Categoria: Empregos


09:43 · 16.08.2018 / atualizado às 09:49 · 16.08.2018 por

Linkedin, a rede social profissional mais conhecida da internet, pode te ajudar, e muito, a se recolocar no mercado de trabalho sabia? Para saber mais como a rede pode ajudar conversamos com Milton Beck, diretor geral do LinkedIn na América Latina.

Segundo Beck, o serviço Premium do LinkedIn é uma das opções de acesso à rede social. Quem deseja utilizar o LinkedIn pode optar pela conta Básica (gratuita) ou Premium, que por sua vez, proporciona uma experiência e recursos mais completos. Para o usuário final, existem dois tipos de planos: o Premium Career e Plano Business.

“O serviço pode ajudar um profissional em diversos aspectos. O primeiro deles é para quem está procurando uma oportunidade de trabalho. Ao adquirir o Premium, o usuário pode receber estatísticas de uma vaga e ver, por exemplo, como ele está posicionado em relação a outros candidatos que se aplicaram. Se ele quiser ter mais destaque em relação aos concorrentes, pode ativar o recurso de Candidatura em Destaque. Além disso, é possível encontrar oportunidades que adequam ao perfil do usuário, com base em suas habilidades, experiência e formação. Atualmente o LinkedIn possui mais de 50 mil vagas abertas no Nordeste, sendo delas, 12 mil apenas no Ceará”, garantiu o diretor geral.

De acordo com o executivo, outra vantagem do Linkedin são as ferramentas de networking. Quem utiliza o LinkedIn para oferecer serviços ou está querendo uma realocação, pode utilizar o serviço de mensagens interna, o InMail, o que ajuda a conseguir contatos mais rápidos do que ter que esperar pela solicitação de amizade. “No plano Premium Career, o usuário consegue enviar até 3 mensagens por mês a recrutadores e anunciantes de vagas. No Premium Business, o número sobe para 15 mensagens e a mensagem é enviada a qualquer usuário do LinkedIn. Estima-se que mais de 195 mil recrutadores enviam InMails toda semana. Em paralelo, o Brasil é um dos países que mais envia mensagens, junto do Reino Unido, Estados Unidos e Índia. Também é possível fazer pesquisas por pessoas com filtros avançados, ferramenta que, na versão básica, é limitada a 100 buscas por mês”, diz Beck.

Já para quem quer se atualizar profissionalmente, o LinkedIn premium possui acesso gratuito ao LinkedIn Learning, plataforma de cursos online com títulos que ajudam a desenvolver não só habilidades técnicas, mas também comportamentais. “Os cursos trazem exercícios ao final dos capítulos e contam ainda com acesso à cases, estudos de caso e tendências de mercado. A recomendação dos cursos é totalmente personalizada, de acordo com interesses e indústria de atuação do usuário”, finaliza o diretor geral.

Linkedin Job

Além disso, ainda há a ferramenta Linkedin Job que você pode baixar no seu smartphone (Android e iOS) ou acessar via desktop para buscar vagas na sua cidade ou mesmo fora.

13:10 · 21.06.2018 / atualizado às 13:10 · 21.06.2018 por

A Samsung Electronics Brasil está com as inscrições abertas para o processo seletivo da primeira edição do Programa de Estágio. A seleção visa encontrar perfis capazes de atuar em um ambiente dinâmico, inovador, multicultural e que desejam aprender e contribuir para fazer a diferença no cotidiano das pessoas. São oferecidas vagas em diversas áreas, como Marketing, Vendas, Finanças e Gerenciamento do Negócio, Logística, Supply Chain, Serviços e Recursos Humanos.

Os interessados devem estar cursando a partir do 5º semestre de Administração, Economia, Ciências Contábeis, Comunicação Social, Engenharia, Marketing ou Psicologia. Durante o processo seletivo, os candidatos realizarão testes e entrevistas online, além de participar de um painel com seus futuros gestores.

O programa terá duração de até 18 meses, com início em agosto, e os aprovados receberão bolsa auxílio e diversos benefícios, como assistência médica e odontológica, seguro de vida e vale transporte, além de férias remuneradas e refeições no restaurante na empresa.

O processo de desenvolvimento dos escolhidos seguirá a metodologia 70:20:10, em que 70% do aprendizado acontece durante a execução das atividades no dia a dia, 20% na interação com demais profissionais por meio de feedbacks, orientações ou workshops, e 10% pautado em treinamentos formais, on-line e presenciais.

Os candidatos aprovados contarão com o acompanhamento da área de Gestão de Talentos com o apoio dos líderes das áreas de Suporte e de Negócios, Consumer Electronics e IT & Mobile Communications atuantes no Brasil.

12:09 · 30.01.2018 / atualizado às 12:22 · 30.01.2018 por

Seja para se recolocar no mercado, encontrar um trabalho mais perto de casa ou porque você vai mudar de cidade, todos os dias, milhões de pessoas dão um Google para começar a busca por um novo emprego. A partir desta terça-feira, 30, o Google promete deixar essa tarefa ainda mais fácil com uma nova experiência na Busca, que reúne as vagas disponíveis em um espaço dedicado diretamente nos resultados de sua pesquisa.

Com uma taxa de 12% de desemprego no Brasil, segundo os últimos dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Google espera que esta nova experiência possa conectar pessoas a empregos. “Sabemos que alguns critérios são fundamentais, como o tempo para chegar ao trabalho ou o tamanho da jornada. As buscas podem ser simples, como “trabalhos perto de mim”, ou conter mais informações, como “emprego de advogado em São Paulo”, e os resultados disponíveis trazem uma experiência mais profunda para explorar as oportunidades, tanto em dispositivos móveis Android como no desktop”, disse Nick Zakrasek, gerente de produto da Busca do Google no blog da empresa.

Em muitas dos resultados, você terá acesso a informações extras importantes como reviews, classificações do empregador de sites confiáveis, e, se tiver feito o login, em algumas ofertas você poderá ver em quanto tempo chegaria na empresa.

Uma das formas de buscar é definir a distância no filtro, mas também é possível deixar como “qualquer lugar”, caso queira mais flexibilidade. Às vezes, são várias as oportunidades em aberto – o que leva tempo para avaliar a que tem mais a ver com o seu perfil -, para não se perder entre as vagas, você pode voltar exatamente onde parou da última vez que entrou. Além disso, há a opção de alertas para receber uma notificação por e-mail quando novas vagas forem abertas.

“Trabalhamos com diversos parceiros para trazer uma experiência completa com oportunidades de emprego – incluindo LinkedIn, Love Mondays, Empregos.com.br, OLX, Trampos.co e Vagas.com.br. Isso significa que as vagas disponibilizadas nesses sites, e muitos outros, ficarão visíveis nas suas buscas assim que elas forem postadas”, disse Zakrasek.

Para garantir que mais e mais oportunidades estejam listadas na Busca, o Google publicou um documento aberto que explica como publicar as vagas públicas usando o novo recurso – sejam de plataformas terceiras, pequenas, médias ou grandes empresas. “Lançamos essa experiência na Busca nos Estados Unidos em julho, e, desde então, houve um aumento de 60% de empregadores mostrando suas vagas na Busca”, afirmou o gerente de produto da Busca do Google.

A América Latina é o primeiro mercado fora dos Estados Unidos a receber a experiência de empregos. “No futuro, vamos adicionar novas ferramentas, filtros e mais informações para melhorar cada vez mais a experiência das pessoas em busca de uma posição no mercado de trabalho, para que este novo recurso do Google facilite e torne mais simples e efetiva a procura por um emprego”, concluiu o gestor.

Sem dúvida, a oportunidade que o Google traz ao juntar todas as informações sobre a busca de emprego na sua própria ferramenta de busca vai ajudar bastante a quem está procurando uma recolocação.

06:47 · 12.07.2017 / atualizado às 06:47 · 12.07.2017 por

Esta é a última semana de inscrições para os programas de trainee e estágio da Telefônica, que detém a marca Vivo. São 70 vagas no total: 30 vagas de trainee em São Paulo e 40 de estágio, distribuídas pelas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba. Os interessados têm até o dia 14 de julho para se inscreverem aqui.

Após o processo de inscrições, os currículos serão avaliados e os candidatos pré-selecionados passarão por etapas de avaliações online, dinâmica de grupo e entrevista com gestor. O programa de trainee tem duração de 18 meses e é necessário ser formado em qualquer curso de graduação com término entre julho de 2015 e julho de 2017.

Os que mais se destacarem realizarão um módulo internacional na Universidade Telefônica em Barcelona, na Espanha. O Programa de Estágio tem duração de até dois anos e os estudantes que desejam participar devem ter formação prevista entre dezembro de 2018 e dezembro de 2019 em diversas áreas.

09:16 · 02.07.2015 / atualizado às 09:16 · 02.07.2015 por
09:16 · 21.09.2014 / atualizado às 12:18 · 18.09.2014 por

riotlogoA Riot Games – produtora e distribuidora do League of Legends – está com vagas abertas para os fãs de jogos eletrônicos que sonham em trabalhar nesse segmento. São mais de 20 oportunidades para o escritório de São Paulo para as áreas de Artes, Comunidade, eSports, Experiência do Jogador, Gerenciamento de Projetos, Localização, Marketing, Produção de Vídeos, Recursos Humanos, Suporte ao Jogador e Tecnologia da Informação (TI).

Os interessados devem entrar no site da Riot e selecionar a cidade de São Paulo; após acessar a vaga de interesse, é preciso enviar uma carta de apresentação e currículo. Todas as oportunidades exigem o idioma inglês entre os níveis avançado e fluente. Após a seleção dos currículos, serão realizadas entrevistas para verificar a experiência e formação do candidato, além de avaliar se o perfil do profissional é compatível com a cultura da empresa.

A Riot Games oferece salário e benefícios, além de uma bolsa anual para jogos, parte dos esforços da empresa em ser a companhia mais focada no jogador do mundo. “Para que a equipe possa dar a melhor experiência aos fãs de League os Legends, toda a área de Suporte ao Jogador, responsável por solucionar dúvidas e problemas que envolvem o título, é contratada pela própria empresa e passa por uma criteriosa avaliação para oferecermos um tratamento personalizado ao jogador”, afirma Roberto Iervolino, Gerente Geral da Riot Games no Brasil. “Atualmente, o escritório brasileiro conta com 52 funcionários. Com as mais de 20 oportunidades que temos abertas, teremos um crescimento de aproximadamente 40% no número de colaboradores”, finaliza.

Em 2013, a Riot Games ganhou a terceira colocação do Great Place to Work na lista de Melhores Médias Empresas para se Trabalhar. Além disso, a empresa ficou com a quarta colocação no ranking da Business Insider com as 25 Melhores Companhias de Tecnologia para Trabalhar em 2013.

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Na Rede

Blog com novidades, eventos, reviews e críticas da editoria Tecno, do Diário do Nordeste.

VC REPÓRTER

Flagou algo? Envie para nós

(85) 98948-8712

Tags