Rock Nordeste

Categoria: Rock Independente em Fortaleza


07:43 · 09.08.2013 / atualizado às 08:19 · 09.08.2013 por
As Thy Death foi uma das Foto: Divulgação.
As Thy Death foi uma das selecionadas da primeira edição. Foto: Divulgação.

As inscrições para o II Festival Cuca Independente estão abertas a partir desta sexta-feira (9). Serão selecionadas 18 bandas locais e independentes de rock, com trabalho autoral. O período de inscrição segue até o próximo dia 31 de agosto, somente pelo site do Cuca.

A nova edição vai acontecer em três dias, sem bandas competindo. As 18 bandas selecionadas pela comissão do Festival irão se apresentar no Cuca Che Guevara nos dias 27, 28 e 29 de setembro.

Expectativa é superar o número de bandas inscritas da primeira edição

Foram mais de 100 bandas inscritas na primeira edição, das quais 12 passaram pela Comissão Avaliadora e se apresentaram em uma seletiva presencial. As seis melhores bandas foram escolhidas por uma banca e pelo voto popular, voltando para nova apresentação como vencedoras no Anfiteatro do Cuca.

A expectativa é que o número de bandas inscritas aumente para esta segunda edição, já que agora os grupos da Região Metropolitana de Fortaleza (Aquiraz, Cascavel, Caucaia, Chorozinho, Eusébio, Guaiúba, Horizonte, Itaitinga, Maracanaú, Maranguape, Pacajus, Pacatuba, Pindoretama e São Gonçalo do Amarante) vão poder participar.

No ato da inscrição, as bandas precisam enviar, via formulário, links para audição do material autoral. Outro critério importante é que a banda deverá conter, em sua maioria, integrantes com idade entre 15 e 29 anos. Um destes jovens integrantes deve ser o representante da banda no processo de inscrição.

Festival também oferta cursos na área de música

Além da mostra de bandas, o II Festival Cuca Independente vai ofertar cursos na área musical para os participantes interessados, com vagas limitadas. Entre eles, estão o de “Estética do Videoclipe” – que já conta com inscrições abertas e começa no próximo dia 14 de agosto.

Os demais cursos, “Técnico de Palco (Roadie)”, “Como Divulgar sua Música” e “Introdução à Produção Musical e Gravação Caseira”, terão suas inscrições abertas apenas em setembro. Para a inscrição, os interessados devem apresentar cópias do comprovante de endereço e do documento de identificação no Setor de Matrícula do Cuca Barra.

 Serviço

II Festival Cuca Independente
Mostra de Bandas: inscrições abertas de 09 a 31 de agosto pelo site www.cucajuventude.com.br
Curso “Estética do Videoclipe”: matrículas abertas com início no dia 14/08
Cursos “Técnico de Palco (Roadie)”, “Como Divulgar sua Música” e “Introdução à Produção Musical e Gravação Caseira”: matrículas a partir de 03/09. Início: 18/09.
Outras informações: 3237 4223

14:12 · 01.07.2013 / atualizado às 11:01 · 14.07.2013 por

A It Girl vem conquistando seu espaço na cena rock de Fortaleza. Não é raro encontrar a banda tocando nas noites do Órbita Bar e em casas como Acervo Imaginário, Brom’s Party House e Black Jack Club.  Sem falar que eles já abriram para a banda nova iorquina Nada Surf e, em março deste ano, marcaram passagem pelo no Ponto CE, um dos grandes festivais de música independente do Nordeste.

Ricardo Arraes (baixo), Yuri Lobato (guitarra),  Pedro Fialho (vocal) Anatole Nogueira (guitarra) e Cícero Nascimento (bateria) formam a It Girl.
Ricardo Arraes (baixo), Yuri Lobato (guitarra), Pedro Fialho (vocal), Anatole Nogueira (guitarra) e Cícero Nascimento (bateria) formam a It Girl.

O grupo já nasceu com proposta autoral. Surgiu no final de 2011, no ambiente onde não é raro surgirem as bandas desta geração da terrinha: na universidade.

“O Pedro e o Anatole já tocavam desde a época do colégio. Eles tinham uma banda meio hard rock. Eu conheci o Pedro na UFC (Universidade Federal do Ceará) e as coisas foram acontecendo. Mais para o final da faculdade, o Pedro apareceu com umas músicas mais maduras e nós decidimos levar para frente”, lembra o guitarrista Yuri Lobato em conversa com o Rock Nordeste por telefone.

É do vocalista Pedro Fialho e dos guitarristas Yuri Lobato e Anatole Nogueira que saem as composições do grupo, todas em inglês. Em menos de 2 anos desde que a It Girl surgiu, são 16 músicas já gravadas de forma independente em 3 EPs.

As influências roqueiras são diversas e o indie rock é a raiz comum dos integrantes.” O Pedro é mais punk, tipo Stooges, Ramones, o Anatole é rock mais melódico, tipo Pixies, já eu escuto muito Pearl Jam, Oasis. Nós todos escutamos muito Strokes, Franz Ferdinand“, explica Lobato.

 

“SUB” veio com temas urbanos e timbres de guitarra que respiram indie

O mais recente EP, “SUB”, lançado em abril deste ano, traz uma qualidade técnica no áudio visivelmente melhor do que os outros trabalhos e você pode escutá-lo no final desta publicação. Tudo foi gravado no escritório de Lobato e eles contaram com uma mãozinha de Matheus Brasil,  baterista da banda Capitão Eu e os Piratas Vingativos, que arranjou uma boa placa de som e participou de toda a produção do EP.

As aventuras urbanas de “Ride” e o personagem inventado de “Señor Hernandez” são marcas que permeiam as músicas do registro. Os timbres de guitarra bem marcados em faixas como “Laughstein!” não negam que a influência indie do grupo é marcante.

Além de divulgar o “SUB”, atualmente a It Girl prepara-se para lançar o primeiro videoclipe.”A gente ganhou um concurso (Garagem CCG) da Universidade de Fortaleza (Unifor) e estamos fazendo clipe com um grupo de lá que produz vários clipes. É uma produção bem coletiva mesmo, nossa com eles”. Lobato promete o lançamento do clipe da música “Ride” para agosto deste ano.

Capa do SUB com arte de Yan Jamacaru.
Capa do SUB com arte de Yan Jamacaru.

 

Os planos para o próximo CD e o desafio de se manter 

E os planos do grupo não param. Para o começo de 2014, a It Girl planeja lançar o primeiro CD que, segundo o guitarrista, deve misturar novas músicas e as melhores da banda. “Música para o CD a gente já tem. Só falta trabalhá-las. O primeiro álbum tem que ter as melhores músicas, que as pessoas mais curtem nos shows, como ‘Frances’,  ‘Lady’ e Ride”‘, explica.

O grande objetivo do grupo, hoje, é conseguir, além das profissões que cada um tem, sobreviver da renda da banda na cena autoral de Fortaleza. Para quem está começando agora na cena rock da terrinha, a dica é acreditar nas próprias músicas investir em gravações e divulgação de material autoral.

“Uma banda ela tem que gostar das suas músicas. Tem muita gente tendo uma banda por ter uma banda. Você é um grande crítico de vocês mesmo. Invista em gravação e publicidade para a sua música chegar no maior máximo de pessoas possível”, sugere Lobato.

 

Escute “SUB”, terceiro EP da It Girl:

YouTube Preview Image
Pesquisar

Rock Nordeste

Só mais um site WordPress
Posts Recentes

03h10mSelvagens à Procura de Lei lança single e videoclipe do álbum “Praieiro” no Dragão do Mar

03h10mLos Hermanos leva euforia a público fiel de Fortaleza em show do 4º retorno da banda

09h10mEdu Falaschi e banda cearense Coldness tocam clássicos do metal em Fortaleza

11h10mConfirmado: Iron Maiden fará show em Fortaleza em março de 2016

07h10mBlind Guardian arrebata público de Fortaleza com show impecável

Ver mais

Tags

Categorias
Blogs