Rock Nordeste

Categoria: Classic Rock


23:02 · 13.09.2013 / atualizado às 23:02 · 13.09.2013 por

david-bowie

Um dos maiores prêmios da música em todo o mundo, o Q Awards, da publicação Q Magazine, já está com votação em seu site para escolher os artistas que mais se destacaram nesse ano.E David Bowie, com o seu The Next Day lidera o ranking das indicações, disputando quase todas as categorias. Artic Monkeys, Foals e Daft Punk vêm logo em seguida.

O evento acontece no dia 21 de outubro e entre a galera que está disputando as categorias de melhor disco, música, shows e vídeo clipes estão: David Bowie (é claro), Daft Punk (os queridinhos do ano), Arctic Monkeys,  Rolling Stones, Muse, Biffy Clyro e outros tantos. No ano passado, o Q Awards premiou as bandas Pulp, Muse, Blur, Emeli Sande, Manics Street Preachers, Plan B, Bobby Womack, The Killers, Keane…  Neste ano, mais uma categoria entrou na lista de escolhas que é feita pelo público, a de melhor evento. Estão disputando nessa categoria: Glastonbury , David Bowie at the V&A, Kraftwerk at Tate Modern, The Rolling Stones in Hyde Park, Latitude , The Killers at Wembley Stadium & The Garage.

Para votar é só entrar no site e clicar nas opções ao lado do nome de cada artista. Quem vota ainda tem a chance de ganhar dois ingressos para o show. Paga só a passagem para se mandar daqui para Londres, em outubro.

 

Categorias e indicações do prêmio Q Awards 2013:

Q Melhor Show Inédito

Disclosure

Palma Violets

Laura Mvula

Jagwar Ma

TOY

Valerie June

Tom Odell

Jake Bugg

 

Q Melhor Trilha

Daft Punk ft Pharrell Williams ‘Get Lucky’

Arctic Monkeys ‘Do I Wanna Know?’

David Bowie ‘Where Are We Now?’

Ellie Goulding ‘Burn’

Robin Thicke ft TI and Pharrell ‘Blurred Lines’

 

Q Melhor Álbum

David Bowie ‘The Next Day’

Vampire Weekend ‘Modern Vampires Of The City’

Foals ‘Holy Fire’

Daft Punk ‘Random Access Memories’

Biffy Clyro ‘Opposites’

 

Q Melhor Show

Arctic Monkeys

Mumford & Sons

Muse

The Stone Roses

Foals

 

Q Melhor Artista Solo

David Bowie

Jake Bugg

Laura Marling

Ellie Goulding

John Grant

 

Q Melhor Show no Mundo Hoje

David Bowie

Vampire Weekend

Arctic Monkeys

Biffy Clyro

Foals

 

Q Melhor Evento

Glastonbury

David Bowie at the V&A

Kraftwerk at Tate Modern

The Rolling Stones in Hyde Park

Latitude

The Killers at Wembley Stadium and The Garage

22:26 · 13.09.2013 / atualizado às 22:27 · 13.09.2013 por

ivete-sangalo-rock-in-rio

Parece que virou uma espécie de marca registrada do Rock In Rio: cantar a música Love Of My Life, do Queen. Em 2011, o mestre da MPB Milton Nascimento “estragou” a música com um péssimo inglês e total desconhecimento da letra. Fizeram maldade com o rapaz. Dessa vez foi a cantora Ivete Sangalo, a escolhida para interpretar a canção que ficou imortalizada no primeiro Rock In Rio, em 1985, quando as 250 mil pessoas que lotaram a “Cidade do Rock” entoaram em uníssono, cada uma das estrofes da música, emocionando, inclusive, a “rainha”, Freddie Mercury.

YouTube Preview Image

“Puta que pariu! É a melhor cantora do Brasil”, gritavam alguns dos fãs mais calorosos de Ivete Sangalo, na primeira noite do Rock In Rio 2013, enquanto no telão aparecia a imagem do ex-líder do Queen, morto em 1991 em decorrência da AIDS. O show da banda, realizado em 1985 no primeiro Rock In Rio, é considerado pelos membros do  grupo, como um dos melhores que eles já fizeram. Já chegaram a dizer, inclusive, que o fã brasileiro é o mais emotivo, e porque não dizer, o melhor que eles já viram.  Ah, a Ivete também erra a letra.

YouTube Preview Image

 

 

08:02 · 26.08.2013 / atualizado às 08:09 · 26.08.2013 por
Foto: Divulgação.
Sambora já estava fora da turnê “Because We Can”. Foto: Divulgação.

Após 30 anos como guitarrista principal do Bon Jovi, Richie Sambora está definitivamente fora da banda, segundo o site da revista “US Weekly”.

“Vários problemas foram reportados, então esta é a melhor decisão por enquanto”, disse uma fonte ao site. A assessoria do Bon Jovi não comentou o assunto.

Sambora, 54, já estava de fora da atual turnê “Because We Can”. “Devido a questões pessoais, Richie Sambora não vai tocar na turnê”, disse a banda por meio de seu site oficial, em abril.

Com informações da Folhapress

09:15 · 17.07.2013 / atualizado às 09:36 · 17.07.2013 por

Rock and roll não é uma loja fechada, você tem que ter uma mente aberta na vida” – Brian May

queenmaylam

Essa vai para os que odeiam e os que amam essa pareceria. Adam Lambert vai aparecer com os lendários roqueiros  do Queen, mais uma vez, para uma performance ao vivo no iHeart Radio Music Festival, em Las Vegas.

No ano passado, o Queen realizou três shows esgotados com o ídolo pop ( que ficou conhecido pela sua participação no American Idol), no Hammersmith Apollo, em Londres,  e também apareceu na Polônia, Rússia e Ucrânia.

Descrito pelo guitarrista do Queen, Brian May, como “um artista incrível” e “um cara muito legal”, a colaboração está mais firme do que nunca. O grupo vai tocar no grande palco Arena MGM Garden, como parte do festival de música iHeart Radio, que contará  com participações de Sir. Paul McCartney e Sir. Elton John, assim como Justin Timberlake, Katy Perry e Maroon 5.

O Festival será transmitido ao vivo através de 150 canais de rádio nos Estados Unidos, em um especial de duas noites em 30 de Setembro e 1º de Outubro. Adam Lambert  e o Queen vão tocar nos dias 20 e 21 de setembro.

May reforça que irá fazer parceria com Psy, que fez sucesso com “Gangnam Style”

Psy-BrianMay

Além dessa parceria, que foi bastante criticada pelos fãs mais ortodoxos da banda inglesa, Brian May, o guitarrista, já anunciou que irá fazer uma parceria com o sul-coreano Psy, aquele dos vídes bizarros no Youtube.

May disse recentemente à MTV americana que recebeu comentários dos fãs no Twitter questionando a parceria, e rebateu:Rock and roll não é uma loja fechada, você tem que ter uma mente aberta na vida e muitas das coisas mais interessantes acontecem quanto você interage com quem você nunca sonhou interagir antes”.

08:00 · 13.07.2013 / atualizado às 17:14 · 13.07.2014 por

live-aid

Bob Geldof, esse é o nome do cara. Muitos que vão curtir as diversas festas temáticas deste dia 13 de julho talvez nem saibam, mas foi graças a esse homem que comemoramos o Dia Mundial do Rock N’ Roll.

>Confira 13 opções para comemorar o Dia Mundial do Rock em Fortaleza

Não fosse por ele e sua ideia altruísta, além de uma legião de amigos excepcionais, não teríamos uma data a brindarmos aquele que é o estilo musical mais democrático e enérgico já inventado até aqui.

Geldof não é lá um dos gênios na arte de escrever ou interpretar grandes clássicos da música, mas uma das imagens mais marcantes dele – vocês devem lembrar – está na versão para filme de “The Wall”, do Pink Floyd.

A personagem principal é interpretada por ele. Mas o rapaz ficou conhecido mundialmente por seu trabalho como humanista, criando aquele que ficou conhecido como o maior evento do rock em todos os tempos, e que por isso, em sua data, 13 de julho, comemora-se o dia do Rock: o Live Aid.

A ideia de se criar o evento se deu em novembro de 1984 quando Geldof assistiu uma reportagem na BBC sobre a fome na Etiópia. O menino pirou e não se aquietou enquanto não fez algo a respeito.  Mas o que fazer?

Em parceria com o amigo Midge Ure dos Ultravox escreveu a insossa, mas exitosa “Do They Know Its Christmas?, que foi interpretada por ele, Bono Vox, Boy George, Duran Duran, Phil Colins, George Michael, Sting  e outros mais, naquilo que ficou conhecido como Band Aid. O cara tinha amigos de peso. Só isso.

A canção foi primeiro lugar em diversas paradas do mundo todo em dezembro de 1984, em 1989 e, mais uma vez, em 2004, quando foi relançada em seu 20º aniversário.  Este foi sem dúvida, um dos singles mais vendido em toda a história do Reino Unido.

O cara viu que a parada deu certo e resolveu investir mais além. Que tal um concerto com os principais mestres do Rock N’ Roll nos quatro cantos do globo? Uma ideia um tanto louca não é mesmo? Não para quem tem o Rock correndo nas veias. E foi isso que o rapaz, junto com seu grande parceiro, Midge Ure, resolveu fazer.

Imagem rara: George Michael, Bob Geldof, Bono Vox, Paul McCartney, Freddie Mercury e David Bowie.
Imagem rara: George Michael, Bob Geldof, Bono Vox, Paul McCartney, Freddie Mercury e David Bowie.

Depois da Band Aid estava criado o Live Aid, uma das maiores transmissões televisivas em grande escala da história, com transmissão para pelo menos 1,5 bilhão de espectadores em todo o globo. Os shows aconteceram simultaneamente no JFK Stadium, na Filadélfia (EUA), Wembley Stadium, em Londres (Inglaterra), além de Sydney (Austrália), Moscou (Rússia) e Tóquio, no Japão.

Estima-se que só com esses shows eles tenham arrecadado algo em torno de 150 milhões de libras, ou seja, aproximadamente US$ 227 milhões ou ainda R$ 514 milhões.

Foram convidados para a festa, nos quatro cantos do globo apenas os fracos Elvis Costello,  Sade,  Sting, Phil Collins, Bryan Ferry, David Gilmour, Paul Young, U2 Queen, David Bowie, The Who, Elton John,  Paul McCartney, Joan Baez, The Beach Boys, Crosby, Stills and Nash, Led Zeppelin, Judas Priest, Bryan Adams, Simple Minds,  Santana, Madonna, Neil Young, Duran Duran, Cliff Richard, Mick Jagger, Tina Turner , Bob Dylan, INXS e Men at Work.

Fora toda a controvérsia que apareceu antes, durante e depois do evento, o Live Aid, que inclusive, foi realizado em 2005 com o nome Live 8 (pedindo o perdão da dívida externa às oito nações mais ricas do mundo aos países pobres da África. E tornando possível o reencontro dos caras do Pink Floyd), é, sim um marco na história da música mundial. Tanto que a data de sua realização é comemorada em todo o mundo, como o Dia Mundial do Rock.

Assista ao show na íntegra:

YouTube Preview Image
11:20 · 20.06.2013 / atualizado às 11:26 · 20.06.2013 por

O Black Sabbath, de Ozzy Osbourne, Tony Iommi e Geezer Butler, consegui emplacar o álbum “13” como o mais vendido dos Estados Unidos, algo inédito para a banda e que já havia acontecido no Reino Unido.

> Black Sabbath lança novo CD e videoclipe de “God is Dead?”

>Em cerimônia sem apresentação musica, Black Sabbath lança o álbum 13

Lançado na semana passada, o novo álbum das lendas vivas do rock vendeu 155 mil cópias, de acordo com a Nielsen SoundScan, empresa que regulariza a venda de discos dentro dos EUA. “13” é o 23º disco da banda a entrar na parada, mas é o primeiro a alcançar o topo.  O melhor lugar alcançado até então era o 8º, com Master of Reality (1971).

121130_B-Sabbath_03-0584_v3.jpg
Foto: Divulgação

Fonte: Rolling Stone 

23:04 · 11.06.2013 / atualizado às 23:04 · 11.06.2013 por
FOTO: Reprodução/fACEB
FOTO: Reprodução/Facebook

Finalmente chegou a data que muitos fãs do Black Sabbath esperavam! Foi lançado oficialmente nesta terça-feira (11), o álbum “13”, que marca o retorno de Ozzy Osbourne aos vocais da banda. Para celebrar a data, foi realizada cerimônia com a participação de Geezer Butler, Tony Iommi – membros originais do grupo – e Brad Wilker – que substituiu Bill Ward durante as gravações do álbum.

Antes dos integrantes aparecerem para o evento, foi veiculado documentário mostrando os bastidores da gravação do álbum “13”, contando com a participação de Jack Osbourne – filho de Ozzy – na produção. Além do documentário, ainda foi exibido o vídeo das músicas “God is Dead?”, divulgado na manhã desta terça-feira, e a premiére de “End of The Beginning”, que conta com imagens da participação da banda na série CSI.

Contando com a presença de Ozzy e Geezer no prédio Town Hall, em Nova Iorque (EUA), 10 fãs puderam realizar pergunta diretas para os membros da banda. As participações de Tony, que estava em Londres, e de Brad, na Califórnia, foram online através de transmissão via streaming pela rede social Google+.

Destaque para o comportamento lamentável de brasileiros que a todo momento enchiam a caixa de comentários ao lado da transmissão com os dizeres “BR BR BR” e para a a relativa baixa quantidade de espectadores, que atingiu o pico com pouco mais 6.400 visualizações simultâneas no mundo inteiro.

 

10:18 · 07.06.2013 / atualizado às 10:18 · 07.06.2013 por

O músico Brian Wilson, um dos maiores responsáveis pelo sucesso do grupo The Beach Boys na década de 1960, está de volta ao estúdio. A gravadora Capitol anunciou que o lendário compositor está gravando seu 11º disco solo e que ele deve sair numa pequena turnê ao lado dos ex-companheiros de banda Al Jardine e David Marks.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O disco é o primeiro material inédito solo de Wilson desde “That Lucky Old Sun”, álbum de 2008, já que seus dois últimos lançamentos continham covers de outros artistas.

“Brian Wilson é simplesmente uma das figuras mais importantes na história da música popular, e ele continua a ter um impacto de grande influência e alcance em nossa cultura”, disse o presidente da Capitol, Steve Barnett, em nota. “É um prazer dizer, ‘bem-vindo de volta’, Brian”‘.

Em 2012, os Beach Boys lançaram “That’s Why God Made the Radio”. Para o disco, Wilson trouxe o famoso guitarrista Jeff Beck, que ele disse ser “exatamente o que queria” em seu novo álbum.

YouTube Preview Image

Com informaçoes da Folhapress

09:42 · 05.06.2013 / atualizado às 10:23 · 05.06.2013 por

Atualizada às 10h06

Mesmo após 40 anos de carreira, a lendária banda Kiss continua ousando quando o quesito é superestruturas para os seus shows. Utilizando tecnologia avançada de som e engenharia, o palco é retratado em imagens que mostram a banda em ação durante show realizado em Helsinki, na Finlândia, na última segunda-feira (3) e são capazes de deixar qualquer fã do grupo arrepiado. Estocolmo, maior cidade da Suécia, foi a primeira a receber o primeiro show realizado, no último sábado (1º) com o novo palco na Monster Tour 2013.

Show realizado em Helsinki, Finlândia, na última segunda-feira (3)
Show realizado em Helsinki, Finlândia, na última segunda-feira (3)
Show realizado em Helsinki, Finlândia, na última segunda-feira (3)
Show realizado em Helsinki, Finlândia, na última segunda-feira (3)
Visão lateral do palco
Visão lateral do palco

 

22:23 · 03.06.2013 / atualizado às 22:23 · 03.06.2013 por
divulgação
divulgação

Apesar de o lançamento de “13”, novo disco do Black Sabbath, estar marcado oficialmente apenas para o dia 11 de junho, a banda já liberou as faixas no iTunes para serem ouvidas por streaming.

O disco é o primeiro com Ozzy Osbourne desde 1978, quando foi lançado “Never Say Die”. Também estão presentes o guitarrista Tony Iommi e o baixista Geezer Butler, da formação original. O único membro fundador que não participou das gravações de “13” foi o baterista Bill Ward, substituído por Brad Wilk, do Rage Against the Machine.

O álbum, que é o 19º da carreira do Black Sabbath, é a sequência de “Forbidden“, de 1995. O produtor Rick Rubin disse ter tentado se aproximar da sonoridade dos primeiros discos do grupo. “O primeiro álbum [“Black Sabbath’, de 1970] não é totalmente heavy metal. Dá para ouvir influência de jazz, então esse foi o objetivo, e captar aquela interação ao vivo.”

O Black Sabbath fará três shows no Brasil em 2013 –em Porto Alegre (9/10), São Paulo (11/10) e Rio de Janeiro (13/10).

Pesquisar

Rock Nordeste

Só mais um site WordPress
Posts Recentes

03h10mSelvagens à Procura de Lei lança single e videoclipe do álbum “Praieiro” no Dragão do Mar

03h10mLos Hermanos leva euforia a público fiel de Fortaleza em show do 4º retorno da banda

09h10mEdu Falaschi e banda cearense Coldness tocam clássicos do metal em Fortaleza

11h10mConfirmado: Iron Maiden fará show em Fortaleza em março de 2016

07h10mBlind Guardian arrebata público de Fortaleza com show impecável

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs