Roberto Moreira

Categoria: Transportes


07:50 · 10.12.2018 / atualizado às 08:39 · 10.12.2018 por
No municio do Eusébio, no Ceará, mais de 65 mil pessoas podem usar diariamente o transporte coletivo urbano sem pagar um centavo.
Em media com 70 mil usuários por mês, o Transporte Regular Urbano do Eusébio (True) possui 10 linhas que cobrem 95% do município e a vantagem oferecida também é o conforto.
O projeto consome apenas 1% da receita bruta do município. Acilon Gonçalves, prefeito do Eusébio é pressionado por empresários do setor de transporte para cobrar tarifa, mas reage, não aceita. “Enquanto for prefeito e meus aliados forem eleitos, o transporte será gratuito. Minha luta e levar para Aquiraz, Itaitinga, Cascavel e Beberibe”, disse o prefeito.
07:18 · 10.12.2018 / atualizado às 07:18 · 10.12.2018 por

Além dos noves voos regulares diários, o Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, em Juazeiro do Norte, pode ganhar voos charter( fretados) com foco turístico, saindo de São Paulo, a partir de junho de 2019, através de parceria do Governo do Estado com a operadora de turismo CVC, a maior no Brasil. A empresa detém mais de 80% do mercado.
“Por meio do turismo é possível desenvolver toda a região, gerando emprego e renda”, afirma o titular da SETUR, em Juazeiro do Norte, Júnior Feitosa.
O secretário, que acompanhou a visita de diretores aos pontos turísticos da cidade, em outubro, está otimista. “Esperamos contar com o investimento do Governo do Estado no plano de marketing”, ressalta.
O Aeroporto deve ser concedido à iniciativa privada em leilão do Governo Federal, previsto para 15 de março de 2019.
Este ano, de janeiro a outubro, o equipamento recebeu mais de 458,3 mil passageiros.
Em julho, foram 62.370, a maior movimentação da sua história, segundo a Empresa Brasileiros de Infraestrutura Aeroportuária – INFRAERO, atual administradora do aeroporto.
“A perspectiva da parceria com a CVC reforça todo o trabalho que a gestão do Prefeito Arnon Bezerra vem desenvolvendo, para envolver empresários e setores relacionados ao turismo. Estamos no rumo certo”, finalizou Júnior Feitosa.

07:57 · 16.11.2018 / atualizado às 07:57 · 16.11.2018 por

O publicitário Rodrigo Lico deu inicio a uma campanha nas redes sociais, que visar obter o direito das pessoas poderem circular com seus pets no transporte público. Lico argumenta que atualmente no Brasil existem cerca de 52 milhões de cães e 22 milhões de gatos (um total de 74 milhões de pets), conforme indica pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), ou seja, em média quase metade da população economicamente ativa possui um mascote.
Segundo o publicitário essa reivindicação é justa e legitima, de relevância social e ambiental para interação animal e cidadão: “poder passear com o animal de estimação já é uma realidade em vários locais públicos como aeroportos, shoppings, escolas e áreas públicas de lazer, por que não poder fazer uso do transporte público? Tendo em vista que isso já é uma realidade em diversos países, o governo não investirá dinheiro algum em adaptação e infraestrutura, como no caso de deficientes e usuários de bicicleta, a estrutura já está aí, pronta e disponível, é só liberar o acesso como no caso dos cães-guias”, questiona Lico.
Para ele é possível tornar isso realidade, assim como foi criada uma lei na questão das bicicletas em São Paulo, que através do slogam “saúde”, usuários das bicicletas promoveram diversas manifestações, e assim foi criada uma lei que beneficiou estes cidadãos, e hoje eles podem transportar suas bikes no metrô e trens da CPTM. Tudo isso foi possível devido ao clamor da sociedade e com o respaldo da Constituição Federal, conforme prevê o Artigo 1º parágrafo único: “Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente”.

Rodrigo realizou uma pesquisa e descobriu que na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo), desde 2015 tramita um PL (Projeto de Lei) de n° 727, de 2015 (PL 727 / 15), que autoriza o transporte de animais domésticos em trens, metrôs e ônibus intermunicipais. Esse PL pode ser acessado através do link a seguir: https://www.al.sp.gov.br/propositura/?id=1257057 .
Rodrigo acredita que através da unidade entre ativistas, militantes e cidadãos que defendem e possuam animas é possível sensibilizar e convencer os deputados a votarem e aprovar esse PL. Lico enfatiza: “só obteremos essa conquista com constantes mobilizações, com o intuito de sensibilizar e pressionar os parlamentares (deputados estaduais) a votarem em regime de urgência essa matéria, e que na sequência o governador sancione este PL e assim que esta reivindicação se torne lei. Está lei beneficiará milhões de cidadãos proprietários de pets, que e fazem uso do direito de ir e vir no transporte público.” esclarece o publicitário.

Faça valer seus direitos, exija do parlamentar que você votou a aprovação deste PL, vamos nos unir nesta causa de iniciativa popular, somente juntos poderemos pressionar os parlamentares para que façam uso do bom-senso e aprovem esta lei o quanto antes, conclama Rodrigo.

08:39 · 13.11.2018 / atualizado às 08:39 · 13.11.2018 por

O governador Camilo Santana se reuniu nesta segunda-feira (12), em Paris, na França, com a presidente mundial do Conselho Administrativo da Air France/KLM, Anne-Marie Courdec. Durante o encontro, a empresa comemorou os resultados do HUB aéreo em Fortaleza – está com 95% de ocupação da classe econômica – e já avalia lançar novas frequências de voos diretos de Fortaleza para Paris e Amsterdã, além das cinco em operação e outras duas já anunciadas para este mês e abril/19.

“Fizemos um balanço do projeto e eles estão muito satisfeitos e otimistas. A ocupação da classe econômica chega a 95% em média. A partir desse mês teremos mais um voo semanal da Air France e, em abril, outro da KLM, passando a ser frequências diárias; isso com apenas seis meses de projeto. E já avaliam ampliar as frequências. Coloquei o Governo do Estado à disposição para fazermos desse projeto um case de sucesso e conectar o Ceará com o mundo”, afirmou o governador.

A reunião contou ainda com a participação dos vice-presidentes da Air France/KLM, Patrick Alexandre, Henri Hourcade e Patrick Roux. “A consolidação do HUB aéreo significa mais turistas, mais frequência em hotéis, novos postos de trabalho e empregos qualificados, o que movimenta a economia do estado, com a atração de novas empresas. Por isso, estamos investindo na capacitação e qualificação de mão de obra, com as escolas de Gastronomia e Hotelaria, o Centro Cearense de Idiomas e as escolas profissionalizantes”, citou Camilo Santana, que ressaltou a importância da trinca de Hubs para o estado – Aéreo, Portuário e Tecnológico.

O governador também reforçou o crescimento das exportações no estado com a consolidação do HUB aéreo e a importância da parceria com o Porto de Roterdã, que será fundamental para a ampliação do HUB aéreo e a captação de novos negócios para o Ceará.

06:37 · 10.11.2018 / atualizado às 06:37 · 10.11.2018 por

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) definiu os valores para multas referentes ao descumprimento do preço mínimo da tabela do frete rodoviário. As punições poderão ser aplicadas em quatro situações distintas, com valor máximo de 10 mil e 500 reais. Os valores passaram por consulta pública e foram publicados no Diário Oficial da União nesta sexta-feira (9).

De acordo com a norma, a empresa que contratar um serviço por valor abaixo do valor mínimo terá que pagar multa de duas vezes a diferença entre o valor pago e o devido, com base na tabela. Esse preço que pode variar de 550 a 10 mil e 500 reais.

Caso a infração seja cometida pelo transportador, a punição será de 550 reais. Já os anunciantes de ofertas para contratação do transporte rodoviário de carga em valor inferior ao piso mínimo estarão sujeitos a multa de 4.975 reais.

O texto aponta também que contratantes, transportadores ou outro agente do mercado que impedir e dificultar o acesso às informações solicitadas pela fiscalização poderão sofrer punição de R$ 5 mil.

A agência reguladora já fazia operações para verificar o descumprimento do preço mínimo, mas não aplicava multas por falta de regulamentação das punições. A publicação completa com os valores aplicados em cada situação pode ser acessada no site do Casa Civil da Presidência da República.

20:38 · 06.11.2018 / atualizado às 20:38 · 06.11.2018 por
O governo federal vai conceder 12 aeroportos para a iniciativa privada. A decisão está publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (5) e foi tomada pelo Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos da Presidência da República.
De acordo com a resolução que autoriza a concessão, os empreendimentos serão licitados em três blocos: Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste. O prazo de concessão será de 30 anos para todos os blocos e aeroportos.
Esse modelo de concessão é interessante para o País porque gera investimentos, empregos e melhora os serviços prestados para os consumidores nos terminais de passageiros. Além disso, o governo recebe um valor por cada aeroporto.
20:05 · 06.11.2018 / atualizado às 20:05 · 06.11.2018 por

O governador Camilo Santana assina, nesta quarta-feira (7), a ordem de serviço para a retomada das obras da Linha Leste do Metrô de Fortaleza.

O evento será realizado às 10 horas e terá as presenças do presidente do Senado, Eunício Oliveira, do ministro das Cidades, Alexandre Baldy, e do secretário da Infraestrutura, Lucio Gomes.

13:52 · 04.11.2018 / atualizado às 13:52 · 04.11.2018 por

A consolidação do hub aéreo no Ceará continua construindo novos caminhos do Estado para o mundo. A GOL Linhas Aéreas iniciou operação para voos diretos do Aeroporto de Fortaleza para Orlando e Miami, nos Estados Unidos. A primeira viagem dentro do novo serviço foi realizada na manhã deste domingo (4), com destino a Orlando.

O evento inaugural ocorreu na sala de embarque internacional do aeroporto, e contou com a presença do secretário do Turismo do Ceará, Arialdo Pinho, do vice-presidente de Vendas e Marketing da GOL, Eduardo Bernardes, do vice-presidente de Operações da GOL, Sérgio Quito, e da diretora operacional da Fraport, Sabine Trenk.

Com aproximadamente 7h30min de duração, as viagens trarão aumento ao fluxo de passageiros em Fortaleza. Os voos terão o conforto de aeronaves novas e potentes, modelo Boeing 737 MAX 8, com serviço de bordo diferenciado para os clientes.

O secretário Arialdo Pinho apontou que a concretização deste marco coloca Fortaleza ainda mais como um grande centro de conexões aéreas para o mundo. Desde que houve a implantação do hub, através da GOL e Air France/KLM, o Aeroporto de Fortaleza tem destinado passageiros para países da Europa. Agora, grandes cidades norte-americanas entraram na rota.

“Esses dois voos que vão acontecer para Orlando e Miami são resultado de uma parceria forte que o Governo do Ceará montou com a GOL para tanto reforçar o hub quanto reforçar a área internacional da GOL. Também é importante para a companhia viajar para os Estados Unidos daqui de Fortaleza, sendo a primeira interligação deles para o país. Eles têm oferecido um preço baixo e isso vai atrair muitos passageiros, contemplando toda a região Nordeste e a região Norte”, explicou Arialdo.

Eduardo Bernardes destacou que a inauguração dos voos para Orlando e Miami é resultado de um trabalho pactuado que iniciou há mais de um ano.

“Essa é uma parceria muito importante que foi selada com o Governo do Ceará e a Fraport. Queremos desenvolver cada vez mais o hub de Fortaleza que, para nós, é o hub do Nordeste, onde temos a oportunidade de ofertar serviço de alta qualidade em voos domésticos nacionais e internacionais, juntamente com nossos parceiros estratégicos da Delta/Air France/KLM”.

Administradora do Aeroporto de Fortaleza, a Fraport se coloca como parceira responsável por garantir a melhor estrutura de embarque e desembarque, afirma a diretora Sabine Trenk. “A Fraport tem o compromisso de transformar o Aeroporto de Fortaleza num terminal moderno e eficiente, focando na qualidade de operação, segurança e outros serviços”.

11:50 · 20.10.2018 / atualizado às 11:50 · 20.10.2018 por

Um dos principais polos movimentadores da economia cearense, a Companhia de Desenvolvimento do Complexo Industrial e Portuário do Pecém S/A,vai atuar junto de um dos maiores portos do mundo, impulsionando o comércio e o desenvolvimento. Nesta sexta-feira (19), em solenidade no Palácio da Abolição, o Governo do Ceará celebrou a parceria com o Porto de Roterdã, da Holanda. A participação holandesa no complexo envolve investimento de 30% nas ações da CIPP S.A., no valor de R$ 323 milhões, atuando também no conjunto das decisões estratégicas.

O governador Camilo Santana comemorou a parceria e destacou o empenho para selar o acordo. “Estou bastante otimista, me lembro quando nos reunimos pela primeira vez, em 2015, e contratamos uma consultoria para viabilizar essa parceria. As coisas precisam ser feitas por etapas para garantir segurança, viabilidade. Mas o mais importante é que estamos fechando com o maior porto da Europa, um dos maiores do mundo, que vai abrir as portas do Porto do Pecém para empresas internacionais. Não tenho dúvida que vai beneficiar o povo cearense, criando oportunidades de emprego, de renda. Quero agradecer todo o esforço das equipes técnicas que se dedicaram ao longo desses anos. Sei que será uma parceria longa e trará benefícios para ambos os lados”.

O Porto de Roterdã também terá posições na Diretoria Executiva, no Conselho Fiscal e no nível gerencial das operações, sendo o Estado do Ceará o acionista majoritário na CIPP S.A. A operação não envolve venda ativos e o Estado manterá o controle e propriedade ou posse de todos os seus ativos.

Allard Castelein, CEO do Porto de Roterdã, disse que os países têm muitas afinidades. “É um prazer estar aqui hoje. Holanda, Países Baixos, Brasil, temos muito mais em comum do que vocês pensam. Somos nações que amam comércio exterior e futebol. Agora surge uma oportunidade entre os dois portos de trazer o mundo para o Ceará. Os portos de 2018 exigem segurança, perfeita estrutura, plataformas digitais, visão de longo prazo. O Porto de Roterdã vem se desenvolvendo há 500 anos e é responsável por um PIB do nosso país de cerca de 6%. Através dessa parceria queremos aumentar o comércio e potencializar o desenvolvimento. Fiquei impressionado com a visão do governador e espero que essa parceria continue até um futuro longo”.

O embaixador dos Países Baixos no Brasil, Kees Van Rij, destacou as relações históricas do Ceará com outros países beneficiados de maneira direta ou indireta com a parceria, frisando que os laços holandeses com o Ceará vêm desde o século XVII. “O Ceará é cinco vezes maior que o nosso país. O Porto de Roterdã é o mais importante da Europa e o Porto do Pecém tem uma posição estratégica, fica próximo do México, do canal do Panamá. Contribui para o desenvolvimento e vamos celebrar o novo comércio entre o Ceará e os Países Baixos. Importante garantir boas conexões com o interior e fornecer cargas para o exterior. Essa parceria veio para coroar nossas relações comerciais de séculos”.

O presidente da CIPP S.A., Danilo Serpa, afirma que o complexo teve sua estrutura totalmente ampliada e adequada para esta nova fase. “Quero agradecer e coroar essa parceria, que vem para alavancar ainda mais nosso complexo portuário. Ele está pronto para receber qualquer indústria, qualquer empresa. O governador está entregando a sua segunda ampliação, que no total, ele mais do que dobrou de tamanho desde 2002. Essa parceria vai facilitar as relações com as maiores empresas e todo o entusiasmo do nosso governador Camilo Santana visa turbinar os nossos investimentos”.

Estiveram também na solenidade a vice-governadora Izolda Cela; o Diretor Internacional do Porto de Roterdã, René Van de Plas; o presidente do Senado, Eunício Oliveira; o secretário Chefe do Gabinete do Governador, Élcio Batista; o secretário do Desenvolvimento Econômico, César Ribeiro; o secretário do Planejamento, Maia Júnior; o vice-prefeito de Fortaleza, Moroni Torgan; o presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, Zezinho Albuquerque; o CEO da Angola Cables, Antonio Nunes; o diretor-geral da Air France-KLM na América do Sul, Jean-Marc Pouchol; entre outras autoridades.

11:17 · 30.04.2017 / atualizado às 11:17 · 30.04.2017 por

A Justiça Federal do Ceará derrubou a liminar que suspendia a cobrança extra por despacho de bagagem nas companhias aéreas. A decisão é do juiz Alcides Saldanha Lima, da 10ª Vara Federal.

Na decisão, o juiz diz as novas regras de transporte de bagagens são benéficas aos consumidores, pois, “além de ampliar o limite para bagagem de mão, permite que os passageiros que não transportem ou transportem pouca bagagem não sejam cobrados no preço da passagem por um limite do qual não se utilizam”.

Ainda em sua decisão, Lima argumenta que, ao classificar o contrato de bagagem como acessório ao de transporte, apenas reconhece sua natureza jurídica e, por isso, “não haveria venda casada, pois o contratante não está obrigado a contratar franquia adicional de bagagem, havendo vários contratos acessórios ao contrato de transporte aéreo, inclusive o de bagagem”.

Pelas novas regras da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), as empresas aéreas podem cobrar taxas adicionais pelas bagagens despachadas em voos nacionais e internacionais. O limite de peso de bagagem de mão passa de 5 para 10 quilos. Os passageiros podem despachar um volume de até 23 kg nos voos nacionais e dois volumes de até 32 kg nos internacionais.

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Roberto Moreira

Blog de jornalismo da TV Diário. (www.tv.diario.tv.br). Telejornalismo: (85) 3266.9212

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags