Roberto Maciel

Mês: abril 2014


07:30 · 17.04.2014 / atualizado às 07:19 · 17.04.2014 por

A propósito do post anterior, vale notar que seria bem vinda uma campanha do tipo “Não dê dinheiro aos flanelinhas”.

É que a ação de alguns “pastoradores de carros” e limpadores de parabrisas contra a segurança e o patrimônio alheios é de gravidade sem igual.

Há até que defina a prática como extorsão – o que, em alguns casos, é até uma classificação modesta.

*** *** ***

E não são raros os apelos para que a Prefeitura contenha o ímpeto e a agressividade de alguns flanelinhas.

Atualmente, dois projetos na Câmara Municipal, por exemplo, propõem que seja exigido deles registro profissional – um de Benigno Jr. (PSC) e outro de Márcio Cruz (Pros).

E, no campo da indignação popular, há no Facebook página intitulada “Fortaleza Sem Flanelinhas”.

07:15 · 17.04.2014 / atualizado às 07:15 · 17.04.2014 por

Publiquei hoje na Coluna Comunicado, do jornal Diário do Nordeste:

Começa hoje a sétima edição da campanha “Não dê esmola a criança em situação de rua”, do Ministério Público do Ceará. A abertura da programação, no Colégio Eudoro Correia (Parangaba), inclui exposições, apresentações culturais e prestação de serviços ao cidadão, como emissão de certidão da nascimento e RG, teste de glicemia, vacinação e outros. A base do argumento do MPE é o fato de que quanto mais pessoas dão esmolas, mais crianças se dispõem a pedi-las. E o de que o hábito de dar esmolas a crianças incentiva a dependência.

Há uma referência para a ação do Ministério Público Estadual. “Vivemos um contexto de Copa do Mundo, de incentivo ao turismo. Isso traz mais riscos relacionados ao tráfico de seres humanos e à mendicância infantil”, diz o promotor Edson Landim, que coordena a campanha.

16:12 · 16.04.2014 / atualizado às 06:13 · 16.04.2014 por

Podes crer: o cineasta, teatrólogo e político – ex-senador que é – italiano Franco Zefirelli tem algo a ver com Paracuru, no litoral do Ceará.

É dele a leitura sobre o sofrimento e o sacrifício de Cristo que serviu de referência para a peça “Paixão de Cristo – Jesus Vive”, a ser montada encenada na próxima sexta-feira, às 20h, na Praça do Farol, na simpática cidade praiana.

Trata-se de uma ópera sacra.

E saiba que “Paixão de Cristo – Jesus Vive” não é uma produção modesta. O elenco, por exemplo, é pra lá de representativo. Estarão em cena 180 atores e figurantes.

O supergrupo engajou integrantes de formações locais, como Teatro Sacro de Umarizeiras, Escola de Dança de Paracuru, Orquestra de Flautas, Coral das Escolas Públicas e Banda de Música Mestre Pixuna.

11:26 · 16.04.2014 / atualizado às 06:31 · 16.04.2014 por

Trecho de matéria da Agência Brasil, assinada por Sabrina Craide:

O aeroporto de Fortaleza será o único do país com estrutura provisória de terminal durante a Copa do Mundo, que começa no dia 12 de junho. Segundo o ministro de Aviação Civil, Moreira Franco, foi feito um plano alternativo no aeroporto, porque as obras previstas para o Mundial não foram concluídas.

“Tomamos a decisão de ter um plano alternativo para lá, pela gravidade do problema”, disse o ministro, ao informar que a estrutura provisória permanecerá até o fim da reunião do Brics, grupo formado pelo Brasil, a Rússia, a Índia, a China e a África do Sul, que ocorrerá logo depois da Copa.

Moreira Franco informou que a Infraero tomará as medidas necessárias para o cumprimento do contrato de construção do aeroporto. “Temos que começar a viver um ambiente em que os contratos sejam efetivamente respeitados”, disse o ministro.

De acordo com o ministro, os demais aeroportos que atenderão à Copa não precisarão de estruturas provisórias. “Estaremos em condições de atender à demanda que virá para o Brasil”, garantiu. No aeroporto de Brasília, o Píer Sul será inaugurado amanhã (16) e o Píer Norte, em maio. Nos aeroportos paulistas de Guarulhos e Viracopos, a previsão de inauguração é para o próximo mês.

*** *** ***

Trocando em miúdos, o que o ministro não explicou ainda foi a razão de as obras do Aeroporto Pinto Martins terem atrasado de forma tão galopante nem apresentou ainda uma contabilidade do tamanho do prejuízo que o contribuinte está amargando.

E isso precisa ser explicado.

10:19 · 16.04.2014 / atualizado às 06:25 · 16.04.2014 por

Leia o texto abaixo, caro leitor, como se fosse a segunda parte de um relato para análise.

Foi publicado ontem no portal do Governo do Ceará:

Representantes do Governo do Estado e da Petrobras se reuniram nesta terça-feira (15), na Secretaria da Infraestrutura (Seinfra), para discutir o andamento do cronograma de ações para a instalação da refinaria Premium II no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP). Entre as principais ações está a terceira fase da expansão do porto, obra que vai atender prioritariamente o empreendimento petrolífero. “São projetos casados, um depende diretamente da consolidação do outro”, definiu o gerente-geral da Premium II, Paulo Turazzi. O secretário da Infraestrutura, Adail Fontenele, comandou o encontro onde foram colocadas as prioridades para acelerar a instalação da refinaria no Ceará.

A terceira etapa da expansão do Porto do Pecém está com a abertura de licitação prevista para junho deste ano e consiste na construção de oito novos berços e um novo quebra-mar. Além disso serão realizadas diversas obras de adequação e modernização portuária. O Pecém, até 2020, deverá movimentar cerca de 60 milhões de toneladas de produtos devido aos novos projetos estruturantes que estão se instalando no Complexo Industrial na retroárea do porto, como a Siderúrgica, a Ferrovia Transnordestina e a Refinaria. Com esta movimentação o Pecém deverá estar entre os cinco maiores portos do país.

Já está em execução e com o cronograma acelerado a segunda etapa de ampliação do Porto do Pecém, com construção de dois novos berços, uma nova ponte de acesso e uma via sobre o quebra­-mar, com investimento de R$ 568 milhões; aquisição de uma nova correia transportadora com investimento de R$ 215 milhões e um novo descarregador de granéis com valor de R$ 80 milhões. Também será implantado um Terminal Intermodal de Cargas – TIC com detalhamento de investimento a ser definido através de PPP.

Também participaram do encontro a Cogerh, Cagece, Cearáportos, DER, Semace, PGE, além da Secretaria da Fazenda, representada pelo secretário João Marcos Maia e assessores que discutiram propostas de incentivos fiscais para a consolidação do projeto da refinaria. Para o secretário da Infraestrutura, Adail Fontenele “é importante frisar a objetividade das discussões entre Estado e a Petrobras e o entendimento dessa reunião como mais uma ação voltada para a concretização deste sonho”.

“A refinaria está no plano de negócios da Petrobras apresentado pela presidente Graça Foster e consta como projeto em licitação”, observou o gerente de Estruturação da Premium II, Raimundo Lutif, deixando claro que o empreendimento faz parte das prioridades da estatal. Outra garantia da instalação da Premium II é que até o final do mês de abril está previsto lançamento de convites de licitações de pacotes de obras do empreendimento e a licitação de geração de hidrogênio para a refinaria, que já se encontra em andamento.

10:18 · 16.04.2014 / atualizado às 06:24 · 16.04.2014 por

Leia o texto abaixo, caro leitor, como se fosse a primeira parte de um relato para análise.

Foi publicado hoje na editoria de Política do jornal Diário do Nordeste:

Deputados cearenses repercutiram ontem, na Assembleia Legislativa, a manchete do Diário do Nordeste da última segunda-feira, que destacava os problemas que a instalação da Refinaria Premium II poderia sofrer com a crise da Petrobras. Enquanto alguns parlamentares, em especial os petistas, defendiam a estatal, a maioria dos presentes criticaram as promessas feitas pelos governos Lula e Dilma Rousseff quanto ao equipamento a ser implantado no Estado.

O presidente da Casa, José Albuquerque (PROS), afirmou que, mesmo com as denúncias de irregularidades na empresa e as críticas de opositores, dará continuidade aos trabalhos do projeto “Refinaria Já!”. Nós precisamos contar com o apoio dos colegas, porque não estou tentando fazer política com a Refinaria (…) Todos nós sabemos as dificuldades mas não vamos deixar a política envolver nesses temas”, declarou Albuquerque.

O deputado Lula Morais (PCdoB) também defendeu os investimentos da Petrobras no Brasil e afirmou que “ninguém vai conseguir destruir a Petrobras”. “Isso é importante, porque nesse momento estamos ouvindo uma cantilena quase que em sua totalidade de ataque frontal, como se a Petrobras tivesse a bancarrota”, apontou. Segundo Morais, em 2003, a empresa valia apenas U$S 13 bilhões e, hoje, está avaliada em U$S 100 bilhões, quase oito vezes a mais do que no passado.

O deputado Osmar Baquit (PSD) defendeu a necessidade de se apurar as denúncias de possíveis irregularidades da Petrobras, destacando que o problema é da área da Polícia e não partidária. Já Ely Aguiar (PSDC) chamou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de “mentiroso” por ter feito promessas não cumpridas aos cearenses.

Aguiar ainda chamou o presidente da Assembleia, José Albuquerque, de “sonhador”, destacando que será enganado assim como Tasso Jereissati, Cid Gomes e Ciro Gomes. Ele lembrou que a Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, está funcionando, como ampliação de etapa, enquanto os empreendimentos do Ceará e Maranhão ainda não têm data para início das obras.

Ely Aguiar acrescentou que a Petrobras está “abarrotada de escândalos”, correndo o risco de ser apenada por uma CPI que não viabilizará a construção da Premium II. Ele lembrou que, em São Luiz do Maranhão, o ex-ministro Ciro Gomes chamou de “enganação” e “enrolação” a Refinaria prometida para Ceará e Maranhão, justificando que a Petrobras está descapitalizada para investir nos estados. “E agora, com esse escândalo todo, vão construir?”, questionou.

Lula Morais, apesar de concordar com alguns pontos apresentados por Ely Aguiar, disse que os investimentos feitos na região onde será construída a Refinaria não foram em vão. “Eu estou com o presidente Zezinho Albuquerque. Estão inventando conversas de que a Petrobras está falida”, disse, afirmando que em reunião com o ex-presidente da Petrobras, Sergio Gabrielle, não foi tratado o tema Refinaria, mas uma siderúrgica de posse do ex-senador Tasso Jereissati.

João Jaime (DEM) se contrapôs a Lula Morais e chamou o colega de “maldoso”, pois a siderúrgica não era do ex-senador, mas de uma empresa italiana. “Vossa excelência é maldoso e devia reparar suas falas, pois tenta confundir a população querendo passar a entender que a siderúrgica era um empreendimento privado”, criticou.

Omar Baquit (PSD) também criticou as falas de Morais, afirmando que ele é “maldoso” e não conhece a informação dita. Ele pediu provas de que a siderúrgica era de Tasso Jereissati. “O senador Tasso foi um batalhador para o Ceará. Agora, ninguém pode falar de uma Petrobras que vem discutir no campo pessoal”, lamentou Baquit.

Fernando Hugo afirmou que o PT foi o responsável pela atual crise na Petrobras e chamou os petistas de “canalhas” e “enganadores”. A líder do PT na Assembleia, Rachel Marques respondeu que todas as denúncias feitas serão apuradas com rigor através da Polícia Federal e Ministério Público. “Felizmente, em nosso País, hoje, as denúncias são apuradas. Há outros interesses privados em torno da Petrobras”, disse a parlamentar, enfatizando que foi no Governo Lula que a Petrobras foi valorizada.

O petista Professor Pinheiro também defendeu a Petrobras e disse que faltou “decência” ao deputado Fernando Hugo em suas palavras. João Jaime lembrou que a Petrobras é a maior financiadora de ONGs que não atuam de forma adequada no Brasil. Segundo ele, políticos têm criado organizações “laranjas” apenas para receber financiamento da estatal do petróleo.

Já Idemar Citó (DEM) opinou que todo brasileiro sabe dos problemas e irregularidades da Petrobras. Segundo ele, alguns parlamentares têm tentado defender o “indefensável” quanto ao que classificou de “roubo” da Petrobras. O deputado Dedé Teixeira (PT) afirmou que a estatal petrolífera é a empresa de maior orgulho para o Brasil. Segundo o petista, há uma tentativa de desqualificar a imagem da instituição por parte da oposição, o que ele definiu como “danosa” ao Brasil e à Petrobras.

06:17 · 16.04.2014 / atualizado às 06:17 · 16.04.2014 por

A propósito do Tribunal de Justuiça, vale observar que o presidente do órgão é desde ontem o governador do Ceará.

Abaixo, trechos de matéria publicada hoje na editoria de Política do jornal Diário do Nordeste:

O chefe do Judiciário estadual ficará no cargo no período de 15 a 25 deste mês, em decorrência da viagem do governador Cid Gomes ao exterior.

O vice-governador do estado, Domingos Filho, declinou da função interina para evitar que seus parentes se tornem inelegíveis para eleições municipais. O segundo nome para assumir o cargo seria o presidente da Assembleia Legislativa, deputado José Albuquerque, que também desistiu do cargo.

O ato solene de assinatura do termo de posse ocorreu no Gabinete da Presidência no Palácio da Justiça, no Cambeba. Entre os participantes da solenidade estavam o procurador-geral do Estado, em exercício, Fábio Carvalho e a juíza auxiliar da Presidência, Mirian Porto Mota Randal Pompeu.

Gerardo Brígido é desembargador do Tribunal de Justiça desde de outubro de 2002. Esta é a primeira vez que o desembargador assume o Governo do Estado.

06:09 · 16.04.2014 / atualizado às 06:09 · 16.04.2014 por

A propósito do post anterior, vale observar que os intrépidos deputados estaduais e vereadores, que tanto falam pela moralidade, ética e respeito ao cidadão, não deram um pio sequer a respeito da apuração sobre denúncias de venda de habeas corpus no Tribunal de Justiça do Ceará.

Na Assembleia, Heitor Férrer, Roberto Mesquita, João Jaime, Ely Aguiar, Fernanda Pessoa, Eliane Novais, Ferreira Aragão e Fernando Hugo que falam de tudo, que tanto bradam pela justiça – algumas vezes acenando do plenário com jornais nas mãos, já que isso rende boas fotos na Imprensa -, passaram ao largo do grave problema na Justiça.

Na Câmara de Fortaleza, Deodato Ramalho, Wagner Souza, João Alfredo, Ronivaldo Maia, Guilherme Sampaio e Toinha Rocha, donos de valentes discursos que que tanto bradam pela justiça – algumas vezes acenando do plenário com jornais nas mãos, já que isso rende boas fotos na Imprensa -, passaram ao largo do grave problema na Justiça.

Ê, ê!

06:00 · 16.04.2014 / atualizado às 06:00 · 16.04.2014 por

Publiquei hoje na Coluna Comunicado, do Diário do Nordeste:

Hora de ter coragem
A apuração do Conselho Nacional de Justiça sobre suspeitas de venda de habeas corpus no Tribunal de Justiça do Estado abre, mesmo com a gravidade que reveste o assunto, oportuna chance para que outros segmentos dos poderes constituídos fortaleçam o Judiciário. É um efeito reverso, então – a ação deletéria provocando a melhoria. É que deputados e vereadores, alguns especializados em metralhar com críticas frentes indistintas do serviço público, têm agora diante de si a possibilidade de analisar o tema e ampliar o debate. Basta ter coragem.

Extensão
Palavras do presidente do TJCE, desembargador Luiz Gerardo Brígido: “Temos indícios de que há uma rede organizada para conceder liminares criminais. Dois desembargadores são investigados pelo CNJ”. Há, ainda, elementos que apontam para advogados, servidores do Judiciário e integrantes do Ministério Público, segundo ele.

Responsabilidade
É justamente a extensão presumida dessa “rede organização” – Gerardo Brígido evita a palavra “esquema” – que impõe o compartilhamento de responsabilidades. Tanto da parte da Ordem dos Advogados quanto da do Conselho Nacional do Ministério Público, os cortes na própria carne são necessários. E irrecorríveis.

11:00 · 15.04.2014 / atualizado às 16:55 · 14.04.2014 por

Também conhecido como “Pobre na Forma da Lei”, o vereador petista Ronivaldo Maia inaugurou em plena Semana Santa a fase Acredite Se Quiser.

É dele a seguinte – e propositiva – frase:

Quando apontamos problemas é para reconhecer, para ter humildade de ver o que está acontecendo e achar a melhor maneira para enfrentar.

Mais humilde, impossível.

Pesquisar

Roberto Maciel

O blog é de autoria do jornalista Roberto Maciel, da coluna Comunicado, da editoria Cidade, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

11h10mCanoa Blues começa em Fortaleza dia 1º de novembro, no Centro Cultural BNB

08h10mO desapego municipal

06h10mDe longas datas

11h10mEscola de Gastronomia põe à mesa ciclo de formação

08h10m“Voto útil” para quem?

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs