Busca

Categoria: Ciência e Tecnologia


09:50 · 06.10.2016 / atualizado às 09:50 · 06.10.2016 por

IMG_1654

Marcos Cintra Cavalcanti de Albuquerque é o novo presidente da Finep. A nomeação saiu no Diário Oficial, junto com a exoneração do professor Wanderley de Souza, que a partir de agora assume uma das diretorias da financiadora. Também foram nomeados como diretores Francisco Rennys Aguiar Frota e Ronaldo Souza Camargo. Permanecem nos cargos Ricardo Gattass e Victor Odorcyk.
No mesmo ato foram exonerados os diretores de Gestão, Eduardo Carlos Scaletsky, o Financeiro e de Controladoria, Gustavo Lisandro Vila Gazaneo, e o de Inovação, Pedricto Rocha Filho.

Marcos Cintra é vice-presidente da Fundação Getúlio Vargas (FGV), cargo que ocupa desde 1997. Economista, obteve quatro títulos superiores pela Universidade de Harvard (EUA): Bacharel em Economia, Mestre em Planejamento Regional, Mestre em Economia e Doutor em Economia. Cintra é professor-titular da Escola de Administração de Empresas de São Paulo – EAESP/FGV, onde lecionou em cursos de graduação e pós-graduação as seguintes disciplinas: Microeconomia, Macroeconomia, Economia Internacional, Desenvolvimento Econômico, Economia Agrícola e Finanças Públicas.

Cintra é ainda conselheiro da Associação Comercial de São Paulo, membro do Conselho Superior de Economia da FIESP, do Conselho de Economia, Sociologia e Política da Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomércio) e presidente do Conselho de Economia da Federação de Serviços do Estado de São Paulo (Fesesp). O economista também é conhecido por ser o autor da proposta do Imposto Único.

Desde 1993, também tem ocupado diversos cargos públicos: secretário municipal de Planejamento de São Paulo (1993); vereador da Câmara Municipal de São Paulo (1993-1996); deputado federal (1999-2003) e presidente da Comissão de Economia, Indústria e Comércio da Câmara dos Deputados (2001); secretário de Finanças da Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo (2003-2006). Foi eleito em 2009 para mais um mandato na Câmara Municipal de São Paulo; foi secretário municipal do Desenvolvimento Econômico e Trabalho da cidade de São Paulo de 2009 a 2012 e subsecretário de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de São Paulo de 2013 a 2014.

Novos diretores

Francisco Rennys Aguiar Frota foi Secretário Executivo da Secretaria de Saúde do Ceará, depois de ter passado pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) e Cia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogher).
Ronaldo Souza Camargo é ex-secretário de Coordenação das Subprefeituras de São Paulo.

06:40 · 18.03.2016 / atualizado às 22:21 · 17.03.2016 por

Instituto

O novo Código Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação representa uma oportunidade para ampliar, com foco nas necessidades das empresas, a aplicação da Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) gerados pelas universidades e institutos, avalia do coordenador de Inovação do Instituto Atlântico, Cilis Benevides. A Lei 13.243/16, que instituiu o Código, aumenta o número de horas que o professor em dedicação exclusiva pode destinar a atividades fora da universidade, de 120 horas para 416 horas (8 horas por semana).

Outra vantagem proporcionada pela mesma Lei, conforme Cilis Benevides, é que possibilita a professores das universidades públicas ampliarem suas atividades em projetos de PD&I em parceria com o setor privado. Ao modificar seis leis existentes, inclusive a Lei da Inovação, a Lei 13.243/16 trouxe aperfeiçoamento no ambiente legal com o objetivo de proporcionar às empresas maior agilidade e impacto da inovação em condições de competitividade na economia global.

A Lei tornou possível à Instituição Científica, Tecnológica e de Inovação (ICT) obter a dispensa da obrigatoriedade de licitação de produtos ou serviços para fins de pesquisa e desenvolvimento. Possibilitou ainda a introdução de regras simplificadas e a redução de impostos para importação de material de pesquisa, além de permitir que universidades e institutos de pesquisa compartilhem o uso de seus laboratórios e equipes com empresas, para fins de pesquisa.

Por conta da limitação da carga horária no contexto da legislação anterior, conforme Cilis Benevides, o envolvimento dos pesquisadores nos projetos de pesquisa e desenvolvimento ficavam aquém do que se necessitava; mas agora, este panorama muda para melhor. O coordenador vê vantagens também na dispensa de licitação para aquisição de produtos ou serviços e facilidade na importação de material de pesquisa.

 

08:10 · 16.01.2016 / atualizado às 08:10 · 16.01.2016 por


cuca

A Coordenadoria de Juventude de Fortaleza lança uma novidade que vai deixar os jovens mais conectados aos Cucas e às atividades desenvolvidas neles: o aplicativo Rede Cuca. A nova ferramenta tem o objetivo de informar e gerar interatividade.

Dentre as principais funcionalidades do app está a possibilidade de conferir a programação mensal das três unidades da Rede Cuca (Barra do Ceará, Mondubim e Jangurussu), compreendendo cursos de formação, horários de práticas esportivas e agenda cultural.

Estimular a convivência e aproximação entre os alunos e funcionários também faz parte do aplicativo, pois ele tem a possibilidade de compilar as fotos que forem postadas nas redes sociais com a hashtag #SouCuca. O app também disponibiliza dados, contatos e acessibilidade, como números de telefone para mais informações, além de uma lista com as linhas ônibus que oferecem acesso aos Cucas.

O designer da Coordenadoria de Juventude e criador do aplicativo, Yuri Pezeta, explica que esta é apenas a primeira versão da ferramenta. “Já temos alguns instrumentos de convergência e informação sobre os Cucas no aplicativo, mas buscamos mais inovação. Neste ano, iremos adicionar outros recursos de interatividade”, afirma.

cuca 1

O que posso ver no aplicativo?

Informações sobre os espaços dos Cucas, chats, vídeos, músicas, postagens da fanpage, notícias do site, linhas de ônibus que passam nos equipamentos, agendas, lista de cursos e práticas esportivas.

 

14:55 · 15.01.2016 / atualizado às 14:55 · 15.01.2016 por

O ministro das Comunicações, André Figueiredo, inaugurou hoje (15), em Redenção, no interior do Ceará, a primeira Cidade Digital com fibra óptica totalmente subterrânea do Brasil. O programa do Ministério das Comunicações (MC) leva internet, incluindo rede Wi-Fi, para diversos pontos da cidade a partir da parceria com a Prefeitura local, além de entregar equipamentos para ampliar a infraestrutura de informática.

Redenção recebeu um anel de fibra óptica de 4 km que vinculado ao cinturão digital do governo do estado, interliga 14 órgãos públicos e três pontos de acesso público a comunidade. A partir da instalação da infraestrutura da cidade digital, a prefeitura elaborou um projeto para expansão da rede a fim de contemplar mais 13 pontos por meio da fibra óptica e 20 pontos por antenas. O investimento total foi de R$ 541 mil, que beneficia os 26 mil moradores do município. Já o investimento previsto total no Estado do Ceará é de R$ 11,7 milhões.

André Figueiredo exaltou que as ações realizadas na região alcançam resultados positivos pois existe uma parceria entre os governos federal, estadual e municipal. “Trabalhamos para conectar a população em tempo real a partir de uma rede de conexão eficiente. As regiões com limitações serão atendidas pelo satélite geoestacionário”, destacou, ao assinar o termo de  cessão de equipamentos e acessar a rede de Wi-Fi na Praça do Obelisco, no Centro da cidade.

Ao explicar que a internet permite a igualdade de oportunidades, o ministro disse que a banda larga é  um dos principais instrumentos de inclusão de todas as classes. “Por isso, vamos ampliar a velocidade instalada nas escolas para 50 MB, o que permite aos alunos aprender o conteúdo em novas plataformas. É Redenção se preparando para o futuro, pois já foi protagonista ao ser a primeira cidade a liberar os escravos no país”, ratificou o ministro, ao exaltar a integração do município com a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab).

O prefeito valorizou os resultados que a internet popular vão gerar no município. “Os pontos de conexão vão permitir a acessibilidade gratuita nas praças da cidade. Isso garante que a juventude tenha acesso às informações, garantindo o desenvolvimento da educação”, valorizou. “Redenção está no caminho do desenvolvimento a partir do investimento do Ministério”, complementou.

A cerimônia também contou com as presenças do chefe do escritório da Telebras no Norte e Nordeste, Edson Santana, o diretor da Empresa de Tecnologia da Informação do Ceará (Etice), Rogério Cristino, o deputado estadual Evandro Barreto, do diretor de Inclusão Digital do MC, Américo Tristão, e o superintendente regional do Trabalho e Previdência Social, Afonso Cordeiro.

Modernidade

Além de modernizar a gestão, o Cidades Digitais amplia o acesso aos serviços públicos, além de promover o desenvolvimento dos municípios brasileiros por meio da tecnologia. Para isso, atua na construção de redes de fibra óptica que interligam os órgãos públicos locais; disponibiliza aplicativos de governo eletrônico para as prefeituras; capacita servidores para uso e gestão da rede, além de oferecer pontos de acesso à internet para uso livre e gratuito em espaços públicos de grande circulação, como praças, parques e rodoviárias.

 

06:30 · 28.02.2015 / atualizado às 18:34 · 27.02.2015 por

Frncisco_Cesar_

O secretário da Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Inácio Arruda, dará posse nesta segunda-feira (2) ao novo presidente da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap), Francisco César de Sá Barreto, P.H.D em física e Professor Emérito da UFMG. A solenidade está marcada para as 16h30min, no auditório da Secitece (Av. Dr. José Martins Rodrigues, 150 – bairro Edson Queiroz). O nome de Francisco César de Sá Barreto para dirigir a Funcap foi anunciado nesta quinta-feira (26), pelo governador Camilo Santana.

Graduado em Física pela UFMG, o pesquisador cursou o mestrado e o doutorado em Física na Universidade de Pitsburgo, nos Estados Unidos. Na UFMG, ocupou os cargos de Pró-Reitor Adjunto de Planejamento (1990), Pró-Reitor de Pesquisa (1991-1994) e Reitor (1998-2002).

Foi, ainda, secretário de Educação Superior do Ministério da Educação (MEC), em 2002. Pesquisador 1A do CNPq (1978/2004) e Diretor-Presidente do BH-TEC – Parque Tecnológico de Belo Horizonte (2009/2010), Francisco César de Sá Barreto recebeu a Medalha Jubileu do CNPq, em 1981; a Ordem Nacional do Mérito Científico, Grã Cruz, em 2000; e a Ordem Nacional do Mérito Educativo, Grande Oficial, em 2002, entre outras premiações.

No exterior, foi Professor Visitante nas Universidades de Freiburg (1975), Ljubljana (1983), Harvard (1988) e Houston (1993). Sua principal linha de pesquisa é a Mecânica Estatística de transições de Fase. De suas principais contribuições, destacam-se: dinâmica de modelos quânticos, modelo para ferroelétricos quânticos, dinâmica do pico central em ferroelétricos, resultados rigorosos para modelos de “spin” clássico e grupo de renormalização dinâmico.

O PT  indicou o ex-diretor do BNB, Sidryão Alencar para o cargo, mas pesou na escolha a influência curricular e a indicação de pessoas ligadas ao meu universitário.

08:00 · 24.06.2014 / atualizado às 08:00 · 24.06.2014 por

O governo decidiu que o cronograma de desligamento total da TV analógica no país começará em 2016 e vai até o fim de novembro de 2018. Nesse período, o sistema analógico será desligado em cerca de 400 cidades, incluindo as capitais do país e suas regiões metropolitanas, onde moram cerca de 60% da população brasileira.

Os demais cinco mil municípios somente serão desligados no fim de 2018. A partir dessa data, a frequência usada pela TV analógica ficará liberada em todas as cidades do país, para que seja utilizada pelas empresas de telecomunicações nas transmissões de telefonia móvel e dados em alta velocidade.

(Mônica Tavares, O Globo)

 

 

10:25 · 13.03.2013 / atualizado às 10:25 · 13.03.2013 por

A Chesf vai investir 500 milhões de reais no Ceará em 2013 para ampliar o sistema de transmissão no Estado. O objetivo do investimento é assegurar que haja escoamento da energia produzida no Ceará para o sistema interligado. As informações foram do presidente João Bosco Almeida, da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), durante a sétima edição do All About Energy, que está sendo concluído hoje, no Centro de Eventos, em Fortaleza.

09:56 · 25.02.2013 / atualizado às 09:56 · 25.02.2013 por

O professor Virgílio Augusto Sales Araripe tomará posse como reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) nesta terça-feira, 26, em Brasília. A solenidade será realizada às 10h30, na Sala de Atos do edifício-sede do Ministério da Educação (MEC). O ministro Aloízio Mercadante conduzirá a cerimônia.  Além do ministro, devem participar da posse representantes da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec), outros reitores da rede federal e representantes da classe política do Estado do Ceará. A nomeação de Virgílio Araripe já havia sido publicada no Diário Oficial da União (DOU) do último dia 18, efetivando ato assinado pela presidenta Dilma Roussef, no dia 15. Virgílio Araripe terá um mandato de quatro anos à frente da instituição (2013-2016). No dia seguinte à posse, o novo reitor já estará em Fortaleza, para dar início à montagem de sua equipe de trabalho, com a nomeação dos novos pró-reitores, diretores sistêmicos e demais assessores.  A data da transmissão do cargo do novo reitor em Fortaleza será divulgada oportunamente.

20:17 · 10.10.2012 / atualizado às 22:51 · 10.10.2012 por

Dois eventos mobilizarão a comunidade portuária entre os dias 15 e 21 de outubro: a Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho Portuário e a Semana Nacional da Ciência e Tecnologia. Com uma programação diversificada de palestras, os dois eventos integram a programação do II Fórum Porto Cidade, realizado pelo Centro Vocacional Tecnológico Portuário Manuel Dias Branco com o objetivo de integrar o Porto de Fortaleza com a cidade.

A Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho Portuário é um evento anual organizado pelo Órgão Gestor da Mão de Obra (OGMO), com a participação da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) da Companhia Docas do Ceará (CDC). Este ano o tema será “Na terra, no mar, segurança em qualquer lugar”. Todas as atividades acontecerão das 08:00 às 11:00 horas, no auditório do CVT Portuário.

A Semana Nacional da Ciência e Tecnologia é um evento que acontece no Brasil desde 2004. Tem o objetivo de despertar em crianças, jovens e adultos temas e atividades relacionados à Ciência e à Tecnologia que valorizem a criatividade, a atitude científica e a inovação. Este ano o tema será “Sustentabilidade, Economia Verde e Erradicação da Pobreza”. Promoverá ações nos turnos da manhã e tarde, também no CVT Portuário.