Busca

Categoria: Emprego


06:28 · 24.03.2017 / atualizado às 06:28 · 24.03.2017 por

O presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos, comemorou a regulamentação da terceirização, aprovada na noite dessa quarta-feira (22) pela Câmara dos Deputados. Afif é defensor do modelo e acredita que a contratação de empresas terceirizadas é uma das saídas para a crise. “A terceirização é um fator de geração de emprego. É uma oportunidade para o surgimento de muitas atividades para novos empreendedores que hoje são trabalhadores. O operário vira empresário”.

De acordo com pesquisa realizada pelo Sebrae, 41% dos donos de pequenos negócios acreditam que poderão aumentar o faturamento com o fornecimento de serviços terceirizados. “A terceirização irá permitir que as empresas participem de cadeias produtivas como prestadoras de serviços especializados ou tenham contratos de trabalho que sejam adequados às modernas relações que a CLT não contempla e traz insegurança jurídica”, pontua Afif.

A pesquisa do Sebrae também apontou que apesar da terceirização ser uma possibilidade para aumentar o faturamento das empresas, menos da metade dos empreendedores pensam em terceirizar a sua própria mão de obra. O levantamento constatou que duas em cada três micro e pequenas empresas com empregados não têm interesse em terceirizar parte das suas atividades-fim. “Esse resultado reforça mais ainda a minha tese: a regulamentação da terceirização não deve ser confundida com a precarização da força de trabalho. Precarização é a falta de trabalho”, conclui o presidente do Sebrae.

08:36 · 19.02.2017 / atualizado às 08:38 · 19.02.2017 por

O terceiro dia de entregas de diplomas e kits no Interior do estado, para os formandos do projeto Criando Oportunidade e Primeiro Passo, começou cedo, neste sábado(18), para o secretário Josbertini, do Trabalho e Desenvolvimento Social do Ceará.

Depois de passar por Ibicuitinga, Banabuiu e Brejo Santo, na. quinta-feira(16); Crato, Milagres, Barro e Baixio, na sexta-feira(17), Josbertini esteve em Caririaçu para certificar 38 jovens. Ainda hoje serão visitados os municípios de Nova Olinda e Santana do Cariri.

“A realização desses cursos dá inicio a um ciclo importante de desenvolvimento. Eles geram emprego, que gera renda e melhora a qualidade de vida da população” afirmou o secretário Josbertini.

O prefeito de Caririaçu, Edmilson Leite, destacou a importância em preparar a juventude para o futuro da cidade. “Precisamos sempre da ajuda da STDS com essas ações. Temos muitas ideias e queremos incrementar a parceria” falou.

Foram certificados formandos nos cursos de auxiliar de escritório e assistente administrativo.

Acompanharam a cerimônia, Zélia Lustosa, primeira dama da cidade e secretária de Assistência Social, Francisco Santana, secretário de administração, Lucio Botelho, secretário de Educaçao, os vereadores Thiago, Marcos Araujo, Walter Lustosa, Acacio Leite e Geraldo Sinésio, assessor do deputado André Figueiredo.

06:04 · 07.02.2017 / atualizado às 22:07 · 06.02.2017 por

A Caixa Econômica Federal abrirá programa de demissão voluntária para até 10 mil funcionários nesta terça-feira (7) e planeja economizar R$ 1,8 bilhão em 2018, afirmou o presidente do banco, Gilberto Occhi.

Hoje a Caixa tem 95 mil funcionários, sendo que 30 mil têm mais de 15 anos de casa e poderão aderir ao programa para deixar a instituição. Os servidores terão até o dia 20 de fevereiro para decidir se aceitam a oferta do banco público.

Para aderir ao programa, será preciso se enquadrar em um dos quatro critérios impostos pelo banco público: ser aposentado pelo INSS, estar apto a se aposentar até o dia 30 de junho, ter pelo menos 15 anos de trabalho na Caixa no atual contrato ou ter adicional de incorporação de função de confiança até a data de desligamento.

08:40 · 07.12.2016 / atualizado às 08:50 · 07.12.2016 por

IMG_3426

O governador Camilo Santana participou nesta terça-feira (6), no Pecém, da inauguração da nova fase da Aeris Energy, empresa que há cinco anos trabalha fabricando pás eólicas no Ceará.

Por meio de sua atuação no segmento de energia renovável, o empreendimento tem apresentado impacto positivo para a economia cearense. A expectativa é de que a fabricante alcance os três mil empregos diretos gerados para a população – atualmente, 97% dos funcionários são cearenses.

O governador Camilo Santana destacou o potencial do Ceará para atrair mais investimentos, mesmo em face das dificuldades econômicas. Ele afirmou ainda que o Governo do Ceará deve ampliar os investimentos para atração de novas empresas.

08:31 · 07.12.2016 / atualizado às 08:31 · 07.12.2016 por

IMG_3424

A FIEC passou anos distante do governo do Ceará. Parecia uma fuga. As ações conjuntas pareciam encobertas para não deixar a população conhecer o que de fato se fazia para fazer o estado do Ceará crescer.

Pilotando a FIEC de forma profissional, o empresário Beto Studart deu nova feição a essa relação, tornando transparente e de amplo domínio
público.

Hoje, negócios estão evoluindo, empregos sendo gerados mesmo na crise e o mais importante, o Ceará vai atraindo investimentos, através de um diálogo franco.

Beto Studart criou ciclos de debates, juntou estado e iniciativa privada, acelerou os processos para a coisa andar. Camilo Santana e Beto Studart estão fazendo uma boa dobradinha.

12:04 · 06.12.2016 / atualizado às 12:04 · 06.12.2016 por
O valor da hora extra do trabalhador bancário poderá ser reduzido. O motivo foi a decisão inédita do Tribunal Superior do Trabalho (TST), que ocorreu semana passada.
Ficou decidido que será sempre aplicado o divisor de 180 para o cálculo do valor da hora extra do empregado com jornada de 6 horas por dia; e de 220 para os bancários que trabalham 8 horas diárias.  De acordo com o advogado Átila Araújo Costa, da CHC Advocacia, o TST contrariou decisão anterior do próprio Tribunal estabelecida na Súmula 124. “O TST já havia firmado entendimento anteriormente e essa decisão divergiu desse posicionamento, cancelando, a meu ver, parte do texto da súmula 124”, explica o especialista.
Conforme o advogado, a decisão acaba com a interpretação deixada em aberto pela Súmula 124 sobre o sábado. “Antes, o TST considerava que o sábado poderia ser entendido como dia de repouso semanal remunerado, se tal condição estivesse prevista em norma coletiva, o que influenciava na definição de qual divisor deveria ser aplicado para efeito de  cálculo das horas extras. Contudo, a recente decisão do TST definiu que o fato do sábado ser ou não considerado dia de repouso semanal remunerado não é suficiente para alterar o divisor das horas extras, devendo ser sempre 180 para os bancários submetidos à jornada de 6 horas diárias e 220 para os bancários com jornada de 8 horas diárias. Com esse entendimento mais recente, o TST reduziu sensivelmente o espaço para debate acerca do divisor a ser aplicado”, explica Átila.
A decisão foi proferida em sede de recurso repetitivo, de maneira que deverá ser observada por todos os magistrados em processos com idêntico objeto.
13:17 · 29.11.2016 / atualizado às 13:18 · 29.11.2016 por

A taxa de desocupação no trimestre móvel encerrado em outubro de 2016 foi estimada em 11,8% para o Brasil, ficando acima da taxa do trimestre móvel encerrado em julho de 2016 (11,6%) e superando em 2,9 pontos percentuais a taxa do mesmo trimestre do ano anterior (8,9%).
A população desocupada (12,0 milhões de pessoas) permaneceu estável em relação ao trimestre de maio a julho de 2016 e subiu 32,7% (mais 3,0 milhões de pessoas) no confronto com igual trimestre de 2015.

Já a população ocupada (89,9 milhões de pessoas) apresentou redução de 0,7%, quando comparada ao trimestre de maio a julho de 2016 (menos 604 mil pessoas). Em comparação com igual trimestre de 2015, foi registrada queda de 2,6% (menos 2,4 milhões de pessoas).

O número de empregados com carteira assinada no setor privado, estimado em 34,0 milhões de pessoas, apresentou queda de 0,9% frente ao trimestre de maio a julho de 2016 (menos 303 mil pessoas). Na comparação com igual trimestre do ano anterior, a redução foi de 3,7% (menos 1,3 milhão de pessoas).

O rendimento médio real habitualmente recebido em todos os trabalhos (R$ 2.025) cresceu 0,9% frente ao trimestre de maio a julho de 2016 (R$ 2.006) e caiu 1,3% em relação ao mesmo trimestre do ano passado (R$ 2.052).

A massa de rendimento real habitualmente recebida pelas pessoas ocupadas em todos os trabalhos (R$ 177,7 bilhões) não apresentou variação significativa em relação ao trimestre de maio a julho de 2016, mostrando redução de 3,2% frente ao mesmo trimestre do ano anterior. A publicação completa da PNAD Contínua Mensal pode ser acessada http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/indicadores/trabalhoerendimento/pnad_continua_mensal/default.shtm.

Os indicadores da PNAD Contínua são calculados para trimestres móveis, utilizando-se as informações dos últimos três meses consecutivos da pesquisa. A taxa do trimestre móvel terminado em outubro de 2016 foi calculada a partir das informações coletadas em agosto/2016, setembro/2016 e outubro/2016. Nas informações utilizadas para o cálculo dos indicadores para os trimestres móveis encerrados em outubro e setembro, por exemplo, existe um percentual de repetição de dados em torno de 66%. Essa repetição só deixa de existir após um intervalo de dois trimestres móveis.

08:51 · 25.11.2016 / atualizado às 08:51 · 25.11.2016 por

vitor-valim-e-a-favor

O deputado federal Vitor Valim foi ao prédio da sede da Caixa Econômica Federal, em Brasilia, tentar evitar a demissão de 700 funcionários terceirizados que perderão seu empregos a partir de janeiro. A Caixa vai transferir as atividades de atendimento ao cliente por telefone para Brasília e os responsáveis pelo call center serão demitidos.

“É um absurdo demitir todas essas pessoas nesse momento. O Ceará precisa da geração de empregos, principalmente para o primeiro emprego. Vou lutar para evitar”, disse Valim na Câmara dos Deputados.

15:18 · 24.11.2016 / atualizado às 15:18 · 24.11.2016 por

Por unanimidade, o parecer do deputado federal André Figueiredo que trata sobre o Projeto de Lei Nº 5.278, de 2016, foi aprovado na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público (CTASP). O PL é de autoria do Poder Executivo durante o mandato da presidenta eleita, Dilma Rousseff, e trata sobre o Sistema Nacional de Emprego (Sine) que, para André, trata-se do “mais relevante instrumento em relação à regulação e execução das políticas públicas de emprego, de trabalho e de renda”.

O Sine é um sistema da rede pública responsável pelo atendimento ao trabalhador e trabalhadora no momento em que procuram o seguro-desemprego. O PL em questão propõe a unificação do sistema de atendimento para que o trabalhador demitido possa, no momento da concessão do seguro-desemprego, ser encaminhado à cursos de qualificação profissional e auxiliado em busca de uma nova vaga de trabalho. Além disso, o projeto prevê a liberação para que as transferências de recursos federais sejam feitas diretamente para os Estados e municípios. Hoje, o repasse é realizado por convênios que demandam renovação periodicamente.

A reformulação do Sine representa uma vitória para as políticas de trabalho e renda, uma vez que é fruto de anos de discussão entre Governo e entidades representativas. Em sua justificativa, André Figueiredo ressaltou que a crise política e econômica tem gerado desemprego e que as alterações no Sine podem mudar essa realidade. “Visamos a valorização da rede de atendimento do trabalhador, descentralizando o atendimento no âmbito da gestão federal e levando aos municípios, onde realmente estão os gargalos da qualificação e geração de trabalho e renda”, explica o pedetista.

O deputado ainda propõe, entre outros tópicos, que os entes integrantes do Sistema possam recorrer a operações de crédito junto a organismos internacionais; que os “repasses” entre estes entes sejam realizados por “transferências automáticas”; a inserção das transferências de recursos promovidas no âmbito do Sine entre as “despesas públicas de natureza obrigatória e continuada com a seguridade social”, para evitar que sejam contingenciadas por decreto em decorrência de dificuldades na execução financeira do orçamento e a autorização para aplicação de recursos do FAT em despesas de pessoal dos entes federados.

André Figueiredo solicitou ainda a aprovação da emenda nº 1/16 na Comissão, que prevê o desenvolvimento de aplicativos e soluções tecnológicas na melhoria da qualidade de serviços ofertados ao trabalhador. “Ao se determinar que o Sine ofereça aos trabalhadores assistidos recursos tecnológicos hoje amplamente empregados na montagem de redes sociais, confere-se ao sistema agilidade”, explicou.

Com a aprovação na CTASP, o PL Nº 5.278/2016 segue para apreciação na Comissão de Finanças e Tributação ( CFT ).

 

06:04 · 20.10.2016 / atualizado às 21:10 · 19.10.2016 por

IMG_2059
O empresário João Carlos Paes Mendonça é um dos maiores empreenderes do Nordeste brasileiro. Supera à crise investindo. No próximo dia 26, ele entrega as Instalações do RioMar Kennedy, um Shoping de primeiro mundo no coração de um dos bairros com maiores problemas sociais de Fortaleza, o presidente Kennedy, que abriga nas proximidades favelas e milhares de trabalhadores. Gente simples e
direita que vai ganhar oportunidade de trabalho.

Ao lado do shopping, Paes Mendonça está erguendo condomínios residenciais e comerciais, através de investimento próprio. São quase mil unidades de alto padrão. A economia de Fortaleza agradece.