Busca

Tag: Porto do Pecém


09:15 · 14.12.2016 / atualizado às 09:15 · 14.12.2016 por

PORTO DO PECEM - CEARAPORTOS; ENSAIO

A movimentação acumulada através do Porto do Pecém foi a maior desde o início de suas atividades. Até novembro, o total exportado e importado foi de 9.887.849 toneladas, o que representa um aumento de 50% quando comparado ao mesmo período do ano passado. No que se refere a importações, o incremento foi de 42% (8.077.781 toneladas), enquanto as exportações cresceram 102% (1.810.069 toneladas).

Na navegação de longo curso (movimentação com portos de fora do país), os principais destaques na importação são o carvão mineral (3.789.030 t), gás natural (757.373 t), coque de petróleo (104.917 t), produtos siderúrgicos (221.623 t), adubos ou fertilizantes (41.731 t), produtos diversos das indústrias químicas (26.199 t), plásticos e suas obras (23.196 t). Nas exportações, foram movimentadas 427.016 toneladas de produtos siderúrgicos, desse total, 408.057 toneladas foram de placas de aço. Os outros destaques nas exportações ficaram por conta do gás natural (327.133 t), frutas (184.751 t) e plásticos e suas obras (54.447 t).

Já a cabotagem (movimentação entre portos brasileiros) apresentou um aumento de 263% em comparação aos 11 meses de 2015. “Podemos atrelar este crescimento, principalmente, ao desembarque de minério de ferro e produtos siderúrgicos”, disse o diretor-presidente da Cearáportos, Danilo Serpa. De acordo com ele, a expectativa é de que este ano o porto chegue às 11 milhões de toneladas movimentadas.

07:27 · 12.10.2016 / atualizado às 07:27 · 12.10.2016 por

 

IMG_1803

O Porto do Pecém movimentou no mês de setembro mais de 1,13 milhão de toneladas de mercadorias, 90% a mais que o mesmo período do ano passado. No acumulado do ano, 7,17 milhões de toneladas foram importadas/exportadas através do porto cearense, 31% a mais que 2015 e recorde de movimentação, entre os meses de janeiro a setembro, desde o início de sua operação.

As importações (6,07 milhões de toneladas) cresceram 25%, enquanto as exportações (1,10 milhão de toneladas) subiram 73%.

O presidente da Cearáportos, Danilo Serpa, declara que este é o inicio de o novo momento econômico que o Ceará está vivendo.

 

07:47 · 23.08.2016 / atualizado às 07:47 · 23.08.2016 por

image

O Governo do Ceará realizou, nesta segunda-feira (22), a inauguração do descarregador de minério de ferro e iniciou o funcionamento da correia transportadora do Porto do Pecém, no município de São Gonçalo do Amarante, Região Metropolitana de Fortaleza. “Hoje é mais um dia histórico para todo o povo do Ceará. O Governo do Estado tem investido mais de um bilhão de reais em obras para modernização e ampliação do porto do Pecém. Nesses equipamentos, foram investidos não só recursos financeiros, mas principalmente humanos. Isso tudo por entendermos que essa é uma das áreas de maiores vocações do Estado. Não deixamos nada a desejar a qualquer porto de alto nível de cargas do mundo”, destacou o governador Camilo Santana durante a inauguração dos dois equipamentos vão atender o Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP), especialmente a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP).

A correia será utilizada para transportar minério de ferro e outros granéis sólidos de alta densidade do terminal portuário às empresas do complexo. O equipamento parte do berço externo do Terminal de Granéis Sólidos do porto até o ponto de entrega (Torre de Transferência), onde as empresas que utilizarão o insumo farão o transporte aos seus pátios de matérias-primas. O investimento do Governo do Ceará, através da Secretaria da Infraestrutura (Seinfra), é de R$ 212 milhões.

Para Danilo Serpa, presidente da Cearáportos, o momento é de realização de um sonho de um Ceará de grandes investimentos. “Temos o orgulho de participar de mais um momento que entra para a história do Estado. Com o início das exportações das placas de aço produzidas no Porto, além dos novos maquinários, inicia-se agora um novo ciclo de desenvolvimento para o Ceará. As inaugurações vão contribuir para avanços que impactarão nos potenciais econômicos e sociais para toda esta região e para o Estado. Daqui, nesta primeira remessa, as placas de aço sairão para Turquia, Itália e Marrocos”, ressaltou.

06:12 · 22.08.2016 / atualizado às 21:59 · 21.08.2016 por

O governador Camilo Santana vai realizar o acionamento da Correia Transportadora e inaugurará o Descarregador de minério de ferro durante solenidade no Porto do Pecém, a partir das 9h30 desta segunda-feira.

Os dois equipamentos vão atender a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), instalada no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP). Na ocasião, o governador também vai acompanhar o embarque das primeiras placas de aço produzidas no Ceará.

A Correia é o equipamento utilizado para transportar minério de ferro e outros granéis sólidos de alta densidade do terminal portuário às empresas do complexo, especialmente a CSP, que utilizará o insumo para a produção de aço.

O Governo do Ceará também é responsável pela instalação do Descarregador de Minério, que irá possibilitar o descarregamento de navios com minério de ferro para a CSP.

 

04:59 · 10.08.2016 / atualizado às 04:59 · 10.08.2016 por

image

O governador Camilo Santana, acompanhado do secretário da Infraestrutura, André Facó, e do diretor-presidente da Cearáportos, Danilo Serpa, conheceu nesta terça-feira (9) as instalações do Porto de Rotterdam (PoR), considerado um dos principais terminais marítimos do mundo. Em setembro do ano passado, o Governo do Ceará e o Porto de Rotterdam firmaram convênio para a elaboração do plano de desenvolvimento para o Porto do Pecém, que consiste na integração entre porto, indústria e Zona de Processamento de Exportação (ZPE), e na atração de novos investimentos para o Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP). “Essa parceria com os holandeses, que têm um dos principais portos do mundo, será muito importante para o crescimento do nosso Porto do Pecém e possibilitará, ainda, a geração de empregos e o desenvolvimento da região”, citou o governador Camilo Santana.

Nesta quarta-feira (10), o diretor internacional do Porto de Rotterdam, René van der Plas, vai apresentar ao governador as propostas para o Porto do Pecém, ZPE e CIPP, resultado da assessoria. “Essa apresentação é um dos frutos do convênio firmado entre o Ceará e o porto holandês. São apontamentos preciosos que vão garantir ainda mais crescimento para o Porto do Pecém”, observa André Facó. Para Danilo Serpa, a assessoria irá direcionar o Porto do Pecém em relação à gestão portuária. “Pecém apresentou crescimento nesses anos de funcionamento, mas agora, com essa assessoria de um porto como Rotterdam, acreditamos que será um crescimento muito mais significativo”, declara.

Visitas técnicas

Na manhã desta terça, após assistirem a uma apresentação sobre o PoR, a comitiva visitou de barco os principais pontos do terminal. “Conhecemos a estrutura que faz de Rotterdam um Hub Port importante como ele é. Tivemos atenção especial para as áreas de contêineres e tancagem do Porto”, destacou o secretário de Infraestrutura. A visita foi guiada pelo diretor internacional do PoR.
A visita oficial à Holanda segue até o próximo dia 12. “Essa parceria com Rotterdam marca um novo tempo para o Porto do Pecém. Além do contato com o pessoal do terminal, vamos também nos encontrar com representantes de empresas que atuam aqui na Holanda e têm interesse em investir no Ceará”, informa André Facó.

Porto do Pecém

O Governo do Ceará tem realizado diversas ações para ampliar e modernizar o Porto do Pecém. Dentre as melhorias, que colocarão o porto entre os mais eficientes do mundo, estão a ampliação do Terminal de Múltiplo Uso, a construção de mais três berços (dois já concluídos), a construção de uma nova ponte, além do novo descarregador e da segunda esteira transportadora de minério de ferro. Com as obras e o início do funcionamento da Companhia Siderúrgica (CSP), a expectativa é de que o movimento no porto seja quintuplicar.

Porto de Rotterdam

O Porto de Rotterdam é o maior porto marítimo da Europa e atua como Hub Port. Ele está localizado na cidade de Rotterdam, na Holanda do Sul, nos Países Baixos. De 1962 até 2002, foi o porto mais ativo do mundo. Atualmente, foi ultrapassado por portos asiáticos, como os de Singapura e de Xangai, mas continua tendo vital importância para o transporte marítimo e para as operações de comércio exterior. Sua importância, tanto atual quanto histórica, fazem dele uma atração à parte na área logística.

Abrangendo 105 quilômetros quadrados, o Porto de Rotterdam estende-se por uma distância de quarenta quilômetros (25 milhas), funcionando como um importante ponto de trânsito para o transporte de granéis e de outras mercadorias entre o continente europeu e de outras partes do mundo.

10:12 · 25.12.2015 / atualizado às 10:12 · 25.12.2015 por

pecém antigo

Há exatos 20 anos a história do Porto do Pecém começava a ser escrita. Foi no dia 22 de dezembro de 1995 que o decreto da Assembleia Legislativa do Ceará, sancionado pela Lei n.º 12.536 /95, criava a Companhia de Integração Portuária do Ceára (Cearáportos), vinculada a Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra), que seria a responsável pela administração do Terminal Portuário do Pecém e por promover o desenvolvimento econômico do Estado do Ceará.

pecém novo

Localizado a cerca de 60 km da capital, a Praia do Pecém, no município de São Gonçalo do Amarante, após diversos estudos, foi a região litorânea escolhida para a construção de um porto off-shore, dentre as diversas opções, por atender a todos os quesitos,  incluindo uma vasta retroárea portuária adequada para a instalação de grandes construções, como prédios administrativos, industrias, constituindo-se assim,  o que conhecemos hoje como Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP).

Em 2001 aportava no Pecém o primeiro navio de operação comercial. Naquele dia, foram enviados para os Estados Unidos mais de 2 mil toneladas de produtos locais, contendo castanha de caju, couros, calçados, granitos, dentre outros.

Conhecido como “a jóia do Ceará”, o Porto do Pecém, desde o começo, transformou a vida de muitas pessoas, principalmente daquelas que moram no município de São Gonçalo do Amarante, como destaca Lonny Jorgensen, que trabalha no porto como secretária há 8 anos.  “A minha vida e da minha família mudou totalmente desde o dia que entrei aqui. Amo meu trabalho e me sinto muito feliz em ver tudo o que conquistei. O meu crescimento e minha evolução profissional e pessoal é resultado do meu trabalho. O porto é minha casa”, finalizou feliz. Atualmente, cerca de 250 pessoas trabalham no terminal portuário, que funciona 24 horas, todos os dias do ano.

Mas nem sempre foi assim, como lembra Antônio Oliveira, que há 11 anos é colaborador da companhia no setor Financeiro e Faturamento. “Era só uma pessoa em cada área e, então, foram chegando os outros e agora somos essa grande equipe contribuindo com o Estado”, relata.

O Porto do Pecém, apesar de ser um dos mais novos do mundo, mostra-se capaz de atender a demanda e tem se destacado, principalmente na exportação de longo curso de frutas, ocupando o primeiro lugar no ranking brasileiro de portos exportadores desta mercadoria. Prestes a finalizar a segunda obra de expansão, onde mais três berços entrarão em funcionamento e uma nova ponte de acesso será construída, a diretoria da Cearáportos está confiante em relação ao ano de 2016. “A siderúrgica começa a funcionar no primeiro semestre do ano que vem e irá movimentar sozinha em sua fase inicial, mais de 3 milhões de toneladas de placas de aço”, relata o presidente da Cearáportos, Danilo Serpa. A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) é o maior investimento privado no estado até hoje.

Ao longo de duas décadas, os cearenses e o mundo puderam acompanhar o crescimento deste importante ator no setor logístico cearense. Para Manoel Messias, coordenador de engenharia e Projetos da Cearáportos, fazer parte desta história é um orgulho. “Entrei aqui há 10 anos e não imaginava que o crescimento seria tão rápido. Acredito que isto seja um sinal de que estamos no caminho correto”, disse.

Resultado do empenho do Governo do Estado do Ceará, o porto hoje é considerado um dos fatores determinantes para grandes investidores se instalarem no complexo, por conta das características naturais, somadas a modernização de sua infraestrutura, visando atender atuais e futuros clientes, além de aumentar a cartela de produtos movimentados. “Sabemos a capacidade  do CIPP e temos que usar isto a nosso favor. Possuímos um porto diferenciado, com uma estrutura moderna, um enorme parque industrial, a única Zona de Processamento e Exportação em funcionamento do país, ou seja, um cenário totalmente favorável e atrativo para investidores. O estado do Ceará possui hoje todas as peças e estamos preparados para mostrar isto para o mundo”, disse o presidente da Cearáportos, Danilo Serpa.

09:46 · 08.07.2015 / atualizado às 09:46 · 08.07.2015 por

erasmo pitombeira

O ex-presidente da Ceará Portos, Erasmo Pitombeira, voltou à sala de aula. Já está orientando alunos no doutorado de hidráulica e engenharia portuária.

“Passei uma semana passando todas as minhas atribuições ao novo presidente  e me coloque à disposição para o que for necessário. Fico feliz em ter participado da construção e condução do Porto do Pecém, hoje, um projeto estratégico para o Ceará.

Espero que o porto continue em poder do Estado e que sirva aos seus interesses”, disse Erasmo pitombeira que deve ter uma conversa hoje com o assessor do governador Camilo Santana.

11:39 · 03.07.2015 / atualizado às 11:39 · 03.07.2015 por

Danilo serpa

O homem forte do PROS e ex-coordenador da campanha de Camilo Santana ao governo, Danilo Serpa, já cumpre jornada de trabalho no Porto do Pecém.

Por enquanto não usa o gabinete da presidência, preferindo despachar numa sala de reunião que improvisou como gabinete.

O ex-presidente, Erasmo Pitombeira não apareceu mais no Porto. Nem falou com Danilo Serpa.

09:04 · 03.04.2015 / atualizado às 09:04 · 03.04.2015 por

O governador Camilo Santana deve definir nos próximos dias os nomes que vão ocupar os principais cargos no DETRAN do Ceará. Hoje, o DETRAN, está sob responsabilidade da secretaria de Cidades, comandada por Ivo Gomes. Ivo já se reuniu com o governador sobre o DETRAN. Foi uma reunião longa, detalhada.

Camilo também está estudando a situação do Porto do Pecém. O porto merece um olhar bem profissional, já que está sendo construída uma siderúrgica e deve receber a tancagem e termoelétricas. O Porto do Pecém está sob o controle da secretaria de Infraestrutura, comandada André Facó.

 

16:40 · 13.06.2012 / atualizado às 16:40 · 13.06.2012 por

A Ceará Portos, administrada pelo executivo Erasmo Pitombeira, um cearense brilhante, está em alta no Palácio da Abolição. Só no mês de maio o porto apresentou lucro de R$ 4,5 milhões. Isso é mais que todo lucro do Porto do Mucuripe no ano de 2012.

A Ceará Portos, pela sua projeção inicial de crescimento, deveria apresentar lucro tão alto a partir de 2013. A pequena São Gonçalo está faturando R$ 1,5 milhão em ISS todo mês só com a Ceará Portos. Daqui a pouco a população vai perguntar o que a prefeitura está fazendo com tanto dinheiro.