Roberto Maciel

Categoria: Economia


09:14 · 18.08.2018 / atualizado às 09:17 · 16.08.2018 por

O presidente da Federação das Indústrias do Ceará, Beto Studart, dá posse no próximo dia 22 à nova diretoria do Centro Industrial do Ceará (CIC). O empresário André de Freitas Siqueira é o presidente eleito.

O ato será na sede da Fiec, a partir das 20 horas.

O CIC é a mais antiga entidade empresarial do Ceará: foi fundado em 1919 e atua como instituição da sociedade civil para articulações do desenvolvimento sustentável.

07:00 · 12.08.2018 / atualizado às 09:01 · 15.08.2018 por

A Agência Reguladora do Ceará – que se dedica à fiscalização e ao controle dos serviços públicos delegados a empresas particulares ou da economia mista – realizará hoje (quinta-feira, 23.8) rodada de palestras sobre parcerias público-privadas e concessões.

O tema são os desafios da regulação.

As palestras ficarão a cargo do presidente da Arce, Hélio Winston Leitão, do conselheiro-presidente da Câmara Temática de Transporte Público, Jardson Cruz, da superintendente de Parcerias e Concessões do Piauí, Viviane Bezerra, e do professor Romeu Felipe Bacellar, da Universidade Federal do Paraná. Tudo aberto ao público.

O evento será das 8 às 12h, na sede da Arce (no Centro Administrativo do Cambeba), em Fortaleza.

07:57 · 06.08.2018 / atualizado às 08:00 · 02.08.2018 por

Hoje, na Coluna Comunicado:

A boa e velha carnaúba está na pauta das discussões da indústria cearense. O projeto Carnaúba Sustentável marcou para o município de Granja, a 300 quilômetros de Fortaleza, no norte do Estado, a segunda rodada da série “Encontros dos Diálogos da Carnaúba”, enfatizando soluções e boas práticas para a exploração do produto. Será na próxima sexta-feira. A articulação é do Sindcarnaúba e da Fiec. Produtores, empresários, trabalhadores do extrativismo e representantes de sindicatos, do poder público e do terceiro setor devem comparecer.

A carnaúba é a árvore-símbolo do Ceará. Em 2004, foi editado decreto com essa definição pelo então governador, Lúcio Alcântara. O Piauí também tem decreto que a considera assim, mas desde 2017.

07:55 · 04.08.2018 / atualizado às 07:57 · 02.08.2018 por

A Federação das Indústrias do Ceará (Fiec) está atenta ao campo.

Mas especificamente, atenta à retomada da cultura do algodão – que já foi uma das mais prósperas do Estado. A entidade está semeando um Programa de Modernização da Cultura do Algodão. E abriu, assim, um canal de diálogo com o Governo estadual.

Agora, as expectativas se voltam para 2019, ano considerado estratégico. É quando o programa entra na segunda etapa e deve incorporar os municípios de Mombaça, Piquet Carneiro, Solonópole, Deputado Irapuan Pinheiro, Choró Limão, Milhã, Iguatu, Acopiara, Quixelô e Boa Viagem.

05:27 · 24.07.2018 / atualizado às 05:28 · 23.07.2018 por

Publiquei hoje na Coluna Comunicado:

Especialistas em segurança pública se reúnem hoje e amanhã em Fortaleza, na sede da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec). A pauta são estratégias para o setor. Não vai ser primeira vez que o segmento industrial se articula em torno do tema, que tem impacto forte sobre a sociedade sociais, mas será o passo inicial de uma atividade proposta a diferentes agentes na construção de caminhos possíveis para a superação de dificuldades coletivas. As mesas de discussão envolverão representantes dos meios universitário e empresarial, do governo e do terceiro setor. Prevenção à violência e sistemas socioeducativo e prisional e de segurança e defesa social estão na lista de temas. Todos associados à governança.

A meta da Fiec recebeu a denominação de Rota Estratégica da Segurança Pública. O foco é a definição de mapas com trajetórias para os fatores críticos na área da segurança pública do Ceará para o ano de 2025.

07:37 · 23.07.2018 / atualizado às 07:41 · 19.07.2018 por

É de 70 milhões de dólares – valor pertinho de 270 milhões de reais – o recurso que o Governo do Ceará está negociando no Banco Interamericano de Desenvolvimento.

Mas a dinheirama não será aplicada em obra física.

É que cada centavo será investido em parte do financiamento do Programa de Modernização da Gestão Fiscal do Estado. Em resumo: dinheiro para fazer mais dinheiro.

09:00 · 20.07.2018 / atualizado às 07:01 · 18.07.2018 por

O aperto imposto pela crise econômica gerada a partir do golpe que pôs o governo brasileiro no colo do grupo de Eduardo Cunha e Michel Temer virou o cenário do quarto “Bazar da Tabosa”.

O evento mobiliza hoje e amanhã comerciantes e trabalhadores da Avenida Monsenhor Tabosa, o principal corredor turístico e comercial de Fortaleza, que costuma atrair muita gente nas altas estações.

A estratégia é aproveitar a alta estação turística e atrair fregueses com descontos até 80% em mais de 100 lojas credenciadas pelo “Bazar da Tabosa”. A sinfonia está sendo regida pela Associação dos Lojistas da Monsenhor Tabosa (Almont). O repertório de atrações inclui gastronomia e atividades culturais.

07:19 · 19.07.2018 / atualizado às 07:20 · 18.07.2018 por

Para debater os desafios e alternativas para o homem do campo, o Instituto de Arte, Cultura, Lazer e Educação (Iarte), com o apoio do Instituto Agropolos, realizará amanhã, das 8h às 16h, a segunda etapa do Ciclo de Seminários “Cenários para o Fortalecimento da Agricultura Familiar”. Será  na Bodega Ecológica, no município de Quixadá.

Para o coordenador técnico do evento, Antonio José Monteiro, o objetivo do Ciclo de Seminários é fortalecer as cadeias produtivas, como princípio básico do desenvolvimento sustentável e solidário da agricultura familiar no estado do Ceará. “O apoio à realização do conjunto dessas ações implica em um esforço permanente e sistêmico de aprimorar os instrumentos operacionais de fortalecimento e consolidação das institucionalidades necessárias à gestão social das políticas públicas para a agricultura familiar”.

O Ciclo de Seminários “Cenários para o Fortalecimento da Agricultura Familiar” já passou por Barbalha (Cariri) no mês de junho e ainda ocorrerá em outras três cidades, representando as macrorregiões do Estado: Aracati (Litoral Leste), Itapipoca (Litoral Oeste) e Morada Nova (Jaguaribana).

A segunda etapa do Ciclo de Seminários tem o apoio das Prefeituras municipais e dos Sindicatos dos Trabalhadores e das Trabalhadoras Rurais dos Municípios do Sertão Central.

07:13 · 16.07.2018 / atualizado às 07:16 · 12.07.2018 por

Hoje, na Coluna Comunicado, que escrevo de segunda a sábado no jornal Diário do Nordeste:

Nas contas da Federação das Indústrias do Estado, 58% das empresas do setor no Ceará já utilizam tecnologias digitais. Os recursos são estratégias de competitividade. Um estudo realizado pelo Núcleo de Economia e Estratégia indica que pelo menos uma entre 15 tecnologias digitais listadas já foram está em uso por cada empreendimento. Isso é bom? Nem tanto. É que no Brasil, o índice é de 73%.

Programas que projetam manufaturas e que dão conta de automação digital estão no topo da lista dos que são usados nas indústrias cearenses. A Fiec tem observado que a aplicação de tecnologias possibilita o aumento da eficiência operacional, a flexibilização das linhas de produção e o encurtamento dos prazos de lançamento de produtos. E, por fim, a maior flexibilização na criação de produtos.

A propósito, a Federação e o Departamento Estadual de Rodovias (DER) pavimentaram uma via de diálogo. Tanto um lado quanto o outro estão na rota do conhecimento. A ideia é alimentar com dados sobre infraestrutura uma plataforma de informações elaborada pelo Núcleo de Economia da Fiec. Objetivo: dispor constantemente de informações atualizadas sobre os principais setores econômicos do Ceará.

15:17 · 06.07.2018 / atualizado às 07:19 · 12.07.2018 por

O Tribunal de Contas do Estado pode ganhar um recurso extra: a informação bancária.

É que a Comissão de Orçamento, Finanças e Tributação da Assembleia Legislativa do Ceará aprovou projeto com o qual as instituições ficam obrigadas a remeter para o TCE, em tempo real, dados das movimentações bancárias do setor público.

O texto leva assinatura do deputado petista Manuel Santana.

A ideia é a de fortalecer não apenas a transparência das gestões, considerando que prefeituras e câmaras de vereadores estão agora sob a fiscalização do TCE, mas as possibilidades de os cidadãos acompanharem com mais precisão os gastos de órgãos do Estado e de municípios.

Pesquisar

Roberto Maciel

O blog é de autoria do jornalista Roberto Maciel, da coluna Comunicado, da editoria Cidade, do Diário do Nordeste.
Posts Recentes

11h10mCanoa Blues começa em Fortaleza dia 1º de novembro, no Centro Cultural BNB

08h10mO desapego municipal

06h10mDe longas datas

11h10mEscola de Gastronomia põe à mesa ciclo de formação

08h10m“Voto útil” para quem?

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs