Busca

Categoria: Windows


12:28 · 18.07.2017 / atualizado às 12:28 · 18.07.2017 por

A mais recente versão de atualização do Windows 10, a Creators Upgrade, lançada em abril deste ano, não está funcionando para todos os processadores. Isso foi confirmado pela ZDNet que chegou a conclusão que o problema ocorre em máquinas que têm o processador Intel Atom da geração Clover Trail.

Segundo o site, quando a atualização chega na marca de 3GB descarregados, surge a mensagem “o Windows 10 não é mais suportado neste computador”.

Estes processadores foram muito comuns naqueles equipamentos 2 em 1 que tinham maior cara de tablet com teclado e eram equipados com Windows 8 e foram lançados entre 2013 e 2014. Na época, máquinas como a Dell Latitude 10 e LG SlidePad, tinham garantido o upgrade grauito para o Windows 10 em meados de 2015. Mesmo problema seria repetido em máquinas da Acer com processadores Atom Z2760, Atom Z2520, Atom Z2560 e Atom Z2580.

Tudo ocorreu bem com a primeira e a segunda atualizações – esta última batizada de Atualização de Aniversário. Porém, na Creators Update aconteceu o problema informado pelo ZDNet.

E não há previsão para solucionar este problema, muito pelo contrário, pode até se tornar padrão, retirando processadores de alguns updates da Microsoft. A próxima deve ocorrer em setembro e se chama Fall Creators Update. É aguardar e esperar o melhor.

07:15 · 25.10.2016 / atualizado às 07:15 · 25.10.2016 por

CorelDrawX8A canadense Corel Corporation anuncia o lançamento no Brasil do CorelDRAW Home & Student X8, nova edição da suíte de design formatada especialmente para uso residencial, de estudantes ou novos artistas que buscam uma ferramenta para criação de arte, layout e edição de fotos. Disponível em português do Brasil, entre outros oito idiomas, o pacote completo inclui o premiado CorelDRAW ao lado do também conhecido Photopaint, entre outras ferramentas gráficas, e sai por R$ 599 em lojas online, redes de livrarias e revendas de produtos de informática de todo o País.

Otimizado para Windows 10, o Home & Student X8 traz ferramentas para ilustração e layout de página, apps para transformar fotos em ilustrações vetorizadas, filtros instantâneos de conteúdo, edição e efeitos especiais para imagens, inclusive em formato RAW. O pacote inclui também um utilitário de captura de tela e o novo Guia Startup Tour, com dicas, vídeos de treinamento e templates para iniciantes.

Uma novidade é o conjunto de recursos para trabalhar em múltiplos monitores, inclusive de resolução 4K, e o suporte a tablets compatíveis com a caneta Windows Real-Time Stylus, como o Microsoft Surface, e dispositivos Wacom.

“O CorelDRAW Home & Student Suíte X8 é realmente especial em relação ao custo benefício oferecido”, diz Flávio Tedesco, Gerente de Canais Corel para Brasil e América Latina. “Para criação gráfica, destinada a impressão ou web, não há nada similar no mercado nesse nível de preço. Esse produto é nossa resposta à questão da existência de algo ao mesmo tempo bom e barato. Sim, existe”.

Segundo Tedesco, uma vantagem extra que sempre encanta os usuários Corel é a inclusão na suíte das bibliotecas de imagens de alta qualidade. Nesta nova edição, são mais de 1,3 mil imagens digitais e cliparts de alta qualidade e 100 fotos em alta resolução, tudo de uso livre. Os extras incluem ainda 125 fontes tipográficos, 75 molduras, 100 preenchimentos e uma centena de modelos, criados por profissionais, para cartazes, folhetos e certificados. “É muito mais fácil do que ficar buscando imagens e fontes na web”, diz Flávio.

Disponibilidade e Preços

O CorelDRAW Home & Student Suite X8 está disponível em português do Brasil, inglês, holandês, francês, alemão, polonês, italiano, russo e espanhol, e está à venda de Norte a Sul do País pelo preço sugerido de R$ 599.

07:53 · 12.04.2016 / atualizado às 08:15 · 12.04.2016 por
Análise escrita por Marcílio Muniz, colaborador
CorelDraw X8
CorelDraw X8

Essa versão do Corel Draw X8 é compatível com Windows 10. Consegui instalar normalmente, funcionando sem travamentos. Testei em um notebook Toshiba com processador I5 e com 6Gb de memória.

A versão X8 traz várias novidades como suporte a Ultra HD 4k. Porém, esse novo recurso não deu para testar, pois meu notebook não tem tela 4k. Mas dá pra perceber melhoras na resolução do ambiente de trabalho quando liguei na minha televisão através de um cabo HDMI.
Outra grande vantagem é que agora a suíte vem com um aplicativo que gerencia as fontes. É o Font Manager. Dentro da janela de trabalho do programa tem um botão onde você pode pesquisar ferramentas, fotos, fontes. Ele permite usar as fontes que estão online. Para quem gosta de usar fontes variadas, um novo Font List Box no CorelDRAW e Photo Paint permite localizar, filtrar e visualizar fontes específicas. Você pode classificar as fontes, em peso, largura, scripts ou usar palavras-chave para encontrar novas fontes. Facilitando a escolha da fonte que será usada. É bem interessante.
Nas ferramentas de desenho vetoriais foi implementado ou melhorado muitos recursos. Como cortar, soldar objetos, deslocar, copiar partes do objeto. Tudo bem prático e fácil de usar. No Photo Paint você pode com facilidade retirar objetos das imagens com apenas poucos cliques.
Com essa nova versão a suite Corel Draw X8 continua sendo um concorrente forte, uma boa opção ao Illustrator e Photoshop da Adobe, tanto para usuários simples como para profissionais exigentes.
13:28 · 06.10.2015 / atualizado às 13:28 · 06.10.2015 por

A Microsoft apresentou nesta terça-feira, em evento em Nova Iorque, um evento para mostrar novos produtos da empresa, entre eles um notebook próprio, a 4ª geração do Surface Pro e os Lumias 950 e 950 XL. Também foi mostrada a atualização para o Microsoft Band (uma pulseira inteligente), o Hololens e o Xbox One de 1TB.

Confira alguns detalhes dos novos produtos apresentados em Nova Iorque:

Surface Book

Surfacebook
Surfacebook

Parceira de várias empresas através do seu sistema operacional Windows, agora a Microsfot vai entrar na disputa com seu próprio notebook. O Surface Book terá 13,5 polegadas, bateria com duração de até 12 horas, com carcaça em metal, GPU Nvidia com memória GDDR5, os mais novos processadores Intel, trackpad em vidro com 5 pontos de toque e teclado retroiluminado. E, claro, ele roda o Windows 10.

Na linha dos 2 em 1, o Surface Book poderá virar um tablet. Basta destacar o teclado. Se você achou o produto atraente até agora, o preço não é nada agradável. Ele vai chegar este mês nos EUA custando a partir de US$ 1.499.

Lumias 950 e 950 XL

Lumias 950 e 950XL
Lumias 950 e 950XL

Os novos smartphones da Microsoft também foram apresentados. Lumias 950 e 950 XL já com o Windows 10 rodando neles. O 950 virá com uma tela OLED de 5,2 polegadas com 2560×1440 pixels, com processador hexa-core. Já o Lumia 950 XL, terá display OLED de 5,7 polegadas com 2560×1440 pixels e chip octa-core. Eles têm 32 GB de armazenamento interno, 3GB de memória RAM e virá com possibilidade de expansão com cartão microSD.

Além disso, os aparelhos possuem conexão USB-C e suportam a tecnologia de carregamento rápido; é possível encher 50% da bateria em menos de 30 minutos.

Os dois aparelhos também virão com câmera PureView de 20MP com estabilização óptica de imagem para a traseira e 5MP para a frontal.

Nos EUA os preços dos aparelhos serão US$ 549 (Lumia 950) e US$ 649 (XL). Para compensar, também será lançado um de baixo custo, o Lumia 550, por US$ 139.

Surface Pro 4

Surface Pro 4
Surface Pro 4

Custando a partir de US$ 899, o Surface Pro 4 chega mais uma vez com preço elevado. Porém, desta vez, ao menos a configuração é top tanto quanto o preço. O tablet da Microsoft virá com processador Intel Core de 6ª geração com até 1 TB de armazenamento e até 16 GB de RAM. O design será bem compacto com apenas 8,4 mm de espessura com tela de 12,3 polegadas.

Assim como a Apple, o Surface terá sua caneta, a Surface Pen. Ela suporta 1.024 níveis de pressão e possui bateria com autonomia de 1 ano (não recarregável). A caneta terá uma borracha no lado contrário da ponta.

O teclado promete ser menos barulhento e mais confortável. Ele virá com um leitor de impressões digitais para autenticação com o Windows Hello.

O tablet da Microsoft pode virar um notebook se você comprar para ele um acessório que adiciona 4 portas USB 3.0, duas saídas DisplayPort com resolução 4K e até uma Ethernet.

Microsoft HoloLens

Microsoft HoloLens
Microsoft HoloLens

Por US$ 3 mil você pode comprar, em 2016, o óculos de realidade virtual da Microsoft, o HoloLens. O valor é para desenvolvedores.

Microsoft Band

Microsoft Band
Microsoft Band

Bem mais barata que o HoloLens, custando US$ 249, a Microsoft Band chegou a sua segunda geração traz uma tela levemente curvada que acompanha o formato do pulso. Ela se conecta não só a smartphones com Windows, mas também com iOS e Android.

Disponível, nos EUA, a partir de 30 de outubro, a pulseira traz barômetro, batimento cardíaco, suporte a notificações, monitoramento de sono, sensor de radiação ultravioleta e GPS integrado.

Xbox One

Xbox One
Xbox One

A empresa reforçou que haverá retrocompatibilidade entre os jogos do 360 para o One e apresentou o novo console com 1TB de armazenamento e custará R$ 2.899 no Brasil.

11:31 · 03.08.2015 / atualizado às 12:20 · 03.08.2015 por

windows10O Windows 10 chegou e, com ele, uma série de novidades. Confira abaixo nove novas funções que você pode fazer novo sistema operacional da Microsoft e que não eram possíveis no Windows 8.

1. Fixar janelas nas quinas
A partir do Windows 7, o usuário pôde arrastar janelas para os cantos da tela e separar a Área de trabalho em duas — fazendo com que dois aplicativos ocupem cada metade da tela. Com o Windows 10, agora, arrastando as janelas para os cantos superiores e inferiores, é possível separar a tela em até quatro fragmentos.

2. Gerenciar notificações
A Microsoft adicionou um novo atalho para a central de ações (substitui as Charm Bars do Windows 8) no canto inferior direito do sistema operacional. O recurso engloba a aba de notificações e vários atalhos para funções do computador. Assim, é possível integrar apps e ter acesso a alertas e interações dos softwares instalados.

3. Múltiplas áreas de trabalho
O suporte às múltiplas áreas de trabalho finalmente está disponível para todos os usuários. Agora é possível abrir uma série de ferramentas de trabalho em um desktop e deixar outro para os itens de mídia, por exemplo. Para fazer a alternância, basta pressionar “Control + Windows + Direcionais (esquerda ou direita)”.

4. Modo Tablet
As opções de desktop comum são deixadas de lado no modo tablet, surgem atalhos maiores, mais acessíveis às interfaces touchscreen, e a tela Iniciar torna-se uma versão maior do Menu Iniciar — que faz seu retorno oficialmente ao Windows 10.

5. Facilidade nas configurações
Agora acessar essas ferramentas no Windows 10 ficou fácil. Basta ir até a Central de Ações e clicar em “Configurações”.

6. Mais controle do armazenamento
Inspirado nos dispositivos portáteis, o Windows 10 permite maior controle sobre o espaço ocupado pelos dados do computador. Ao digitar “Armazenamento” no Menu Iniciar, o usuário obtém ferramentas para acesso a um menu que mostra as porções ocupadas por arquivos de mídia, sistema, aplicativos, jogos e muito mais.

7. Navegador renovado
A Microsoft trocou o Internet Explorer pelo novo navegador Edge, que traz uma renovação no design e no motor de navegação. Ele é mais rápido, estável e fácil de usar do que o antigo, mostrando-se atualizado aos novos tempos e às novas necessidades dos consumidores.

8. Apps que rodam no modo Janela
No Windows 8, havia uma série de aplicativos belíssimos, mas que não permitiam interação com outras ferramentas. Eram os apps com a “interface Metro”, que só rodavam em tela cheia. Agora, eles podem ser usados como softwares comuns no bom e velho formato “Janelas” do Windows.

9. Desbloqueio biométrico
Pela primeira vez, o Windows traz suporte nativo para o desbloqueio de computadores por meio de impressões digitais. Isso já era possível no Windows 8, mas somente com a utilização de modificações das fabricantes.

14:02 · 02.08.2015 / atualizado às 14:26 · 02.08.2015 por

Os usuários que estão buscando atualizar seu Windows para a versão 10 devem ficar atentos. A Microsoft não envia e-mails com links de atualização para os clientes. Essa prática suspeita é uma ação de hackers que estão tentando usar o tema Windows 10 para tentar invadir computadores ao redor do planeta.

>>>>Está com dificuldade para baixar o Windows 10? Confira algumas dicas

fotocisco
E-mail fraudulento

Segundo o site Techinsider, o golpe foi descoberto pela equipe de segurança da Cisco. O objetivo dos invasores é tentar tomar dinheiro dos usuários. Se você abrir a mensagem e baixar o programa enviado pelo hacker, o software irá invadir seu computador e pedir dinheiro para que libere seu PC.

Ransoware em ação
Ransoware em ação

De acordo com o Techinsider, o dinheiro deverá enviado em formato de Bitcoins para que não haja chance de que o mesmo seja rastreado.

Só reforçando que usuários do Windows 7 e 8/8.1 não precisam pagar para fazer a atualização desde que seus sistemas sejam originais.

Notificação real da Microsoft que aparece no seu computador
Notificação real da Microsoft que aparece no seu computador
13:47 · 30.07.2015 / atualizado às 13:47 · 30.07.2015 por

windowsmicrosoftA Microsoft criou uma guia para ajudar os usuários que estão com dificuldade para instalar ou reinstalar o Windows 10. Siga os passos:

1 – Verifique se você tem:
1.1 – Uma conexão com a Internet.
1.2 – Armazenamento de dados suficiente disponível em um computador, USB ou unidade externa para o download.
1.3 – Um USB ou um DVD em branco (e gravador de DVD) com pelo menos 4 GB de espaço caso você queira criar uma mídia. É recomendável usar um USB ou um DVD em branco, pois todo o conteúdo dele será excluído.
2 – Leia os Requisitos do sistema.
3 – Se for instalar o sistema operacional pela primeira vez, você precisará da sua chave do produto Windows (xxxxx-xxxxx-xxxxx-xxxxx-xxxxx). Para obter mais informações sobre chaves do produto e quando elas são necessárias, visite a página Perguntas frequentes.
4 – Inicie a sessão no Centro de Serviços de Licenciamento por Volume para baixar edições Enterprise.
5 – Use a ferramenta de criação de mídia para baixar o Windows. Essa ferramenta proporciona a melhor experiência de download para clientes que executam o Windows 7, 8.1 e 10. A ferramenta inclui:
5.1 – Formatos de arquivo otimizados para velocidade de download.
5.2 – Opções de criação de mídia internas para USBs e DVDs.
5.3 – Conversão opcional para o formato de arquivo ISO.

Baixe agora a ferramenta (versão de 32 bits)

Baixe agora a ferramenta (versão de 64 bits)

A evolução do Windows
A evolução do Windows

Fonte: Microsoft

07:57 · 29.07.2015 / atualizado às 08:06 · 29.07.2015 por

O Windows 10 já está disponível para download gratuito nas máquinas de usuários ao redor do mundo. Mas você sabe a história do sistema operacional da Microsoft do primeiro até hoje? Para saber mais informações sobre o upgrade e como fazê-lo clique aqui. Confira no infográfico abaixo a história do Windows.

A evolução do Windows
A evolução do Windows
08:59 · 22.12.2014 / atualizado às 09:00 · 22.12.2014 por
Os aparelhos com Windows agora aparecem como em segundo lugar no número de celulares vendidos no Brasil
Os aparelhos com Windows agora aparecem como em segundo lugar no número de celulares vendidos no Brasil

O mercado de smartphones no Brasil continua crescendo. É o que aponta o estudo IDC Mobile Phone Tracker Q3, realizado pela IDC Brasil, empresa de inteligência de mercado, serviços de consultoria e conferências com as indústrias de Tecnologia da Informação e Telecomunicações. De acordo com o levantamento, foram vendidos 15,1 milhões de celulares inteligentes entre os meses de julho e setembro de 2014, o que significa um crescimento de 11% na comparação com o segundo trimestre e de 49% se comparado com o mesmo período do ano passado. No período também foram vendidos 4,7 milhões de feature phones.

“Novamente os resultados de vendas superaram nossas expectativas. Os smartphones não foram impactados pelos problemas que afetaram outros mercados e a tendência é que mais um recorde seja quebrado no próximo trimestre”, afirmou Leonardo Munin, analista de pesquisas da IDC Brasil. Segundo ele, alguns fatores têm contribuído para a popularização dos aparelhos. Entre eles, a oferta de dispositivos cada vez mais baratos. “No começo de 2011, o ticket médio dos aparelhos estava em R$ 900. No segundo trimestre deste ano caiu para R$ 700 e, entre julho e setembro de 2014, a média de preços ficou em R$ 590”, diz Munin. Para o analista, o comportamento das redes varejistas também influi nas vendas de smartphones. “O consumidor tem familiaridade com as grandes lojas, sente segurança para realizar o negócio e ainda conta com crédito fácil”.

Ainda sobre preços, o analista da IDC Brasil destaca que os aparelhos intermediários (de R$ 450 até R$ 900) ultrapassaram os de entrada (até R$ 400) e já representam metade do mercado brasileiro. Para Munin, o movimento é positivo e mostra que “o consumidor está entendendo melhor a questão do custo benefício e concluindo que o preço mais alto significa um aparelho também com mais qualidade e recursos”.

Além dos bons resultados no varejo, o smartphone tem tido uma parcela representativa no bolo de produtos de tecnologia. “Se juntarmos celulares inteligentes, tablets e PCs em uma mesma categoria vamos ultrapassar os 72 milhões de aparelhos vendidos, sendo 55 milhões apenas de smartphones, número que evidencia sua importância para o mercado de TI”, afirma Munin. Ele lembra que seis anos atrás, em 2008, a quantidade total de vendas foi de 15 milhões. Outra comparação trazida pelo analista refere-se ao aumento no número de fabricantes no mercado “Em apenas quatro anos, quase quadruplicou esse número – passou de 55, em 2010, para 194, em 2014”.

Sistema operacional
Dos aparelhos vendidos entre julho e setembro de 2014, 91% tinham o Android como sistema operacional. A novidade do período foi o Windows Phone, que ultrapassou o iOS depois de dois trimestres em segundo lugar, sinalizando que o ano deve encerrar com o Android em primeiro lugar em market share, com iOS e Windows Phone tecnicamente empatados.

Telas grandes invadem o mercado
A tendência das telas grande continua em alta. Em 2011, 93% do mercado era composto de aparelhos com tela abaixo de 4 polegadas e, em 2014, projeta-se que o mercado de smartphones termine o ano com mais de 63% de telas acima de 4 polegadas. Com relação aos phablets – dispositivos acima de 5 polegadas – a IDC acredita que até o final de 2016, 50% do mercado mundial seja composto por phablets. No Brasil, esse índice deverá ser atingido até 2018, sendo que, em 2013, os aparelhos com tela acima de 5 polegadas representavam cerca de 7% do mercado e neste ano já devem representar 15% do total de smartphones.

Novo recorde vem aí
Além de divulgar os resultados do estudo IDC Mobile Phone Tracker Q3 referente ao terceiro trimestre, a IDC Brasil antecipa dados apurados do quarto trimestre de 2014 e que apontam para a quebra de um recorde. “Outubro de 2014 foi o mês com o maior número de vendas de smartphones da história. Foram mais de sete milhões de aparelhos vendidos e, a título de comparação, apenas dois milhões a menos do que foi vendido em todo o ano de 2011. É impressionante”, afirma Munin, atribuindo parte desse movimento à Black Friday. “Segundo a e-bit, o smartphone foi o item mais procurado na Black Friday este ano. As receitas e pedidos no varejo online de celulares cresceram mais de 600% na comparação com 2013”. Para todo o ano de 2014, a IDC estima vendas de 55 milhões de celulares inteligentes.

13:23 · 19.12.2014 / atualizado às 13:23 · 19.12.2014 por
Lumia 730
Lumia 730

A atualização do Lumia Denim, já disponível nos smartphones Lumia 830, Lumia 730 Dual SIM e Lumia 735 desde que foram lançados no país, agora chega para os demais modelos da família Lumia com Windows Phone 8 à venda no Brasil. O Lumia 520 e o Lumia 625 serão os primeiros a receber o update e, nas próximas semanas, a nova versão do sistema operacional também poderá ser baixada no Lumia 930, Lumia 630, Lumia 1520 e Lumia 530.

Quem tem um Lumia 830, Lumia 730 ou Lumia 735 não precisa nem se preocupar porque, desde que chegaram ao Brasil, esses modelos já estão com o update instalado. O Lumia Denim oferece diversas melhorias como:

Organização: Agora os apps do Windows Phone podem ser organizados em Live Folders (pastas na tela inicial), reunindo os aplicativos por tema ou do jeito que você preferir. Por exemplo, você pode unir todos os apps de fotos que mais gosta numa pastinha e ocupar um único espaço na sua tela inicial e, que ao ser maximizada, mostra os Lives Tiles de cada um.

VPN: Para garantir ainda mais segurança para os nossos usuários, a novidade mantém a privacidade e segurança de dados de uma rede Wi-Fi, pública ou mesmo doméstica.

Espaço de apps: Agora dá para selecionar e configurar os aplicativos e Live Tiles que são os mais importantes para uma pessoa ou para uma empresa. Isso quer dizer que é possível controlar os apps ativos no seu Lumia. É ideal para donos de pequenas empresas que agora podem aperfeiçoar o smartphone corporativo de seus funcionários sem a necessidade de configurá-los por meio do Mobile Device Management (MDM).

Melhorias no Internet Explorer para acessar a web: Conecte-se e faça pesquisas ainda mais rápidas com o aumento da velocidade de downloads em websites móveis.

Encaminhar e agrupar mensagens de texto: Será possível selecionar mensagens SMS individuais para apagá-las de uma conversa ou copiar e colar dentro de uma nova mensagem. O que é mais legal é que agora dá para encaminhá-las como um novo SMS para outra pessoa (função muito útil especialmente nesta época do ano quando encaminhamos a mesma mensagem desejando feliz ano novo para todos os nossos amigos).

Hora da soneca: Quem nunca, né? Às vezes a gente precisa de mais 5, mais 10, mais 2 horas na cama… Agora você pode ajustar o tempo de soneca que você quer quando o alarme tocar.

Tela Glance: Exceto para o Lumia 930, agora todo mundo pode deixar a tela de bloqueio ainda mais personalizada. É muito mais informação na sua tela com apenas uma olhada no display (se você quiser, é claro). No Windows Phone é tudo do seu jeito.

Velocidade: Rápida inicialização da câmera e velocidade na captura de imagens para que ninguém perca a oportunidade de fotografar nenhum momento.

Alta definição: O recurso Moment Capture é ativado ao pressionar o botão da câmera por alguns segundos para que seja possível gravar vídeos de qualidade 4K com capturas de 24 frames por segundo. Cada frame é formado por uma imagem de 8.3 megapixels de alta qualidade, permitindo ainda que sejam salvos como fotos. Uau. Esse aqui é legal demais, fala sério?

Intuitivo: Os melhores cliques podem ser realizados com o uso do Rich Capture, que simplifica a captura de imagens com flash dinâmico e auto-HDR, sem exigir complexos ajustes nas configurações da câmera.

Qualidade: Permite a captura de ótimas imagens mesmo em ambientes com pouca luz com a última geração de algoritmos de imagem.

Fonte: Assessoria Microsoft