Busca

Categoria: Telefonia


06:47 · 12.07.2017 / atualizado às 06:47 · 12.07.2017 por

Esta é a última semana de inscrições para os programas de trainee e estágio da Telefônica, que detém a marca Vivo. São 70 vagas no total: 30 vagas de trainee em São Paulo e 40 de estágio, distribuídas pelas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba. Os interessados têm até o dia 14 de julho para se inscreverem aqui.

Após o processo de inscrições, os currículos serão avaliados e os candidatos pré-selecionados passarão por etapas de avaliações online, dinâmica de grupo e entrevista com gestor. O programa de trainee tem duração de 18 meses e é necessário ser formado em qualquer curso de graduação com término entre julho de 2015 e julho de 2017.

Os que mais se destacarem realizarão um módulo internacional na Universidade Telefônica em Barcelona, na Espanha. O Programa de Estágio tem duração de até dois anos e os estudantes que desejam participar devem ter formação prevista entre dezembro de 2018 e dezembro de 2019 em diversas áreas.

09:18 · 15.02.2017 / atualizado às 09:18 · 15.02.2017 por

Aproveitando a nostalgia que marcou a internet ontem com o anúncio do retorno do Nokia 3310, o indestrutível, resolvemos relembrar 5 modelos de celulares que marcaram época. E se você tiver alguma sugestão comenta aí, ok? E no final da nossa lista ainda colocamos o primeiro smartphone que se destacou mundialmente antes do iPhone da Apple. Vê lá!

02:54 · 24.10.2016 / atualizado às 18:57 · 20.10.2016 por
Os chips da T-Mobile são opções para quem vai para os EUA, Canadá e Europa
Os chips da T-Mobile são opções para quem vai para os EUA, Canadá e Europa e não quer pagar planos ou diárias de empresas brasileiras

Para complementar a matéria desta segunda-feira do Tecno criamos o material abaixo detalhando os planos das operadoras de telefonia móvel brasileiras para o exterior. No final também há uma conversa com o diretor da EasySim4U e também uma estratégia para comprar o chip no local de origem. Confira:

Claro
Voz*
Pacote mais barato ÁMERICAS: 25 Minutos – R$ 44,90 – Custo de 1,80 por minuto
Pacote mais caro ÁMERICAS: 500 Minutos – R$ 454,90 – Custo de 0,91 por minuto

Dados*
Pacote mais barato AMÉRICAS: 100 MB – R$ 129,90 – Custo de 1,30 por MB
Pacote mais caro AMÉRICAS: 5GB – R$ 1699,90 – Custo de 0,33 por MB

*Valores válidos por 30 dias

Os países que fazem parte do Américas são: Estados Unidos, Argentina, Chile, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, Honduras, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Porto Rico, República Dominicana, Uruguai, Colômbia, Equador e México. Todos os demais países pertencem ao grupo Mundo.

No caso de dados também há a opção da diária de dados, sendo o menor valor de 29,90 para os grupos Américas e Europa e o maior valor R$79,90 para o grupo Mundo.

TIM
Para brasileiros em viagem ao exterior existe a opção do pacote Passport.

R$ 104,90. Ele é válido por 30 dias após contração e para ser utilizado nos EUA e Canadá

R$ 129,90 é válido por 30 dias após contração e para ser usado na África do Sul, Alemanha, Argentina, Bélgica, Bolívia, Chile, China, Colômbia, Coreia do Sul, Espanha, França, Grécia, Holanda, Hungria, Irlanda, Itália, Japão, Malásia, México, Noruega, Panamá, Paraguai, Peru, Portugal, Reino Unido, República Tcheca, Suíça, Turquia e Uruguai.

A contratação dos planos pode ser feita nos pontos de vendas ou ainda no site da TIM, onde há a possibilidade de encontrar o plano que melhor se encaixa no perfil de consumo dos clientes, através do simulador: http://www.tim.com.br/ce/para-voce/comparador-de-planos#.

O Passport inclui voz e dados. A validade é mensal. Existem quatro possibilidades de pacotes (100MB, 300MB, 700MB e 1GB).

Oi
A empresa apresenta os seguintes planos:

Dados
Américas Especial (dados 15 MB/dia) por R$ 29,90/dia.
Américas e Euripoa (dados 15 MB/dia) por R$ 39,90
Ásia, África e Oceania (dados 15 MB/dia) por R$ 59,90
Oriente Médio e restante do mundo (dados 5 MB/dia) por R$ 69,90.

Voz
Américas Especial seja ligação executada local/para o Brasil/Internacional por US$ 1,94. Ligações recebidas por US$ 1,61 e SMS US$ 1,29.

Américas e Europa seja ligação executada local/para o Brasil/Internacional por US$ 1,94. Ligações recebidas por US$ 1,94 e SMS US$ 1,29.

Ásia, África e Oceania seja ligação executada local/para o Brasil/Internacional por US$ 4,86. Ligações recebidas por US$ 4,86 e SMS US$ 1,29.

Oriente Médio e restante do mundo seja ligação executada local/para o Brasil/Internacional por US$ 4,86. Ligações recebidas por US$ 4,86 e SMS US$ 1,61.

Vivo
Planos
Américas (R$ 29,99/dia)
Europa (R$ 39,99/dia)
Demais destinos no Mundo (compreende países da Ásia, África e Oceania) (R$59,99/dia)

Todos oferecem, por dia que usar o serviço, SMS, franquia de 50 minutos para chamadas locais no País visitado e para o Brasil, e acesso à internet móvel. O uso da internet móvel incluído na Diária Vivo Travel pode ser por meio das tecnologias 2G, 3G e 4G, com franquias estabelecidas por País (que chegam a 500MB/dia). Também pode ser por Wi-Fi, nos mais de 400 mil hotspots Vivo Travel Wi-Fi em todo o mundo – neste caso, sem limite de tráfego.

A vivo ressalta que, utilizando a Diária Vivo Travel, o cliente não paga valor adicional por ligações recebidas quando estiver fora do Brasil.

A nova oferta, disponível para assinantes pós-pagos, será automaticamente aplicada para qualquer cliente que utilize seu celular no exterior, basta que os serviços de roaming internacional de voz e dados estejam habilitados na linha.

Compra no Brasil e já chega falando

Como comentou a jornalista Beatriz Sugette na matéria do jornal/site do Diário do Nordeste há outra opção. É você comprar, via internet um chip com voz/dados ou só voz ou dados de companhias que atuam ou nas Américas ou Europa e já chegar com tudo ativado. Como? Vamos te explicar abaixo.

Conversamos com algumas pessoas e visitamos blogs de viagem e todos referendaram uma empresa chamada EasySim 4 U. Conversando com os personagens da matéria dois, Eric e Beatriz, também falaram muito bem do serviço deles que começa em US$ 35.

Funciona assim: você entra no site deles, escolhe o plano e eles mandam um chip com até 7 dias para a residência do comprador. Quando você faz o cadastro no site deles, diz a data da viagem e o chip fica pré-programado para funcionar naquela data. Aí é basicamente inserir o chip e ligar o aparelho na cidade de destino.

Segundo Paulo Leal, diretor da EasySim 4 U, a possibilidade de ter um número local para emergências é sempre interessante. “Vejo o chip internacional como algo indispensável em viagens, assim como o seguro de viagens”, completou Leal. De acordo com Paulo Leal, uma das maiores vantagens de comprar o chip ainda no Brasil é pela questão do suporte em Português. A outra é chegar já com internet e ter como usar ferramentas como Waze, Google Maps e Here e descartar o aluguel do GPS que seria um custo a mais para o turista.

Walmart

Opção mais em conta ainda é chegar no País de destino e comprar o chip em lojas de operadoras locais como a T-Mobile seja nas Américas ou Europa. No caso dos EUA também você pode buscar o chip no Walmart. Depois de comprar você pode ativá-lo no site que vem registrado no pacote do chip da T-Mobile. Essa ação também pode ser feita via telefone ou com os funcionários do setor de telefonia. No caso do iPhone há 4 passos iniciais antes de começar como está aqui.

Finalizando

Então, é possível verificar que as opções compra do chip ainda no Brasil ou no local do destino são as melhores opções. Lembrando que não é raro encontrar hotéis que oferecem internet grátis e parques e alguns restaurantes também têm esta opção. Mas se você quer compartilhar sua viagem sem engasgos, o chip comprado ainda aqui ou no local de destino é a melhor solução.

12:31 · 29.03.2016 / atualizado às 12:45 · 29.03.2016 por
Com a internet de melhor qualidade é possível acessar mais serviços Foto: Kid Junior
Com a internet de melhor qualidade é possível acessar mais serviços Foto: Kid Junior

A Anatel divulgou nesta terça-feira, 29, os resultados da pesquisa que mede a satisfação e a qualidade percebida pelos consumidores dos serviços de telefonia fixa, banda larga fixa e telefonia móvel pré e pós-paga em todo o Brasil. Os dados resultantes da pesquisa estão disponíveis para consulta e download no site da agência e permitem aos consumidores conhecer quais são as empresas mais bem avaliadas em seus estados.

Em termos locais, a pesquisa mostrou uma percepção que os usuários cearenses aprovam com ressalvas os serviços de telefonia no Estado. Levando-se em conta que as notas dadas iam de 0 a 10, poucas empresas tiveram notas superiores a 7 em algum quesito. Se entendermos como uma escola, onde a média é 7, foi difícil passar de ano.

Mas vamos aos números. Com relação a satisfação geral com celular pré-pago, a Vivo recebeu nota 7,62. A Claro ficou com 7,13, TIM com 6,64 e Oi, com 6,41, foi a pior avaliada.

No quesito celular pós-pago, a Vivo apareceu como a mais bem avaliada novamente com 7,65. A Claro ficou com 7,09, a TIM levou 6,79 e Oi foi a pior com 5,65.

O ranking geral de telefonia fixa teve Net Claro com 7,64, GVT com 7,60 e Oi foi novamente a pior com 6,21.

Por fim, o ranking mediou a avaliação com a banda larga fixa no Ceará. Os números mostraram que nenhuma das operadoras tem total destaque para os cearenses. A melhor nota foi da GVT que ficou com 7,26. A Net aparece na sequência com 7,16. Sky e Oi ficaram reprovadas com notas de 5,90 e 5,70, respectivamente.

Pesquisa Anatel no Ceará
Pesquisa Anatel no Ceará

pesquisaanatelnoce2

No Brasil
Em nível nacional, a telefonia fixa foi o serviço que recebeu a maior nota referente a satisfação dos consumidores: 6,97, em uma escala que vai de zero a dez. Foi seguida pela telefonia celular pós-paga, com nota 6,72; pré-paga, com nota 6,62; e banda larga fixa, com nota 6,58.

Além de aferir a satisfação dos consumidores, a pesquisa mede como o consumidor percebe a qualidade do serviço de acordo com diferentes aspectos tais como: o funcionamento, a cobrança e a oferta e contratação, entre outros.

A pesquisa mostrou que os aspectos que recebem avaliações mais negativas – em todos os serviços – estão ligados ao atendimento telefônico das prestadoras (o que inclui o tempo de espera para falar com atendente) e também à sua capacidade de resolver demandas (como pedidos de mudança de planos e de correções em faturas).

A pesquisa também aferiu que, em alguns casos, metade dos entrevistados declarou ter entrado em contato com a prestadora nos seis meses anteriores à pesquisa para resolver problemas de cobrança ou pedir reparo do serviço.

“Em primeiro lugar, ao publicarmos os resultados, estamos dando ao consumidor informações essenciais para que ele possa escolher qual prestadora irá contratar. Ao mesmo tempo, a pesquisa dá à Anatel informações essenciais para que ela possa direcionar suas ações de fiscalização, de controle e mesmo os seus regulamentos para solucionar os problemas que mais geram insatisfação nos consumidores”, afirmou a superintendente de relações com os consumidores da Anatel, Elisa Leonel.

Sobre a pesquisa
Os dados foram coletados em mais de 150 mil entrevistas telefônicas realizadas com consumidores no segundo semestre de 2015 e abrangem os serviços de telefonia pré e pós-paga, telefonia fixa e banda larga fixa. Em abril, a Anatel divulgará também os dados da pesquisa sobre TV por assinatura, cujos dados foram coletados até meados de fevereiro de 2016, com a realização de cerca de 50 mil entrevistas.

A realização da pesquisa decorre de obrigação prevista na Resolução nº 654/2015 da Anatel, que prevê que as prestadoras de cada serviço devem, conjuntamente, contratar uma empresa pesquisadora para realizar a coleta e a apuração dos dados. Em 2015, a empresa contratada foi a TNS Brasil S.A.

À Anatel coube a definição de metodologia, a elaboração dos questionários, o cálculo das amostras e o sorteio dos usuários a serem entrevistados.

06:53 · 18.03.2016 / atualizado às 06:53 · 18.03.2016 por

Claro-logo-logotype-1024x768Após mais de 5 anos à frente da operação móvel da Claro no Brasil, Carlos Zenteno deixa a posição, sendo destacado pela América Móvil para assumir a Presidência das operações fixa, móvel e empresarial da Claro na Colômbia.

José Antonio Félix, Presidente da América Móvil no Brasil, acumula o cargo de CEO da Unidade de Mercado Pessoal do grupo, até que seja nomeado um substituto para esta posição.

A América Móvil no Brasil agradece Carlos Zenteno pela sua relevante contribuição para a Claro e o cumprimenta pelos seus novos desafios.

12:24 · 27.07.2015 / atualizado às 13:52 · 27.07.2015 por

Claro-logo-logotype-1024x768A Claro anunciou, nesta segunda-feira, 27, expansão de sua rede no Nordeste. Nos seis primeiros meses de 2015, a operadora ampliou a sua cobertura 3GMax para 59 cidades e a rede 4GMax para mais oito municípios.

>>>>Claro amplia rede 4GMax em Juazeiro do Norte

“O principal benefício das novas tecnologias é disponibilizar mais rapidez e qualidade de conexão para o uso de serviços de banda larga móvel, facilitando assim o uso da internet no celular, no tablet ou em computadores”, afirma o diretor da Claro no Nordeste, André Peixoto. “Expandir a rede da Claro, para o maior número de municípios, demonstra a preocupação da empresa em oferecer os melhores serviços aos nossos clientes”, complementa o executivo.

Ao longo do ano de 2015, o Grupo América Móvil, do qual a Claro faz parte, investirá cerca de R$ 8 bilhões no país a fim de garantir a qualidade dos serviços prestados aos seus clientes no Brasil.

Atualmente, na região, a empresa possui 327 municípios cobertos com a tecnologia 3G e 15 com a 4G.

As cidades contempladas com a rede 3GMax nesse primeiro semestre do ano são: Tabuleiro do Norte (CE); Acopiara (CE);Trairi (CE); Paraipaba (CE); São Benedito (CE); São Gonçalo Do Amarante (CE); Assaré (CE); Crateús (CE); Croatá (CE); Guaraciaba do Norte (CE); Mombaça (CE); Redenção (CE); Pocinhos (PB); Caiçara (PB); Caaporã (PB); Duas Estradas (PB); Lagoa de Dentro (PB); Marcação (PB); Mulungu (PB); Pedro Regis (PB); Pilõezinhos (PB); Sertãozinho (PB); Baia da Traição (PB); Capim (PB); Cuité de Mamanguape (PB); Serra da Raiz (PB); Bom Conselho (PE); Caetés (PE); Passira (PE); Rio Formoso (PE); Itambé (PE); Sanharó (PE); Água Preta (PE); Lajedo (PE); Belem de Maria (PE); Taquaritinga do Norte (PE); Petrolânidia (PE); Nazare da Mata (PE); São Caitano (PE); Cupira (PE); Ribeirão (PE); Angelim (PE); Toritama (PE); Alagoinha (PE); Brejinho (PE); Surubim (PE); Esperantina (PI); Pedro II (PI); Paulistana (PI); Baia Formosa (RN); Monte Alegre (RN); Alexandria (RN); Areia Branca (RN); Macau (RN); Pureza (RN); Tibau (RN); Tibau do Sul (RN); Vila Flor (RN); e São Miguel (RN).

As cidades contempladas com a rede 4GMax nesse primeiro semestre do ano são: Olinda (PE); Caruaru (PE); Paulista (PE); Arapiraca (AL); Juazeiro do Norte (CE); Maracanaú (CE); Caucaia (CE); e Mossoró.

07:27 · 22.07.2015 / atualizado às 07:27 · 22.07.2015 por

Logo_TIMPara a campanha de Dia dos Pais 2015, a TIM traz uma novidade para quem procura um presente com o melhor custo-benefício do mercado. A operadora lança o novo plano pós-pago Liberty TOP, voltado para atender clientes que usam muito a internet no celular, mas não abrem mão do serviço de voz e querem economizar na conta mensal. Para deixar a oferta ainda mais completa, a empresa conta ainda com Moto G 4G com um preço diferenciado em seu portfólio, permitindo que os clientes tenham uma melhor experiência de navegação com a tecnologia de quarta geração. O preço do aparelho é válido para qualquer consumidor, não sendo preciso contratar o novo plano.

“A ideia é oferecer um plano muito completo por um valor mensal bastante acessível, no conceito ‘muito mais por muito menos’. Inserimos novos benefícios em uma oferta que já tínhamos – o Liberty +400 com 6GB de internet – e reduzimos o preço pela metade, entendendo as necessidades dos usuários e se adequando ao cenário atual do país, onde as pessoas querem continuar usufruindo de todas as funcionalidades do serviço móvel, mas com mais economia”, destaca Rogerio Takayanagi, CMO da TIM Brasil.

O plano Liberty TOP oferece 6GB de internet – pacote que pode ser compartilhado gratuitamente com até mais três chips, para smartphones, tablets ou modem – e mensagens, imagens, áudios ou vídeos no WhatsApp sem desconto da franquia de dados. Traz ainda ligações ilimitadas para qualquer número TIM do Brasil, 400 minutos em chamadas para outras operadoras e recebimento gratuito de chamadas em roaming nacional.

O valor mensal do plano será R$ 139 em Pernambuco, Alagoas, Piauí, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará. A adesão pode ser feita até o dia 20 de setembro em qualquer loja da TIM, site ou pelo televendas (4003-0941) e o preço promocional será válido nestes estados até 30/09/2016, podendo ser prorrogado.

Oferta de aparelho
Além do novo plano, a TIM aproveitará o Dia dos Pais para oferecer um smartphone que é sucesso no mercado com um preço muito vantajoso. Todos os consumidores poderão comprar o Moto G 4G por R$ 719, sem estar atrelado à contratação de um plano fidelizado. O valor pode ser parcelado em 12 vezes de R$ 60 sem juros no cartão de crédito. Um dos aparelhos mais vendidos no Brasil em 2014, o modelo, além de ser compatível com a rede LTE, traz acesso rápido às mais novas versões de Android, tela IPS HD de 5″, 16GB de memória para fotos, vídeos e músicas e fotos rápidas com câmera de 8 MP.

07:22 · 22.07.2015 / atualizado às 07:22 · 22.07.2015 por

telefonica-vivoDigitar e dirigir ao mesmo tempo, checar as redes sociais o tempo todo sem dar atenção a quem está ao lado, caminhar e ler conteúdos no celular sem olhar por onde passa, perder a piada na roda de amigos porque estava focado no smartphone. Essas situações parecem familiares? São cenas comuns, certas ou erradas? É exatamente esta a discussão que a Vivo convida os brasileiros a iniciarem com a campanha #UsarBemPegaBem.

Trata-se da primeira empresa de telecomunicações do Brasil a promover a discussão sobre o tema da conexão consciente e o comportamento das pessoas em relação ao celular. “A Vivo, como líder de mercado, acredita na importância de iniciar essa conversa, de forma a provocar uma reflexão social construtiva, de credibilidade e sem juízo de valor”, afirma Cris Duclos, diretora de Imagem e Comunicação da Vivo.

A Vivo já lançou o primeiro filme da campanha na última terça-feira, 21. Criado pela DM9, foi veiculado no canal da empresa no YouTube e perfis da empresa nas redes sociais, pay TV e no cinema. Na produção são apresentadas diversas situações cotidianas de pessoas interagindo com o smartphone. Ao fundo, uma voz que questiona e convida o público a refletir se estamos usando o celular da maneira certa. Para finalizar, a assinatura: “Celular, usar bem pega bem”. Paralelamente, complementando a estratégia de cobrir os meios on e offline, entram peças em mídia impressa de interesse geral e veículos segmentados.

Interação digital
A campanha #UsarBemPegaBem tem como principal meio a internet e as redes sociais, onde a conversa foi iniciada em janeiro deste ano com posts semanais abordando os seguintes temas: uso do celular no volante, relacionamento, pequenos acidentes, momentos e uso pelas crianças.

“O uso do celular tem uma importância tão grande no cotidiano das pessoas que até ganhou leis. E, até hoje, nenhuma empresa havia levantado a questão do uso consciente do celular. A Vivo mais uma vez mostra-se pioneira e lança uma campanha inovadora que propõe uma discussão sobre a qualidade de vida das pessoas em relação ao tema”, declara Marco Versolato, vice-presidente de Criação da DM9DDB.

Desde o início do projeto, foram mais de 40 posts nos perfis da Vivo no Facebook e Twitter, provocando uma interação seis vezes maior com os usuários do que a média das postagens tradicionais.

No total, somam-se aproximadamente 100 milhões de usuários impactados pelos conteúdos nas redes sociais. “Percebemos que cada vez mais as pessoas estão interagindo e dispostas a discutir o assunto de forma positiva de #UsarBemPegaBem”, comenta Cris Duclos. Na plataforma digital é possível conhecer o conteúdo divulgado, bem como as interações dos usuários de redes sociais sobre o tema.

Nas próximas semanas, a campanha será intensificada com a promoção de uma série de debates no Periscope, o novo aplicativo de transmissão ao vivo do Twitter. A Vivo será uma das primeiras marcas a utilizar a plataforma no Brasil, fazendo a transmissão com um smartphone e promovendo o debate de participantes e usuários. Entre os convidados estarão especialistas em relacionamentos, comportamento e trânsito seguro, além de psicólogos, atores e outras celebridades. Para acompanhar basta seguir o perfil @vivoemrede no Periscope.

13:00 · 26.06.2015 / atualizado às 13:00 · 26.06.2015 por
O conselheiro Rodrigo Zerbone, o presidente da Anatel, João Rezende, e a superintendente de Relações com Consumdores, Elisa Leonel, apresentaram o novo aplicativo
O conselheiro Rodrigo Zerbone, o presidente da Anatel, João Rezende, e a superintendente de Relações com Consumdores, Elisa Leonel, apresentaram o novo aplicativo

A Anatel lançou nesta sexta, 26, o aplicativo “Anatel Consumidor“, que permite ao consumidor registrar e acompanhar, em celulares e tablets, reclamações contra as prestadoras de telecomunicações. A ferramenta também permite o registro e o acompanhamento de sugestões e pedidos de informação e conta com uma seção destinada a tirar as principais dúvidas sobre direitos do consumidor por meio de Perguntas Frequentes.

O app está disponível para os sistemas Android, iOS (Apple iPhone) e Windows Phone e pode ser baixado nas lojas de aplicativos de forma gratuita. Este é o segundo aplicativo oficial da Anatel. O primeiro foi o “Anatel Serviço Móvel“.

“Trata-se de mais uma iniciativa para permitir que o consumidor exerça seus direitos com maior praticidade e rapidez. A nossa intenção é que a internet seja, nos próximo anos, o principal canal de atendimento da Anatel”, diz o presidente da Agência, João Rezende.

No ano passado, os consumidores de telecomunicações registraram cerca de 2,8 milhões de reclamações contra suas prestadoras de telecomunicações na Anatel. Em 2015, até o final de maio, este número chega pouco mais de 1,5 milhão de reclamações, sendo que 63% delas são registradas pela Central de Atendimento Telefônico da Agência (telefone 1331) e 37% pela internet, no sistema Fale Conosco.

Com o aplicativo, a Anatel espera não apenas tornar o registro de reclamações mais intuitivo e fácil para o consumidor, como também se adequar às novas tendências de atendimento, que indicam que consumidor tende a substituir os canais tradicionais, como call centers, por meios digitais.

“Está mais fácil registrar uma reclamação na Anatel. Mas é fundamental que o consumidor tente primeiro resolver o seu problema nos canais de relacionamento da própria prestadora, seja por telefone ou pela internet. É a operadora, afinal, que tem a obrigação de atender bem ao consumidor, respeitar o contrato que firmou com ele e atender às regras do setor” afirma Elisa Leonel, superintendente de Relações com Consumidores da Anatel. “A Agência só deve ser acessada caso o atendimento da prestadora não resolva a situação. Por isso, é fundamental que o consumidor anote e guarde os números de protocolos de atendimento que a empresa lhe fornecer.”

Quando um consumidor registra uma reclamação na Anatel, ela é encaminhada para a prestadora que está sendo reclamada. A empresa tem, então, cinco dias úteis para dar uma resposta ao consumidor. Embora não trate de forma individual as reclamações, a Anatel cobra das prestadoras o cumprimento dos prazos e analisa, por meio de amostras selecionadas aleatoriamente e estatisticamente válidas, a qualidade das respostas das prestadoras. Em geral, mais de 70% das reclamações registradas na Anatel são respondidas dentro do prazo de cinco dias úteis.

Além de acompanhar como as prestadoras atendem ao consumidor, a Anatel também monitora quais são as principais razões que levam o consumidor a buscar seus canais de atendimento. Com base nessas informações, planeja ações de fiscalização, acompanhamento e controle, e até mesmo mudanças nas regras do setor.

Nota da redação

O problema é o resultado das reclamações. A última grande reclamação dos clientes de telefonia móvel, por exemplo, é o corte da internet quando o plano acaba. Antes havia uma redução drástica da banda oferecida. Agora o pacote é cortado e pronto. A Anatel poderia muito bem agir em nome da população que não teve suas necessidades mínimas respeitadas. Até agora vimos os Procons ao redor do País em um esforço gigante para resolver esta questão. Algumas liminares foram ganhas e outras derrubadas. Seria bom um posicionamento firme da Anatel em defesa do consumidor.

09:25 · 29.11.2014 / atualizado às 11:28 · 27.11.2014 por

Os clientes Claro no CearáRio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba, Piauí e Alagoas, acabam de ganhar uma campanha exclusiva da operadora, a “Promoção Claro Natal 2014”. Até o dia 31 de dezembro desse ano, clientes que contratarem um Plano Claro Online 500MB, ganharão automaticamente um bônus de internet de 500MB mensal, durante 12 meses. Já ao adquirirem planos Claro Online 2Giga ou 5Giga, ganharão bônus de internet de 2GB, por mês, também por um ano. Participam da promoção quem já é cliente da operadora, quem portar o número para a Claro e novos clientes.