Busca

Categoria: Política


23:46 · 26.04.2017 / atualizado às 13:37 · 25.04.2017 por

Admiradores da cultura e interessados em história, enfatizando aqui os cinéfilos, têm encontro marcado ainda por conta dos 291 anos de Fortaleza.

É que o Memorial da Assembleia Legislativa abre amanhã, a partir das 9 horas, exposição sobre as salas de cinema da capital.

Fachada do Cine São Luiz, em Fortaleza, com o cartaz da inauguração, em 1958: referência entre as salas brasileiras

No mesmo dia, a partir das 10 horas, o escritor Ary Bezerra Leite fala no Comitê de Imprensa da Casa sobre o cinema no Ceará.

11:39 · 25.04.2017 / atualizado às 11:05 · 24.04.2017 por

Congelou na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público da Assembleia do Ceará matéria encaminhada pelo deputado Heitor Férrer (PSB) propondo que se inclua no ensino público estadual aulas sobre o que foi o Holocausto – genocídio cometido pelo estado nazista contra judeus e outras etnias, nas décadas de 1930 e 1940.

O texto começou a tramitar em 2016, numa lembrança duplamente atrasadíssima – 71 anos após o fim da Segunda Guerra Mundial e 11 anos após deliberação da ONU que em 2005 instituiu 27 de janeiro como Dia Mundial de Lembrança do Holocausto.

É uma mera clonagem, essa ideia absorvida por Heitor Férrer, mas deve-se dar um desconto ao deputado.

É que a matéria, tanto na Assembleia quanto nas escolas, pode virar um alerta a jovens em fase de formação política e recentemente tentados por perigosas manifestações da direita raivosa.

10:40 · 25.04.2017 / atualizado às 08:40 · 25.04.2017 por

Foi agendada para esta terça-feira, na Comissão Especial da Vaquejada, na Câmara dos Deputados, a apresentação e discussão do parecer do relator, o parlamentar baiano Paulo Azi (DEM), a respeito de propostas que modificam a Constituição Federal para reconhecer a vaquejada e o rodeio como patrimônios culturais imateriais do País.

Ou seja, uma estratégia para colocar o assunto na marra na lei maior do País.

É uma solução que se busca dar à polêmica gerada após o Supremo Tribunal Federal proibir atividades do gênero, tendo em vista a crueldade contra animais. O problema é que a decisão dos magistrados se chocou com um mercado que envolve muitos votos e muito dinheiro e mistura, por isso, interesses de agentes públicos e de empreendedores privados.

Ou seja, busca-se agora um jeito de derrubar o STF – algo como o que, no espectro da operação Lava Jato, se tenta atribuir às restrições de abuso de autoridade a juízes e promotores, pretendidas por parlamentares menos orientados pela arbitrariedades dos que casam e batizam, e se alimentam de holofotes, na midiática atividade jurídica-política encaminhada nos últimos anos.

O Ceará tem cinco parlamentares na Comissão da Vaquejada: Adail Carneiro (PP) – aquele que se comprometeu votar a favor de Dilma Rousseff na processo de impedimento da então presidente, mas votou contra -, Domingos Neto (PSD), Raimundo Gomes de Matos (PSDB) e Vitor Valim (PMDB) são titulares. Moses Rodrigues (PMDB) é suplente.

08:53 · 25.04.2017 / atualizado às 08:53 · 25.04.2017 por

Informações corrigidas, e ainda referentes ao post Pauta furada, publicado ontem:

A Câmara de Fortaleza remarcou para a quinta-feira próxima, dia 27, sessão solene alusiva ao Dia do Jornalista.

Ou seja, com um descompasso de nada menos do que 20 longos dias – o que envelhece a notícia inapelavelmente: é que os jornalistas comemoraram a data, referência nacional e internacional, no último dia 7.

Assim, perde a graça, né?

As correções aqui expostas têm a ver com dica dada por leitora no post anterior.

18:11 · 24.04.2017 / atualizado às 11:04 · 24.04.2017 por

O vereador Salmito Filho (PDT), presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, quer que os demais parlamentares fiquem sintonizados num esforço amplo de esclarecimento social.

E diz: “a ética é a lei, é a legalidade. Quem comete ilegalidade, comete ato corrupto. Não importa o partido. Precisamos dizer ao povo que a ética na política é a lei e que ela precisa servir do maior ao menor”.

O objetivo do empenho proposto por Salmito é a de destacar a política como mediadora, normatizadora e reguladora de relações sociais em quaisquer níveis – algo, então, que não se limita à gestão pública ou aos parlamentos e que está ameaçada de ser criminalizada por interesses inconfessos.

Tendo em vista o desgaste da imagem da política e de quem a faz, a observação feita pelo presidente da Câmara é inquestionavelmente pertinente.

11:14 · 24.04.2017 / atualizado às 11:01 · 24.04.2017 por

A Câmara de Fortaleza marcou para a quarta-feira próxima, dia 26, sessão solene alusiva ao Dia do Jornalista.

Ou seja, com um descompasso de nada menos do que 19 longos dias – o que envelhece a notícia inapelavelmente: é que os jornalistas comemoraram a data, referência nacional e internacional, no último dia 7.

Assim, perde a graça, né?

07:41 · 22.04.2017 / atualizado às 10:48 · 20.04.2017 por

Recém-eleito presidente do PT de Fortaleza, o vereador Acrísio Sena (PT) tem cobrado da gestão municipal audiência entre entidades representantes de pessoas vivendo com HIV/AIDS e o prefeito Roberto Cláudio.

Acrísio diz que é preciso haver uma imediata reestruturação do programa de atendimento a essa população, estimada hoje em 13 mil pessoas, em Fortaleza.

E destaca a necessidade de recuperação das oito unidades com Serviço de Atendimento Especializado (SAE), com servidores, medicamentos e equipamentos adequados; recarga de 500 bilhetes únicos e regularização da entrega das cestas básicas.

A Rede Nacional de Pessoas Vivendo com HIV/AIDS (RNP+CEARÁ), a Pastoral da AIDS e a Associação de Voluntários do Hospital São José solicitaram reunião com Roberto Cláudio para tratar das questões.