Roberto Maciel

Categoria: Cultura


11:30 · 15.10.2018 / atualizado às 18:23 · 15.10.2018 por

A 11ª edição do Canoa Blues chega a Fortaleza no dia 1º de novembro, trazendo artistas conceituados do gênero para o Ceará. O festival inicia no Centro Cultural Banco do Nordeste de Fortaleza, a partir das 19h, com apresentação dos músicos Marcelo Justa & Carlinhos Perdigão, nomes de destaque no blues regional e consolidados na música contemporânea local.

A Cyara Blues, banda comandada pela guitarrista Débora Marc, também marca presença no primeiro dia de evento. O festival continua nos dias 9, 10 e 11 em Canoa Quebrada, com uma extensa programação gratuita, reunindo músicos e bandas dos cenários local e nacional do Blues.

O Festival, que tem início em Fortaleza, segue viagem para uma das praias mais famosas do Ceará, Canoa Quebrada. O evento tem o patrocínio do Governo do Estado do Ceará, da Sebrae e do Banco do Nordeste, além de estar no calendário cultural oficial do estado e movimentar a economia do litoral leste, trazendo visitantes para conhecer esse lugar paradisíaco.

Banco do Nordeste e Governo do Brasil, Sebrae-CE, Assembleia Legislativa do Ceará e Prefeitura do Aracati patrocinam o Canoa Blues 2018.

Confira a programação completa:

01 de novembro, quinta-feira
Local: Centro Cultural Banco do Nordeste de Fortaleza – Centro
Shows: Marcelo Justa e Carlinhos Perdigão e Cyara Blues
Hora: 19h30min
Acesso gratuito

09 de novembro, sexta-feira
Local: Canoa Quebrada
Shows: Blues do Nordeste e Marley Blues (Polo de Lazer de Canoa Quebrada), às 22 horas.
Acesso gratuito

10 de novembro, sábado
Local: ONG Canoa Criança
Oficina de arte-educação – introdução à eletrônica na música

10 de novembro, sábado
Local: Duna do Por do Sol, em Canoa Quebrada, com músicos participantes e convidados, às 16h30min.
Acesso gratuito

10 de novembro, sábado
Local: Canoa Quebrada
Shows: Bia Marquese e Mr. Jack (Polo de Lazer Canoa Quebrada), às 22 horas.
Acesso gratuito

11 de novembro, domingo
Roberto Lessa e Kazane em Jam Session com músicos convidados, a partir da meia-noite.
Acesso gratuito

23 de novembro, sexta-feira
Conselho Comunitário de Canoa Quebrada, às 15 horas.
Doação de livros para o Conselho Comunitário de Canoa Quebrada

Redes Sociais
Facebook: https://www.facebook.com/CanoaBlues/
Instagram: @canoablues
Twitter: https://twitter.com/canoablues
E-mail: forblues@gmail.com

11:00 · 29.09.2018 / atualizado às 11:01 · 28.09.2018 por

Com parte da trilha sonora composta pelo elenco, que também cuidou de arranjos, o espetáculo “Amado”, inspirado na obra de Jorge Amado, será apresentado em Fortaleza de 26 a 28 de outubro. Será na Caixa Cultural.

Unindo teatro, circo, música e dança, esse “romance-imaginário” criado no Instituto Brincante, tem direção, roteiro e montagem de Rosane Almeida, e consultoria artística de Antônio Nóbrega.

A trilha é uma síntese dos ritmos brasileiros, explorando o que de melhor se criou na música instrumental. As letras transmitem poeticamente as passagens mais significativas da obra de Jorge Amado e as canções são interpretadas ao vivo em quase toda a duração da peça.

08:39 · 14.09.2018 / atualizado às 18:41 · 12.09.2018 por

A Prefeitura de Fortaleza lança hoje, no Paço Municipal, com a presença do prefeito Roberto Cláudio (PDT), o Festival de Música de Fortaleza 2018. Será às 9 horas, no auditório do Gabinete do Prefeito.

Podem participar do Festival, os artistas residentes no País e no Exterior, com idade acima de 18 (dezoito) anos, que apresentem música inédita composta em língua portuguesa.

Considera-se inédita pelo Edital do Festival a composição que ainda não tenha sido objeto de comunicação ou transmissão ao público, sob qualquer plataforma, ou fixação de qualquer natureza.

O vencedor do Festival terá como premiação um contrato para apresentação no Reveillon 2019 de Fortaleza.

O período de inscrição acontece de 14 de setembro a 12 de outubro e a divulgação das músicas classificadas será anunciada no dia 30 de outubro de 2018.

O festival terá duas eliminatórias. A primeira no dia 30 de novembro e a segunda no dia 1º de dezembro de 2018. A etapa final do Festival de Música de Fortaleza 2018 acontece no dia 8 de dezembro de 2018.

As informações relacionadas ao Festival de Música de Fortaleza 2018, além do edital e ficha de inscrição, serão disponibilizadas a partir de sexta-feira, 14/09, no site: https://www.fortaleza.ce.gov.br/.

09:04 · 04.09.2018 / atualizado às 20:07 · 03.09.2018 por

A política que se faz no Brasil é claudicante, monetarista e tristemente obtusa.

Precisou o Museu Nacional do Rio de Janeiro ser consumido por um incêndio – no mínimo resultado da criminosa omissão da gestão golpista de Michel Temer em relação aos bens públicos – para que o Senado, segundo o portal da Casa, “reabrir” discussões sobre “o papel sociocultural dos museus”.

Dá pena!

Veja trecho de texto publicado hoje:

O incêndio que atingiu o Museu Nacional, no bairro de São Cristóvão, no Rio de Janeiro, na noite de domingo (2), reabriu o debate sobre o papel sociocultural dos museus e o investimentos nas instituições. O acervo de cerca de 20 milhões de itens foi praticamente todo consumido pelo fogo, ainda sem causa definida. A instituição, a primeira do tipo no Brasil, foi criada por D. João VI em 1818, à época chamado de Museu Real. Com duzentos anos, recebeu 192 mil visitantes, apenas em 2017.

No Senado, está em análise um projeto de lei que institui o dia 18 de maio como o Dia Nacional do Museu, seguindo o exemplo da comunidade internacional, que também comemora a data. O PLS 249/2018, da senadora Maria do Carmo Alves (DEM-SE), está em análise na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), onde é relatado pela senadora Marta Suplicy (MDB-SP).

De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), existem, em todo o país, cerca de 3,7 mil museus, que receberam mais de 32 milhões de visitantes em 2017, segundo o instituto. A intenção do projeto é ampliar ainda mais o número de visitantes, não só nos museus, mas também nos memoriais e instituições de preservação da memória, por meio do estímulo a exposições e eventos, contribuindo para o reconhecimento dos museus como instituições de natureza cultural.

“A exposição de objetos e documentos históricos, interpretados e expostos sob diversos prismas, é sempre valiosa para preservação da memória, da diversidade e dos sentidos nacionais no imaginário da população”, afirmou Maria do Carmo, na justificativa da proposta.

03:11 · 04.09.2018 / atualizado às 20:14 · 03.09.2018 por

Publiquei hoje na Coluna Comunicado, do jornal Diário do Nordeste:

A Câmara federal analisa projeto com diretrizes para a política cultural e para a garantia dos direitos culturais. A matéria tem a ver com um momento em que alguns setores se manifestam pela volta da censura – o que seria um retrocesso ímpar para as artes e o pensamento – e com o rescaldo do incêndio do Museu Nacional. O texto será submetido às comissões de Cultura, com os cearenses Domingos Neto (PSD) e Raimundo Gomes de Matos (PSDB), e de Constituição e Justiça e de Cidadania, que tem Genecias Noronha (SD), Vicente Arruda (PR), Danilo Forte (PSDB), Moses Rodrigues (MDB), Gorete Pereira (PR) e José Guimarães (PT).

O projeto determina liberdade de expressão das atividades intelectual, artística e científica; difusão das manifestações culturais; e salvaguarda do patrimônio cultural brasileiro e de proteção dos bens culturais.

*** *** ***

Vale lembrar que esse noticiário ganha forma justamente após o incêndio do Museu Nacional do Rio de Janeiro – um episódio funesto mas revelador da má qualidade do governo golpista de Michel Temer.

15:44 · 31.08.2018 / atualizado às 05:46 · 30.08.2018 por

Iniciativa interessante que vem por aí.

É o I Prêmio Inovaleitura, cuidando de valorizar iniciativas de formação de novos leitores – com ênfase em em escolas públicas de ensino fundamental de Fortaleza e da Região Metropolitana.

A Casa de José de Alencar, da Universidade Federal do Ceará, que realiza a promoção, prorrogou as inscrições até amanhã.

O regulamento e outras informações estão no site www.inovaleitura.com.br, como parte do projeto I Encontro de Práticas Inovadoras para Formação de Novos Leitores.

Contatos podem ser feitos pelo telefone (85) 3276 2379.

05:26 · 28.08.2018 / atualizado às 17:28 · 27.08.2018 por

Termina nesta terça-feira o prazo de inscrições para o Selo de Responsabilidade Cultural 2018, promovido pela Secretaria da Cultura do Estado.

O Selo reconhece pessoas jurídicas, com ou sem fins lucrativos, com ações de desenvolvimento cultural.

Contatos só pela Internet: www.editais.cultura.ce.gov.br.

09:13 · 22.08.2018 / atualizado às 07:17 · 21.08.2018 por

O Memorial da Assembleia Legislativa do Ceará Deputado Pontes Neto abre nesta quarta-feira (22.8), às 10 horas, a mostra “Figuração Cearense”, com trabalhos do artista plástico cearense Francisco Ivo.

Serão apresentadas releituras de desenhos de José dos Reais Carvalho, integrante da Comissão Científica do Ceará Oitocentista, que atuou de 1859 a 1861.

A exposição poderá ser visitada até o próximo dia 31, sempre das 9 às 17 horas. Informações: (85) 3277 3727.

17:43 · 03.08.2018 / atualizado às 07:49 · 02.08.2018 por

“Muitos Filhos, um Macaco e um Castelo” é o título do longa metragem que promete sacudir o 28° Cine Ceará.

A produção será exibida no próximo dia 10, às 17 horas, no cinema do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e desembarca em Fortaleza ostentando o Prêmio Goya de Melhor Documentário em 2017, considerado o mais importante do cinema espanhol. O Festival Internacional de Cinema de Karlovy Vary, da República Checa, também lhe rendeu homenagens.

O filme teve na direção o ator espanhol Gustavo Salmerón, que vai integrar o júri da Mostra Competitiva Ibero-Americana.

07:42 · 03.08.2018 / atualizado às 07:43 · 02.08.2018 por

Publiquei hoje na Coluna Comunicado, do jornal cearense Diário do Nordeste:

Mercadorias não pagam dívidas. No entanto, a Câmara dos Deputados tem na pauta projeto que estabelece que quem doar de alimentos não-perecíveis poderá pagar meia-entrada em espetáculos artístico- culturais e esportivos. Cinquenta por cento de abatimento. Ou seja, o dinheiro que se usa para pagar cachês, aluguel de espaços, locação de equipamentos e banheiros químicos e até mesmo para saldar impostos pode ser transformado em bolachas e biscoito, arroz e leite em pó. Não por opção cidadã, mas por obrigação legal.

O texto determina que quem doar um quilo de alimento não-perecível na compra de ingressos para atividades diversas terá o direito de não pagar metade do valor cobrado. Diz lá que “a proposta é realizar maior ação voluntária as pessoas carentes e assim possibilitar uma maior inclusão social, diante do grande número de pessoas na linha da pobreza”. Não se informa o que promotores ou artistas acham disso.

O projeto passa pelo Ceará. Primeiro, pelo crivo dos deputados da Comissão de Cultura – onde estão Domingos Neto (PSD) e Raimundo Gomes de Matos (PSDB). Depois, pela de Constituição e Justiça e de Cidadania, que abriga Genecias Noronha (SD), Vicente Arruda (PDT) e Danilo Forte (PSDB), como titulares; e Moses Rodrigues (MDB), Gorete Pereira (PR) e José Guimarães (PT), na suplência.

Pesquisar

Roberto Maciel

O blog é de autoria do jornalista Roberto Maciel, da coluna Comunicado, da editoria Cidade, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

11h10mCanoa Blues começa em Fortaleza dia 1º de novembro, no Centro Cultural BNB

08h10mO desapego municipal

06h10mDe longas datas

11h10mEscola de Gastronomia põe à mesa ciclo de formação

08h10m“Voto útil” para quem?

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs