Roberto Moreira

Categoria: Habitação


06:02 · 24.09.2016 / atualizado às 18:29 · 23.09.2016 por

IMG_1275

A Prefeitura de Fortaleza, em parceria com o Governo do Estado do Ceará, formalizou, na manhã desta sexta-feira (23/09), no Centro de Cidadania e Direitos Humanos (CCDH) do Conjunto Palmeiras, o termo de cooperação para a regularização fundiária de 4 mil unidades habitacionais desse bairro.

A atividade possibilitará a entrega do papel da casa, que significa a posse legal do imóvel, a fortalezenses que sonham, há décadas, possuir de fato a casa própria.

A regularização fundiária das unidades habitacionais será realizada pela Secretaria das Cidades, por intermédio do Instituto de Desenvolvimento Institucional das Cidades do Ceará (Ideci). Os trabalhos serão realizados pela empresa Aerofoto Nordeste, vencedora da licitação, com recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (Fecop). A empresa será responsável pelo levantamento cartográfico e socioeconômico da área, que possibilitará a emissão do “papel da casa”. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Habitacional de Fortaleza (Habitafor) cuidará dos trabalhos quanto à parte cartorial. Outras 1 mil unidades habitacionais já estão com a regularização fundiária em andamento, por meio de um contrato assinado com a Habitafor, com recursos do Ministério das Cidades.

IMG_1273
Para contemplar as diversas atividades relacionadas direta e indiretamente à regularização fundiária integrada do bairro, foi assinado um termo de cooperação técnica entre vários órgãos da Prefeitura – Iplanfor, Habitafor, Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), Autarquia de Regulação, Fiscalização, Controle dos Serviços Públicos de Saneamento Ambiental de Fortaleza (Acfor), Secretaria do Desenvolvimento Econômico (SDE) e Secretaria Municipal da Cidadania e Direitos Humanos (SCDH).

Prefeitura de Fortaleza e ações de entrega do papel da casa

De acordo com Gilvan Paiva, titular da Habitafor, está em curso um projeto para regularização de 11 mil unidades habitacionais na Capital. “Neste momento, estamos com mais de mil papéis da casa entregues e objetivo é, até 2017, chegar a meta de 11 mil, um número extraordinário. Para se ter ideia, só no Grande Pirambu, serão 8 mil unidades. Tenho certeza que Fortaleza dará exemplo nessa área para todo o Brasil”, afirmou.

10:32 · 22.09.2016 / atualizado às 10:32 · 22.09.2016 por

Os recursos direcionados pelo Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), para financiar obras de saneamento e infraestrutura, por intermédio de seus vários programas, somaram em 2016, cerca de R$ 66 bilhões em valores nominais. O orçamento do Fundo para saneamento e infraestrutura para o próximo triênio é de R$ 44 bilhões.Na região nordeste do país, o estado do Ceará recebeu nos últimos 18 meses, mais de R$ 2 bilhões em habitação.

O FGTS também investe em obras de infraestrutura. Em Fortaleza, estão em andamento às obras de duas Estações de Metrô, com mais de R$ 33 milhões investidos, beneficiando 2,5 milhões de pessoas. As obras do Eixo Via Expressa/Raul Barbosa, com investimentos de mais de R$ 141 milhões, alcançam 2,5 milhões de cearenses.

O Fundo de Garantia que completa 50 anos, é o maior fundo da América Latina, com mais de 700 milhões de contas vinculadas e 37,6 milhões de trabalhadores com contas ativas.

09:01 · 22.07.2016 / atualizado às 12:52 · 22.07.2016 por

image

O governador Camilo Santana entrega, nesta sexta­feira (22), às 11 horas, 596 moradias do residencial Monsenhor Montenegro, no Crato, região do Cariri.

O empreendimento, executado pela Secretaria das Cidades, foi financiado pela Caixa Econômica Federal, por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida. O investimento para o conjunto habitacional foi de R$ 40.230.000,00.

06:08 · 14.07.2016 / atualizado às 21:51 · 13.07.2016 por

michel-temer-deixa-a-articulacao-politica-do-governo_1

O presidente Temer mostra que está cumprindo a palavra. Quando assumiu interinamente disse que iria manter programas sociais.

Hoje, em solenidade no Palácio do planalto reativa o minha casa minha vida que desempregou mais de 1 milhão de trabalhadores.

A solenidade marcada com expectativa pelo setor da construção civil vai beneficiar estados, municípios e e construtoras do país. No Ceará, são mais de 30 mil unidades.

06:40 · 27.06.2016 / atualizado às 06:40 · 27.06.2016 por

image

A Prefeitura de Fortaleza realiza, nesta segunda-feira (27/06), às 10h, no Plenário da Câmara Municipal, o segundo sorteio de unidades habitacionais do programa “Minha Casa, Minha Vida”. Coordenado por meio da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional de Fortaleza (Habitafor), o sorteio irá selecionar os ganhadores de mais de 4 mil unidades, distribuídas entre a segunda etapa do empreendimento Alameda das Palmeiras, no Ancuri, e no Conjunto Cidade Jardim II, no bairro Prefeito José Walter.

Assim como no primeiro sorteio, realizado em dezembro de 2015, haverá transmissão ao vivo pela TV Fortaleza (canal 61.4 com sinal aberto e canal 6 na Multiplay), TVC (canal 5 com sinal aberto e canal 17 na Multiplay) e pela Rádio Terra do Sol, no portal da Prefeitura de Fortaleza na internet. O sorteio também será acompanhado por representantes dos Ministérios Públicos Estadual e Federal, Defensoria Pública, OAB-CE, Ministério das Cidades, Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e entidades do movimento por moradia.

06:40 · 25.06.2016 / atualizado às 06:40 · 25.06.2016 por

image

A Prefeitura de Fortaleza vai promover neste sábado (25/06) duas ações que vão beneficiar mais de 2.700 famílias atendidas pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional de Fortaleza (Habitafor). A partir das 9h, no Cuca da Barra do Ceará, o prefeito Roberto Cláudio vai entregar 700 termos de Concessão Real de Direito de Uso (CDRU), mais conhecidos como “papel da casa”. Em seguida, às 11h, o prefeito vai participar, no conjunto residencial Alameda das Palmeiras, no bairro Ancuri, do loteamento das unidades entre os beneficiados no primeiro sorteio do programa “Minha Casa, Minha Vida (MCMV)”, realizado em dezembro de 2015.

No primeiro evento, 700 famílias oriundas de cinco conjuntos habitacionais construídos em regime de mutirão ou pela Prefeitura receberão os documentos das suas casas. Estes beneficiários devem retirar senhas de atendimento nos guichês instalados pela Habitafor no pátio do Cuca e seguir para o ginásio, onde ocorrerá a solenidade.

Já no Alameda das Palmeiras, 2.032 beneficiários do MCMV com dossiês aprovados pelo Banco do Brasil conhecerão os apartamentos onde vão morar em breve. O processo de seleção das unidades é feito por meio de um programa desenvolvido pelo Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor), que sorteia as unidades conforme os grupos de prioridade. Dessa forma, portadores de deficiência e idosos ficam com as unidades térreas e adaptáveis. Posteriormente, a Habitafor vai intermediar possíveis trocas que os beneficiários desejem fazer.

Além destas, a Prefeitura também sorteou, em dezembro do ano passado, outras 504 unidades localizadas no complexo residencial Escritores, localizado em Messejana. No caso dos Escritores, as unidades já têm seus futuros donos definidos, que aguardam apenas a Caixa concluir os processos para receberem as chaves.

Novo sorteio
O segundo sorteio do MCMV em Fortaleza está programado para segunda-feira, 27, às 10h, na Câmara Municipal de Fortaleza. Na ocasião, serão sorteadas 4.380 unidades, sendo 1.892 na segunda etapa do Alameda das Palmeiras e 2.488 no Conjunto Cidade Jardim II (José Walter).

10:10 · 23.06.2016 / atualizado às 10:10 · 23.06.2016 por

mcmv

Nesta quinta-feira (23), será anunciado o lançamento da retomada das obras paralisadas de 4.232 unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida faixa 1. A solenidade será dirigida pelo ministro das Cidades, Bruno Araújo e contará com a presença do presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi. O evento acontecerá às 11h no auditório do Ministério das Cidades.

O Ministério das Cidades está trabalhando arduamente junto com a Caixa Econômica Federal para fazer o melhor pela população brasileira. São mais de 65 mil unidades habitacionais em obras, que estão paralisadas e precisam ser retomadas.  A intenção do governo federal é diminuir as obras que estão paralisadas em todo País, e com isso aprimorar a execução dos programas sociais.

06:40 · 05.05.2016 / atualizado às 23:53 · 04.05.2016 por

O ministro das Comunicações, André Figueiredo, e o governador Camilo Santana participam nesta quinta-feira (5), às 14h30, da entrega de 486 moradias populares, nos residenciais Vida Bela e Vida Nova do programa Minha Casa Minha Vida no município de Itapipoca (CE).  A cerimônia faz parte da entrega simultânea unidades do programa em cinco cidades brasileiras, comandada pela presidenta Dilma Rousseff.

As entregas de novas unidades também vão ocorrer Santarém (PA), Camaçari (BA), Uberaba (MG) e Campos dos Goytacazes (RJ).

No município de Itapipoca, as habitações fazem parte de dois empreendimentos: Residencial  Vida Nova, onde serão entregues 287 unidades, e Residencial Vida Bela, onde serão inauguradas 199 residências.

14:56 · 26.04.2016 / atualizado às 16:06 · 26.04.2016 por

image

O ministro das Comunicações, André Figueiredo, afirmou hoje (26) que os brasileiros mais carentes conquistaram, na última década, o pleno acesso à cidadania. “Hoje, o filho do pobre tem acesso à casa própria e ao ensino superior. Em pouco tempo, terá ainda mais internet popular de qualidade. Isso é a verdadeira inclusão social e digital”, exaltou. A declaração foi dada durante a entrega das chaves de 760 novas residências do Minha Casa Minha Vida em Caucaia, no Ceará.

A inauguração foi promovida de forma simultânea com a presidente Dilma Rousseff, que estava em Salvador (BA), e outros ministros em São Carlos (SP), Santa Maria (RS) e Pirassununga (SP). Com R$ 365 milhões investidos, no total foram entregues 5.293 unidades habitacionais, que beneficiarão mais de 21 mil pessoas com renda de até R$ 1,6 mil.

No município cearense, as habitações fazem parte de dois empreendimentos. No Residencial José Lino da Silveira I e III foram entregues 528 apartamentos, com investimentos de R$ 37,4 milhões, que vão beneficiar 2.112 pessoas. Também ocorreu a entrega de 232 casas do Residencial Atenas, que receberam recursos que totalizaram R$ 14,8 milhões e vão atender 928 moradores. Os conjuntos contam com infraestrutura completa de saneamento e lazer, acesso facilitado às escolas, creches e postos de saúde, além da oferta de transporte público nos arredores da localidade.

A presidente Dilma Rousseff lembrou que os pacotes sociais devem ser expandidos, e não reprimidos, pois são um reconhecimento da realidade do novo país. “Vocês têm agora um espaço para desfrutar de lazer, segurança, educação e saúde. Por isso, eu fico orgulhosa. Todos vocês conquistaram a chave para uma nova vida”, ratificou a presidenta.

Ao abraçar as famílias contempladas, André Figueiredo exaltou a qualidade de vida que cada morador passará a desfrutar a partir do apoio do governo federal no financiamento ou quitação das residências. “O maior programa habitacional da América Latina beneficia milhares de famílias em todo o país. Conseguimos proporcionar dignidade para quem vivia em situação de vulnerabilidade social, tanto no meio urbano, quanto rural”, disse o ministro, ao ser aplaudido.

“No Minha Casa Minha Vida 3, as futuras unidades já terão disponibilidade de infraestrutura para receber internet de alta velocidade. É um grande legado proporcionado pelo governo federal. Os brasileiros podem sonhar com novos caminhos”, acrescentou André Figueiredo, que estava acompanhado do secretário estadual de Trabalho e Desenvolvimento Social, Josbertini Clementino.

O governador Camilo Santana relatou que, atualmente, o povo tem voz e recebe a atenção do governo, pois o desenvolvimento social é um dos pilares dessa parceria. “O pai e a mãe sempre buscam proporcionar aos filhos um ambiente saudável, com tudo de qualidade”, pontuou. “Para nós, gestores públicos, sentir a alegria de cada cidadão é gratificante. Muitos saíram do aluguel ou de áreas de risco. Precisamos continuar investindo em quem mais precisa. O povo brasileiro é de luta e não vai permitir retrocessos”, completou o governador.

Segundo o prefeito local, Washington Goes, a parceria com os governos federal e estadual foi essencial para viabilizar, com sucesso, o programa. “Estamos reduzindo o déficit de casas populares em Caucaia. O desejo da casa própria é viável, conforme a presidente Dilma Rousseff sempre idealizou”, comentou.

Também participaram do evento o vice-prefeito local, Paulo Guerra, o superintendente regional da Caixa, Regino Pinho, além de representantes dos poderes executivo e legislativo do estado e município.

06:42 · 26.04.2016 / atualizado às 21:43 · 25.04.2016 por

dep-andre-figueiredo-artigo

O ministro das Comunicações, André Figueiredo, participa nesta terça-feira (26), às 10h30, da entrega de 760 moradias populares do programa Minha Casa Minha Vida em Caucaia (CE), na região metropolitana de Fortaleza. A cerimônia faz parte da entrega simultânea de 5.283 unidades do programa em cinco cidades brasileiras, comandada pela presidenta Dilma Rousseff.

As entregas de novas unidades também vão ocorrer em Salvador (BA), São Carlos (SP), Santa Maria (RS) e Pirassununga (SP).

No município cearense de Caucaia, as habitações fazem parte de dois empreendimentos. No Residencial José Lino da Silveira I e III serão inaugurados 528 apartamentos, com investimentos de R$ 37,4 milhões, que vão beneficiar 2.112 pessoas. Também serão entregues 232 casas sobrepostas do Residencial Atenas, que receberam R$ 14,8 milhões em investimentos e vão beneficiar uma população de 928 moradores.

A solenidade contará com a participação do governador do Ceará, Camilo Santana, e de representantes dos poderes executivo e legislativo da região.

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Roberto Moreira

Jornalista com mais de 40 anos de atuação acompanha de lupa os movimentos da classe política. Crítico, ácido e atuante, o blog leva ao leitor fatos reais.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags