Roberto Moreira

Busca


Eunício acalma aliados

Publicado em 20/09/2015 - 8:33 por | Comentar

Categorias: Política

valim e Wagner

O senador Eunício Oliveira tem conversado com frequência com Vitor Valim e o Capitão Wagner. Os dois querem enfrentar Roberto Cláudio, Heitor Férrer e Luizianne Lins.

Na sexta-feira, Eunício abandonou uma reunião em Brasîlia para conversar e acalmar o ambiente. A oposição terá vários candidatos.

Tags: , ,

Capitão Wagner quer se aproximar de Tasso Jereissati

Publicado em 08/09/2015 - 6:30 por | Comentar

Categorias: Política

capitão-wagner-providencias-riachao-coelce-520x265

Muito ligado ao senador Eunício Oliveira, líder do PMDB no Senado, o deputado Capitão Wagner aparece com boas intenções de votos em todas as pesquisas. Ano passado, foi o mais votado no Ceará, com 90% da votação em Fortaleza.

Capitão Wagner quer costurar uma aliança para se fortalecer em 2016. Na linha de trabalho, tenta uma aproximação com o senador Tasso Jereissati. Já está fechado com Roberto Pessoa e três partidos pequenos.

Tags: ,

Mauro Filho e Capitão Wagner participam do 1º Ciclo de Palestras das Advogadas Independentes

Publicado em 05/09/2015 - 15:22 por | Comentar

Categorias: Eventos

advogadas

O Secretário da Fazenda do Estado do Ceará, Mauro Filho e o Deputado Estadual Capitão Wagner participam do 1º Ciclo de Palestras das Advogadas Independentes que será realizado nos dias 08, 09 e 10 de setembro, no auditório da Fametro, das 19h às 22h.

As Advogadas Independentes lutam pelos direitos da mulher, frente a anseios e dificuldades enfrentadas diariamente no exercício da sua profissão para colocar ponto final no preconceito e na violência de gênero. Para se inscrever no 1º Ciclo de Palestra, basta acessar o site da Fametro e levar 2 kilos de alimentos não perecíveis.

Tags: ,

Comandante Camilo

Publicado em 31/07/2015 - 9:36 por | Comentar

Categorias: Política

camilo                                                                         Caricatura: Kazane Blues

É bom fazer uma avaliação fria sobre os passos dados pelo governador Camilo Santana na Polícia Militar do Ceará. São avanços administrativos e  manobras política. Os dois casos estão ligados, mas existe ainda um certo distanciamento quando se trata da pauta dos policiais.

Em janeiro, assim que assumiu o Abolição, Camilo tratou de se aproximar da PM. Convidou o deputado Capitão Wagner a ir ao  seu gabinete, o Capitão topou, sentou, conversou, apresentou a pauta de reivindicações e os seus seguidores. Camilo assumiu o lugar do Capitão Wagner, deixou o líder dos policiais emparedado, hoje um ouvinte e observador, perdeu o controle. Camilo Santana, com a caneta de governador passou a pautar a polícia e assumiu todo o comando.

Nas muitas movimentações, o governador decidiu, ele mesmo, presidir a reunião mensal que anuncia os dados da violência. Preparou um projeto para promoção de policiais, prestigia todas as solenidades militares, construiu relacionamento com as entidades policiais, tudo sem o Capitão Wagner. O governo até estimula a criação de outras entidades de peemes que não tenham o DNA do líder da greve.

Camilo assumiu o pleno comando da PM. “Estou fazendo justiça e reconhecendo a importância da instituição”, repete sempre o governador. Camilo afaga a tropa.

Na última solenidade que participou da PM, Camilo ganhou de presente uma boina do Pelotão de Choque. Camilo é o comandante da tropa.

Os oficiais estão apresentando sua pauta ao comandante Camilo Santana. A pauta trata de salários. Os graduados formados na Escola de Oficiais querem salários nos parâmetros dos delegados. Os  tenentes, capitães, majores e coronéis querem um afago de Camilo no contracheque. O Clube dos Oficiais é o próximo território a ser conquistado, a última batalha.

Tags: , ,

PR quer o Capitão Wagner comandando coligação para prefeito de Fortaleza

Publicado em 29/06/2015 - 6:40 por | Comentar

Categorias: Política

deputado-capitão-wagner

O presidente do PR no Ceará, o ex-governador Lúcio Alcântara, articula o fortalecimento do nome do deputado Capitão Wagner entre os partidos de oposição para que ele seja o candidato a prefeito de Fortaleza da coligação.

A estratégia está em curso. O deputado Capitão Wagner está se movendo com cuidado para evitar atritos e recuou no ataque ao governo Camilo, aguardando desdobramentos dos fatos que estão marcando o início da gestão estadual. O foco do líder dos policiais está sendo a gestão Roberto Cláudio que considera pífia.

Lúcio Alcântara já tem garantido no seu projeto o PSB que está sob o comando de um velho amigo, o ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa.

Tags: , ,

Evandro Leitão recebe elogio do capitão Wagner

Publicado em 25/04/2015 - 11:42 por | Comentar

Categorias: Política

evandroleitao-400x267

O líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado Evandro Leitão (PDT), falava no plenário da Assembleia sobre as promoções de policiais quando foi surpreendido em aparte do deputado capitão Wagner(PR). O deputado Capitão Wagner (PR) observou que o líder do Governo tem articulado com a oposição para que a mensagem se transforme em realidade, e “merece toda a consideração e respeito, porque abriu as conversações com a categoria dos policiais e bombeiros militares”.

O parlamentar pediu aplausos da galeria, que estava lotada de policiais militares, para o líder do Governo, e foi atendido.

Tags: ,

Capitão Wagner confirma redução da violência no Ceará

Publicado em 06/04/2015 - 8:11 por | Comentar

Categorias: violência

deputado-capitão-wagner

O deputado Capitão Wagner (PR), reforçou a informação passada pelo líder do governo, Evandro Leitão que houve redução da violência no Ceará no início do ano e acrescentou que essa redução vem acontecendo, mesmo com as “péssimas condições de trabalho e baixo efetivo de policiais”.

A afirmação do líder entre os policiais militares tem significado político importante. Lideranças como o capitão Wagner conhecem de perto todos os números, dados e sabe de tudo que ocorre no dia a dia da Polícia Militar.

Tags:

Gratificação para bombeiro

Publicado em 04/04/2015 - 7:48 por | Comentar

Categorias: Política

deputado-capitão-wagner

O deputado Estadual Capitão Wagner ingressou com Projeto de Indicação nº 52/2015 instituindo a Gratificação Especial por Desempenho de Atividade Técnica, para os bombeiros militares, em efetivo exercício na Coordenadoria de Atividades Técnicas do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará.

O projeto supra mencionado é relevante para a autoestima do bombeiros militares especializados na seara da prevenção de incêndios reconhecendo o labor diuturno destes servidores.

Em sua justificativa o Deputado Capitão Wagner bem posiciona que o “Incêndio se apaga no projeto!“. Esta frase resume toda justificativa econômica e social que o tema reclama. A importância do planejamento nesta área é medida pelos sinistros evitados e não pelos incêndios extintos. Neste processo preventivo os projetistas e os analistas dos Corpos de Bombeiros têm participação fundamental.

Somente em 2104 a Coordenadoria de Atividades Técnicas, arrecadou para o Estado do Ceará o valor de R$ 1.001.171,27 (hum milhão, hum mil e cento e setenta e um reais e vinte e sete centavos) com 13.496 (treze mil, quatrocentos e seis) serviços técnicos especializados na seara de prevenção a seguir discriminados: Certificados de aprovação: 1.595; Laudo de correção: 903; Certificado de Conformidade: 6.872; Relatório de Irregularidades: 3.600 e Certificados invalidados: 5264

Diariamente os bombeiros militares da Coordenadoria de Atividades Técnicas labutam na análise de projetos e suas devidas correções quando reprovados, nas vistorias preventivas das edificações, na vistorias para emissão do certificado de conformidade, nas vistorias demandadas por denúncias, ou seja, é um trabalho voltado para que não exista um incêndio nas edificações ou áreas de risco. No entanto este efetivo reduzido ainda labora diuturnamente, pois existem vistorias noturnas em casas de show e esses bombeiros não recebem um estímulo pelo seu relevante labor.

O incêndio na boate Kiss, no Rio Grande do Sul, matou 242 pessoas e feriu 680 outras numa discoteca da cidade de Santa Maria, no estado brasileiro do Rio Grande do Sul. O incêndio ocorreu na madrugada do dia 27 de janeiro de 2013 e foi causado pelo acendimento de um sinalizador por um integrante de uma banda que se apresentava na casa noturna. A imprudência e as más condições de segurança ocasionaram a morte de mais de duas centenas de pessoas.

Diante do exposto congratulamos o Deputado Capitão Wagner por este importante Projeto de Indicação visto que os recursos arrecadados pelo Corpo de Bombeiros são suficientes para arcar com a gratificação proposta!

José Ananias Duarte Frota- Cel BM RR

Diretor de Tecnologia do Instituto Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil

Membro do Conselho Nacional  de Proteção e Defesa Civil -MI-SEDEC

 

Tags: ,

Bancada do PMDB na Assembleia tem encontro com Eunício em Brasília

Publicado em 03/03/2015 - 8:42 por | Comentar

Categorias: Política

AUDIC

O Deputado Audic Mota(PMDB) está em de Brasília e nesta manhã de terça-feira, como líder do PMDB na Assembleia, participa, juntamente com outros cinco deputados do partido, mais o deputado capitão Wagner, de reunião com o PMDB Nacional e o Senador Eunicio.

Tratar de assuntos referentes ao PMDB estadual e encaminhamento de projetos nos ministérios para prefeituras do partido.

Tags: , , ,

Capitão Wagner comenta suposta crise em gestão de Camilo Santana

Publicado em 25/02/2015 - 6:50 por | Comentar

Categorias: Política

Capitão-Wagner-Sousa

O deputado Capitão Wagner (PR) comentou, na tribuna da Assembleia, a suposta crise que teria se instalado no governo de Camilo Santana e que foi noticiada pela imprensa na última semana.

Segundo o parlamentar do PR, “o impacto das decisões administrativas podem gerar rupturas nas Secretarias do Esporte e da Segurança Pública, além de novas polêmicas envolvendo a construção do Acquário Ceará”.

O deputado Capitão Wagner tinha decidido por um voto de confiança ao governo Camilo. Não durou dois meses.

 

Tags: ,

Sarto, capitão Wagner e Fernando Hugo se bicando em Messejana

Publicado em 19/01/2015 - 6:37 por | Comentar

Categorias: Política

Deputado estadual Fernando Hugo (PSDB)

O hoje, deputado Fernando Hugo, responsabiliza o deputado José Sarto por ter lhe mandado para terceira suplência. É que o prefeito Roberto Cláudio nomeou um indicado de Sarto para a Regional V que comanda Messejana, território político de Fernando Hugo. José Sarto recebeu mais de nove mil votos em Messejana, votação expressiva.

Outro que contribuiu para a queda na votação de Fernando Hugo em Messejana foi o furacão capitão Wagner que obteve mais de 15 mi votos no bairro. Mesmo assim Fernando Hugo obteve quase trinta mi votos em Messejana, é um campeão.

Para Fernando Hugo, o prefeito Roberto Cláudio errou na estratégia. Camilo Santana perdeu em todas as urnas.

Tags: , ,

Capitão Wagner vai ao Abolição pela primeira vez

Publicado em 08/01/2015 - 6:34 por | Comentar

Categorias: Política

Cap. Wagner

Na sua empreitada para apaziguar a tropa da PM e Bombeiros, o governador Camilo Santana já sinalizou com a possibilidade de nivelar salários de policiais aos patamares dos demais estados  nordestinos.

Hoje, Camilo promove seu lance mais ousado, vai receber o deputado Capitão Wagner(PR), liderança maior dos policiais que foi considerado no governo anterior de “Chefe de Milícia” e em outubro foi eleito deputado estadual com a maior votação da história do Ceará.

O deputado Capitão Wagner, foi muito claro ao elogiar a atitude de Camilo Santana e vai desarmado ao encontro, demonstrando que está aberto ao diálogo. “O Camilo é outra coisa!”

 

Tags: ,

Capitão Wagner

Publicado em 23/10/2014 - 7:27 por | Comentar

Categorias: Eleições

cap Wagner

Em discurso da tribuna da Câmara de Vereadores de Fortaleza, o vereador e deputado eleito, capitão Wagner fez um esclarecimento ao povo cearense. Segunda o capitão Wagner o “próximo governador não terá a polícia como oposição, desde que abra o diálogo e vale para os dois candidatos”.

O capitão Wagner fez a declaração após amplo debate sobre o papel dos policiais, sejam civis ou militares, na eleição e na campanha eleitoral.

Tags: ,

Segurança Pública será prioridade no Ceará, afirma Eunício

Publicado em 26/08/2014 - 7:08 por | Comentar

Categorias: Eleições

eunício segurança

A crise do sistema de segurança pública do Ceará pautou a primeira plenária do “Vamos Juntos”, movimento da coligação “Ceará de Todos” criado para colher de diversos segmentos da sociedade sugestões à administração de  Eunício Oliveira se eleito governador do Ceará. O debate aconteceu nesta segunda-feira, 25, na Tenda da Democracia do Comitê Central do candidato em Fortaleza.

Ao classificar de “muito ruim” a atual gestão do setor e comprometer-se em cuidar pessoalmente da política estadual de segurança pública, Eunício foi ovacionado pelos cerca de três mil policiais militares, civis e bombeiros participantes da plenária. “A cada duas horas, um cearense morre tragado pela violência. Somos o 12º PIB (Produto Interno Bruto) nacional e temos a sétima cidade mais violenta do mundo (Fortaleza, segundo a ONG Conselho Cidadão para a Segurança Pública e Justiça Penal). Isso não pode continuar! Eu, no Governo, irei tomar todas as providências”, assegurou o peemedebista.

Eunício criticou o fato de, atualmente, policiais militares serem submetidos a jornadas semanais exaustivas de 90 horas de trabalho. E reclamou do não funcionamento de várias delegacias por falta de efetivo. Também chamada de Polícia Judiciária, a Polícia Civil – cujas bases são as delegacias – tem hoje no Ceará somente cerca de 2.500 membros para a investigação de todos os crimes cometidos no estado.

O baixo número de PMs (aproximadamente 16 mil) e de bombeiros (por volta de 1.400) foi igualmente lamentado por Eunício. Conforme parâmetros internacionais de segurança, as três corporações deveriam estar com o dobro dos efetivos atuais para terem condições de realizar um bom trabalho preventivo, repressivo e investigativo no Ceará. “Não tem dinheiro para contratar policiais, mas tem para um projeto de US$ 470 milhões, quase R$ 1 bilhão, de construção de um teatro de ópera para atender ao gosto pessoal do atual governador”, acrescentou o candidato.

Para Eunício, os índices de criminalidade só vão reduzir quando o governador trouxer para si a responsabilidade de gerir o sistema de segurança. Algo que acontecerá tão logo ele assuma o Palácio da Abolição, em 1º de janeiro de 2015. “Aqui, se gastou três vezes mais do que em Pernambuco e a violência aumentou 146%. Por quê? Por falta de diálogo! Já no primeiro ano de governo, vamos contratar 1.500 policiais. Para isso, eu já tenho análise de recursos. Mas, se houver espaço fiscal e necessário for, eu ampliarei isso. A segunda coisa que faremos será levar o RAIO para o Interior. Em seguida, vamos fazer a cooperação das polícias. Porque as polícias estão totalmente afastadas”, adiantou.

O peemedebista revelou que, ao contrário do habitual na atual administração, cumprirá as determinações judiciais de reintegração de policiais afastados de suas funções originais. A idéia é firmar termos de ajustamento de conduta (TACs) “para sanar todos os problemas que a lei permitir”. Ele também se disse favorável ao chamamento dos remanescentes de outros concursos quando da abertura de novas vagas. “Farei o que posso dentro das responsabilidades fiscais. Se Pernambuco conseguiu, por qual motivo eu não conseguiria? A segurança pública do Ceará foi destruída. As polícias foram desintegradas. Mas eu não minto pras pessoas. Eu não prometo o que não posso fazer”, ponderou.

Ele lamentou o descontrole da mortalidade no Ceará. Somente em 2013, 4.462 pessoas foram assassinadas no Estado. Uma média de 12 por dia. Neste ano, somente de janeiro a julho, os casos já somam 2.678. A expectativa é de 2014 encerrar perto de 5.000 ocorrências. Um status de guerra. “Nossa segurança precisa de um governador e um secretário que trabalhem 24 horas por ela. Nós estamos num estado de desespero. Não é mais nem de emergência. É de desespero e desmantelo”, caracterizou.

De acordo com um dos principais líderes dos policiais cearenses, capitão Wagner Sousa, as duas demandas mais importantes da categoria são o aumento do efetivo e a implementação de um Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS). Ele também queixou-se de perseguições por parte da Controladoria Geral de Disciplina (CGD), da falta de diálogo do atual Governo com os profissionais da segurança e do escasso número de servidores da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) e de agentes penitenciários.

O ideal seria o Ceará ter um agente penitenciário para cada cinco presos. Há localidades em que um agente é responsável por 200 detentos. “Há uma divisão muito grande das forças de segurança no Ceará. E o atual Governo dividiu ainda mais. Dividiu a Polícia Civil em duas e a Polícia Militar em cinco. Nosso desafio é integrar. No Governo do Eunício, os policiais serão ouvidos e atendidos”, frisou Wagner.

Outra liderança dos policiais a declarar apoio a Eunício foi o cabo Flávio Sabino. “Temos apanhado do atual Governo há oito anos. E não é tapa nas costas, não. É tapa na cara! Nós perdemos a autoestima. Trabalhamos por amor. O atual governador nunca visitou um destacamento. Se o senhor olhar por essa categoria, terá seguidores fiéis”, declarou

Tags: ,

Capitão Wagner assume presidência municipal do PR

Publicado em 02/03/2013 - 8:54 por | Comentar

Categorias: Política

Capitão Wagner

O vereador Capitão Wagner assumiu, nesta sexta-feira (1º), a presidência municipal do Partido da República. Wagner apresenta um discurso de renovação e oposição ao prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PSB). Capitão Wagner é considerado uma liderança forte dentro da Polícia Militar e faz dura oposição ao governador Cid Gomes. Ele assumiu uma cadeira na Câmara de Vereadores após uma eleição histórica que conquistou 43.655 votos.

Tags: ,

Página 1 de 3123

Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa Chanceler Edson Queiroz, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999

X Fechar

Desejas compartilhar o conteúdo do Diário do Nordeste?

Utilize o link da notícia ou as ferramentas presentes na página.