Roberto Moreira

Busca


Camilo Santana reúne-se com presidentes de partidos da coligação

Publicado em 31/10/2014 - 10:52 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

pros

O governador eleito, Camilo Santana, está reunido, neste momento, com os presidentes dos 18 partidos que formaram a coligação “Para o Ceará seguir mudando”. O objetivo do encontro é avaliar os resultados da campanha, agradecer o importante trabalho realizado por estas lideranças políticas e reforçar o compromisso de criação do Conselho Político formado por representantes dos partidos. A reunião está acontecendo no Hotel Oásis Atlântico. Também participam o presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado reeleito Zezinho Albuquerque, e o deputado federal mais votado do ceará, Moroni Torgan.

Ônibus articulados

Publicado em 31/10/2014 - 10:49 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

Fortaleza vai ganhar na segunda-feira, os 10 primeiros ônibus articulados e com ar condicionado. Um avanço no transporte coletivo de Fortaleza. Como o BRT da Bezerra de Menezes onde os ônibus vão circular ainda não ficou pronto, os articulados irão circular em rotas alternativas. Uma espécie de teste e exibição. A apresentação dos ônibus será na segunda-feira no Centro de Eventos.

Ônibus com mais qualidade

Publicado em 31/10/2014 - 9:50 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

O Sindiônibus e o Criarth (grupo formado por funcionários de Recursos Humanos das empresas de ônibus) realizarão o I Seminário Sindiônibus de Boas Práticas em Gestão de Recursos Humanos, no dia 31/10 (sexta-feira), das 8h às 13:30h, no auditório do Sest Senat.

O Seminário Praticarh tem como objetivo apresentar para as empresas do segmento de transporte urbano e metropolitano, bem como para os profissionais da área de recursos humanos de organizações interessadas, as ações desenvolvidas pelas empresas de ônibus que se destacaram na última pesquisa de clima realizada com os colaboradores do Sistema.

Na ocasião, as quatro empresas que tiveram maior desempenho (Auto Viação Fortaleza, Empresa Vitória, Viação Urbana e Auto Viação São José), apresentarão as práticas internas que utilizam com seus colaboradores e que geram satisfação e bons resultados.

Pensamento

Publicado em 31/10/2014 - 9:48 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

“Mais real que fazer da vida um sonho, é fazer do sonho uma vida,pois nem sempre temos a vida que sonhamos,mais sempre teremos um sonho para viver”

Enviado por: Wagner Turbay Barreira

Adail Junior na cabeça?

Publicado em 31/10/2014 - 6:46 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

Adail Junior(PROS) é o nome mais novo que surgiu na lista de prováveis candidatos ao comando da Câmara Municipal de Fortaleza. De onde vem sua força? Contam nos bastidores que é do Paço Municipal.

A verdade é que Salmito Filho(PROS) está de olho no cargo, apesar de declarar que sua prioridade é o turismo. Salmito é um dos mais avaliados secretários da gestão municipal. Os mais entendidos apostam que a disputa fica entre os dois.

Tags: ,

Acrísio quer acabar com disputas na política

Publicado em 31/10/2014 - 6:35 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

Acrísio-Sena3-300x199

O vereador Acrísio Sena(PT) ao propor um candidato de consenso para comandar a Câmara de Vereadores externa uma idéia política, uma proposta.

O vereador só exagerou ao colocar que sua tese ganha força porque o momento está muito complicado por conta da efervescência política. O que o povo mais adora é o embate político, seja ele para eleger parlamentares, governos ou até mesmo o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza. Eleição faz bem, com disputa melhor ainda.

Tags:

Welington Landim quer disputa

Publicado em 31/10/2014 - 6:34 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

wellington-landin

Enquanto na Câmara de Veradores de Fortaleza. Acrísio Sena prega o consenso, na Assembleia Legislativa, o deputado Welington Landim prega a força do parlamentar para eleger o presidente. A lista fechada para composição da mesa da Assembleia é criticada por Landim.

“O modelo está ultrapassado, tem que ser igual  a grande maioria das Assembleias e Câmaras Municipais onde se vota individualmente na figura partidária. Na hora que você vai formar uma chapa com 10 pessoas, você tem uma tremenda dificuldade, inclusive para a disputa. Isso leva o executivo a ter muita força dentro do Legislativo”. Landim deu seu recado.

 

Tags: ,

Lua de mel

Publicado em 31/10/2014 - 6:14 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

cid camilo e izolda

Camilo Santana é só sorrisos. Cid Gomes já lhe entregou a chave do cofre: o MAPP. A senha do MAPP é a chave do segredo do governo Cid. Ele libera tudo através dela.

Agora Cid vai compartilhar com Camilo todas as suas decisões. Isso não significa que Cid vai deixar de governar, mas é um gesto de boa vontade e confiança.

Cid que anunciou que vai morar mesmo nos Estados Unidos, antes de deixar o governo quer levar Camilo Santana ao gabinete de Dilma Rousseff. A viagem até Brasília pode acontecer na próxima semana.

Tags: , ,

Lula e a virada em Pernambuco

Publicado em 31/10/2014 - 6:04 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

luladilma

Dilma perdeu a eleição em Pernambuco no primeiro turno. Aliás, o Pt não elegeu um só deputado federal, perdeu o senado e o governo. Foi uma tragédia.

No segundo turno, Lula desembarcou em Pernambuco. Passou dois dias. Um dia na capital e outro no sertão. Foi o suficiente para fazer um estrago na campanha de Aécio Neves vitoriosa em Pernambuco.

No Recife os jornalistas contam que Lula pegou o microfone e disse que Dilma reeleita, Pernambuco teria a refinaria e um pólo petroquímico e que Pernambuco ficaria um Estado tão rico quanto o Rio de Janeiro e São Paulo por causa dos impostos e geração de empregos. Dilma obteve 70% dos votos. Aécio pode ter perdido a eleição por causa dos votos de Pernambuco e Minas, na visão Pernambucana.

 

Tags: , , ,

“O PMDB é a partir de agora oposição no Ceará”, diz Eunício Oliveira em entrevista à Folha

Publicado em 30/10/2014 - 17:35 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

Candidato derrotado ao governo do Ceará, o senador Eunício Oliveira (PMDB) repete um colega de partido e diz: “O PT é uma harpa paraguaia. Porque a harpa normal se toca para frente e para trás. A harpa paraguaia só se toca para dentro”.

O líder do PMDB foi derrotado no segundo turno para o petista Camilo Santana, 46, aliado dos irmãos Cid e Ciro Gomes (Pros).

Ele ataca a legislação eleitoral, que permite que um aliado de Dilma, ele, no caso, tenha como adversário na eleição estadual um candidato do partido da presidente.

“Eu sou aliado a Dilma no plano nacional e tem um candidato do partido contra mim no plano estadual. Não vê como isso é estranho? O Supremo errou quando cortou a verticalização das eleições. Isso está errado. A Suprema Corte também
erra.”

Trechos de sua entrevista à Folha.

Folha – Henrique Eduardo Alves, do PMDB e presidente da Câmara, reclamou do apoio que o PT deu ao adversário dele, Robinson Faria, que acabou eleito governador no Rio Grande do Norte. Como o sr. avalia a participação do PT nacional no Ceará? Foi cumprido o prometido?

Eunício Oliveira – A eleição passou. Eu aceito as coisas com naturalidade. Tive quase 2 milhões e 100 mil votos do povo cearense e é isso que eu quero levar dessa eleição. Em relação à participação nacional do PT prefiro guardar minha avaliação para mim mesmo. Não quero externar nenhum juízo de valor. Faço minha autocrítica e espero que eles façam também a deles.

Ficou algum trauma das urnas que pode azedar a relação dos dois partidos no plano nacional?

Sinceramente, mágoa nenhuma. Mas é como disse hoje meu amigo Luiz Henrique [senador do PMDB-SC]. O PT é uma harpa paraguaia. Porque a harpa normal se toca para frente e para trás. A harpa paraguaia só se toca para dentro.

E o senhor concorda com essa avaliação?

Você tem alguma dúvida disso (risos)?

Mas o PT não enviou nem a Dilma nem o Lula para pedir votos para o adversário do senhor. Eles não teriam cumprido parte do acordo?

Eu sou aliado a Dilma no plano nacional e tem um candidato do partido contra mim no plano estadual. Não vê como isso é estranho? O Supremo errou quando cortou a verticalização das eleições. Isso está errado. A Suprema Corte também erra. É feito por homens e mulheres. Nacionalmente eu pedia votos para o 13, mas, no Estado, não podia pedir para o 13, porque meu adversário é do PT. Essa legislação está equivocada. Precisa de uma reforma política já.

Em seu primeiro discurso após eleita, a presidente Dilma Rousseff (PT) sinalizou a necessidade de uma reforma política e o desejo de realizar um plebiscito, mas alguns líderes do seu partido já mostraram resistência em relação a este segundo ponto. O sr. vê viabilidade na realização do plebiscito?

Eu sou líder do PMDB do Senado e lhe digo: isso não passa dessa forma. O Congresso vai derrubar se vier dessa forma. Nós entendemos que tem que existir um referendo, porque a população tem que ser ouvida. O Congresso aprova uma reforma política, e a população vota se quer ou não. O plebiscito não tem sentido. Acabamos de passar por uma eleição. Vamos passar por outra para aprovar uma Constituinte? Não existe isso. Na democracia deve-se respeito ao Parlamento como aos outros poderes. Se vier dessa forma eu encaminho contra.

E em relação àqueles peemedebistas que não fecharam apoio com Dilma? Ainda existe o racha no partido? Fala-se da eleição de Eduardo Cunha, líder do bloco dos dissidentes, para a Câmara em 2015…

Disputa de mesa é normal. O PMDB não pode se candidatar? Por que não? O PT não disputou com o PMDB no Rio, sendo que o Pezão disputava a reeleição? Então pode existir disputas internas, mas não quando a preferência é do PT? É de novo a história da harpa.

Fechado o segundo turno, o PMDB foi o partido com mais governadores eleitos nos Estados, sete, ao todo. Isso força uma maior proximidade da presidente com a bancada peemedebista? Aumentará a composição de nomes do partido no ministério?

O PMDB aumentou sua força no país. Essa questão de ministério para mim é secundária. Por mim o PMDB nem aceitava nenhum ministério nesse governo. Nosso apoio não foi por cargo foi em nome de um projeto. E somos hoje o maior partido do Brasil. Sai eleição e entra eleição e o PMDB sempre sai mais forte. Quem não tem tamanho desqualifica o PMDB, mas a população vai lá e mostra que quer o PMDB novamente. É sempre assim. Em relação ao governo Dilma nós não somos agregados. Nós somos o governo. Meu presidente [do partido] é o vice-presidente da República, o Michel Temer. Nós estamos fortalecidos em nome de um projeto maior.

Com essa capilaridade, qual é o projeto do PMDB para 2018?

Eu defendo candidatura própria para presidente. Eu e uma ala importante do partido defendemos isso. O PMDB não precisa ficar à sombra de ninguém. É o maior partido do Brasil.

O sr. defende então o rompimento com o PT para 2018?

Eu defendo que o PMDB lance candidatura própria. Cada partido é livre para seguir seu rumo. Se eles quiserem caminhar em outra posição que fiquem à vontade.

O governador Cid Gomes tem sido cotado para ser ministro de Dilma nesse segundo mandato. O que o sr. acha disso?

Primeiro eu não tenho poder de vetar uma indicação da presidente. Segundo, mesmo que tivesse, não agiria dessa forma, pois qualquer coisa que seja favorável ao meu Estado eu aprovo. Terceiro porque não faço política com ódio ou ressentimento.

Na véspera da eleição estadual o sr. chegou a declarar que o governador usou a máquina do governo para ‘esmagar’ sua candidatura. O que especificamente foi feito na disputa?

Quem andou em Fortaleza no dia das eleições viu nas ruas mais um milhão de camisas amarelas [cor do adversário Camilo Santana] sendo distribuídas com dinheiro dentro, algo em torno de R$ 70. Na cidade de Quiterianópolis ficamos sabendo que o governo deu feriado nas escolas, prometeu adutora e que ia asfaltar as ruas. Isso na véspera da eleição. Aí, eu que nas pesquisas tinha lá 80% do eleitorado passei a ter 20%. Inverteu o processo. Isso é uso da máquina ou bênção de Deus?

O sr. também reclamou nestas eleições dos ataques que recebeu do atual secretário de Saúde do Ceará Ciro Gomes…

Ele é um desequilibrado. Estava desesperado achando que ia perder o governo, porque ele acha que aquilo é dele e ninguém pode tomar. Levantei 19 processos contra ele, por injúria, difamação e danos morais. Quando receber o dinheiro dele já sinalizei que vou doar tudo para uma instituição que cuida de drogados.

O novo governador Camilo Santana assume com ampla maioria na Assembleia Legislativa. Qual será a posição do sr. a partir de agora no Estado? Muito tem se falado do desejo do sr. de organizar a oposição no Ceará…

O PMDB é a partir de agora oposição no Ceará. Faremos uma oposição propositiva, e não raivosa. Oposição assina CPI, faz o que precisa ser feito. Aquele parlamentar que for cooptado e quiser fazer parte do governo nós vamos brigar para que ele perca seu mandato na Justiça. A legislação eleitoral exige fidelidade partidária e nós vamos fazer valer isso. Vamos fiscalizar o governo.

Embora tenha perdido em 149 municípios do Ceará, o sr. conseguiu vencer em Fortaleza, que é administrada por um prefeito ligado a Cid Gomes. Isso credencia o PMDB para concorrer daqui a dois anos?

O PMDB vai lançar candidatura em Fortaleza e na maioria dos municípios cearenses. Eu vou coordenar isso particularmente em 2016. Saímos extremamente fortalecidos das urnas. Tivemos 57% dos votos na capital. Ganhamos em todas as cidades da região metropolitana, menos duas. Ou seja, estamos fortes.
(Folha de S. Paulo)

Camilo Santana se reúne com presidente da Assembleia

Publicado em 30/10/2014 - 17:15 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

Camilo Santana e Zezinho

O governador eleito, Camilo Santana, e o presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado estadual reeleito, Zezinho Albuquerque, se reuniram durante almoço, realizado nesta quinta-feira (30). No encontro, Camilo e Zezinho fizeram uma avaliação das eleições tanto para o governo do Estado como para o Legislativo.

“Tenho como compromisso unir as famílias cearenses e trabalhar para desenvolver todas as regiões do Estado. A Assembleia Legislativa tem um papel fundamental nesta construção”, afirmou Camilo.

O governador eleito e o presidente da Assembleia firmaram compromisso de fazer nova reunião de trabalho nos próximos dias.

Inácio agradece votos e saúda vitória de Dilma

Publicado em 30/10/2014 - 15:45 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

Inácio Arruda

O senador Inácio Arruda agradece ao eleitorado cearense pelos votos que recebeu e cumprimentou os vencedores do pleito, em especial a presidenta Dilma Roussseff. Para ele, todos os que disputaram, vencedores ou não, “participaram dessa festa democrática que se consolida a cada dia no nosso País”.

O parlamentar registrou que não concorreu à reeleição para o Senado, mas substituiu o deputado federal João Ananias (PCdoB-CE), que teve problemas de saúde, numa disputa de última hora. “Entramos na metade do segundo tempo da disputa eleitoral e, mesmo assim, alcançamos a marca extraordinária de 55.403 votos no Ceará. Quero agradecer cada um desses votos e dizer que, mesmo não tendo sido suficiente para a eleição, eles são muito importantes. Tenho certeza de que teremos condições de honrar esses votos com a atuação da nossa bancada na Câmara Federal e aqui no Senado, porque, nas grandes teses, nós agimos em uníssono. Então, quero agradecer a cada cearense por estes 55.403 votos”.

Inácio lembrou que só teve um mês e meio de campanha, “e, assim mesmo, o eleitorado da capital e do Estado me ofereceu uma votação muito significativa. Quero deixar esse registro especialmente em relação à presidenta Dilma Rousseff. Ela sabe que vai poder contar com o PCdoB no Senado, com a nossa querida senadora Vanessa Grazziotin, e na Câmara Federal, com a nossa bancada, para poder lutar ao lado dela por esse projeto de desenvolvimento em curso na nossa Pátria”.

Depoimentos

O senador Paulo Paim (PT-RS), que presidia a sessão, aparteou o pronunciamento  para registrar a sua “tristeza” pela ausência de Inácio na próxima legislatura, seja na Câmara ou no Senado. “V. Exª, digo isso com muita convicção, é um dos melhores Parlamentares de todos os tempos, de todos os tempos! Eu fui deputado junto com V. Exª e sei das lutas que travamos lá, sempre com o viés de fazer o bem não olhando a quem, com responsabilidade social. V. Exª, com a grandeza dos grandes homens e com a humildade dos grandes homens, agradeceu a votação no seu Estado. Mas tenho o direito de dizer, como gaúcho do sul do Brasil, que o Congresso perdeu, momentaneamente, um dos melhores Parlamentares da história do País. Meu carinho e meu respeito a V. Exª!”

Também o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) afirmou que Inácio Arruda, “antes, na Câmara dos Deputados, e aqui, no Senado, tem sido um exemplo de luta, ao lado do senador Paulo Paim e de outros,  para que possamos construir o Brasil justo, o Brasil solidário, o Brasil fraterno”.

O Prêmio Sebrae é nacional, mas a disputa começa nos estados

Publicado em 30/10/2014 - 15:43 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

Entre os trabalhos inscritos na 7ª edição do Prêmio Sebrae de Jornalismo serão selecionados os vencedores de cada estado nas categorias Jornalismo Impresso, Radiojornalismo, Telejornalismo, Webjornalismo e Imagem Jornalística. Os jornalistas classificados vão disputar a final e concorrer a prêmios de 15 mil reais.

Concorrem matérias e reportagens veiculadas de 1º de janeiro de 2014 a 31 de dezembro de 2014. Dessa maneira, ainda dá tempo de produzir e veicular seus trabalhos para concorrer.

Quando os pequenos negócios viram notícia, o jornalismo ganha destaque!

Se você trabalha para algum veículo de comunicação, paute o empreendedorismo. Esta edição vai premiar as melhores matérias veiculadas na imprensa brasileira sobre os microempreendedores individuais, micro e pequenas empresas.

Temas: Fomento ao Empreendedorismo, Cooperação, Encadeamento produtivo, Educação empreendedora, Gestão, inovação e competitividade, Inclusão produtiva, Sustentabilidade, Políticas públicas e legislação.

Faça sua inscrição até 9 de janeiro de 2015 – Acesse o site, preencha a ficha de inscrição e faça o upload de sua matéria. Para reportagens de TV é só indicar o link na ficha de inscrição ou encaminhar 2 cópias do trabalho para a organização do PSJ.  Você pode inscrever até 3 trabalhos, mas não há limite de inscrições por veículo.

Inácio quer avanço na defesa do meio ambiente

Publicado em 30/10/2014 - 15:40 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

inacio-arruda

O senador Inácio Arruda participou, na manhã desta quinta-feira (30), da discussão sobre a preparação do Brasil para a 20ª Conferência entre as partes das Nações Unidas sobre o Clima (COP-20), que será realizada em Lima, no Peru, no próximo mês de dezembro.

O debate ocorreu na Comissão Mista de Mudanças Climáticas, da qual o senador cearense é vice-presidente.  Na COP-20 deverá ser negociado o novo acordo climático global a ser firmado em 2015, em Paris, França, com metas de redução de emissões de gases de efeito estufa para todos os países.

O subsecretário-geral de Meio Ambiente, Energia, Ciência e Tecnologia do Ministério das Relações Exteriores, embaixador José Antônio Marcondes de Carvalho, participou da reunião e fez um relato dos últimos encontros sobre mudanças climáticas. O presidente da Comissão, deputado Alfredo Syrkis (PSB-RJ), destacou a importância de o Congresso Nacional participar das discussões sobre preservação do meio ambiente.

“O Brasil é vanguarda na área do meio ambiente”, disse o Senador Inácio, lembrando  que é preciso cobrar dos demais países, em especial os mais desenvolvidos economicamente e mais poluidores, ações efetivas na preservação da natureza. Inácio espera que no encontro de Lima, haja um avanço do que já foi conquistado. Ele defende também que seja decidido como fazer com que os países que já destruíram, já poluíram seus territórios – e que querem continuar poluindo – contribuam com aqueles que precisam do desenvolvimento sustentável. “Temos expectativa de que, nessa reunião de dezembro, chegaremos a propostas de novas metas para a redução da emissão de gases que causam o efeito estufa, que possam ser aprovadas, no ano que vem, em Paris”.

Acrísio faz apelo por unidade na eleição para Câmara Municipal

Publicado em 30/10/2014 - 15:38 por | Comentar

Categorias: Política
  • Enviar para o Kindle

Acrísio Sena

Ocupando a tribuna da Câmara hoje pela manhã, o vereador Acrísio Sena (PT), fez um apelo à unidade dos parlamentares para a próxima eleição da Mesa Diretora da Casa. “Acabamos de sair de uma eleição difícil, onde o clamor por uma reforma política é notório. A população não se sente representada pelas instituições políticas do país. A imagem dos parlamentos também está comprometida. Precisamos dar uma resposta concreta à sociedade civil para reverter esta conjuntura: aproximar cada vez mais esta Casa das instituições representativas dos diversos setores sociais”, reivindicou o petista.

Segundo Acrísio, um dos caminhos para superar os eventuais desgastes é colocar Câmara Municipal em sintonia com as demandas sociais mais urgentes. “Um momento crítico exige união deste Parlamento. Aproximam-se as eleições para a nova Mesa Diretora. E meu apelo é pela unidade dos colegas vereadores em torno de uma candidatura que se comprometa a resgatar a imagem do trabalho Legislativo. O perfil do novo presidente não pode ser meramente corporativo. Terá que ampliar a capacidade da Câmara de servir como caixa de ressonância dos eleitores, oferecendo soluções que façam o cidadão se sentir representado, com autonomia, independência e transparência”, afirmou.

Confira o pronunciamento do vereador Acrísio Sena:

Acabamos de sair de uma eleição difícil, onde o clamor por uma reforma política é notório. A população não se sente representada pelas instituições políticas do país. E quer ser ouvida em suas reivindicações, quer diálogo constante, quer, cada vez mais, ver facilitado seu acesso à classe política, para que ela saiba quais são seus problemas e necessidades.
A imagem dos parlamentos também está comprometida. A cultura da cobertura dos noticiosos prima por divulgar o que é negativo, como se vereadores e deputados fossem uma categoria organizada em torno da politicagem, da negociata e da corrupção.
Precisamos dar uma resposta concreta à sociedade civil para reverter esta conjuntura: aproximar cada vez mais esta Casa das instituições representativas dos diversos setores sociais, tais como OAB, IAB, ACI, universidades, sindicatos de trabalhadores e patronais, associações de moradores, além de órgãos auxiliares independentes, como o Ministério Público, DECON, PROCON. Enfim, expandir a capacidade de interação e fiscalização da Câmara Municipal, colocando-a em sintonia com as demandas sociais mais urgentes.

Um momento crítico como este exige união deste Parlamento. Aproximam-se as eleições para a nova Mesa Diretora. E meu apelo é pela unidade dos colegas vereadores em torno de uma candidatura que se comprometa a resgatar a imagem do trabalho Legislativo.
O perfil do novo presidente não pode se render a um sentimento meramente corporativo. Terá que ampliar a capacidade da Câmara de servir como caixa de ressonância dos eleitores, oferecendo soluções que façam o cidadão se sentir representado. Terá também de preservar a autonomia e a independência da Casa em relação a quaisquer influências externas e internas, dando condições técnicas e políticas ideais para que nós possamos realizar o trabalho de fiscalização da maneira mais transparente possível.
Finalmente, a nova Mesa Diretora deverá ter trânsito fácil em meio às instituições sociais relevantes, firmando parcerias cada vez mais sólidas, fazendo com que a sociedade referende este novo momento.
Encaro momentos de crise como oportunidades de mudança. Captar este sentimento das ruas e trazê-lo para nosso cotidiano legislativo é tarefa urgente e necessária. Somente assim poderemos resgatar a importância da função social da Câmara Municipal e de cada vereador aqui presente.

Página 2 de 2.12212345...102030...»

Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999