Categoria: Comércio


06:30 · 11.12.2018 / atualizado às 06:35 · 11.12.2018 por
Ofertas de emprego começam a aumentar em Quixadá e Quixeramobim com proximidade do fim de ano.

O número de vagas para o comércio e a indústria está aumentando nas maiores cidades do Centro do Estado. No bolsão de ofertas do Sine/ IDT esta semana são 27 vagas em Quixadá e 16 em Quixeramobim. O maior número, em Quixadá, é para vendedor pracista, 15, e mais duas para vendedor porta a porta. As outras vagas são para Artista visual, Cabeleireiro, Caseiro, Consultor de vendas, Cozinheiro de restaurante, Esquadriador de madeira, Instrutor de cursos livres, Promotor de vendas, Supervisor de vendas comercial e Técnico optometrista, uma cada.

Em Quixeramobim, onde está concentrado o maior polo calçadista da região, com mais de sete mil trabalhadores no setor, há duas vagas para Representante comercial autônomo. Para o restante das ocupações uma vaga para Atendente de balcão, Atendente de padaria, Cozinheiro de restaurante, Eletricista, Estoquista, Fiscal de prevenção de perdas, Garçom, Gerente de transportes, Operador de caixa, Pedreiro, Servente de obras, Vendedor de serviços, Vendedor interno e Vendedor pracista.

Os interessados devem procurar os postos de atendimento do Sine/IDT em Quixadá, localizado na Av. Plácido Castelo,1559, no pavimento superior da rodoviária e em Quixeramobim na Rua Dona Francisca Santiago, 30, no Centro da cidade.

Apesar de serem fornecidos os fones (88) 3445 1044 para o Sine/IDT de Quixadá e (88) 3441 4910 para a unidade de seleção de emprego em Quixeramobim, especialistas no setor recomendam aos interessados comparecerem nos postos, com todos os documentos.

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

12:00 · 06.12.2018 / atualizado às 13:41 · 06.12.2018 por
Os primeiros transtornos com a falta de energia ocorreram nos principais cruzamentos da cidade.

Quase quatro horas de apagão foram suficientes para causar muitos transtornos à população de Quixadá. A cidade amanheceu o dia sem energia elétrica. O blackout teve início por volta das 6h30 e se estendeu até quase 10h30. Bancos, lojas, repartições públicas, até o trânsito foi afetado. Com a demora no retorno da energia uma enorme fila se formou no Posto Bandeirantes, o único da cidade com gerador a diesel.

Uma fila de automóveis e motocicletas se formou no Posto Bandeirantes, o único com gerador a diesel.
Surpreendidos com o blackout os motociclistas correram para o posto com gerador próprio.

Grandes lojas, como a Americanas e Casa Freiras demoram a abrir suas enormes portas. Um motor faz o serviço, mas sem energia elétrica houve necessidade de força humana. A farmácia Pague Menos só começou a atender a clientela quando o fornecimento de energia se normalizou. Entretanto, outras lojas, como a Ramlive, atenderam o público, aproveitando a luz natural para iluminar seu salão.

A farmácia Pague Menos permaneceu fechada enquanto estava faltando energia elétrica.
Para atender os clientes o gerente da Ramlive pode contar com a luz natural para iluminar a galeria da loja.

Através de Nota a Enel Distribuição Ceará informou que o problema foi provocado por um cabo partido na rede de alta tensão, devido a uma descarga atmosférica, causando a falha no fornecimento de energia no Município. Moradores do distrito de Juatama, a 17 km do Centro de Quixadá, informaram terem visto um raio atingir os cabos de energia, próximos a subestação instalada naquela localidade.

Na tarde desta quarta-feira (5) o Diário do Nordeste constatou precipitação de 22,5 mm no Centro da cidade. Apesar do baixo volume foi o suficiente para alagar uma área no entorno do terminal rodoviário.

No intervalo das 7h da quarta param;  as 7h desta quinta-feira (6) a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou 28 milímetros em Quixadá. Na região também choveu em Quixeramobim, 6 mm; Banabuiú, 2,3 mm; Boa Viagem, 2 mm; Pedra Branca, 16 mm; Senador Pompeu, 14 mm e Solonópole, 6 mm.

> Chuva de 178 milímetros em Farias Brito é a maior fora da quadra chuvosa de 2018

Desde o início da manhã o clima está agradável no Sertão Central. A temperatura aponta a média de 26°C. O céu estava parcialmente encoberto. Em muitas localidades havia neblina.

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

06:00 · 27.09.2018 / atualizado às 05:50 · 27.09.2018 por
A Fio Maciço chega à sua sétima edição em Baturité promovendo e expondo as potencialidades econômicas da região. Fotos > Sebrae

O Serviço Brasileiro de Apoio as Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) realizará a partir desta quinta-feira (27), em parceria com empresários e instituições públicas, mais uma edição, a sétima, da Feira Integrada de Oportunidades do Maciço de Baturité, a Fio Maciço. A programação começa às 8h, com um Simpósio de Educação Empreendedora na Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede 8). À noite, a partir das 17h, o espaço de comercialização montado na Praça dos Legisladores, no Centro da cidade, será aberto ao público, e também na sexta e no sábado.

Ainda nesta quinta-feira, às 20h, haverá o lançamento oficial do guia especial Caminhos do Maciço, no auditório montado na Feira, e logo depois, às 20h30, a abertura da Fio Maciço, seguida da inauguração do Salão do Artesanato.

Será a oportunidade para comerciantes, artesãos, artistas e até a agricultura familiar exporem os seus produtos e serviços. De acordo com a articuladora regional do Sebrae no Maciço de Baturité, Fabiana Gizelle, este ano o foco da Fio Maciço será a geração de negócios entre as 13 cidades serranas. Além da exposição dos seus produtos será momento de divulgarem práticas inovadoras no cultivo de alimentos sustentáveis como o café de sombra e verduras. As ações se completam com a qualificação de profissionais a gestão de negócios no campo.

A Fio Maciço é um instrumento para tornar visíveis e sustentáveis as indústrias rurais, o agroartesanato, os produtos e serviços derivados agricultura familiar e a cultura rural que envolve saberes e fazeres que manifestam o produtor rural da região do Maciço de Baturité. Além disso, a Feira funciona como um canal de integração dos caminhos que revelam uma fauna e flora únicas, com expressão artística, comércio e produtos que a tornam ainda mais significante para a região.

A programação desta sétima edição está ainda mais diversificada. Na sexta-feira, a partir das 9h, haverá Missão Técnica à Rota Verde do Café passando pelos sítios Águas Finas, São Roque, Fazenda Floresta e São Luís. No dia seguinte, no mesmo horário, será a vez dos profissionais da comunicação participarem de um Fam Press ao Caminhos do Maciço, passando por Mosteiro dos Jesuítas, Pirâmide e Hotel Akhetaton – O Alemão, Santa Demolição, Sítio São Roque e Sítio Nova Holanda.

Serão realizadas várias palestras. Uma delas será e de  Estratégias para o Turismo – Consolidação de Rotas Turísticas, com ênfase na governança, respeito às vocações e cultura do território. Outro tema abordado no auditório da Fio Maciço será  sobre Clínicas Tecnológicas em produção de orgânicos dos Municípios de Aratuba e Mulungu. Também está programada a palestra Turismo como Indutor do Desenvolvimento Sustentável.

A Fio Maciço conta com o apoio das prefeituras de Mulungu, Pacoti, Aratuba e Guaramiranga e do Hotel Colonial, em Baturité. O patrocínio é da Casas São Francisco, Prefeitura de Baturité, Banco do Nordeste e Governo Federal.

7ª Fio Maciço
De 27 a 29 de setembro
Praça dos Legisladores – Baturité
Das 17h às 22h

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

07:00 · 12.09.2018 / atualizado às 06:50 · 12.09.2018 por
Mais de 60 stands estão sendo montados pelo Sebrae para a 29ª Fenerce em Quixadá.

Os trabalhos de montagem dos estandes da Feira de Negócios da Região Centro do Estado (Fenerce) aceleraram. O espaço será aberto ao público no início da noite desta quinta-feira (13) até a próximo sábado (15). A tradicional Feira voltará a ser realizada pelo Escritório Regional do Serviço Brasileiro de Apoio às Pequenas e Micro Empresas (Sebrae) na Praça José de Barros, no Centro de Quixadá após um ano ausente.

Segundo a articuladora do Sebrae, Wilma de Almeida, dentre as novidades deste ano está o espaço Sertão Terroir, uma palavra francesa que designa uma extensão de terra cultivada ou o conjunto das terras exploradas por uma comunidade rural. A outra é o Sebrae Experience, um evento intensivo realizado com o objetivo despertar o espírito empreendedor dos estudantes universitários, elevar a criatividade e a inovação e estimular o desenvolvimento de ideias de negócios.

Além de gratuita, este ano a Fenerce terá duas entradas, para facilitar o fluxo dos visitantes. Estão sendo disponibilizados 63 stands. Mais de 30 deles foram reservados na noite do lançamento. Há ainda seis stands institucionais, outros oito na praça de alimentação, três lounges e duas salas de aula, onde serão realizados cursos e palestras de empreendedorismo. Também está programado o Encontro Estadual do Workshop Empretec, comemorativo aos 25 anos.

Acrescenta a articuladora do Sebrae que o objetivo da Fenerce é realizar negócios, promover e divulgar as empresas e produtos de abrangência multisetorial da região e do Estado; desenvolver uma consciência de mercado competitivo e globalizado, coerente com a situação econômica atual e promover o desenvolvimento local a partir do fomento do turismo de negócios. O momento também é ideal para a exposição de novos negócios, marcas e produtos.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojista (CDL) de Quixadá, Gilberto Falcão, elogiou o retorno da Fenerce. Na avaliação dele, apesar do momento econômico de turbulência no País, afetando até o Sebrae, iniciativas dessa natureza estimulam o setor de negócios e abrem novas perspectivas para o mercado. Apesar das elevadas cargas tributárias, os lojistas e comerciantes sempre estão dispostos a enfrentar e superar desafios.

28ª Fenerce
De 13 a 15 de setembro
Praça José de Barros – Quixadá
Entrada gratuita

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

07:30 · 21.08.2018 / atualizado às 07:30 · 21.08.2018 por

O presidente da Fecomércio Ceará, Maurício Filizola, inaugurou oficialmente, nesta segunda-feira (20), em Quixadá, o Centro de Educação Profissional Armando Monteiro Nogueira, 17ª unidade de formação profissionalizante do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Ceará (Senac/CE). Acompanhado do diretor regional Sesc Senac, Rodrigo Leite, de diretores e conselheiros Sistema Fecomércio/CE (Sesc – Senac – IPDC), e ainda do empresário Armando Nogueira e do prefeito em exercício, João Paulo Furtado, Filizola destacou a importância do Centro de Aprendizagem para a região, na qualificação de profissionais do comércio.

Homenageado com a identificação do Centro, o empresário Armando Nogueira, destacou ter revivido ali momentos áureos da terra que lhe acolheu, destacando o empreendedorismo, como o desenvolvido pelo Sistema Fecomércio como crucial para o desenvolvimento, principalmente nas cidades do Interior. Em seguida recebeu das mãos do presidente da Fecomércio uma bonsai, árvore em miniatura, cultivada em um vaso ou em pequenos recipientes, considerada expressão artística da natureza, cujo grau de beleza depende do cuidado dispensado por seu cultivador.

A solenidade também foi prestigiada pelo presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Quixadá, Gilberto Falcão e o ex-presidente da CDL, Carlos Henrique, representantes do Serviço Brasileiro de Apoio à Pequenas e Microempresas (Sebrae) no Sertão Central, a articuladora do Escritório Regional, Wilma de Almeida, e Gabriela de Aquino, consultora do Sebrae em Quixadá.

Em seguida foi servido um coquetel para os convidados e apresentadas as instalações da nova unidade, com quatro modernos laboratórios de educação profissional, onde acontecem as aulas práticas dos cursos de Informática, Beleza, Moda e Gastronomia. A Unidade possui ainda duas salas de aula convencionais e uma biblioteca com acervo especializado, voltado para atender ao portfólio de cursos ofertados pela instituição. O edifício é acessível para pessoas com deficiência, contando com banheiro adaptado, além de sinalização em Braille.

A Banda de Música de Quixadá e o pianista Paulo Rodrigo foram atrações à parte para o público antes a após o descerramento da placa de inauguração, fixada na entrada do antigo prédio do Centro Social Urbano (CSU) da cidade, localizado no bairro Alto São Francisco. Restaurado, deve atender uma demanda de qualificação profissional de mais de 2 mil pessoas, além de Quixadá, os demais municípios do Sertão Central e parte do Vale do Jaguaribe. Inicialmente são ofertados cursos de qualificação e aperfeiçoamento nas áreas de Beleza, Moda, Informática, Gastronomia, Comércio e Gestão, Saúde e Infraestrutura.

Atualmente, o Senac Ceará está presente em 16 unidades distribuídas em Fortaleza, Aquiraz, Cedro, Crato, Iguatu, Juazeiro do Norte, Maranguape, Sobral, Itapipoca, Limoeiro do Norte e Quixadá. Conta também com quatro unidades móveis – nas áreas de Turismo, Lazer e Hospitalidade; Informática; Beleza; e Saúde. A instituição integra ainda a Rede Senac de Educação à Distância, levando assim seus cursos a todo o Estado.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

07:00 · 20.08.2018 / atualizado às 06:40 · 20.08.2018 por

Unidade de Quixadá é a 16ª inaugurada pelo Senac-Ce no Ceará.

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Ceará (Senac/CE) inaugura nesta segunda-feira (20), em Quixadá, o Centro de Educação Profissional Armando Monteiro Nogueira. A solenidade, com a presença do presidente da Fecomércio, Maurício Filizola; do Diretor Regional Sesc Senac, Rodrigo Leite; diretores e conselheiros do Sistema Fecomércio/CE (Sesc – Senac – IPDC), além de autoridades locais. está programada para às 9h. A Unidade abre ao público a partir das 14h.

De acordo com o Senac, a nova Unidade deve atender uma demanda de qualificação profissional de mais de 2 mil pessoas, além de Quixadá, os demais municípios do Sertão Central e parte do Vale do Jaguaribe. Inicialmente são ofertados cursos de qualificação e aperfeiçoamento nas áreas de Beleza, Moda, Informática, Gastronomia, Comércio e Gestão, Saúde e Infraestrutura.

A sede conta com quatro modernos laboratórios de educação profissional, onde acontecem as aulas práticas dos cursos de Informática, Beleza, Moda e Gastronomia. A Unidade possui ainda duas salas de aula convencionais e uma biblioteca com acervo especializado, voltado para atender ao portfólio de cursos ofertados pela instituição. O edifício é acessível para pessoas com deficiência, contando com banheiro adaptado, além de sinalização em Braille.

Dentre os cursos programados para a nova unidade estão o Técnico em enfermagem e o Técnico com tradução e Interpretação da Língua Brasileira de Sinais (Libras). Sidarta Cabral, gerente de Tecnologia e Desenvolvimento Educacional do Senac Ceará, destaca que os dois cursos foram pensados levando em consideração às demandas do Sertão Central, tanto pela presença de unidades de saúde, como o Hospital Regional do Sertão Central, quanto pela necessidade de bem atender a comunidade surda da região.

O gerente do Senac Quixadá, Francisco Ferreira de Souza Neto, responsável pela prospecção e implantação da nova unidade, aponta que existe uma demanda de formação profissional reprimida na região. “Há um grande público a ser atendido por esta Unidade.  Vislumbramos um potencial para as áreas de Turismo, Hospitalidade, Gastronomia, Idiomas e Saúde. A localização geográfica de Quixadá facilita muito o acesso para outros municípios da região do Sertão Central”, observa.

Homenagem a empreendedor

O Centro de Educação Profissional leva o nome do empresário Armando Monteiro Nogueira,natural de Maranguape. Reconhecido pelo seu espírito empreendedor, Armando foi comerciante, agropecuarista e teve importante atuação na construção civil.  O primeiro cinema da cidade foi uma obra de sua iniciativa, bem como a primeira vila padronizada de Quixadá, destaca o Senac.

Municípios atendidos pela Unidade Quixadá em 2018

Banabuiú, Boa Viagem, Canindé, Capistrano, Choró, Ibaretama, Ibicuitinga, Itaiçaba, Itapiúna, Itatira, Jaguaruana, Limoeiro do Norte, Madalena, Morada Nova, Ocara, Palhano, Quixadá, Quixeramobim, Quixeré, Russas, São João do Jaguaribe e Tabuleiro do Norte.

Atualmente, o Senac Ceará está presente em 16 unidades distribuídas em Fortaleza, Aquiraz, Cedro, Crato, Iguatu, Juazeiro do Norte, Maranguape, Sobral, Itapipoca, Limoeiro do Norte e Quixadá. Conta também com quatro unidades móveis – nas áreas de Turismo, Lazer e Hospitalidade; Informática; Beleza; e Saúde. A instituição integra ainda a Rede Senac de Educação a Distância, levando assim seus cursos a todo o Estado.

Inauguração Senac Quixadá
20 de agosto – 12h
Rua Presidente Kennedy, 188 – Alto São Francisco

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

09:30 · 12.08.2018 / atualizado às 09:25 · 12.08.2018 por

Agricultura familiar vai ganhar espaço na tradicional Feira de Animais de Quixadá.

A agricultura familiar, apontada como responsável por mais de 60% dos alimentos que vão à mesa do brasileiro, poderá incrementar os negócios da sua cadeia produtiva em Quixadá. A Secretaria de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural deste Município pretende realizar às sextas-feiras uma feira desse segmento, incluindo a agricultura, pecuária, a gastronomia e o artesanato.O espaço escolhido foi o Parque Agropecuário da Feira dos Animais, localizado no bairro Putiú. A divulgação foi feita pelo secretário Kleber Carneiro.

Após um longo período de estiagem, além da crise econômica dos últimos anos e a adaptação às normas sanitárias cobradas pela Agência de Defesa da Agropecuária do Ceará (Adagri), para comercialização de ruminantes, de aves e até de derivados da pecuária, a Feira dos Animais está voltando a receber maior volume de criadores e de compradores, incluindo de queijos. O reaquecimento econômico foi abordado na reportagem do Diário do Nordeste neste fim de semana: Após longa estiagem, feira de animais ressurge.

Kleber Carneiro pretende aproveitar o momento positivo para revitalizar o parque, ao mesmo tempo torna-lo uma atração para turistas que chegam à cidade para se divertirem nos fins de semana, como costuma ocorrer em cidades turísticas. Nas sextas-feiras poderão visitar e fazer compras diretamente ao agricultor. Aos poucos a Feira dos Animais se tornará novamente a maior do Estado, abrindo mais espaço para os pequenos produtores. Esse processo não é mais rápido porque as melhorias estão sendo feitas com a arrecadação da própria feira.

Além da Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, Quixadá conta com a Cooperativa do Sertão Central da Agricultura Familiar (Copescaf). Segundo sua presidente, Rejane Duarte Arraes, a Copescaf  conta atualmente com 187 associados, de municípios do Centro do Estado e ainda Pindoretama e Horizonte. Eles buscam exatamente o fortalecimento da comercialização dos seus produtos, como ocorreu na 40ª Expocece, realizada pela Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos do Ceará (Acocece). Entretanto, a Exposição é realizada apenas uma vez por ano, em Quixadá.

Kleber Carneiro
Secretário de Agricultura de Quixadá

Apesar de tantas adversidades e obstáculos, manter uma feira há quase 70 anos é uma demonstração de que a nossa economia rural é forte”.

Feira de Animais de Quixadá
Av. Presidente Vargas S/Nº – Putiú
4ª feiras – a partir das 6 horas

 Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

06:30 · 03.08.2018 / atualizado às 06:40 · 03.08.2018 por

A articuladora do Sebrae no Escritório da Região Centro fz o lançamento da Fenerce 2018

Após um ano ausente a Feira de Negócios da Região Centro do Estado (Fenerce) voltará a ser realizada em Quixadá. O anúncio foi feito pela articuladora do Escritório Regional do Serviço Brasileiro de Apoio às Pequenas e Micro Empresas (Sebrae), Wilma de Almeida, no Thelma’s Buffet, com lançamento e apresentação da programação a empresários e comerciantes da cidade. A Feira de Negócios será realizada de 13 a 15 de setembro da Praça José de Barros, no Centro da cidade.

Dentre as novidades deste ano está o espaço Sertão Terroir, uma palavra francesa que designa uma extensão de terra cultivada ou o conjunto das terras exploradas por uma comunidade rural. A outra é o Sebrae Experience, um evento intensivo realizado com o objetivo despertar o espírito empreendedor dos estudantes universitários, elevar a criatividade e a inovação e estimular o desenvolvimento de ideias de negócios.

Além de gratuita, este ano a Fenerce terá duas entradas, para facilitar o fluxo dos visitantes. Estão sendo disponibilizados 63 stands. Mais de 30 deles foram reservados na noite do lançamento. Há ainda seis stands institucionais, outros oito na praça de alimentação, três lounges e duas salas de aula, onde serão realizados cursos e palestras de empreendedorismo. Também está programado o Encontro Estadual do Workshop Empretec, comemorativo aos 25 anos.

Empresários e comerciantes interessados em expor os seus negócios terão como opções stands de 3m X 2m, também podendo ampliar para espaços maiores. Os preços iniciais são de R$ 300,00 para artesãos e micro empreendedores individuais, R$ 500,00 para microempresários, R$ 800,00 para pequenos empresários e R$ 1 mil para médios e grandes. O investimento pode ser parcelado.

Acrescenta a articuladora do Sebrae que o objetivo da Fenerce é realizar negócios, promover e divulgar as empresas e produtos de abrangência multisetorial da região e do Estado; desenvolver uma consciência de mercado competitivo e globalizado, coerente com a situação econômica atual e promover o desenvolvimento local a partir do fomento do turismo de negócios. O momento também é ideal para a exposição de novos negócios, marcas e produtos.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojista (CDL) de Quixadá, Gilberto Falcão, elogiou o retorno da Fenerce. Na avaliação dele, apesar do momento econômico de turbulência no País, afetando até o Sebrae, iniciativas dessa natureza estimulam o setor de negócios e abrem novas perspectivas para o mercado. Apesar das elevadas cargas tributárias, os lojistas e comerciantes sempre estão dispostos a enfrentar e superar desafios.

Instituições como o Centro Interdisciplinar e Saberes do Nordeste (Cisne), já reservaram stand na Fenerce 2018

Sebrae Regional Sertão Central – Quixadá
Fones (88) 3412 2392 / (88) 9 9619 0253
Email gabriela,aquino@ce.sebrae.com.br

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

08:00 · 25.07.2018 / atualizado às 08:00 · 25.07.2018 por

A equipe do Instituto do Meio Ambiente de Morada Nova (IMAMN) vai fiscalizar periodicamente os bares, restaurantes, casas noturnas e até lanchonetes neste Município para coibir os excessos na utilização de aparelhos sonoros mecânicos e música ao vivo nesses estabelecimentos. A decisão foi tomada durante a realização de audiência pública promovida pela 2ª Promotoria de Justiça na cidade. Além do órgão municipal, a Autarquia Municipal de Trânsito (AMT) o comando da Polícia Militar e o delegado da Polícia Civil participaram do encontro com os comerciantes.

A Audiência foi realizada em razão das apurações feitas pelo promotor de Justiça Gustavo Pereira Jansen de Melo. Ele recebeu muitas reclamações de poluição sonora e apurou que diversos estabelecimentos exageram no volume e não têm qualquer tipo de tratamento ou isolamento acústico, gerando ruído em intensidade bem superior à permitida pela legislação ambiental. Um decibelímetro, aparelho medidor de nível de pressão sonora foi adquirido pelo IMAMN. Os servidores receberam capacitação técnica para utilizarem o equipamento.

O representante do Ministério Público do Ceará destacou que não será admitido que os estabelecimentos comerciais continuem a gerar poluição sonora e a perturbar o sossego alheio, comportamento que vem causando prejuízos imensuráveis à saúde e ao bem-estar da população, sobretudo nos períodos de repouso noturno. Ponderou ainda que, caso os proprietários dos estabelecimentos tenham interesse em continuar promovendo eventos musicais ou utilizando aparelhos de som em alta intensidade, deverão adequar e isolar acusticamente seus ambientes, conforme disposto nas normas técnicas.

Os comerciantes foram alertados que infringindo a lei serão autuados nas fiscalizações e responderão por crimes, penal, civil e administrativo pelas suas condutas ilícitas, conforme a Política Nacional do Meio Ambiente Lei de Crimes Ambientais, resoluções do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) e legislação municipal sobre o tema.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

09:30 · 28.06.2018 / atualizado às 09:40 · 28.06.2018 por

A Jornada Integração está capacitando lojistas em todo o Interior do Ceará. Fotos > FCDL

A caravana da Federação das CDLs do Ceará (FCDL) está encerando nessa quinta-feira (28) a programação da Jornada Integração na regional Sertão Central. Segundo a FCDL, durante o mês de junho, o projeto se dividiu entre os oito municípios desta região: Canindé, Quixadá, Quixeramobim, Boa Viagem, Senador Pompeu, Solonópole, Paramoti e Itatira. Após intensa programação de cursos de capacitação profissional e ações ambientais, terá sua culminância no início desta noite na Escola Estadual de Educação Profissional José Vidal Alves, em Canindé.

Durante todo o mês foram cursos Team Work e Sequencial, para formação e capacitação de empresários, colaboradores, lojistas e gestores da região. As atividade foram dividias em três módulos de oito horas. O curso Team Work teve como foco trabalhar a liderança, originalidade e inovação de serviços. Ministrado pela professora Flávia Chagas, o curso Sequencial levou temas como “Vendedor Exponencial” e “Planejamento Pessoal” aos colaboradores que participaram das atividades de 18 à 26 de junho.

Os participantes colaboraram na inscrição com um quilo de alimento não perecível. Os alimentos arrecadados serão doados à instituições filantrópicas. A entrega será feita pelas CDLs responsáveis nesta noite do encerramento, quando também serão anunciados os vencedores da campanhaSalve o Planeta Terra”, animando alunos, professores e pais na missão de coletar o maior número de material reciclável. O aluno vencedor irá ganhar um smartphone, e a escola vencedora será premiada com um computador completo para o laboratório de informática.

Ainda de acordo com os organizadores, serão sorteados produtos M. Dias Branco e smartphones para funcionários das CDLs da regional. A FCDL Ceará irá sortear ainda uma motocicleta Cargo entre as empresas associadas que inscreveram seus colaboradores nos cursos Sequencial.

A Jornada Integração tem o patrocínio da Enel, Grupo M. Dias Branco, Três Corações e Banco do Nordeste, e o apoio do Sistema Verdes Mares. Até o fim do ano, o projeto passará pelas regiões: Norte, Cariri, Inhamuns, Jaguaribana e Metropolitana.

Jornada Integração – Sertão Central
Encerramento – 28 de junho – 18h30
Escola Estadual de Educação Profissional José Vidal Alves
Av. Luciano Magalhães S/Nº – Canindé

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Diário Sertão Central

Blog da editoria Regional, do Diário do Nordeste, sobre os municípios da região Sertão Central, do Ceará.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags