Busca

Agricultura familiar vai ganhar espaço em tradicional feira de Quixadá

09:30 · 12.08.2018 / atualizado às 09:25 · 12.08.2018 por

Agricultura familiar vai ganhar espaço na tradicional Feira de Animais de Quixadá.

A agricultura familiar, apontada como responsável por mais de 60% dos alimentos que vão à mesa do brasileiro, poderá incrementar os negócios da sua cadeia produtiva em Quixadá. A Secretaria de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural deste Município pretende realizar às sextas-feiras uma feira desse segmento, incluindo a agricultura, pecuária, a gastronomia e o artesanato.O espaço escolhido foi o Parque Agropecuário da Feira dos Animais, localizado no bairro Putiú. A divulgação foi feita pelo secretário Kleber Carneiro.

Após um longo período de estiagem, além da crise econômica dos últimos anos e a adaptação às normas sanitárias cobradas pela Agência de Defesa da Agropecuária do Ceará (Adagri), para comercialização de ruminantes, de aves e até de derivados da pecuária, a Feira dos Animais está voltando a receber maior volume de criadores e de compradores, incluindo de queijos. O reaquecimento econômico foi abordado na reportagem do Diário do Nordeste neste fim de semana: Após longa estiagem, feira de animais ressurge.

Kleber Carneiro pretende aproveitar o momento positivo para revitalizar o parque, ao mesmo tempo torna-lo uma atração para turistas que chegam à cidade para se divertirem nos fins de semana, como costuma ocorrer em cidades turísticas. Nas sextas-feiras poderão visitar e fazer compras diretamente ao agricultor. Aos poucos a Feira dos Animais se tornará novamente a maior do Estado, abrindo mais espaço para os pequenos produtores. Esse processo não é mais rápido porque as melhorias estão sendo feitas com a arrecadação da própria feira.

Além da Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, Quixadá conta com a Cooperativa do Sertão Central da Agricultura Familiar (Copescaf). Segundo sua presidente, Rejane Duarte Arraes, a Copescaf  conta atualmente com 187 associados, de municípios do Centro do Estado e ainda Pindoretama e Horizonte. Eles buscam exatamente o fortalecimento da comercialização dos seus produtos, como ocorreu na 40ª Expocece, realizada pela Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos do Ceará (Acocece). Entretanto, a Exposição é realizada apenas uma vez por ano, em Quixadá.

Kleber Carneiro
Secretário de Agricultura de Quixadá

Apesar de tantas adversidades e obstáculos, manter uma feira há quase 70 anos é uma demonstração de que a nossa economia rural é forte”.

Feira de Animais de Quixadá
Av. Presidente Vargas S/Nº – Putiú
4ª feiras – a partir das 6 horas

 Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

Comentários 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *