Busca

Categoria: Telecomunicações


12:31 · 29.03.2016 / atualizado às 12:45 · 29.03.2016 por
Com a internet de melhor qualidade é possível acessar mais serviços Foto: Kid Junior
Com a internet de melhor qualidade é possível acessar mais serviços Foto: Kid Junior

A Anatel divulgou nesta terça-feira, 29, os resultados da pesquisa que mede a satisfação e a qualidade percebida pelos consumidores dos serviços de telefonia fixa, banda larga fixa e telefonia móvel pré e pós-paga em todo o Brasil. Os dados resultantes da pesquisa estão disponíveis para consulta e download no site da agência e permitem aos consumidores conhecer quais são as empresas mais bem avaliadas em seus estados.

Em termos locais, a pesquisa mostrou uma percepção que os usuários cearenses aprovam com ressalvas os serviços de telefonia no Estado. Levando-se em conta que as notas dadas iam de 0 a 10, poucas empresas tiveram notas superiores a 7 em algum quesito. Se entendermos como uma escola, onde a média é 7, foi difícil passar de ano.

Mas vamos aos números. Com relação a satisfação geral com celular pré-pago, a Vivo recebeu nota 7,62. A Claro ficou com 7,13, TIM com 6,64 e Oi, com 6,41, foi a pior avaliada.

No quesito celular pós-pago, a Vivo apareceu como a mais bem avaliada novamente com 7,65. A Claro ficou com 7,09, a TIM levou 6,79 e Oi foi a pior com 5,65.

O ranking geral de telefonia fixa teve Net Claro com 7,64, GVT com 7,60 e Oi foi novamente a pior com 6,21.

Por fim, o ranking mediou a avaliação com a banda larga fixa no Ceará. Os números mostraram que nenhuma das operadoras tem total destaque para os cearenses. A melhor nota foi da GVT que ficou com 7,26. A Net aparece na sequência com 7,16. Sky e Oi ficaram reprovadas com notas de 5,90 e 5,70, respectivamente.

Pesquisa Anatel no Ceará
Pesquisa Anatel no Ceará

pesquisaanatelnoce2

No Brasil
Em nível nacional, a telefonia fixa foi o serviço que recebeu a maior nota referente a satisfação dos consumidores: 6,97, em uma escala que vai de zero a dez. Foi seguida pela telefonia celular pós-paga, com nota 6,72; pré-paga, com nota 6,62; e banda larga fixa, com nota 6,58.

Além de aferir a satisfação dos consumidores, a pesquisa mede como o consumidor percebe a qualidade do serviço de acordo com diferentes aspectos tais como: o funcionamento, a cobrança e a oferta e contratação, entre outros.

A pesquisa mostrou que os aspectos que recebem avaliações mais negativas – em todos os serviços – estão ligados ao atendimento telefônico das prestadoras (o que inclui o tempo de espera para falar com atendente) e também à sua capacidade de resolver demandas (como pedidos de mudança de planos e de correções em faturas).

A pesquisa também aferiu que, em alguns casos, metade dos entrevistados declarou ter entrado em contato com a prestadora nos seis meses anteriores à pesquisa para resolver problemas de cobrança ou pedir reparo do serviço.

“Em primeiro lugar, ao publicarmos os resultados, estamos dando ao consumidor informações essenciais para que ele possa escolher qual prestadora irá contratar. Ao mesmo tempo, a pesquisa dá à Anatel informações essenciais para que ela possa direcionar suas ações de fiscalização, de controle e mesmo os seus regulamentos para solucionar os problemas que mais geram insatisfação nos consumidores”, afirmou a superintendente de relações com os consumidores da Anatel, Elisa Leonel.

Sobre a pesquisa
Os dados foram coletados em mais de 150 mil entrevistas telefônicas realizadas com consumidores no segundo semestre de 2015 e abrangem os serviços de telefonia pré e pós-paga, telefonia fixa e banda larga fixa. Em abril, a Anatel divulgará também os dados da pesquisa sobre TV por assinatura, cujos dados foram coletados até meados de fevereiro de 2016, com a realização de cerca de 50 mil entrevistas.

A realização da pesquisa decorre de obrigação prevista na Resolução nº 654/2015 da Anatel, que prevê que as prestadoras de cada serviço devem, conjuntamente, contratar uma empresa pesquisadora para realizar a coleta e a apuração dos dados. Em 2015, a empresa contratada foi a TNS Brasil S.A.

À Anatel coube a definição de metodologia, a elaboração dos questionários, o cálculo das amostras e o sorteio dos usuários a serem entrevistados.

06:53 · 18.03.2016 / atualizado às 06:53 · 18.03.2016 por

Claro-logo-logotype-1024x768Após mais de 5 anos à frente da operação móvel da Claro no Brasil, Carlos Zenteno deixa a posição, sendo destacado pela América Móvil para assumir a Presidência das operações fixa, móvel e empresarial da Claro na Colômbia.

José Antonio Félix, Presidente da América Móvil no Brasil, acumula o cargo de CEO da Unidade de Mercado Pessoal do grupo, até que seja nomeado um substituto para esta posição.

A América Móvil no Brasil agradece Carlos Zenteno pela sua relevante contribuição para a Claro e o cumprimenta pelos seus novos desafios.

09:27 · 02.08.2015 / atualizado às 13:04 · 31.07.2015 por
Spot Trace
Spot Trace

A Spot Brasil, marca subsidiária da empresa americana de telecomunicações via satélite Globalstar, lança campanha promocional para o Dia dos Pais. De 1 a 16 de agosto, os equipamentos Spot Gen3, Spot Trace e Spot Global Phone podem ser encontrados com descontos especiais no e-commerce da marca, além dos aproximadamente 30 revendedores espalhados pelo Brasil.

O Spot Global Phone de R$ 1.949 pode ser encontrado a R$ 1.399, já o Spot Gen3 De R$ 619 por R$ 499 e o Spot Trace de R$589 a R$ 479. Além do desconto no aparelho, na compra de 100 minutos no plano pré-pago do recém lançado Spot Global Phone, o cliente ganha mais 100 minutos. Segundo a assessoria da empresa, o Spot Phone, que recebe SMS e tem bateria de longa duração e serviço de caixa postal, tem cobertura em toda América do Norte, Europa e grandes porções da América do Sul e da Ásia. A ação promocional também garante 25% de desconto na anuidade do serviço para o Spot Gen3 e Spot Trace.

O Spot Trace é um rastreador de objetos de fácil instalação. De acordo com a assessoria, o Trace permite rastreio com cobertura global, uma vez que trabalha com tecnologia satelital. O aparelho dispara mensagens SMS e de e-mail sempre que o objeto rastreado entrar em movimento e em repouso. Além de armazenar todas as coordenadas de movimentação, o equipamento forma um traçado que pode ser visualizado na plataforma Google Maps em área exclusiva dentro do site da empresa, ou acessado a qualquer momento através de aplicativo próprio disponível para iOS e Android.

Spot Gen3
Spot Gen3

Já o equipamento Spot Gen3, primeiro rastreador pessoal via satélite do mundo, além da tecnologia de rastreio semelhante ao Spot Trace, oferece ainda a possibilidade de envio de mensagens pré-programáveis a amigos e familiares. O aparelho disponibiliza, também, a função “Ajuda”, que envia uma mensagem padrão com as suas coordenadas a contatos pré-programados informando que você precisa de auxílio. Em casos de situações de emergência que envolvam risco de vida, a função “SOS” pode ser acionada e equipes de resgate serão enviadas ao local. Os dispositivos Spot já iniciaram mais de 3.500 resgates ao redor do mundo, garante a assessoria de imprensa da empresa.

07:27 · 22.07.2015 / atualizado às 07:27 · 22.07.2015 por

Logo_TIMPara a campanha de Dia dos Pais 2015, a TIM traz uma novidade para quem procura um presente com o melhor custo-benefício do mercado. A operadora lança o novo plano pós-pago Liberty TOP, voltado para atender clientes que usam muito a internet no celular, mas não abrem mão do serviço de voz e querem economizar na conta mensal. Para deixar a oferta ainda mais completa, a empresa conta ainda com Moto G 4G com um preço diferenciado em seu portfólio, permitindo que os clientes tenham uma melhor experiência de navegação com a tecnologia de quarta geração. O preço do aparelho é válido para qualquer consumidor, não sendo preciso contratar o novo plano.

“A ideia é oferecer um plano muito completo por um valor mensal bastante acessível, no conceito ‘muito mais por muito menos’. Inserimos novos benefícios em uma oferta que já tínhamos – o Liberty +400 com 6GB de internet – e reduzimos o preço pela metade, entendendo as necessidades dos usuários e se adequando ao cenário atual do país, onde as pessoas querem continuar usufruindo de todas as funcionalidades do serviço móvel, mas com mais economia”, destaca Rogerio Takayanagi, CMO da TIM Brasil.

O plano Liberty TOP oferece 6GB de internet – pacote que pode ser compartilhado gratuitamente com até mais três chips, para smartphones, tablets ou modem – e mensagens, imagens, áudios ou vídeos no WhatsApp sem desconto da franquia de dados. Traz ainda ligações ilimitadas para qualquer número TIM do Brasil, 400 minutos em chamadas para outras operadoras e recebimento gratuito de chamadas em roaming nacional.

O valor mensal do plano será R$ 139 em Pernambuco, Alagoas, Piauí, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará. A adesão pode ser feita até o dia 20 de setembro em qualquer loja da TIM, site ou pelo televendas (4003-0941) e o preço promocional será válido nestes estados até 30/09/2016, podendo ser prorrogado.

Oferta de aparelho
Além do novo plano, a TIM aproveitará o Dia dos Pais para oferecer um smartphone que é sucesso no mercado com um preço muito vantajoso. Todos os consumidores poderão comprar o Moto G 4G por R$ 719, sem estar atrelado à contratação de um plano fidelizado. O valor pode ser parcelado em 12 vezes de R$ 60 sem juros no cartão de crédito. Um dos aparelhos mais vendidos no Brasil em 2014, o modelo, além de ser compatível com a rede LTE, traz acesso rápido às mais novas versões de Android, tela IPS HD de 5″, 16GB de memória para fotos, vídeos e músicas e fotos rápidas com câmera de 8 MP.

07:22 · 22.07.2015 / atualizado às 07:22 · 22.07.2015 por

telefonica-vivoDigitar e dirigir ao mesmo tempo, checar as redes sociais o tempo todo sem dar atenção a quem está ao lado, caminhar e ler conteúdos no celular sem olhar por onde passa, perder a piada na roda de amigos porque estava focado no smartphone. Essas situações parecem familiares? São cenas comuns, certas ou erradas? É exatamente esta a discussão que a Vivo convida os brasileiros a iniciarem com a campanha #UsarBemPegaBem.

Trata-se da primeira empresa de telecomunicações do Brasil a promover a discussão sobre o tema da conexão consciente e o comportamento das pessoas em relação ao celular. “A Vivo, como líder de mercado, acredita na importância de iniciar essa conversa, de forma a provocar uma reflexão social construtiva, de credibilidade e sem juízo de valor”, afirma Cris Duclos, diretora de Imagem e Comunicação da Vivo.

A Vivo já lançou o primeiro filme da campanha na última terça-feira, 21. Criado pela DM9, foi veiculado no canal da empresa no YouTube e perfis da empresa nas redes sociais, pay TV e no cinema. Na produção são apresentadas diversas situações cotidianas de pessoas interagindo com o smartphone. Ao fundo, uma voz que questiona e convida o público a refletir se estamos usando o celular da maneira certa. Para finalizar, a assinatura: “Celular, usar bem pega bem”. Paralelamente, complementando a estratégia de cobrir os meios on e offline, entram peças em mídia impressa de interesse geral e veículos segmentados.

Interação digital
A campanha #UsarBemPegaBem tem como principal meio a internet e as redes sociais, onde a conversa foi iniciada em janeiro deste ano com posts semanais abordando os seguintes temas: uso do celular no volante, relacionamento, pequenos acidentes, momentos e uso pelas crianças.

“O uso do celular tem uma importância tão grande no cotidiano das pessoas que até ganhou leis. E, até hoje, nenhuma empresa havia levantado a questão do uso consciente do celular. A Vivo mais uma vez mostra-se pioneira e lança uma campanha inovadora que propõe uma discussão sobre a qualidade de vida das pessoas em relação ao tema”, declara Marco Versolato, vice-presidente de Criação da DM9DDB.

Desde o início do projeto, foram mais de 40 posts nos perfis da Vivo no Facebook e Twitter, provocando uma interação seis vezes maior com os usuários do que a média das postagens tradicionais.

No total, somam-se aproximadamente 100 milhões de usuários impactados pelos conteúdos nas redes sociais. “Percebemos que cada vez mais as pessoas estão interagindo e dispostas a discutir o assunto de forma positiva de #UsarBemPegaBem”, comenta Cris Duclos. Na plataforma digital é possível conhecer o conteúdo divulgado, bem como as interações dos usuários de redes sociais sobre o tema.

Nas próximas semanas, a campanha será intensificada com a promoção de uma série de debates no Periscope, o novo aplicativo de transmissão ao vivo do Twitter. A Vivo será uma das primeiras marcas a utilizar a plataforma no Brasil, fazendo a transmissão com um smartphone e promovendo o debate de participantes e usuários. Entre os convidados estarão especialistas em relacionamentos, comportamento e trânsito seguro, além de psicólogos, atores e outras celebridades. Para acompanhar basta seguir o perfil @vivoemrede no Periscope.

13:00 · 26.06.2015 / atualizado às 13:00 · 26.06.2015 por
O conselheiro Rodrigo Zerbone, o presidente da Anatel, João Rezende, e a superintendente de Relações com Consumdores, Elisa Leonel, apresentaram o novo aplicativo
O conselheiro Rodrigo Zerbone, o presidente da Anatel, João Rezende, e a superintendente de Relações com Consumdores, Elisa Leonel, apresentaram o novo aplicativo

A Anatel lançou nesta sexta, 26, o aplicativo “Anatel Consumidor“, que permite ao consumidor registrar e acompanhar, em celulares e tablets, reclamações contra as prestadoras de telecomunicações. A ferramenta também permite o registro e o acompanhamento de sugestões e pedidos de informação e conta com uma seção destinada a tirar as principais dúvidas sobre direitos do consumidor por meio de Perguntas Frequentes.

O app está disponível para os sistemas Android, iOS (Apple iPhone) e Windows Phone e pode ser baixado nas lojas de aplicativos de forma gratuita. Este é o segundo aplicativo oficial da Anatel. O primeiro foi o “Anatel Serviço Móvel“.

“Trata-se de mais uma iniciativa para permitir que o consumidor exerça seus direitos com maior praticidade e rapidez. A nossa intenção é que a internet seja, nos próximo anos, o principal canal de atendimento da Anatel”, diz o presidente da Agência, João Rezende.

No ano passado, os consumidores de telecomunicações registraram cerca de 2,8 milhões de reclamações contra suas prestadoras de telecomunicações na Anatel. Em 2015, até o final de maio, este número chega pouco mais de 1,5 milhão de reclamações, sendo que 63% delas são registradas pela Central de Atendimento Telefônico da Agência (telefone 1331) e 37% pela internet, no sistema Fale Conosco.

Com o aplicativo, a Anatel espera não apenas tornar o registro de reclamações mais intuitivo e fácil para o consumidor, como também se adequar às novas tendências de atendimento, que indicam que consumidor tende a substituir os canais tradicionais, como call centers, por meios digitais.

“Está mais fácil registrar uma reclamação na Anatel. Mas é fundamental que o consumidor tente primeiro resolver o seu problema nos canais de relacionamento da própria prestadora, seja por telefone ou pela internet. É a operadora, afinal, que tem a obrigação de atender bem ao consumidor, respeitar o contrato que firmou com ele e atender às regras do setor” afirma Elisa Leonel, superintendente de Relações com Consumidores da Anatel. “A Agência só deve ser acessada caso o atendimento da prestadora não resolva a situação. Por isso, é fundamental que o consumidor anote e guarde os números de protocolos de atendimento que a empresa lhe fornecer.”

Quando um consumidor registra uma reclamação na Anatel, ela é encaminhada para a prestadora que está sendo reclamada. A empresa tem, então, cinco dias úteis para dar uma resposta ao consumidor. Embora não trate de forma individual as reclamações, a Anatel cobra das prestadoras o cumprimento dos prazos e analisa, por meio de amostras selecionadas aleatoriamente e estatisticamente válidas, a qualidade das respostas das prestadoras. Em geral, mais de 70% das reclamações registradas na Anatel são respondidas dentro do prazo de cinco dias úteis.

Além de acompanhar como as prestadoras atendem ao consumidor, a Anatel também monitora quais são as principais razões que levam o consumidor a buscar seus canais de atendimento. Com base nessas informações, planeja ações de fiscalização, acompanhamento e controle, e até mesmo mudanças nas regras do setor.

Nota da redação

O problema é o resultado das reclamações. A última grande reclamação dos clientes de telefonia móvel, por exemplo, é o corte da internet quando o plano acaba. Antes havia uma redução drástica da banda oferecida. Agora o pacote é cortado e pronto. A Anatel poderia muito bem agir em nome da população que não teve suas necessidades mínimas respeitadas. Até agora vimos os Procons ao redor do País em um esforço gigante para resolver esta questão. Algumas liminares foram ganhas e outras derrubadas. Seria bom um posicionamento firme da Anatel em defesa do consumidor.

15:40 · 24.09.2014 / atualizado às 13:59 · 24.09.2014 por

bbDando prosseguimento à estratégia de equipar os profissionais móveis com ferramentas que aumentam a produtividade, a BlackBerry Limited lançou hoje o BlackBerry Passport. Com touch screen ampla e quadrada e o novo teclado QWERTY acionado por toque, o BlackBerry Passport é um aparelho projetado para executivos em busca de produtividade e que queiram um smartphone que lhes dê autonomia através das ferramentas móveis de que precisam para trabalhar, sem sacrificar o estilo e a portabilidade.

“No projeto do BlackBerry Passport, nos guiamos por uma ideia simples e desafiadora: deixar de lado as limitações do design tradicional e fazer um aparelho que transforma o modo como os profissionais trabalham no smartphone”, disse John Chen, Presidente Executivo e CEO da BlackBerry. “O BlackBerry Passport foi criado para aumentar a produtividade e se destacar do mar de aparelhos com touch screen retangulares.”

Design pensado para o profissional móvel

Inspirado em passaportes de verdade, símbolo universal da mobilidade, o tamanho e formato do BlackBerry Passport fazem com que seja levado no bolso e usado onde você for. Os materiais usados foram como o Corning Gorilla Glass 3 na tela e aço inoxidável fundido, que promete aumentar a resistência, o que poderá dar ao smartphone BlackBerry Passport a durabilidade que os executivos exigem em um aparelho.

A tela grande e quadrada é otimizada para ver e criar conteúdo e promete ser suficiente para que você realize suas tarefas diárias, como ler e enviar e-mails, revisar documentos, navegar na internet e consultar mapas, com mais conforto e menos esforço. O BlackBerry Passport inclui também o primeiro teclado acionado por toque do setor, com gestos que garantem mais eficiência e precisão para digitar, editar e navegar. Os teclados físicos QWERTY da BlackBerry sempre facilitaram as comunicações profissionais dos usuários. Segundo comunicado, o novo teclado QWERTY do BlackBerry Passport é quase quatro vezes mais preciso que os teclados virtuais do BlackBerry 10 (aproximadamente 74% menos erros). Com isso, os erros de ortografia devem acontecer com ainda menos frequência.

O BlackBerry Passport e o smartphone Porsche Design P’9983 da BlackBerry são os primeiros aparelhos lançados com a mais recente plataforma de sistema operacional da BlackBerry, o BlackBerry 10 versão 10.3. Eles contam com recursos nativos que aumentam a produtividade, como o BlackBerry Blend e o BlackBerry Assistant, além da loja virtual BlackBerry World e da Amazon Appstore, que dá acesso aos melhores aplicativos para trabalho e lazer.
BlackBerry Blend

O BlackBerry Blend leva as mensagens e o conteúdo do smartphone BlackBerry para o seu computador e tablet. Receba notificações de mensagem instantâneas e responda e-mails pessoais e profissionais, mensagens de texto ou do BBM e acesse documentos, calendário, contatos e mídia em tempo real, em qualquer dispositivo, com a tecnologia do seu BlackBerry. O BlackBerry Blend está integrado ao aparelho BlackBerry Passport e funcionará em múltiplos sistemas operacionais, incluindo Mac OS X 10.7 e posteriores, Windows 7 e posteriores e tablets Android com Android 4.4 e posteriores, com conexões USB ou Wi-Fi. A BlackBerry também está trabalhando para disponibilizar em breve a experiência do BlackBerry Blend em outros tablets. A versão para download do BlackBerry Blend para Macs e PCs está disponível em www.BlackBerry.com/Blend, no Apple App Store para tablets iPad ou através da Google Play Store para tablets Android.

Disponibilidade
O BlackBerry Passport está disponível agora nas operadoras locais em todo o mundo e online através do ShopBlackBerry.com e da Amazon.com. Para obter mais informações sobre o BlackBerry Passport, acesse o site www.BlackBerry.com/Passport. Para saber mais sobre o BlackBerry Blend, acesse o site www.BlackBerry.com/Blend.

16:42 · 05.08.2014 / atualizado às 16:43 · 05.08.2014 por

A operadora Oi divulgou que sua rede WiFi  ultrapassou a marca de 800 mil pontos de acesso. O número representa um crescimento de 58% neste ano, se comparado aos 505 mil hotspots contabilizados em dezembro de 2013.

A rede Oi WiFi faz parte da estratégia da companhia para, com uma rede convergente, oferecer alternativa para desafogar o tráfego nas redes 3G 3 4G.

Os hotspots da rede Oi WiFi estão distribuídos em grandes redes como: Mc Donald’s, Fran’s Café e Outback, além dos principais aeroportos e shoppings, de todas as regiões do país. A rede Oi WiFi também está disponível em locais abertos em grandes cidades, como a orla e o Centro do Rio de Janeiro; o Pelourinho e o Farol da Barra, em Salvador; a Praia de Boa Viagem, em Recife; as Praias de Mucuripe e de Iracema, em Fortaleza; o Mercado Municipal de Porto Alegre; e as praças da Estação e 7 de Setembro, em Belo Horizonte.

Através de uma parceria com a Fon, os clientes da operadora também podem usufruir dos mais de 13 milhões de hotspots disponíveis em 14 países. Outros parceiros internacionais da Oi WiFi são: Boingo, Ipass e Meo WiFi, que somam mais de 4 milhões de hotspots.

Aplicativo

Para tirar proveito desses pontos de acesso, o usuário conta com o aplicativo Oi WiFi, que aponta onde a rede está disponível e descarta a necessidade de inserir login e senha depois da primeira sessão.

O app Oi WiFi está disponível gratuitamente na App Store e no Google Play para usuários de dispositivos compatíveis com a tecnologia WiFi com os sistemas operacionais iOS ou Android.

Podem usufruir do serviço gratuitamente os clientes da Oi dos seguintes planos: Banda Larga, Oi Internet Para Celular, Oi Internet Total, Oi Internet Móvel Pós, Oi Internet Móvel Pré (planos a partir de 100 MB), Oi Conta Total, Oi Galera, Oi Conta Total Smartphone, Oi Mais Conectado, Oi Fixo + Pós + Internet Móvel, Oi Conta Total Mais Conectado, Oi Smartphone, Oi Pré-Pago (acesso por 2 horas corridas/dia).

15:43 · 26.06.2014 / atualizado às 14:33 · 19.08.2014 por

Nos dez primeiros dias da Copa do Mundo da Fifa neste ano, a operadora Oi registrou tráfego de 32 terabytes (TB) de dados nas redes de mídia e informática fornecidas pela companhia para a Fifa e utilizadas pelos cerca de 20 mil profissionais de mídia credenciados de 113 países para cobrir o evento no país. O volume de informações equivale a 9 milhões de fotos em alta resolução ou 35 milhões de fotos em resolução normal. Essa marca já supera o total de dados trafegados nas redes da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, durante toda a competição, fazendo da Copa no Brasil a mais conectada da história, com recorde de tráfego de dados.

A Oi foi selecionada pela Fifa para fornecer conexão de internet e serviços corporativos de telecomunicações nos 12 estádios e locais de transmissão para os profissionais de mídia credenciados que fazem a cobertura de imprensa e noticiam a competição para todo o mundo, além de atender a própria Fifa em suas demandas de telecomunicações.

“É impressionante ver como a Copa do Mundo progrediu como um todo e principalmente em TI. A gente tem que agradecer ao Ministério das Comunicações, que é responsável pela infraestrutura básica deste país (…). Outro parceiro fundamental foi a Oi, apoiando as atividades que vêm sendo desenvolvidas. O conhecimento que a empresa [Oi] tem do país foi importante para a entrega deste evento”, disse Dick Wiles, CEO da Match IT, a empresa que gerencia a tecnologia para a Fifa nesta Copa.

Multiconexão

A Oi já observa na Copa do Mundo de 2014 o fenômeno da multiconexão, sendo muito comum um único usuário estar conectado com dois a três dispositivos ao mesmo tempo, em função da utilização simultânea de computadores, tablets e smartphones. Assim, durante os dez primeiros dias, 152 mil dispositivos se conectaram na rede Wi-Fi exclusiva para a mídia nos 12 estádios.

A Oi também registrou expansão de tráfego na comparação com a Copa das Confederações FIFA 2013, evento para o qual também forneceu serviços. Durante todos os 15 dias da competição realizada no Brasil no ano passado, o volume de dados trafegados na rede da companhia para a mídia foi de 7 TB.

 A Copa do Mundo de 2014 também já supera em tráfego de dados outros grandes eventos esportivos internacionais, segundo informações publicadas na internet. Nos 17 dias da Olimpíada de Inverno de Sochi (2014), o tráfego total foi de cerca de 34 TB. E durante o Superbowl XLVIII (final do campeonato de futebol americano de 2014 nos EUA) foram utilizados 1,9 TB de dados. Assim, nos 10 primeiros dias de Copa, trafegaram pelas redes da Oi para a Fifa o equivalente a 1,71 Superbowl por dia.

Entre os usuários dos serviços da Oi para a mídia na Copa do Mundo da FIFA 2014 estão as principais agências de notícias e fotojornalismo do mundo; imprensa escrita e online; e TVs e rádios detentoras e licenciadas para transmissão de imagens oficiais do torneio. Os serviços de conectividade da Oi, para internet cabeada e Wi-Fi, são fornecidos nos centros de imprensa; tribunas; entorno do campo; salas de coletiva; zonas mistas; estúdios de gravação; caminhões de geração de imagens dos 12 estádios da Copa do Mundo, além do Centro Internacional de Transmissão (IBC), que já está funcionando no Riocentro.

Para atender ao público torcedor, a companhia oferece além de sua rede 3G e 4G, uma rede Wi-Fi em mais de 700 mil pontos de acesso em restaurantes como Outback, redes de fast food como Mc Donald’s, shoppings e aeroportos, além de locais abertos em grandes cidades: o Mercado Municipal de Porto Alegre; a orla e o Centro do Rio de Janeiro; o Pelourinho e o Farol da Barra, em Salvador; a Praia de Boa Viagem, em Recife; as Praia de Mucuripe e de Iracema, em Fortaleza; e as praças da Estação e 7 de Setembro, em Belo Horizonte.

 

20:08 · 11.06.2014 / atualizado às 20:11 · 11.06.2014 por

A operadora Oi, que patrocina a Copa do Mundo da FIFA 2014, anunciou o lançamento do roaming 4G para que clientes de três operadoras (China Mobile, da China, Swisscom, da Suíça, e KT, da Coreia do Sul) possam acessar a rede LTE da companhia no Brasil. Os clientes da Oi no exterior também já podem navegar na rede 4G dessas três operadoras e de outras duas: Portugal Telecom, em Portugal, e Telus, no Canadá.

Segundo a companhia, também está em fase final a negociação para oferecer roaming 4G aos clientes de “uma grande operadora dos Estados Unidos” (a empresa não revelou o nome).

A Oi já oferece outros acordos de roaming com mais de 350 operadoras em todo mundo, incluindo empresas em todos os 31 países que participam da Copa do Mundo junto com o Brasil.

Aplicativo para turistas

Para os estrangeiros que vêm ao Brasil para a Copa, a Oi está oferecendo também o aplicativo “Oi Tourist WiFi”, que dá acesso gratuito à internet em mais de 2.500 pontos selecionados de sua rede Oi WiFi. A rede sem fio está disponível em locais como pontos turísticos, restaurantes, shoppings e aeroportos.

O app, lançado em parceria com a empresa Redknee, estará disponível para download em aparelhos com sistema operacional Android e será oferecido para os turistas que optarem por usar seus celulares em roaming no Brasil, navegando na rede da Oi.

Clientes estrangeiros que não tenham um aparelho compatível com o aplicativo “Oi Tourist WiFi” também poderão experimentar gratuitamente o serviço Oi WiFi durante 15 minutos diariamente, acessando o portal www.oi.com.br. Após esse período, os usuários deverão comprar passes para continuar navegando nos mais de 700 mil pontos de acesso da rede Oi WiFi no Brasil, pagando a partir de R$ 4,90 por 1 hora de uso.

Kit

Para atender os visitantes que quiserem adquirir um chip da Oi, a companhia lançou em maio um kit com chip pré-pago, cartão de recarga no valor de R$ 30 e um código para ter acesso ilimitado por 30 dias à rede Oi WiFi. O kit, que custa R$ 40, facilita o acesso dos estrangeiros aos serviços da Oi e inclui internet ilimitada, pacote de SMS, ligações para telefones celulares e fixos da Oi e uma promoção para chamadas internacionais, pagando a tarifa de R$ 0,99 por dia.

A companhia oferece um canal de atendimento exclusivo em inglês e espanhol para ativação de chips pré-pagos e auxílio a estrangeiros, por meio de operadores bilíngues, pelo número 0800 0300 924.

O seu hotsite www.oi.com.br/visitor tem uma loja online onde os estrangeiros podem comprar o kit para turistas, realizar recarga via cartão de crédito, acompanhar o status de seus pedidos e comprar celulares.