Busca

Review: Zenfone 5 se destaca com ótima câmera e Inteligência Artificial e a partir de R$ 1.799

19:11 · 16.08.2018 / atualizado às 13:23 · 22.08.2018 por
Zenfone 5

A Asus lançou a família de smartphones 2018 nesta quinta-feira, 16 de agosto, em São Paulo. Este ano são 5 aparelhos: o Zenfone MaxPro com Android puro, o Zenfone 5 Selfie, com 4GB de memória RAM, 64GB de armazenamento interno, o Zenfone 5 Selfie Pro com 4GB de RAM e 128GB de armazenamento interno e o Zenfone 5, com Snapdragon 636, 4GB e 64GB e 128GB de armazenamento interno, além do Zenfone 5 Pro, o topo de linha da Asus com Snapdragon 845 e 3 modelos com memória RAM de 4GB, 6GB e 8GB e armazenamento interno de 64GB, 128GB e 256GB. Confira abaixo os preços para o lançamento:

Zenfone 5 Selfie por R$ 1.499 (promoção de lançamento é R$ 1.349)

Zenfone 5 Selfie Pro por R$ 1.699

Zenfone 5 por R$ 1.999 (32GB armazenamento) e R$ 2.249 (64GB armazenamento)

(Preço promocional R$ 1.799 até 19/8 ou enquanto durar o estoque)

Zenfone 5Z por R$ 2.499 (4GB de RAM) – R$ 2.949 (6GB de RAM) e R$ 3.399 (8GB de RAM)

Zenfone MaxPro por R$ 1.349 (3GB de RAM) e R$ 1.549 (4GB de RAM)

Testamos o modelo Zenfone 5 de 4GB de RAM e 128GB de armazenamento interno e podemos dizer que nos surpreendeu. Vamos ao que achamos então do Zenfone 5 que recebemos para testes.

Câmeras
Câmera principal com pouco ruído, grande resolução e fidelidade nas cores. Esta versão tem um design muito similar ao iPhone X, com as câmeras posicionadas na vertical na traseira do Zenfone 5. Tecnicamente, há um sensor principal Sony IMX363 de 12 megapixels e um secundário de 8 MP com uma lente grande angular de 120º. E com ela temos  fotos muito boas. Também há uma câmera frontal para selfies (de 8MP) com aquele efeito de te deixar mais bonito e que ainda pode ficar melhor com os filtros de edição posterior. Tanto a câmera principal quanto a frontal fazem aquele efeito retrato que, no Zenfone 5, ficaram muito bom.

Foto feita com a câmera principal

Outra questão que temos é a Inteligência Artificial que está presente na câmera do Zenfone graças ao recurso Google Lens. É muito bacana fotografar um local e rapidamente receber informações sobre ele. Ou mesmo apontar para um produto e ter seus dados. Imagina você no exterior e conseguir ter isso na palma de sua mão? Um menu daquele restaurante na França ou nos EUA? Ou saber os preços em lojas concorrentes daquele notebook? Sim, há falhas, veja aí a tentativa da IA descobrir a raça do meu cachorro. Mesmo assim, é um caminho sem volta, felizmente. É daí para melhor! É uma boa ajuda não só para viagens.

Os efeitos noturnos da câmera do Zenfone já são conhecidos. É sempre bem mais agradável uma foto feita com estes smartphones que de outros concorrentes, até mesmo dos iPhones ou Samsungs top de linha. E isso é outra vantagem dos produtos da Asus. No Zenfone 5, senti que houve alguma queda de qualidade aos modelos anteriores da empresa, mas segue sendo um destaque positivo sim.

Outra coisa bacana, com a IA do Zenfone 5, a câmera do aparelho vai descobrir que ser ou objeto é aquele e ajudar já na configuração do sensor para uma melhor foto. Foi assim com alguns objetos que testei em casa, mesmo com pouca luz.

Sem dúvida alguma, a câmera é o principal fator que me faria buscar o Zenfone 5 para comprar.

Poder de processamento

Foto feita com a câmera de ângulo aberto

O modelo do Zenfone 5 que testamos traz 4GB de memória RAM e 128GB de armazenamento interno (expansível até 200GB com cartão microSD). É bastante coisa. Aliado a isso tem o chipset Qualcomm Snapdragon 636, (superior ao modelo mais novo da linha J da Samsung, o J8) e GPU Adreno 509. Este conjunto é suficiente para você jogar sem problema games mais pesados, tirar suas fotos e fazer vídeos sem travamentos por todo o seu dia sem estresse algum. E quando uma tarefa necessitar de mais potência que outra, a Inteligência Artificial vai concentrar todo os recursos necessários para aquela tarefa ser fluída e isso aconteceu naturalmente comigo.

Case provisório ou não

A câmera consegue detectar animais e fazer fotos adaptando-se a eles

Junto com o aparelho vem uma capa translúcida que pode ser a sua definitiva, se você não for um desastrado como eu, ou um acessório provisório até que aquela capinha mais resistente chegue via lojas chinesas ou que você a encontre por um bom preço em lojas na sua cidade. Este case, é, sem dúvida alguma, uma ótima ideia da Asus. Vai proteger seu equipamento certamente e poderá até te poupar alguns reais e tempo de busca pela capa definitiva.

Por falar em proteção, só lamento que a Asus não tenha ainda mudado a postura com relação ao atendimento pós-venda. O suporte, concentrado em São Paulo, não ajuda muito na hora que o consumidor vai definir que aparelho comprar. Se a Asus ampliar a rede de atendimento para todo o Brasil ou, ao menos, nas principais capitais, poderá conquistar ainda mais mercado no País. Vimos recentemente que a empresa de Taiwan não está na lista das 5 que mais vendem em território nacional e, tenho certeza, de que não acontece isso pela qualidade de seus produtos ou pelo preço deles, mas pela assistência técnica concentrada apenas na capital paulista.

Design

Efeito retrato presente também no Zenfone 5

De cara você vai achar o smartphone muito parecido com o iPhone X. Tanto a traseira quanto a parte frontal do aparelho da Asus lembram muito o da Apple. Câmera dupla na vertical atrás e o notch na frente vão confundir, nem que por alguns minutos, muitos usuários. Por falar em notch, é possível desativá-lo via software, mas deixa ele lá que é bonito.

Pulando esta parte, podemos dizer que o Zenfone 5 tem cobertura de vidro com bordas curvas e uma junção perfeita entre este vidro e as partes de alumínio, tela de IPS com proporção de 19:9 com 6,2 polegadas e com o encalhe no topo (que pode ser removido via software no próprio smartphone da Asus), quase sem bordas, ocupando praticamente 90% da superfície do dispositivo. O aparelho tem resolução de 1080 x 2246 pixel com densidade de 402 ppi, o que dá uma sensação muito agradável e qualidade de imagens muito superior a diversos rivais do mercado.

Segurança

Foto feita com a câmera grande angular

Para proteger seu dispositivo de pessoas curiosas ou de criminosos há 3 possibilidades: senha (tradicional com caracteres ou não), sensor biométrico para até 10 dedos (localizado perfeitamente atrás do aparelho) e destravar através de reconhecimento facial. Este último requer alguma explicação. Vamos lá: se você tirar o aparelho do bolso e tentar destravá-lo, vai notar que algumas vezes há falhas. São poucas, mas há.

Testei com boné, óculos escuros e sem óculos (me registrei com óculos). Apenas com os óculos escuros eu não consegui destravar o Zenfone 5. Outras pessoas também não conseguiram destravá-lo, o que me dá mais segurança com o smartphone.

Bateria

Prints mostram a Inteligência Artificial do Zenfone 5 em ação. Nem sempre vai acertar. Aqui mostra um daschund como outra raça
Aqui a IA acerta que ele é um daschund

É uma alegria pegar um Asus e verificar que há salvação para as baterias de smartphone. Sim, ainda não dura dois dias sem precisar ir para a tomada, mas, em uso moderado, a bateria de 3.300 mAh aguentou 17 horas fácil. Em uso mais pesado, com muitos games e mais vídeos, o tempo caiu para cerca de 9 horas. Mesmo assim, aguenta um dia de trabalho sem reclamar e com o carregamento rápido poderá te dar mais algumas horas de uso sem estresse.

Áudio e fone de ouvido
Sim, ainda não foi dessa vez (ainda bem) que a Asus aposentou a entrada para fone de ouvido. Tudo bem que há há ótimos aparelhos bluetooth para utilizar, mas ainda há muitos que preferem a qualidade do som dos que trazem cabo.

Por falar em áudio, o Zenfone 5 traz dois alto-falantes estéreo de 5 imãs que te dão um ótimo som que vai agradar bastante, mesmo sem caixas de som portáteis. Dá até para animar um pouco aquele churrasco com 2 ou 3 amigos.

O pacote do smartphone traz fones de ouvido de boa qualidade.

Recursos extras
O celular vem com uma gama de novos recursos. Entre eles está o Modo Criança. Esta função fornece um playground seguro para os nossos filhos. Ele precisa de permissões de contato e telefone para fazer com que as funções executem perfeitamente. O Twin Apps é, sem dúvida, outro que merece sua atenção. Com ele você pode duplicar apps para usar duas contas no mesmo Zenfone 5. Desta forma, a conta do trabalho do WhatsApp e a pessoal poderão conviver pacificamente, por exemplo. Mas vale para quantos aplicativos desejar.

Outro recurso que o Zenfone 5 está trazendo pela primeira vez é o Page Maker. Com ele é possível baixar uma página da web ou usar o modo de leitura. O Protetor Pessoal ZenUI é uma ferramenta para você conseguir entrar em contato o quanto antes com seus parentes e amigos mais próximos. Também poderá enviar um SMS e compartilhar sua localização para buscar ajuda. E tem também os recursos de Inteligência Artificial (IA). Com ela ativada, é possível que o Zenfone 5 sugira aplicativos, carregue mais rápido alguns apps graças à tecnologia OptiFlex, controle o carregamento da bateria de forma mais inteligente, entre outros.

O Game Genie não é novidade, mas está lá também. Ele permite transmissões ao vivo de suas partidas para seu canal do YouTube e Twitch. Bom para gamers que têm canais e querem estar em contato com seus seguidores.

Vale a pena?
Muito bem, o nosso veredito é que vale sim. Especialmente com este preço de R$ 1.799. É um smartphone intermediário premium que chega bem próximo dos top de linha sem te cobrar um rim ou fígado por isso. O único ponto negativo nem é no aparelho, mas a assistência técnica centralizada em São Paulo. Já passou da hora da Asus criar centrais regionais, nem que seja apenas nas principais capitais, digamos nas 10 maiores. Pois é certamente um ponto que pesa na hora de o consumidor decidir se vai ou não investir seu suado dinheiro. De resto, vale a compra.

Comentários 2

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ALEX DA SILVA OLIVEIRA

20/08/2018 as 10:27

Amigo, o Zenfone 5Z tem Snapdragon 845 e nao 835.

Ari junior

17/08/2018 as 13:50

Eu acho que o tiro no pe da asus e a assistência pois demorar bastante e as vezes eles nao consegue resolver da primeira vez tenho um zenfone 3 tive que mandar ele pra autorizada umas 3 vezes pra resolver um problema isso e bastante chato