Busca

Categoria: Fortaleza


08:50 · 19.08.2017 / atualizado às 09:03 · 18.08.2017 por

Tem a assinatura do vereador Jorge Pinheiro (PSDC), ainda em primeiro mandato, projeto que tramita na Câmara Municipal pelo qual se propõe que grávidas utilizem até por quatro horas as vagas de estacionamento zona azul em Fortaleza.

Pinheiro, mesmo sem expor justificativa técnica ou coisa que o valha, acha que isso deve facilitar o dia-a-dia das futuras mães.

O texto é clonado, foi copiado sem pejo de outros que tramitam ou tramitaram em casas legislativas várias, mas aumenta 100% o tempo destinado ao uso das vagas.

06:03 · 19.08.2017 / atualizado às 09:05 · 18.08.2017 por

Publiquei hoje na Coluna Comunicado, que escrevo no jornal Diário do Nordeste, de Fortaleza, Ceará:

A Prefeitura de Fortaleza analisa a possibilidade de modificar os horários de funcionamento do comércio. E isso divide opiniões na Câmara Municipal. Depois das polêmicas movidas pela oposição em torno da Lei de Uso e Ocupação do Solo, que chegaram à Assembleia, essa deve ser a queda-de-braço entre bancadas com potencial para ultrapassar os muros do legislativo municipal. Afinal, há um enorme contingente de interessados no tema e com ânimo e articulação para discussões. De um lado, diz-se que a medida vai gerar mais negócios, mais dinheiro, mas do outro ressalta-se que vai gerar alterações na vida de quem trabalha no setor. E aí, quem tem razão?

15:39 · 17.08.2017 / atualizado às 23:02 · 17.08.2017 por

A isso se chama ir na contramão do discurso fácil e do populismo: o vereador de Fortaleza Michel Lins (PPS) avalia as obras do entorno do Mercado Central como positivas. Confronta, assim, a retórica de colegas que chegaram a pôr fogo naquele palheiro, dizendo que ali se gera emprego e renda.

A verdade é que a área havia sido sequestrada por um comércio ilegal, sonegador, agressivo e abusivo e foi resgatada pela Prefeitura, o que serve de exemplo de alinhamento entre políticas públicas e interesses coletivos.

“Um dos melhores trabalhos já realizados e que leva o turismo de Fortaleza para um patamar maior”, define Michel.

17:03 · 16.08.2017 / atualizado às 20:47 · 10.08.2017 por

Integrante do sistema de defesa ao consumidor e trabalhando em sintonia com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), o Instituto de Pesos e Medidas de Fortaleza, tem estado de olho na tecnologia.

E está disposto a contratar monitoramento por GPS da frota com a qual fiscaliza comércio e serviços.

A ideia é pagar até R$ 53,33 mil por ano pelo acompanhamento das viaturas.

10:35 · 16.08.2017 / atualizado às 09:21 · 14.08.2017 por

O Instituto de Pesos e Medidas de Fortaleza, órgão participante do sistema de defesa ao consumidor, que atua em sintonia com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), que é uma autarquia federal, está de olho na tecnologia.

E se dispõe a contratar acompanhamento por GPS da frota com a qual fiscaliza comércio e serviços.

A intenção é desembolsar até R$ 53,33 mil por ano pelo monitoramento.

09:09 · 16.08.2017 / atualizado às 09:12 · 14.08.2017 por

Publiquei nesta quarta-feira na Coluna Comunicado, que escrevo no jornal Diário do Nordeste:

A Prefeitura de Fortaleza analisa a possibilidade de modificar os horários de funcionamento do comércio. E isso divide opiniões na Câmara Municipal. Depois das polêmicas movidas pela oposição em torno da Lei de Uso e Ocupação do Solo, que chegaram à Assembleia, essa deve ser a queda-de-braço entre bancadas com potencial para ultrapassar os muros do legislativo municipal. Afinal, há um enorme contingente de interessados no tema e com ânimo e articulação para discussões. De um lado, diz-se que a medida vai gerar mais negócios, mais dinheiro, mas do outro ressalta-se que vai gerar alterações na vida de quem trabalha no setor. E aí, quem tem razão?

05:18 · 15.08.2017 / atualizado às 09:00 · 14.08.2017 por

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), completa hoje 42 anos de idade.

E entra na idade nova com alguma bagagem polêmica.

Ele vai carregando uma série de promessas – mesmo a de implantar novos horários de funcionamento do comércio no Centro de Fortaleza, com o que não conseguiu arrancar parabéns de trabalhadores do setor e até mesmo de alguns vereadores aliados.

11:09 · 12.08.2017 / atualizado às 11:13 · 12.08.2017 por

Da assessoria de Imprensa da operadora de telefonia Oi:

A Oi acaba de abrir no Ceará um centro de atendimento para cadastramento de credores no Programa para Acordo com Credores, que vai funcionar nos mesmos moldes do centro que já vinha realizando este tipo de atendimento no município do Rio de Janeiro. O centro de atendimento a credores aberto pela Oi no Ceará fica em Fortaleza, na Avenida Santos Dumont, 6355, e é um dos 39 locais de atendimento para esta finalidade que a Oi abriu no país. O atendimento é feito nos dias úteis, de 9h às 17h.

O Programa para Acordo com Credores, do qual podem participar os credores que constam da Relação de Credores publicada no edital de 29 de maio de 2017, está em sua fase de cadastramento, que pode ser feito pela plataforma eletrônica www.credor.oi.com.br. Além disso, agora os credores também têm a opção de se dirigir a um dos centros de atendimento disponibilizados no país e realizar o cadastramento. A Oi aguarda decisão da Justiça para dar continuidade ao programa, o que será oportunamente comunicado aos credores cadastrados por e-mail, telefone e/ou SMS. O credor também pode tirar dúvidas e obter informações sobre o programa pelo 0800-644-3111 e pelo website da Recuperação Judicial da Oi (www.recjud.com.br).

17:40 · 10.08.2017 / atualizado às 09:52 · 04.08.2017 por

Pós-doutor na universidade da clonagem de projetos alheios, faixa-preta terceiro dan na arte marcial de copiar textos legislativos, o vereador de Fortaleza Plácido Filho (PSDB) está propondo à Câmara de Fortaleza projeto que insere nas escolas municipais disciplina que intitula de “Conscientização Contra a Corrupção”.

É uma cópia atrasada.

É que há mais de dois anos tramitou texto igualzinho na Assembleia do Acre.

Lá, o projeto foi aprovado e o governador Tião Viana (PT) a sancionou.

A mesma matéria, ainda vítima de deslavada clonagem e sem tirar nem por, está agora sob discussão no legislativo do Amapá.

09:43 · 10.08.2017 / atualizado às 09:35 · 09.08.2017 por

Econômica em pronunciamentos e em matérias, a vereadora de Fortaleza Marília Freire Paiva (PRP) tascou o jamegão em proposta segundo a qual a Prefeitura fica obrigada a garantir alimentação aos alunos das escolas municipais mesmo em período de férias ou de recesso escolar.

A essência da proposta é intocável: a fome não tira – nem dá – férias.