Busca

Categoria: Economia


09:28 · 20.08.2017 / atualizado às 09:44 · 21.08.2017 por

Das três, uma:

1) Ou o pessoal do golpe não está avisando as coisas ao presidente do Senado, Eunício Oliveira;

2) Ou Eunício não está compreendendo muito bem as coisas que ocorrem;

3) Ou Eunício está cochilando nas reuniões do golpe.

Pois é dele a seguinte observação, postada no microblog Twitter no último dia 13:

Finalizamos reunião com setor econômico. Como defendido, agora confirmado: nenhuma proposta de criação de novo imposto.

Enfim, ele nega que vá ser criada nova cobrança, mas não diz que 60 mil cargos públicos vão ser extintos, que reajustes salariais vão ser adiados e que a contribuição previdenciária do servidor público vai passar de 11% para 14%, entre outras investidas.

Há, ainda, duas outras possibilidades: ou Eunício está no mundo da lua ou não está dizendo a verdade.

06:03 · 19.08.2017 / atualizado às 09:05 · 18.08.2017 por

Publiquei hoje na Coluna Comunicado, que escrevo no jornal Diário do Nordeste, de Fortaleza, Ceará:

A Prefeitura de Fortaleza analisa a possibilidade de modificar os horários de funcionamento do comércio. E isso divide opiniões na Câmara Municipal. Depois das polêmicas movidas pela oposição em torno da Lei de Uso e Ocupação do Solo, que chegaram à Assembleia, essa deve ser a queda-de-braço entre bancadas com potencial para ultrapassar os muros do legislativo municipal. Afinal, há um enorme contingente de interessados no tema e com ânimo e articulação para discussões. De um lado, diz-se que a medida vai gerar mais negócios, mais dinheiro, mas do outro ressalta-se que vai gerar alterações na vida de quem trabalha no setor. E aí, quem tem razão?

10:35 · 16.08.2017 / atualizado às 09:21 · 14.08.2017 por

O Instituto de Pesos e Medidas de Fortaleza, órgão participante do sistema de defesa ao consumidor, que atua em sintonia com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), que é uma autarquia federal, está de olho na tecnologia.

E se dispõe a contratar acompanhamento por GPS da frota com a qual fiscaliza comércio e serviços.

A intenção é desembolsar até R$ 53,33 mil por ano pelo monitoramento.

09:09 · 16.08.2017 / atualizado às 09:12 · 14.08.2017 por

Publiquei nesta quarta-feira na Coluna Comunicado, que escrevo no jornal Diário do Nordeste:

A Prefeitura de Fortaleza analisa a possibilidade de modificar os horários de funcionamento do comércio. E isso divide opiniões na Câmara Municipal. Depois das polêmicas movidas pela oposição em torno da Lei de Uso e Ocupação do Solo, que chegaram à Assembleia, essa deve ser a queda-de-braço entre bancadas com potencial para ultrapassar os muros do legislativo municipal. Afinal, há um enorme contingente de interessados no tema e com ânimo e articulação para discussões. De um lado, diz-se que a medida vai gerar mais negócios, mais dinheiro, mas do outro ressalta-se que vai gerar alterações na vida de quem trabalha no setor. E aí, quem tem razão?

05:18 · 15.08.2017 / atualizado às 09:00 · 14.08.2017 por

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), completa hoje 42 anos de idade.

E entra na idade nova com alguma bagagem polêmica.

Ele vai carregando uma série de promessas – mesmo a de implantar novos horários de funcionamento do comércio no Centro de Fortaleza, com o que não conseguiu arrancar parabéns de trabalhadores do setor e até mesmo de alguns vereadores aliados.

14:00 · 14.08.2017 / atualizado às 09:17 · 10.08.2017 por

O prefeito de São Gonçalo do Amarante, no Ceará, Cláudio Pinho (PDT), está com um olho numa legislação amistosa a empreendedores e o outro nas demandas de emprego, renda e receita pública.

Agora, ele tem empreendido uma cruzada para transmitir perspectivas positivas do município – onde já fica o Complexo do Pecém.

A ideia é obter adeptos para um condomínio industrial que pretende firmar lá.

11:09 · 12.08.2017 / atualizado às 11:13 · 12.08.2017 por

Da assessoria de Imprensa da operadora de telefonia Oi:

A Oi acaba de abrir no Ceará um centro de atendimento para cadastramento de credores no Programa para Acordo com Credores, que vai funcionar nos mesmos moldes do centro que já vinha realizando este tipo de atendimento no município do Rio de Janeiro. O centro de atendimento a credores aberto pela Oi no Ceará fica em Fortaleza, na Avenida Santos Dumont, 6355, e é um dos 39 locais de atendimento para esta finalidade que a Oi abriu no país. O atendimento é feito nos dias úteis, de 9h às 17h.

O Programa para Acordo com Credores, do qual podem participar os credores que constam da Relação de Credores publicada no edital de 29 de maio de 2017, está em sua fase de cadastramento, que pode ser feito pela plataforma eletrônica www.credor.oi.com.br. Além disso, agora os credores também têm a opção de se dirigir a um dos centros de atendimento disponibilizados no país e realizar o cadastramento. A Oi aguarda decisão da Justiça para dar continuidade ao programa, o que será oportunamente comunicado aos credores cadastrados por e-mail, telefone e/ou SMS. O credor também pode tirar dúvidas e obter informações sobre o programa pelo 0800-644-3111 e pelo website da Recuperação Judicial da Oi (www.recjud.com.br).

18:33 · 10.08.2017 / atualizado às 09:33 · 09.08.2017 por

Também na Coluna Comunicado desta quinta-feira, no Diário do Nordeste:

O ministro da Transparência e Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário, está de passagem marcada para Fortaleza. Vem participar no próximo dia 28 do I Fórum de Integridade e Ética, promovido pelo Banco do Nordeste.

O evento vai reunir representantes da diretoria do Banco, gestores e técnicos, integrantes de órgãos de controle externo e de órgãos governamentais convidados. Mas Wagner Rosário tem também reunião com o presidente da instituição, Marcos Holanda.

09:14 · 09.08.2017 / atualizado às 09:28 · 09.08.2017 por

Da assessoria da rede de franquias Montanara:

Contagem regressiva para a chegada da rede Montanara Pizzas. Próximo domingo a rede de franquias especializada em entregas delivery inicia suas atividades em sua sede, no bairro de Fátima (Fortaleza, CE). Uma empresa genuinamente cearense, a Montanara pretende conquistar o paladar do Nordeste, com pizzas voltadas para o mercado de delivery.

A fórmula da Montanara é inspirada em receitas italianas com adaptações para o paladar nordestino. Sua massa é fina e crocante, com recheios de alta qualidade que a diferenciam do que é oferecido no mercado até hoje.

A Montanara nasce do sonho da empreendedora Eunice Ponte, que há cinco anos trabalhou no mercado de alimentação e agora resolve apostar no sonho do próprio negócio. Para isso, uniu-se ao empresário e sócio-investidor da sede Fátima, Wilson Ferreira, para juntos criarem a empresa que pretende surpreender o mercado no setor de alimentação delivery.

A rede Montanara nasce em um momento de expansão do franshising. Dados da ABF apontam que o setor cresceu quase 10% neste ano, apesar do pessimismo e retração econômica no Brasil. Heitor Viana, responsável pela expansão da franquia Montanara, afirma que o investimento inicial para uma unidade é baixo e o retorno acontece antes do segundo ano de empresa.

A Montanara já nasce ousada. A franqueadora inicia suas atividades no Bairro de Fátima, em uma data especial: o dia dos pais. A primeira franqueada, na Varjota, inaugura até o final de agosto deste ano. O franqueador Rodrigo Bezerra comprou a ideia da Montanara ao acreditar que a empresa vai causar uma boa repercussão e retorno de investimento em médio-longo prazo. As duas sedes vão atuar atendendo pedidos delivery dos principais bairros de Fortaleza.

Na unidade do Bairro de Fátima haverá também atendimento para os clientes que queiram saborear a culinária Montanara, se deliciar com uma boa cerveja gelada ou apreciar o requinte de grandes marcas de vinhos nacionais e importados. Além dos pedidos delivery, a unidade do Bairro de Fátima também vai receber grupos corporativos que queiram desfrutar de momentos de descontração em um ambiente agradável e atendimento de excelência.

Montanara Social

A Montanara acredita que um mundo melhor só é possível quando cada um faz sua parte. Por isso, a Montanara terá a Pizza Ser Feliz. Todos os dias, 10% do valor de venda de todas as Pizzas Felizes será revertido para duas instituições.

A cada 6 meses a Montanara vai trocar as entidades beneficiadas, como uma forma de atender a diversos setores carentes de investimento social. As primeiras entidades beneficiadas serão a ONG ABRACE e o AÇÃO SOCIAL LÚMEN.
Sobre as entidades beneficadas.

09:35 · 08.08.2017 / atualizado às 07:30 · 03.08.2017 por

Hoje, na Coluna Comunicado, do Diário do Nordeste:

O teleférico de Ubajara, atração referencial para o turismo daquela região, vai ganhar reforço nos componentes. A Secretaria do Turismo do Estado está implementando melhorias nos sistemas que movem e dão segurança ao equipamento. Os serviços se incluem num pacote maior, que prevê a modernização das estruturas e, no todo, tem previstos investimentos de R$ 10 milhões. É uma medida interessante para a necessária e justa diversificação do cardápio turístico do Estado – ainda muito concentrado no litoral.

A expectativa da Secretaria do Turismo é a de que, concluídos os aprimoramentos, o sistema do bondinho tenha condições de funcionar adequadamente por mais 40 anos. A estrutura opera desde 1975 – último ano da gestão do então governador César Cals Filho.

Em meados do ano passado, a Setur apresentou ao Instituto Chico Mendes – responsável pelo Parque de Ubajara – os planos de recuperação do teleférico. O equipamento, então, estava completando 13 meses na mais completa ociosidade. O ICMBio deu aval e o restauro finalmente pode seguir.