Impressões Mínimas

Categoria: leveza


11:49 · 19.09.2013 / atualizado às 11:49 · 19.09.2013 por

casal-frio1

Então, eu sinto e pronto. Saio por ai lendo o que eu quero, amando a quem bem entendo, fazendo o que me der na telha e me entregando de corpo e alma aqueles que tomam meu coração sem pedir licença. A eles entrego minha alma sem lutar contra, pois depois de ter sido arrebatada, não há muito se fazer ao atingido, a não ser se render voluntariamente com sorriso espalhado no rosto.

11:30 · 01.07.2012 / atualizado às 11:30 · 01.07.2012 por

Essas certezas absolutas que comigo carrego agora e, só bem mais tarde em tempos outros, serão também certezas absolutas de alguém, significam solidão. Um estar só mesmo vivendo em bando, um estar só mesmo vivendo junto, um estar só. Sozinho e sempre à margem. Às vezes, me apanho com essa necessidade absurda de ver aceitação em algum olhar que não seja o do espelho. Depois, passa. Depois, volta. Depois…

Pesquisar
Posts Recentes

09h09mTransbordo

10h08mDesistir nunca, render-se jamais

03h07mAprender a leveza pretendida

09h06mVida: borboletas são metáforas

10h06mAprendiz de vida nova

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs