb, antes do casamento) está grávida de uma menina que deve nascer em maio de 2019. Nesta segunda (5), ela realizou o anúncio num post do Instagram ao lado do marido, Matt Saunders.

“Parece que vou substituir meu colete de peso por um tipo diferente nesta temporada”, escreveu Kara. Embora ainda não tenha confirmado, muito provavelmente a atleta não competirá na temporada do CrossFit de 2019.

Kara Saunders teve uma longa e bem sucedida carreira nos Games: foi 7ª em 2016, vice em 2017 e 4ª neste ano. Ela também ganhou o prêmio Spirit of The Games em 2016, um ano após entrar em colapso por exaustão no fim do Murph.

14:45 · 01.11.2018 / atualizado às 14:45 · 01.11.2018 por

Gostosuras ou travessuras? O Halloween tipicamente americano, ou Dia das Bruxas, na versão brasileira, foi celebrado nesta quarta (31) e levou milhares de pessoas ao redor do mundo às fantasias. Os crossfiteiros, claro, entraram na onda. Diversos atletas dos CrossFit Games compartilharam suas escolhas no Instagram.

Foto: Reprodução/Instagram

A bicampeã da competição, a australiana Tia-Clair Toomey, posou ao lado do marido, Shane Orr. Ela se caracterizou como Rich Froning Sr., pai de Rich Froning Jr., para uma festa na CrossFit Mayhem. Orr se vestiu como um canguru, símbolo do país da Oceania.

Noah Ohlsen, 6º nos Games deste ano, postou um vídeo treinando com a máscara do super-herói Batman. Brooke Wells, 8ª mulher mais bem condicionada do mundo, postou nos stories um vídeo em que aparece vestida com uma peruca rosa, representando a lutadora de wrestler americana Sasha Banks.

Foto: Reprodução/Instagram

Já o “Crossfit Cowboy” Sean Sweeney, 22º nos Games, trocou de papéis com a esposa, Emmily Butz. “Você pode dizer que nós trocamos? @emmbutz tira um bom Sean Sweeney. Eu, por outro lado, pareço um instrutor de academia muito estranho dos anos 80”, escreveu na legenda.

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Hora do Cross

Notícias e eventos de Crossfit no Ceará, no Brasil e no mundo.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags