Blog Polícia

Categoria: Agressão


23:10 · 23.05.2014 / atualizado às 15:51 · 26.05.2014 por
Foto_Naval_Sarmento_
(Fotos: Naval Sarmento)

O motorista de um Fiat/Siena Attractiv, que tentava fugir de policiais militares, no bairro José Walter, capotou na Avenida Perimetral e bateu em um motociclista, por volta das 22 horas desta sexta-feira (23).

De acordo com informações do sargento PM Lopes, a perseguição teve inicio no Bom Jardim, o suspeito vinha em fuga quando capotou o carro e bateu na motocicleta.

O motociclista morreu e o suspeito foi socorrido ainda no local, conforme informações da PM.

O Sistema Nacional de Segurança Pública (Sinesp) informa que o carro não possui nenhuma queixa de roubo, situação legalizada.

20:47 · 06.05.2014 / atualizado às 20:47 · 06.05.2014 por

O corpo de um homem foi encontrado por volta das 16h40 desta terça-feira (6) em uma praia próxima ao Porto do Pecém, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Populares acionaram a Polícia Militar, que foi ao local. A viatura do Ronda do Quarteirão de São Gonçalo do Amarante, RD 1175, composta pelo sargento Ribeiro e o soldado Gonçalves, atendeu a ocorrência.

O homem estava com todos os pertences nos bolsos, como carteira e até chaves. Informações preliminares indicam que o corpo apresenta uma perfuração a bala no queixo e outra no topo do crânio.

21:16 · 16.02.2014 / atualizado às 21:16 · 16.02.2014 por
As armas dos dois policiais foram apreendidas e serão encaminhadas à Controladoria Geral de Disciplina FOTO: Divulgação
As armas dos dois policiais foram apreendidas e serão encaminhadas à Controladoria Geral de Disciplina FOTO: Divulgação

Uma discussão entre dois policiais, um civil e um PM, terminou em uma troca de tiros, no começo da noite deste domingo (16), na Avenida Central do Conjunto Ceará. Os dois servidores da Segurança Pública sacaram suas armas e atiraram. Ambos foram feridos e levados de ambulância para o Instituto Doutor José Frota. O estado de saúde de um deles é considerado grave. Uma terceira pessoa que estava no local também foi baleada.

Segundo informações chegadas ao conhecimento da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), o incidente envolveu o inspetor Silvano, lotado na Delegacia de Combate aos Crimes de Exploração da Criança e do Adolescente (Dececa) e o cabo PM Germano José Régis de Oliveira, o cabo Régis.

O fato ocorreu a poucos metros do quartel da companhia da PM do Conjunto Ceará. Logo que ocorreram os disparos, várias viaturas chegaram ao local. Os dois policiais foram encaminhados de ambulância para o IJF. O estado de saúde do inspetor Silvânio é considerado mais grave. Já o cabo Régis chegou ao hospital consciente. A Polícia não divulgou o nome e o estado de saúde da terceira pessoas baleada durante o conflito.

Apesar de ambos os policiais estarem de folga, eles deverão ser investigado em processo disciplinar pela Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos da Segurança Pública e do Sistema Penitenciário (CGDOSPSP).

21:56 · 11.02.2014 / atualizado às 21:56 · 11.02.2014 por

 

Os dois suspeitos foram capturados numa operação comandada pelo major Océlio Alves, da 3ªCia/5°BPM FOTO: Fernando Ribeiro
Os dois suspeitos foram capturados numa operação comandada pelo major Océlio Alves, da 3ªCia/5°BPM FOTO: Fernando Ribeiro

Um crime planejado e com requintes de perversidade, motivado por vingança, deixou um comerciante gravemente ferido na noite de segunda-feira última no bairro São Gerardo, nesta Capital. O comerciante Antônio Nonato da Silva, 51, teve cerca de 35 por cento do corpo queimado durante um atentado praticado por uma gangue e se encontra internado no Centro de Tratamento de Queimados (CTQ) do Instituto Doutor José Frota.

O caso ocorreu no ponto comercial da vítima, um bar localizado na esquina das ruas Olavo Bilac e Ipê, estabelecimento que funciona ali há cerca de 20 anos. Os autores do crime já foram identificados e dois deles foram presos, na tarde de ontem, numa operação de policiais da Força Tática de Apoio (FTA) da 3ª Companhia do 5º BPM (Cristo Redentor), sob o comando do major Océlio Alves.

Segundo informações da Polícia, o crime foi originado de um pequeno incidente ocorrido pelo menos, duas horas antes. Um vizinho do comerciante teria se revoltado quando sua mãe, uma mulher idosa, por pouco foi atropelada por um adolescente em uma bicicleta. O rapaz socorreu a mãe e teria empurrado o adolescente. Foi o bastante para que o menor fosse em casa, apanhasse uma espingarda de calibre 12 (escopeta) de cano duplo, e voltasse ao local, próximo ao bar de Antônio Nonato da Silva.  O adolescente tentou localizar o filho da idosa e não o encontrou. Colocou a arma na cabeça da mulher, mas a vizinhança ligou para a Polícia. Quando fugia do local, o garoto foi apreendido por uma patrulha do Batalhão de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio).

Minutos depois, os comparsas do adolescente apareceram no local e descobriram que o dono do bar havia ligado para a Polícia, fato que resultou na apreensão do adolescente armado. Em represália, os bandidos foram até um posto de combustível próximo, compraram gasolina e voltaram ao bar. Segundo a Polícia, os três bandidos jogaram fogo na entrada do bar e no próprio comerciante e, em seguida, um deles riscou um palito de fósforo. Câmeras instaladas no próprio bar registraram a cena em que o fogo se espalha pelo estabelecimento e atinge Antônio Nonato da Silva.

A violência do crime chocou os moradores das proximidades e a Polícia recebeu, na manhã desta terça-feira (11), as imagens do caso. Incontinenti, o major Alves determinou que sua equipe fosse ao local do atentado e levantasse pistas sobre os suspeitos. No começo da tarde, dois deles foram localizados e receberam voz de prisão. São dois jovens, identificados como Lucas Eduardo Nascimento de Araújo, 18; e Antônio Cristiano Souza da Silva, 21. Ambos já possuem histórico criminal por delitos como assalto (roubo), tráfico de drogas, tentativa de homicídio e até formação de bando ou quadrilha armada. Também foi identificado o terceiro suspeito.  Trata-se de Rafael Sânzio Pinheiro da Silva Baltazar, que já é fichado nos arquivos do 1º DP (Monte Castelo). Reponde por um assassinato, roubo e também formação de quadrilha.

20:35 · 15.01.2014 / atualizado às 20:35 · 15.01.2014 por

Funcionários e pacientes do Hospital Municipal de Iguatu, na região Centro-Sul do Estado (384Km de Fortaleza). viveram momentos de pânico na última terça-feira, depois que aquela unidade de saúde foi invadida por homens armados. Os desconhecidos renderam os servidores e tentaram assassinar um homem que tinha dado entrada na Emergência do hospital já baleado. A Polícia suspeita de um crime de vingança.

O fato ocorreu minutos depois que o paciente, identificado como Paulo de Souza Silva, 30, deu entrada, em estado grave, apresentando ferimentos a bala. Ele chegou ao hospital numa motocicleta e pediu socorro. Imediatamente, foi levado para a Unidade de Emergência.

Momentos depois, o grupo invadiu o hospital e seguiu direto ao local onde Paulo de Sousa estava. Um deles disparou mais quatro tiros contra o paciente.

Na confusão que se estabeleceu dentro do hospital, pelo menos, mais duas pessoas ficaram feridas. Seriam funcionárias da unidade. Já o paciente, está em estado considerado grave depois de receber mais quatro disparos. Os bandidos desapareceram e não há, ainda, pistas concretas deles, já que o hospital não dispõe de câmeras.

Ainda de acordo com a Polícia, o crime pode ter sido de vingança, já que o homem baleado seria autor de um crime de homicídio naquele Município há alguns anos. A Delegacia Regional de Polícia Civil de Iguatu abriu inquérito para apurar o fato e espera o paciente se recuperar para que seja ouvido e possa fornecer informações sobre os suspeitos do atentado.

22:39 · 02.12.2013 / atualizado às 22:39 · 02.12.2013 por

Duas pessoas que tentaram assassinar um adolescente, na tarde de hoje, na Rua Aspirante Mendes, no bairro Aerolândia, foram capturadas pela Polícia, logo após o tiroteio. As armas usadas pela dupla, um revólver, calibre 38; e uma pistola, calibre 380, foram apreendidas.

De acordo com informações da patrulha RD-1018, do Ronda do Quarteirão, que atendeu à ocorrência, um menor de 17 anos era o alvo dos atiradores. Ele era morador da rua onde fato o aconteceu e havia se mudado por ter sido ameaçado de morte por seus desafetos. No entanto, costumava voltar ao local para visitar seus parentes.
Ontem, ele estaria sentado em uma calçada, quando percebeu que seus inimigos se aproximavam e tentou fugir. Ao tentar escapar por uma das vielas, foi baleado duas vezes, na altura do tórax e no pé. Uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi até o local e prestou os primeiros socorros ao adolescente, que acabou sendo transferido para o Instituto Doutor José Frota (IJF).

O menor de 14 anos, que portava o revólver foi encaminhado à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA); e Francisco Wesley Farias de Oliveira, 21, que usava a pistola foi levado para o 30ºDP (São Cristóvão). Eles disseram que iriam vingar a morte de um amigo, que a vítima dos disparos teria executado. Segundo informações dos policiais da RD-1018, o menor baleado confessou que é homicida.

04:13 · 11.11.2013 / atualizado às 11:33 · 11.11.2013 por

Um homem enfurecido, armado com uma faca de mesa, ameaçou matar uma jovem de 18 anos, com quem teria programado um programa sexual em um motel na Barra do Ceará, na zona Oeste de Fortaleza. O caso de cárcere privado, seguido de tentativa de assassinato, teve início na noite de domingo e só terminou no começo da madrugada desta segunda-feira, quando o suspeito foi dominado e desarmado por policiais militares do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque).

Era por volta de 21 horas, quando funcionários de um motel situado na Avenida Radialista José Limaverde, na Barra do Ceará (zona Oeste da Capital), ligaram para a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), informando que um homem mantinha uma jovem como refém em uma das suítes do motel e ameaçava  matá-la. Para tanto, ele usava uma faca pequena que estava encostada no pescoço da refém. Uma patrulha do Ronda do Quarteirão foi acionada para atender à  ocorrência e logo o caso,  que seria simples,  virou um desafio para a Polícia resolvê-lo.

Patrulha da 3ª companhia do 5º BPM (Cristo Redentor) e do Comando Tático Motorizado (Cotam),  fotam acionadas para o local.

O coordenador do policiamento da Capital e da Região Metropolitana, major PM Teófilo Gomes, foi comunicado  pela Ciops e passou a gerenciar a ‘crise’.

Por volta de meia-noite, o comandante do Gate, capitão PM  Antônio Cavalcante, chegou ao local e, junto com o major Teófilo e o tenente Pascoal (oficial de Choque),  passou a negociar com o suspeito armado. Depois de exigir drogas e a presença de jornalistas para se render, o homem, enfim, abriu a porta da suíte e foi dominado e desarmando pela equipe do Gate.

Foi identificado como Francisco Demontier Araújo do Nascimento, 37, vigilante, morador do bairro Antônio Bezerra, QUE foi capturado e levado para o plantão do 7º DP (Pirambu), onde acabou sendo autuado,  em flagrante delito,  por sequestro, cárcere privado e tentativa de homicídio.

Segundo a Polícia, na semana passada ele manteve, na mesma situação de refém, uma irmã em um caso  semelhante de cárecere privado,  no bairro Antônio Bezerra. Contudo, a garotapreferiu não registrar queixa e o caso não teve registro policial. Dessa vez, ele foi detido em flagrante.

16:15 · 21.10.2013 / atualizado às 16:44 · 24.10.2013 por

Vinte e cinco homicídios foram registrados no fim de semana na Grande Fortaleza (Capital e Região Metropolitana), compreendendo o período das 18 horas de sexta-feira passada (18) às 6 horas desta segunda-feira (21). Dos 25 assassinatos, 16 deles ocorreram nas ruas, de Fortaleza e os demais (9) em Municípios da zona metropolitana, na seguinte ordem, Caucaia (3 crimes), Maracanaú (1), Pacatuba (1), Chorozinho (1), Horizonte (1), Maranguape (1) e Pacajus (1).

Segundo dados coletados junto aos órgãos da Segurança Pública, os bairros da Capital que apresentaram maior número de homicídios no fim de semana foram o Genibaú, Planalto Ayrton Seenna (Pantanal) e a Barra do Ceará. Em cada um deles ocorreram dois assassinatos.Entre as vítimas dos crimes na Barra do Ceará, figurou uma mulher, identificada como Maria Aldenízia Rodrigues Pereira, que foi abatida, a tiros, por volta de 10 horas de domingo em plena Avenida Senador Robert Kennedy, na comunidade Goiabeiras. Cerca de 13 horas depois, um homem (sem identificação) foi morto no mesmo bairro, também a tiros. Até agora, nenhum dos homicidas foi identificado ou preso.

Além da Barra do Ceará, do Genibaú e do Planalto Ayrton Senna, ocorreram crimes em Fortaleza nos seguintes bairros: Cocó, Conjunto José Walter, Messejana,  Fátima, Cajazeiras, Bom Jardim, Itaperi e Quintino Cunha.

Dos 25  homicídios, 19 deles foram cometidos com o uso de armas de fogo (revólveres e pistolas). Houve, ainda, o caso de cinco assassinatos praticados com armas brancas (facas) e um homem linchado logo após matar a ex-amante, fato ocorrido na Rua Castro Vieira, no Planalto Ayrton Senna, às  22 horas de sexta-feira.

A maioria dos assassinatos não teve a autoria definida, isto é, os criminosos não foram identificados e, portanto, são casos que passam a ser apurados pelas quatro delegacias que compõem a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Veja, a seguir, a lista das vítimas dos homicídios:

1- Francisco Felipe Andrade Fernandes (Cocó), 2- Maria José da Conceição (Planalto Ayrton Senna), 3- José Uelton Vidal Fernandes (Planalto Ayrton Senna), 4- Antônio José da Silva Sousa (José Walter), 5- Lucas Almeida Machado (Messejana), 6- Lucas Alexandrino Silva (Genibaú), 7- Irineudo Ferreira dos Santos (Fátima), 8- Antônio Paulo Nascimento de Sousa (Parque São Gerardo-Caucaia), 9-Antonio Carlos dos Santos Silva (Genibaú), 10- Ricardo Gomes de Sousa (Planalto Ayrton Senna), 11- Rener Rodrigues dos Santos (Siqueira), 12- Leonardo Nascimento de Sousa (Conjunto Mal. Rondon-Caucaia), 13- Leonardo Lima de Oliveira (Planalto Vitória-Maracanaú), 14- Tiago Alves Duarte (Cajazeiras), 15- Ismael da Silva (CE-060-Pacatuba), 16- Francisco Marvilásio da Costa Maia (Bom Jardim), 17- Corpo sem identificação (Barra do Ceará), 18- Maria Aldenízia da Costa Maia (Goiabeiras-Barra do Ceará), 19- Marcus Vinícius Carvalho Pereira (Itaperi), 20- Joseli Leitão Malaquias (Quintino Cunha), 21- Corpo sem identificação (Caucaia), 22- Odelir Carvalho de Oliveira (Chorozinho), 23- Francisco César da Silva ((Horizonte), 24- Francisco Márcio Araújo da Costa (Pirapora-Maranguape), e 25- José Wilker de Carvalho (Pacajus).

17:50 · 24.09.2013 / atualizado às 17:50 · 24.09.2013 por

Neste momento, confronto entre manifestantes e guardas municipais no Paço Municipal. Baderneiros quebrararam vidraças do Paço, e a Guarda Municipal respondeu com bombas de gás. Em seguida, alguns tentaram queimar uma moto da AMC e a Tropa de Choque da PM foi para cima. Ânimos acirrados neste momento no local.

A manifestação pelo passe livre nos ônius para estudantes de Fortaleza havia começado de forma pacífica na Praça Clóvis Beviláqua, por volta das 16 horas,  mas quando a passeata chegou na Praça José de Alencar houve o primeiro incidente, quando alguns manifestantes tentaram pichar uma banca de jornais e revistas. O proprietário, Tadeu Barroso Félix, 48 anos,  reclamou e,  ao tentar evitar a depredação, foi espancado. Ele foi levado por uma viatura da PM para o IJF-Centro e foi liberado,  depois de atendido na Emergência.

Toda a manifestação está sendo monitorada pelas câmeras da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e da AMC.  Há vários mascarados entre os manifestantes, contrariando uma ordem judicial.

17:08 · 24.09.2013 / atualizado às 17:08 · 24.09.2013 por

Tadeu Barroso Félix, 48 anos, comerciante, dono de uma banca de revistas e jornais da Praça José de Alencar está, neste momento, sendo atendido na Emergência do Instiuto Doutor José Frota (IJF).  Ele foi severamente espancado por baderneiros que estão infiltrados numa manifestação de estudantes que pedem passe-livre nos ônibus da Capital.

Segundo o Comando do Policiamento da Capital (CPC), o comerciante foi espancado porque reclamou quando os baderneiros estavam pichando sua banca. Nesse momento, ele  está na sala de pequenas cirurgias.

A manifestação está seguindo em direção à sede da Prefeitura de Fortaleza (Paço Municipal), onde a Tropa do Batalhão de Choque já está posicionada junto com a Guarda Municipal. Patrulhas do Raio também já foram deslocadas para lá.

São cerca de 150 estudantes e destes, cerca de 30 estão usando máscaras e capuzes, segundo a Inteligência da PM.

Pesquisar

Blog Polícia

Blog de Polícia d Diário do Nordeste
Posts Recentes

10h09mPolícia descobre buraco cavado por presos na Delegacia de Capturas

11h09mCotam prende suspeito de atear fogo em taxista

09h09mDivisão de Homicídios prende homem que matou por ter carro amassado; mais 4 casos são solucionados

06h09mPopulares agridem suspeito de assalto no Bonsucesso; assista ao vídeo

10h09mPoliciais militares promovem campanha para vestir fardamento nas salas de aula

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs