É Facebook, mas pode chamar de WhatsApp ou Instagram

Integração proposta por Mark Zuckerberg pode fazer rede social principal do grupo se transformar em um grande WhatsApp