Busca

Categoria: Agricultura


06:30 · 22.08.2018 / atualizado às 06:20 · 22.08.2018 por

Agricultura familiar se fortalece em Aracoiaba com feira semanal no Centro da cidade.

A Secretaria do Desenvolvimento Rural e Assistência Social de Aracoiaba está promovendo as sextas-feiras, no Centro da cidade, a Feira da Agricultura Familiar deste Município do Maciço de Baturité. Pequenos  produtores de todas as localidades da zona rural estão se reunindo, expondo e vendendo alimentos sem a utilização de agrotóxicos, explica o secretário Carlos Júnior.

A Feira também tem como objetivo incentivar a participação dos fornecedores, além de criar espaço favorável de comércio para os pequenos produtores, aumentar a renda familiar e melhorar as condições de vida das comunidades rurais, por meio da produção e comercialização de produtos da agricultura familiar, incluindo o artesanato, tudo animado por um trio de músicos tocando um autêntico forró pé de serra.

O gestor da pasta municipal acrescenta que a Feira da Agricultura Familiar contribui para a valorização do produtor local, além de aproximar o consumidor de quem cultiva o alimento, permitindo que saiba a procedência do produto agrícola. Ainda frisou que os interessados em participar da feira devem entrar em contato com a Secretaria. Os técnicos visitarão  a propriedade e fornecerão alvará de um ano para o produtor.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

09:30 · 19.08.2018 / atualizado às 09:25 · 19.08.2018 por

A agroecologia tem sido um tema forte na Semana de Agricultura promovida na Unilab. Foto > Ascom / Unilab

Estão abertas as inscrições para a VI Semana de Agricultura do Curso de Agronomia da Unilab (Semagri). De acordo com os organizadores o evento será realizado de 22 a 24 de agosto, no Campus da Liberdade, em Redenção. O tema deste ano é a “Atuação do Agrônomo e o Dinamismo Profissional: Aplicações Práticas no Nordeste Brasileiro”.

De acordo com a Comissão Organizadora da Semagri as inscrições estão abertas até o primeiro dia do evento (22). Para os alunos com interesse em contribuir na forma de monitoria, devem observar o edital. Quem desejar submeter trabalhos na VI Semagri, deve acessar este link: Submissão de Trabalhos. O valor da inscrição de cada trabalho é R$ 15,00.

A programação terá início na quarta-feira (22) com a Feira Agroecológica da Unilab, e ao mesmo tempo se iniciam as Rodas de Conversa, com agrônomas da Universidade. A palestra de abertura, com o tema Agronomia e Mercado Profissional: Perspectivas e Experiências Agroecológicas, está programada para às 14h30.

Na quinta-feira (23) o dia começa com Visita Técnica à Empraba; Oficina de Biofertilizantes: Uma fonte orgânica na agricultura familiar e a Palestra: Cacau – Origem, história, valor genético e potencialidade para o desenvolvimento do semiárido nordestino, e no último dia uma Roda de Conversa, Oficina Agroecológica e Exposição Científica encerram a VI Semagri.

O objetivo da Semagri é buscar a integração entre a universidade e a sociedade civil, procurando também informar e promover um maior conhecimento acerca das diversas áreas de atuação do profissional de Agronomia, sejam elas no ensino, na pesquisa ou na extensão. O evento contará com atividades como palestras, minicursos, oficinas, rodas de conversa e visita técnica, acrescentam os organizadores.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

09:30 · 12.08.2018 / atualizado às 09:25 · 12.08.2018 por

Agricultura familiar vai ganhar espaço na tradicional Feira de Animais de Quixadá.

A agricultura familiar, apontada como responsável por mais de 60% dos alimentos que vão à mesa do brasileiro, poderá incrementar os negócios da sua cadeia produtiva em Quixadá. A Secretaria de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural deste Município pretende realizar às sextas-feiras uma feira desse segmento, incluindo a agricultura, pecuária, a gastronomia e o artesanato.O espaço escolhido foi o Parque Agropecuário da Feira dos Animais, localizado no bairro Putiú. A divulgação foi feita pelo secretário Kleber Carneiro.

Após um longo período de estiagem, além da crise econômica dos últimos anos e a adaptação às normas sanitárias cobradas pela Agência de Defesa da Agropecuária do Ceará (Adagri), para comercialização de ruminantes, de aves e até de derivados da pecuária, a Feira dos Animais está voltando a receber maior volume de criadores e de compradores, incluindo de queijos. O reaquecimento econômico foi abordado na reportagem do Diário do Nordeste neste fim de semana: Após longa estiagem, feira de animais ressurge.

Kleber Carneiro pretende aproveitar o momento positivo para revitalizar o parque, ao mesmo tempo torna-lo uma atração para turistas que chegam à cidade para se divertirem nos fins de semana, como costuma ocorrer em cidades turísticas. Nas sextas-feiras poderão visitar e fazer compras diretamente ao agricultor. Aos poucos a Feira dos Animais se tornará novamente a maior do Estado, abrindo mais espaço para os pequenos produtores. Esse processo não é mais rápido porque as melhorias estão sendo feitas com a arrecadação da própria feira.

Além da Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, Quixadá conta com a Cooperativa do Sertão Central da Agricultura Familiar (Copescaf). Segundo sua presidente, Rejane Duarte Arraes, a Copescaf  conta atualmente com 187 associados, de municípios do Centro do Estado e ainda Pindoretama e Horizonte. Eles buscam exatamente o fortalecimento da comercialização dos seus produtos, como ocorreu na 40ª Expocece, realizada pela Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos do Ceará (Acocece). Entretanto, a Exposição é realizada apenas uma vez por ano, em Quixadá.

Kleber Carneiro
Secretário de Agricultura de Quixadá

Apesar de tantas adversidades e obstáculos, manter uma feira há quase 70 anos é uma demonstração de que a nossa economia rural é forte”.

Feira de Animais de Quixadá
Av. Presidente Vargas S/Nº – Putiú
4ª feiras – a partir das 6 horas

 Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

12:00 · 20.07.2018 / atualizado às 11:35 · 20.07.2018 por

O Sítio São Roque é considerado referência no cultivo agroecológico de café sombreado. Foto > SSR

O Sítio São Roque, um paraíso preservado no Maciço de Baturité, no município de Mulungu, realiza neste sábado (21) a sua III Festa da Colheita do Café. De acordo com os organizadores, a programação começa às 10 horas, com a Banda Municipal recepcionando os visitantes. Ainda pela manhã, tem o lançamento do Café Geraldo e do Clube do Café, seguido de rodas de conversas debaixo da jaqueira.

No início da tarde, das 13h às 14h, tem almoço ao ar livre ao som do saxofone e logo depois o retorno à roda de conversa, sobre cerveja com café. O início da centenária colheita, na trilha do café, está programado para as 15 horas. Os interessados em participar desse momento tradicional podem obter mais informações no site www.atelier1913.com.br.

Propriedade centenária, o Sítio São Roque é considerado referência no cultivo agroecológico de café sombreadoFundado em 1913 por Alfredo Farias e Amélia Farias, é administrado com fé e esperança desde 1972 até abril deste ano por seu filho mais novo, Gerardo Farias, falecido no dia 20 daquele mês. O Sítio faz parte da Rota Verde do Café no Maciço de Baturité, onde a família recebe os visitantes para contar um pouco dos 105 anos da sua história.

III Festa da Colheita do Café
Dia 21 de julho – A partir das 10 horas
Sítio São Roque – Mulungu

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

07:30 · 20.07.2018 / atualizado às 07:40 · 20.07.2018 por

Jovens da comunidade de Lagoa da Jurema, na zona rural de Quixadá, participam do projeto Bodega Ecológica do IARTE

O Instituto de Arte, Cultura, Lazer e Educação (IARTE) realizará nesta sexta-feira (20), em Quixadá, a 2ª etapa do Ciclo de Seminários “Cenários para o Fortalecimento da Agricultura Familiar”. O evento, que conta com o apoio do Instituo Agropolos, está programado para o período das 8h às 16h na Bodega Ecológica deste Município do Sertão Central. Barbalha foi o primeiro município visitado. Os próximos encontros ocorrerão em Aracati, Itapipoca e Morada Nova, acrescentaram os organizadores.

Segundo o coordenador técnico do Ciclo de Seminários, Antonio José Monteiro, a ação tem por objetivo fortalecer as cadeias produtivas, como princípio básico do desenvolvimento sustentável e solidário da agricultura familiar no Ceará. Na avaliação dele o apoio à realização do conjunto dessas ações implica em um esforço permanente e sistêmico de aprimorar os instrumentos operacionais de fortalecimento e consolidação das institucionalidades necessárias à gestão social das políticas públicas para a agricultura familiar.

O Sertão Central cearense é uma das áreas mais castigadas pelas secas no Estado. Os açudes da região permanecem com baixa carga hídrica. As chuvas deste ano foram insuficientes para reverter o quadro de estiagem prolongada. Mas nem tudo é desalento. A força e a união dos homens e mulheres que moram e trabalham nos 12 municípios da região têm feito a diferença e confirmam que é possível fazer mais por meio do cooperativismo e empreendedorismo.

Na avaliação da diretora executiva do IARTE, Gizélia Ribeiro, valorizar a agricultura familiar, por meio do empreendedorismo é uma tarefa árdua, mas, ao mesmo tempo, necessária e eficaz para melhorar sensivelmente a vida no campo, especialmente quanto à segurança alimentar das famílias. Essas ações motivam as famílias a fazerem a transição da produção convencional para a agroecológica.

Programação

8h – Acolhida: Atividade Cultural
8h30 – Café da manhã regionalizado
9h – Abertura oficial
Repentista acolhendo os participantes e autoridades para composição da mesa
10h – Políticas públicas para a agricultura familiar
Secretário do Desenvolvimento Agrário, Francisco de Assis Diniz
Presidente do Instituto Agropolos, Ana Teresa Carvalho
11h30 – Experiência exitosa do Sertão Central
Presidente da Coopvale e agricultor familiar, Deusimar Cândido de Oliveira
12h – Almoço regional
13h30 – Empreendedorismo na Agricultura Familiar
Presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Quixadá, Francisca da Conceição de Sousa
14h30 – Segurança Alimentar e Nutricional na Agricultura familiar
Presidente do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea/CE), Malvinier Macedo
16h – Encerramento

2ª etapa do Ciclo de Seminários “Cenários para o Fortalecimento da Agricultura Familiar”
Das 8h às 16h – Bodega Ecológica
Rua Autran Moreno, 162, – Centro / Quixadá
(ao lado da Ematerce)

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

12:30 · 14.07.2018 / atualizado às 19:01 · 15.07.2018 por

Industrial Renato Carneiro acredita no retorno da cultura do algodão em grande escala no Sertão Central

O “ouro branco“, como o algodão vegetal também é conhecido, poderá voltar a ser uma das principais fontes econômicas do Ceará. Técnicos de instituições governamentais, como a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), estão assistindo o homem do campo com novas tecnologias para a cotonicultura, e também sementes mais resistentes à pragas. Todavia, na avaliação do industrial Renato Carneiro, com mais de meio século de experiência com essa cultura, os bancos oficiais precisam liberar financiamentos para produções em grande escala.

> Cultura do algodão ressurge no Sertão Central

A Usina Damião Carneiro, em Quixadá, pertencente ao industrial de 77 anos de idade está pronta para voltar a beneficiar o algodão e das máquinas aquecer o movimento econômico da região. No tempos áureos do “ouro branco”, além de empregar dezenas de trabalhadores, a sirene da indústria no início e no termino do trabalho era o sinal diário de prosperidade na cidade, que já teve cinco concessionárias automotivas, na década de 1980 a meados dos anos 1990. Muita gente ficou rica plantado algodão.

A Usina Damião Carneiro está pronta para voltar a beneficiar o mais valioso produto agrícola do sertanejo

Naquela época só havia coisa boa. Todo mundo era feliz, com o sorriso de uma ponta a outra. Era tempo de fartura, de dar até banho de cerveja nos cavalos, para deixar os animais mais refrescados e saudáveis. Para esses tempos voltarem, o processo é simples: plantio, campo, assistência técnica e financiamento. As pragas, como a do bicudo, sempre existiram, e vamos continuar plantando, basta termos incentivo. A nossa fábrica pode processar no mil quilos por dia“, acrescentou.

Os tempos de fartura levaram Renato Carneiro a se envolver na política. Ele foi prefeito de Quixadá de 1977 a 1983. Na mesma época, o irmão, Álvaro Carneiro, também industrial e proprietário de usina, em Quixeramobim, foi prefeito daquela cidade. Voltando para Quixadá, logo depois foi a vez de outro industrial da cotonicultura, Abraão Baquit, assumir a gestão municipal. A terra do “ouro branco” crescia e chamava a atenção pela sua prosperidade.

Além desses industriais, outros empreendedores, como Joaquim Ventura, ainda no ramo, se dedicavam exclusivamente ao comércio do algodão. A cooperativa de produtores de Quixadá era a maior do Estado.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

12:00 · 08.05.2018 / atualizado às 12:15 · 08.05.2018 por

Dia de Campo realizado pela Secretaria de Agricultura de Boa Viagem capacitou produtores rurais

Dezenas de produtores rurais de Boa Viagem, no Sertão Central, estão recebendo um reforço especial da Secretaria de Agricultura e Pecuária deste Município, para a alimentação dos seus rebanhos. Trata-se do Programa Palmas para Boa Viagem. Na sua primeira etapa o secretário municipal Ronilson Abreu promoveu um Dia de Campo sobre a cultura da palma forrageira.

O encontro com dezenas de pequenos e médios produtores rurais da região ocorreu na última sexta-feira, 27 de abril, na Fazenda Bom Sucesso, no distrito de Olho d’Água. A ação teve como objetivo demonstrar aos participantes as técnicas para o plantio, a colheita, fabricação do farelo, o enriquecimento com levedura e a troca de conhecimento entre os produtores do cactáceo resistente a períodos de estiagem prolongada.

Ronilson Abreu destacou que o Dia de Campo foi promovido exclusivamente pela sua Secretaria, contando também com a visita e parceria de técnicos da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce), onde na oportunidade a prefeita Aline Vieira informou que serão construídas duas Unidades Técnicas Demonstrativas, para capacitação contínua dos produtores da palma irrigada.

Programa municipal está fortalecendo a cultura da palma forrageira em Boa Viagem

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

10:00 · 02.04.2018 / atualizado às 11:30 · 03.04.2018 por

Governador autoriza a construção de parque de exposições em Quixeramobim.

governador do Ceará, Camilo Santana, autorizou a construção de um parque de exposições em Quixeramobim. Apesar de não ter revelado detalhes, para a concretização do projeto a prefeitura deste Município do Centro do Estado deverá doar o terreno para a implantação do complexo.

O projeto foi promessa de campanha nas últimas eleições, do atual prefeito de Quixeramobim, Clébio Pavone, e do seu opositor político, Cirilo Pimenta, à época gestor do Município, hoje superintendente Estadual do Instituto de Desenvolvimento Agrário do Ceará (Idace). Pavone assumiu a prefeitura de Quixeramobim quando Cirilo foi afastado do cargo, em 2013. Na época ele era presidente da Câmara Municipal.

Foi o deputado estadual Bruno Pedrosa quem apresentou o projeto ao governo do Estado, no início de setembro do ano passado. Foi ele também quem divulgou a confirmação da instalação do parque de exposições.  No dia 20 de março passado o governador deu o aval para a construção do complexo que deverá incrementar a produção e comercialização da agricultura familiar e dos produtores da principal bacia leiteira do Estado.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

06:30 · 13.03.2018 / atualizado às 06:40 · 13.03.2018 por

O Sindicato Rural de Ibaretama (Sinrural) promoverá nesta quarta-feira (14)um seminário especial para associações comunitárias. Segundo o presidente do Sinrural, Carlos Bezerra Filho, também representante da Federação da Agricultura e Pecuária do Ceará (Faec) o evento tem por objetivo orientar os trabalhadores rurais sobre as obrigações contábeis previdenciárias e aposentadoria rural.

Ainda de acordo com o representante do Sinrural, o seminário, gratuito e aberto ao público será realizado a partir das 8h30 do Salão Paróquial da igreja matriz de Ibaretama, no Centro da cidade. Será a oportunidade para as lideranças e trabalhadores tirarem suas dúvidas com especialistas diante da possibilidade da reforma previdenciária proposta pelo governo Federal.

Sindicato promoverá seminário em Ibaretama para orientar trabalhadores rurais sobre a aposentadoria

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

06:30 · 07.02.2018 / atualizado às 06:35 · 07.02.2018 por

Fatec recebe encontro estadual para desenvolvimento do Sertão Central

O Instituto Centec realiza nesta quinta-feira (8) uma reunião técnica com diversos atores estratégicos para debater parcerias que fortaleçam o desenvolvimento do Sertão Central cearense. Segundo o Centec o encontro acontecerá das 8h às 12h, na Faculdade de Tecnologia Centec (Fatec), em Quixeramobim.

Os técnicos Afonso Odério e Augusto Júnior, do Centec, apresentarão propostas de geração de renda para a região tendo as Fatecs como centros de referência tecnológica. Após os debates, os participantes realizarão uma visita às instalações da Fatec, conhecendo os laboratórios de processamento e análise de alimentos, os setores de bovinocultura, ovinocaprinocultura e apicultura.

O presidente do Centec, Silas Alencar, e o diretor da Fatec, Jardel Paixão, confirmaram a presença dos secretários estaduais da Secitece, Inácio Arruda, da Seplag, Queiroz Maia, da Seapa, Euvaldo Bringel, e da SDA, José Teixeira. Os presidentes da Ematerce, Rodrigues de Amorim, da FAEC, Viriato Saboya, e o gestor da Embrapa Algodão, Sebastião Barbosa também participarão do encontro.

Reunião técnica de desenvolvimento do Sertão Central
Dia 8 de fevereiro – das 8h às 12h
Fatec Sertão Central – Av. Geraldo Bizarria de Carvalho, S/Nº – Km 2

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154