Busca

De volta à elite

16:37 · 31.08.2014 / atualizado às 16:37 · 31.08.2014 por

Duas vezes vice-campeã mundial, a cearense Silvana Lima, na temporada passada ficou de fora do circuito que reúne a elite feminina do surfe. Nesta temporada a surfista de Paracuru, 29 anos, entrou com força total na disputa do WQS, circuito de acesso à primeira divisão internacional da modalidade e se deu bem. No sábado passado, 30, Silvana faturou o título do ASP 6 – Star Pantin Classic Galicia Pro, na Espanha, e assegurou sua volta à elite mundial feminina do surfe.

“Estou muito feliz por ganhar esse evento aqui de uma forma tão incrível”, disse a paracuruense Silvana após a vitória sobre a australiana Bronte Macaulay nas ondas da Playa de Pantin, em Valdovino, na Galícia, resgatando o direito de ser uma das representantes do Brasil e da América do Sulo no grupo das top-17 do Samsung Galaxy ASP Women’s Championship Tour em 2015.

E a cearense completou: “A Bronte surfou muito bem o evento todo e sei o quanto ela queria vencer essa final. Mas Deus me deu essa onda nos últimos segundos e sou muito grata por isso. Honestamente, eu não achava que poderia obter a pontuação, mas quando vi aquela onda eu sabia que tinha uma boa oportunidade para isso e estou feliz por ter conseguido a virada”. 

Aliás, com esse triunfo em ondas espanholas – a segunda no WQS desta temporada -, Silvana pode até descartar a disputa das três etapas do ASP South America, a nova “perna sul-americana” desse circuito, que acontecerá nos meses de outubro e novembro no Brasil e no Chile.

Disposição       

Mas apesar da classificação já garantida na elite feminina do surfe mundial para a próxima temporada, Silvana Lima competirá nas três etapas do ASP South America, que será aberto na Praia da Joaquina, em Santa Catarina, o Santa Catarina Pro, com nível cinco estrelas, nos dias 18 a 23/10. “É claro que eu vou para o Brasil. Eu adoro competir e sempre me sinto confiante em casa”, afirmou a surfista cearense. “Como já garanti minha vaga, será melhor ainda, pois estarei bem mais relaxada, sem pressão por resultados. Vai ser como um período de férias para mim e estou feliz em saber que no ano que vem estarei de novo lá no WCT, representando o Brail entre as melhores do mundo e principalmente voltando a disputar o título mundial”.

As outras duas etapas do ASP South America serão disputadas nas ondas de Itacaré, litoral sul da Bahia, o ASP 4-Star Mahalo Surfe Eco Festival, de 27/10 a 2/11. E o ASP Women’s Qualifying Series 2014 será concluído no período de 13 a 16/11, no Maui Women’s Pro, nas enormes ondas de Punta de Lobos, em Pichilemu, no Chile.

Fonte: jcarvalho@aspworldtour.com

Cearense Silvana Lima festeja a vitória na etapa do WQS na Galícia, que valeu a vaga para o WCT 2015
Cearense Silvana Lima festeja a vitória na etapa do WQS na Galícia, que valeu a vaga para o WCT 2015

Comentários 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *