Busca

Categoria: Asa Delta


09:58 · 19.10.2016 / atualizado às 09:58 · 19.10.2016 por
Temporada aproveita fortes ventos desta época do ano (Fotos: Quixadá Aventura)
Temporada aproveita fortes ventos desta época do ano (Fotos: Quixadá Aventura)

Quixadá. Começou a nona edição da temporada internacional de voo livre de Quixadá. Quem olhar para os céus deste Município da região central cearense, certamente verá ainda mais praticantes de voo livre colorindo e cortando o céu. A temporada se estende até dezembro, prometendo reunir praticantes de esportes radicais de vários países.

A temporada é marcada no calendário por dois eventos que já ocorrem tradicionalmente nesta época, o Encontro Internacional de Voo Livre e a X-Ceará, que conta com o apoio da Confederação Brasileira de Voo Livre. O primeiro se inicia na segunda quinzena deste mês e segue até o dia 26 de novembro. No dia seguinte, tem início a X-Ceará, que encerra a temporada em e de dezembro.

Maioria do público é formado por turistas
Maioria do público é formado por turistas

De acordo com os organizadores do evento, cerca de 150 pilotos de outros países devem chegar a Quixadá. Na edição do ano passado, 118 gringos e 32 brasileiros de outros estados participaram. Com o sucesso do evento, os organizadores aguardam um público ainda maior este ano.

Além da aventura e da adrenalina, uma das principais propostas é a quebra de recordes. Em edições anteriores pilotos saíram de Quixadá e só tocaram o chão quando estavam perto do Maranhão. Empresas do ramo que atuam pelas cidades da região se envolvem para organizar a temporada.

No início de outubro deste ano o Diário do Nordeste trouxe no caderno Regional do final de semana uma grande reportagem com detalhes sobre a temporada internacional. Leia a matéria completa aqui >> Voo livre colore o céu de Quixadá

_________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

 

 

08:00 · 04.11.2015 / atualizado às 10:47 · 04.11.2015 por

Quixadá
Aberta no último fim de semana, a temporada mais forte de ventos e térmicas ideais para a prática de cross country, voos de longa distância em parapentes e asas delta, já atraiu mais de 100 pilotos estrangeiros a Quixadá, cidade do Sertão Central, situada a 160km da capital cearense, Fortaleza, e nestes primeiros dias alguns deles já quebraram recordes pessoais e mundiais.

VIII Meeting XC Quixadá 03.11.15 (3) DN

Segundo um dos promotores do Meeting XC Quixadá, o ex-piloto Paulo Rocha, já decolaram esta semana da rampa do Santuário de Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, pilotos de praticamente toda a Europa, da Inglaterra, Itália, França, Suíça, Checoslováquia, de repúblicas russas e ainda dos Estados Unidos e Canadá, além de paulistas e cariocas.

As decolagens ocorrem no início das manhãs, durante toda a semana. Entre 5h30 e 9 horas há inclusive fila de espera na rampa situada na Serra do Urucum, a cerca de 10km do Centro de Quixadá, considerada a melhor das Américas e uma das mais famosas do mundo. O espaço é aberto ao público.

Veja mais no Diário do Nordeste no vídeo do Blog Manobra Radical

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9970 5161, dos fones (88) 9970 5161 ou (88) 8865 6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

08:00 · 11.07.2015 / atualizado às 08:48 · 11.07.2015 por

Quixadá
Pilotos de parapente e de asa delta do Ceará começaram a sentir a sensação de decolar de uma das rampas mais sofisticadas do Brasil. Situada no parque ambiental do Hotel Pedra dos Ventos, na Serra do Juá, ao lado da vila de Juatama, a 18Km do Centro de Quixadá, além da inclinação ideal para o início dos voos, a rampa é revestida de grama sintética, explica o empresário Antônio Almeida, responsável pela nova atração do complexo hoteleiro.

Voo Livre - Rampa Pedra dos Ventos (1)

Além da rampa, banheiros e uma área de camping complementarão o espaço de decolagens, o primeiro dessa categoria no Ceará. A altitude em relação ao nível do mar é de 450 metros, ideal para decolagens com o objetivo de longos alcances e também para voos de instrução. Logo abaixo existe uma extensa área de pousos e praticamente ao lado da nova estrutura de voo livre. A data oficial de inauguração da rampa do Pedra dos Ventos ainda não foi definida, mas deve ocorrer no mês de setembro, explicou o empresário.

Entretanto, a novidade já se tornou atração para pilotos da região. O empresário Eurismar Júnior é um deles. “Essa rampa chega pra sanar a dificuldade que tínhamos de fazer voos locais e pousar próximo da sua subida, assim como acontece em Pacatuba, na região metropolitana de Fortaleza, e no Rio de Janeiro, onde rapidamente os pilotos conseguem subir a rampa e fazerem novos voos. Para subir a rampa do Santuário de Quixadá após um voo “prego”, direto para o pouso, o tempo médio é de 50 minutos. Na rampa de Juatama isso acontece em 10 minutos” ressaltou.

No primeiro fim de semana após a liberação da rampa do Pedra dos Ventos para decolagens dezenas de pilotos, a maioria de parapentes, filiados à Associação de Voo Livre do Sertão Central (AVLSC) coloriram o céu de Juatama com suas velas. Era uma homenagem a iniciativa de Antonio Almeida. Os elogios também se estenderam nas redes sociais. Pilotos estrangeiros, da Espanha, da Inglaterra, da França, já tomaram conhecimento da novidade e postaram mensagens nas redes sociais elogiando a iniciativa. Será mais uma atração de Quixadá.

Conforme o empreendedor hoteleiro, o investimento final com toda a estrutura da nova rampa deverá ficar em torno de R$ 20 mil. O recurso é todo próprio, pois dificilmente são disponibilizados recursos públicos para esportes dessa natureza, apesar de gerarem dividendos, tanto para o Município como para o Estado. Mesmo assim ele está feliz. Além de atrair mais cliente para o hotel rural, considerado um dos melhores do Nordeste, os associados da AVLSC, na maioria jovens carentes de Juatama, e a própria comunidade, serão beneficiados.

Fique por Dentro

Quixadá, cidade do Centro do Ceará situada a 167Km da capital  Fortaleza, é conhecida entre praticantes do voo livre como um dos melhores lugares do mundo para decolagens de parapentes e asas delta, principalmente para quem participa de competições da modalidade cross country, onde os pilotos buscam atingir a maior distância possível. As térmicas da região, como são conhecidas as correntes de ar quentes que mantém as velas no ar, são consideradas pelos pilotos ideais para essa prática, e também são as mais fortes do planeta, por esse motivo a cidade também é conhecida como o “Havaí do voo livre”.

Mais Informações

Hotel Pedra dos Ventos
Serra do Juá – Distrito de Juatama – Quixadá
Telefone (88) 9 9604-0425

Veja também no Diário do Nordeste > Voo livre em Quixadá

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9970 5161, dos fones (88) 9970 5161 ou (88) 8865 6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

07:30 · 03.07.2015 / atualizado às 07:51 · 03.07.2015 por

Quixadá
A Associação de Voo Livre do Sertão Central (AVLSC) iniciou uma pesquisa especial com o objetivo de oferecer uma melhor estrutura para a prática de voos de parapente e de asa delta com decolagens na rampa da serra do Urucum, em Quixadá, considerado o “Havaí do voo livre”, no Centro do Estado.

Segundo a AVLSC, a temporada de voo livre está sendo ampliada. Além do período das competições internacionais como a mais tradicional de cross country do Estado, o X Ceará, e o Meeting Fly Quixadá, realizadas de setembro a novembro, os pilotos poderão decolar na maioria dos meses.

O questionário é dirigido a pilotos de parapente e de asa delta. Para participar basta acessar o link > Pesquisa para identificação do perfil dos pilotos.

Voo Livre - Rampa do Urucum AVLSC

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9970 5161, dos fones (88) 9970 5161 ou (88) 8865 6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

13:00 · 21.06.2015 / atualizado às 13:39 · 21.06.2015 por

Quixadá
A primeira edição do I Sertão XC Light se encerra no fim da tarde deste domingo, 21, com decolagem da maioria dos pilotos de parapente da rampa do Urucum, ao lado do Santuário de Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, em Quixadá. Após o pouso do ultimo piloto haverá festa de confraternização e entrega da premiação no distrito de Algodões, em Quixeramobim.

Voo Livre - I Sertão XC Light 20.06.15 (1)

As últimas decolagens devem ocorrer entre 15 e 16 horas, período em que os ventos estão menos fortes e ideais para voos mais suaves e com menos riscos. Mais de 20 pilotos, de Quixadá, Quixeramobim, Limoeiro do Norte, Aracati e Fortaleza pretendem abrir suas velas momentos antes do por do sol. O espaço é aberto ao público para apreciar o espetáculo no céu que também terá asas delta como atrações.

Conforme os organizadores, a competição, realizada pela Associação de Voo Livre do Sertão Central (AVLSC), com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedet) de Quixadá, foi dividida em duas categorias, a Light e a Sport. Os três primeiros colocados em cada uma delas receberão troféus. As pontuações serão contabilizadas no Campeonato Cearense de Parapente 2015.

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9970 5161, dos fones (88) 9970 5161 ou (88) 8865 6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

08:30 · 26.04.2015 / atualizado às 08:52 · 26.04.2015 por

Quixadá
Apostando no funcionamento regular da Rampa do Urucum, situada ao lado Santuário de Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, o promotor de voo livre Paulo Rocha pretende acabar com a sazonalidade dos voos livres em Quixadá. A preferência é pelo período de agosto a novembro. A mudança favorecerá a organização dos voos cotidianos e eventos esportivos e turísticos. Mas haverá cobrança de brevês para instrução e voos duplos de instrução. O cumprimento das normas será importante para evitar problemas como o ocorrido em Canoa Quebrada, no litoral do Estado, onde os passeios de parapente foram suspensos pela Prefeitura de Aracati, no início do ano, após um acidente de um piloto com turistas.

Voo Livre 25.07.13 (5)

A respeito dos voos duplos e triplos Paulo Rocha ressaltou o cuidado de ser realizado somente com pilotos muito experientes. As condições de tempo também devem ser ideais para esse tipo de passeio. O foco, por enquanto, realmente são os pilotos, principalmente de outros estados e países. Esse tipo de turismo pode gerar mais dividendos para o Município. Pelos cálculos de Rocha, quando um deles chega ao Ceará permanece pelos menos uma semana, deixando em torno de R$ 2.300,00 em dividendos. Toda a cadeia receptiva da região é beneficiada.

Este ano é ideal para atrair os pilotos estrangeiros, na maioria europeus. Além do Dólar, o Euro está valorizado frente ao Real. O número de participantes do X Ceará e do Meeting Fly Quixadá deverá ser recorde. Serão incentivados a retornarem mais vezes. Quixadá já conta com equipes de resgate e de salvamento, além das rotas viárias terem melhorado muito nos últimos anos. A região também já conta com unidades de Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Em breve, além de Centro de Controle, a proposta é instalar também banheiros na rampa.

Além das competições tradicionais, está sendo planejada uma prova anual. A proposta consiste em premiar os pilotos que tenham as maiores quilometragens de voos de distancia livre, realizados por pilotos de asa delta e parapente, decolando da rampa do Santuário Rainha do Sertão. Três categorias da modalidade parapente e uma de asa delta podem ser premiadas. Os competidores poderão voar durante todo ano, mas no primeiro semestre os voos terão a validade com peso 2, até o mês de junho. A partir de julho a contagem será real. A premiação anual almejada é de R$ 20 mil. A participação estimada é de pelo menos 50 pilotos, o suficiente para propiciar retorno financeiro para o Município, considerado apenas gastos com hospedagem e alimentação de R$ 1 mil para cada um deles.

Eles poderão participar do X Quixadá, contabilizando as sete melhores marcas. A contagem dos voos será contabilizada pelo sistema XC Contest, no qual, através do sistema de posicionamento global, conhecido popularmente como GPS, são registradas as distâncias de voos dos pilotos. Não haverá taxa de inscrição. O pagamento da premiação será efetuado no dia 2 de janeiro de 2016.

Na avaliação do presidente da Fepace a proposta é interessante, mas mesmo assim a maioria dos voadores vai insistir em decorar no Havaí do Voo Livre somente no período das melhores condições térmicas, entre agosto e novembro. Atualmente Quixadá está perdendo esse espaço para Tacimba, na Paraíba, novo paraíso internacional para quem pratica esse esporte aéreo.

Veja a reportagem completa no Diário do Nordeste > Revitalização do esporte de aventura

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no  Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central informando e sugerindo reportagens através dos fones (88) 9970.5161 ou (88) 8865.6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

08:00 · 26.04.2015 / atualizado às 08:29 · 26.04.2015 por

Quixadá
Promotores e pilotos de voo livre pretendem fazer essa modalidade de esportes de aventura decolar novamente, literalmente, em Quixadá, cidade cearense conhecida internacionalmente como o “Havaí do Voo Livre”. Um experiente voador, considerado um dos pioneiros no Ceará, Paulo Rocha, é quem anuncia a novidade. A Via Sertão, uma microempresa especializada em eventos dessa natureza, assumiu a administração da rampa da Serra do Urucum, ao lado do Santuário de Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão. Agora busca parceiros para alavancar a pratica no Estado e atrair esportistas de todos os cantos do mundo, o ano todo.

Voo Livre - Asas Delta

A estratégia, além de melhorar as condições de decolagens para asas delta e parapentes ou velas, incluindo um melhor suporte receptivo e técnico, é atrair os praticantes todos os fins de semana, independente do período do ano. Atualmente, setembro, outubro e novembro são os meses mais procurados, em virtude das excelentes correntes de ar térmicas no Nordeste durante esse período. Com elas os pilotos superam seus recordes, pessoais e até mundiais. Alguns chegam a mais de 400 Km de distância. A mais tradicional competição de cross country do Estado, o X Ceará, e o Meeting Fly Quixadá são realizados nesses meses.

Conforme Paulo Rocha, os outros meses também são propícios para os voos. Além de decolagens mais suaves para os iniciantes e pilotos menos experientes, Quixadá fica a apenas 160 Km de Fortaleza, possui uma ótima estrutura hoteleira, bons restaurantes e atrativos noturnos nos fins de semana. O lugar é ideal para atrair os esportistas e acompanhantes. Além de ser a melhor do Ceará e do Nordeste, a rampa do Urucum desponta como uma das melhores do planeta. Com as mudanças e o profissionalismo, está sendo redescoberta.

Antes, cabia a administração municipal arcar com as despesas do aluguel do espaço de decolagens, propriedade da Diocese de Quixadá. O valor desembolsado é de um salário mínimo por mês. Mesmo assim, ao longo dos anos havia atrasos nos pagamentos e quando os principais eventos, como o X Ceará e o Meeting de Voo Livre iriam iniciar os organizadores eram obrigados a correr para saldar as dívidas de utilização da rampa. Com a Via Sertão assumindo a administração do espaço esportivo esse problema deve acabar e outras competições poderão ser realizadas. Essa é a expectativa de Paulo Rocha.

Apesar da Via Sertão ter assumido a administração da rampa, a ideia é compartilhar as decisões e as responsabilidades sobre a sua manutenção. A captação dos recursos para os serviços virá de patrocinadores e de projetos com recursos públicos. Todos os pilotos, das duas modalidades, tanto cearenses, e de todo o Brasil, também os estrangeiros, deverão pagar somente uma taxa anual de R$ 100,00. Poderão utilizar a rampa quantas vezes quiserem e a qualquer dia do ano. A contribuição será utilizada para pagar o aluguel do espaço de decolagem. Havendo saldo, será investido em melhorias na rampa, ressalta o empreendedor.

Veja a reportagem completa no Diário do Nordeste > Revitalização do esporte de aventura

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no  Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central informando e sugerindo reportagens através dos fones (88) 9970.5161 ou (88) 8865.6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

06:30 · 21.10.2014 / atualizado às 06:52 · 21.10.2014 por

Voo Livre 25.07.13 (5)Quixadá
Está confirmada a 19ª edição do X Ceará, considerado o maior campeonato de voo livre no estilo Cross Country Classic do mundo. Segundo os organizadores, o evento será realizado de 23 a 29 de novembro, tendo como palco a famosa rampa de Quixadá, sede de alguns dos principais recordes nacionais e mundiais de distância de Voo Livre em asa delta e parapente.

Os competidores interessados já podem se inscrever, mas como as distâncias voadas são cada vez maiores, acima de 300 quilômetros, tornando os resgates mais complexos, a organização da prova decidiu limitar o número de participantes para 30, sendo 15 parapentes e 15 asas delta. A limitação visa oferecer um serviço de melhor qualidade para os participantes.

O valor da inscrição é de R$ 2.400,00 com direito a hospedagem no Pedra dos Ventos Resort durante todo período do evento, café da manhã completo, resgate durante todo o evento, transfer de Fortaleza para Quixadá no dia 23 de Nov as 8h da manhã, transfer de Quixadá para Fortaleza no dia 30 de Novembro as 9h da manhã, frutas e agua mineral em todos os carros de resgate, camiseta oficial do evento, mapa colorido e empréstimo de equipamento Spot para os 10 primeiros inscritos. Os competidores concorrem a R$ 10 mil em prêmios.

Para fazer a inscrição o piloto deverá enviar um e-mail para info@xceara.com.br com as seguintes informações: Nome; e-mail; tempo de voo (experiência); equipamento que utiliza (modelo de asa ou parapente) e seu Recorde atual (cross country). Mais informações, pelos fones 21 99177-9234 ou 21 7813-8821, Nextel: 55*55358*2, info@xceara.com.br, WhatsApp: 21 99177-9234, Facebook: chicosantosaventura e Skype: goupbrasil.

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no  Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central informando e sugerindo reportagens através dos fones (88) 9970.5161 ou (88) 8865.6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

08:00 · 10.08.2014 / atualizado às 08:02 · 10.08.2014 por

Voo Livre - Parapente & Eurismar Júnior 10.08.14 (6)Quixadá
Os aventureiros interessados em saltar de parapente e de asa delta e também em aprender as primeiras noções de voo livre já podem começar a procurar a Associação de Voo Livre do Sertão Central (AVLSC), sediada em Quixadá. Esta aberta a temporada de voos na cidade, considerada o Havaí do voo livre. Os interessados poderão obter mais informações pelos fones (88) 9911.3182 ou (88) 9908.1782.

Os esportistas têm como opção duas rampas. Uma delas é a da Serra do Urucum, onde fica situado o Santuário Mariano de Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, na periferia, cerca de 5Km do Centro de Quixadá. A outra rampa fica no Pedra dos Ventos Resort, no distrito de Juatama, são mais 10Km de distância até lá, mas conta com toda infraestrutura para os visitantes.

Os voos foram iniciados neste sábado, 9, com a 1ª Etapa do Campeonato Cearense de Voo Livre e provas de Race to Goal, onde venceram os pilotos que chegaram primeiro no pouso da Fazenda Parelhas, em Quixeramobim. Foi apenas um aperitivo para o X Ceará, considerada a maior prova Cross Country do planeta, onde os pilotos tentam alcançar a maior distância possível no ar.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no  Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central informando e sugerindo reportagens através dos fones (88) 9970.5161 ou (88) 8865.6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

05:00 · 23.10.2011 / atualizado às 06:45 · 23.10.2011 por

Quixadá > Pilotos de voo livre de todo o planeta começam a saltar na manhã deste domingo, 23, da rampa do Urucum, ao lado do Santuário de Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, em busca de recordes mundiais no II Meeting e Open Quixadá. As janelas de voo foram abertas na semana passada, mas as chuvas dos últimos dias forçaram os competidores a permanecerem em terra firme. Entretanto, o coordenador dos dois eventos internacionais, Paulo Rocha, espera bom tempo e com ele muitos recordes.

Entretanto, para apreciar os saltos e acrobacias desses “Filhos de Ícaro” é preciso chegar cedinho. Para aproveitar as térmicas da Hawaii do Voo Livre e alcançarem quilômetros de voo eles precisam decolar assim que o sol começar a surgir no horizonte. O acesso à rampa é livre. São apenas 7Km do Centro de Quixadá até lá. É bom levar protetor solar, um bom sombreiro e muita água. Veja no vídeo abaixo a proeza realizada por uma equipe brasileira, conquistando o recorde mundial em parapente. É pura adrenalina. Vale a pena conferir.

O Meeting e o Open Quixadá são realizados pela Secretaria de Esportes do Ceará, com o apoio da Prefeitura de Quixadá, Brisanet, TAM Airlines e Loc Fácil.

YouTube Preview Image