Categoria: Curiosidade


07:00 · 10.05.2019 / atualizado às 07:10 · 10.05.2019 por
Dimas e Kátia são os hospedes mais procurados no Zoológico São Francisco, em Canindé. A equipe do parque garante que além de bem tratados estão adaptados ao clima local.

Dimas e Kátia, os dois ursos-pardos-siberianos acolhidos no Zoológico São Francisco, em Canindé, ganharam mais espaço e uma melhor ambientação, incluindo climatizadores. As mudanças no único parque de animais silvestres existente no Interior do Ceará atenderam determinação da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace). As adaptações foram exigidas após tentativa da ativista Luiza Mell em retirar os animais, são espécies de climas frios e o nordeste brasileiro é uma das regiões mais quentes do País.

Apesar de os ursos terem sido recebidos no zoológico há mais de seis anos, Dimas em 2008 e Kátia em 2011, a pedido do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama), após serem abandonados por circos, frei Marconi Lins, reitor do Santuário de São Francisco, mantenedor do parque onde vivem mais de 400 espécies, informou não haver interesse da sua entidade em “prender” os animais, a maioria trazidos por romeiros, mas assim como os devotos, precisam de cuidados e uma equipe especial, incluindo veterinário e biólogo cuida deles.

A reação à intenção de retirara dos dois ursos partiu da própria comunidade. Sensibilizado o Santuário se mobilizou e cumpriu todas as exigências da Semace. Nelas estavam incluídas a instalação de corredor e câmeras de segurança na entrada de cambiamento dos ursos; o recinto onde eles ficam abrigados também foi ampliado. A exigência era de 200m². Agora tem aproximadamente 400m²; a piscina tem água fresca constantemente a até uma placa com os nomes científicos deles foi instalada.

Através de Nota ao Sistema Verdes Mares a Semace informou que todos os itens solicitados na notificação para adequação à notificação lavrada foram atendidos.

Não foi fácil, a administração do zoológico precisou pedir prorrogação de prazo para as adequações. Para manter toda a estrutura são necessários em média R$ 50 mil mensais. Os visitantes colaboravam com R$ 2,00. Foi preciso acrescer o valor da entrada para R$ 3,00. Mesmo assim ainda há necessidade de auxílio financeiro externo. A média diária de visitantes é 300, se aproximam apenas da metade necessária para os custos. Os dois ursos são os mais procurados.

A gente imaginava chegar aqui e encontrar apenas um monte de jaulas. Esse lugar é lindo e bem cuidado. A minha surpresa foi encontrar os dois ursinhos aqui. Já tinha ouvido falar da fama deles, mas nem parecem aqueles bichos maltratados nos circos”, comentou a autônoma Maria Anunciada Feitosa. Acompanhada da sogra e dos filhos ela viajou a Canindé acompanhando uma excursão da sua cidade, Croatá, na Serra da Ibiapaba, em visita à terra de São Francisco das Chagas. Além da Basílica e da Casa dos Milagres, o zoológico estava no roteiro. Exigência deles.

Dimas chegou ao zoológico em 2008, maltratado e cego de um olho. Foi abandonado por um circo.
Kátia foi recebida três anos depois. Ela também foi abandonada. É irmã de Dimas.

Polêmica

Luiza Mell, com um instituto de proteção aos animais que recebe o seu nome, trava uma batalha com a população de Canindé. Ela pretende retirar Dimas e Kátia do seu lar atual. Nas redes sociais a ativista deu inicio a uma campanha justificando ter acolhido outro urso da mesma raça, uma fêmea, resgatada por ela em setembro do ano passado no Piauí, Rowena, como passou a chamar.

Segundo a ativista os três animais são irmãos e estão sofrendo no Nordeste, onde o clima é quente a maior parte do ano. Então iniciou uma campanha para uni-los no Rancho dos Gnomos, uma associação de bem-estar de animais localizada em Cotia, interior de São Paulo, onde a temperatura é mais amena, atualmente com 19°C. Neste mesmo dia e horário, sexta-feira (10), em Canindé, os termômetros apontavam 25°C.

Zoológico de São Francisco

Os visitantes elogiam o Zoológico São Francisco, pelo asseio, organização e beleza do lugar.
Além de muito arborizado, dando mais conforto aos animais, abriga mais de 400 espécies.
Os dois ursos recebem atenção especial, com direito ao maior espaço do zoológico.

O zoológico foi inaugurado em 13 de março de 1991. Fica localizado ao lado do Parque dos Romeiros e também do Museu de São Francisco, a pouco mais de 1km da Basílica. Dentre aproximadamente 400 animais abrigados estão répteis, mamíferos e aves. Diariamente os bichos recebem acompanhamento de cinco tratadores. Eles seguem uma planilha de alimentação e dieta variada, de acordo com a espécie. Uma sala de nutrição e uma clínica completam a estrutura.

Doações

Para fazer doações os interessados, inclusive empresários e políticos, podem manter contato pelo telefone (88) 3343 1811, da administração do Zoológico, ressalta frei Marconi Lins.

YouTube Preview Image

Diário Sertão Central. Participe pelo whats app (85) 9 8755 0154

06:30 · 03.01.2019 / atualizado às 06:30 · 03.01.2019 por
O maior Encontro de Profetas da Chuva é realizado em Quixadá desde 1998.

Hospitalidade e um número recorde de participantes, essa é a expectativa dos idealizadores e organizadores do Encontro de Profetas da Chuva de Quixadá, o comerciante João Soares e o engenheiro químico Helder Cortez. Para este ano, o 23º, a confraternização especial deverá receber aproximadamente 40 “profetas”, como são conhecidos homens e mulheres a apontarem dos sinais da natureza suas previsões sobre a quadra invernal a chegar no sertão nordestino.

Sempre realizado no segundo sábado do ano novo, no Dia do Profeta da Chuva, data oficializada neste Município, além de tradicional, se estendendo por mais de duas décadas, o Encontro também é o maior do País nesse gênero. Em razão da participação de um grande número de “profetas”, costuma atrair autoridades na área da agricultura e pecuária e a mídia nacional. “Com um maior número de cientistas populares, maior a probabilidade de acertos”, explica João Soares.

Este ano, o campus do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) na cidade, na estrada de acesso ao Açude Cedro, recebe mais uma vez o evento, o terceiro consecutivo. O local é ideal porque está próximo do maior complexo histórico da região, ao lado da exótica formação monolítica da Pedra da Galinha Choca e do parque natural, onde podem ser encontrados formigueiros, cupinzeiros, ninhos de pássaros e a flora da caatinga, de onde são extraídos a maioria dos sinais para as previsões meteorológicas.

Nos últimos anos o modelo criado pelos amigos João Soares e Helder Cortez em Quixadá se espalhou pelo Ceará. No início do mês, foi realizado em Tauá o 3º Encontro de Profetas da Chuva dos Inhamuns, com seis participantes. O próximo deverá ocorrer em Ipu, na Serra da Ibiapaba. “Incentivamos a realização dessas reuniões como forma de assegurar a prática e a preservação dessa tradição. Muitos estão ficando velhos e a cada ano sempre perdemos um desses amigos, como Ribamar Lima, de Quixadá, falecido há pouco mais de mês”, acrescenta Soares.

O profeta Josué Viana está chegando aos 80 anos de idade. São mais de 60 dedicados às experiências de observar o movimento da natureza e principalmente dos astros. Neles encontra a segurança para expor a sua previsão. Com um percentual de acertos elevado ele tem conquistado o respeito e a atenção de muitos. Apesar de restarem ainda algumas análises antes do Encontro do qual participa nas últimas duas décadas , já é possível prever um bom inverno no Ceará.

Na natureza eles encontram o sinais para previsão da quadra invernosa no sertão cearense.

João Soares, que também desenvolve suas profecias, não é tão otimista. Ele comunga com o diagnóstico dos profetas dos Inhamuns, prevê o período da quadra chuvosa inferior a um bom inverno. Entretanto, quanto mais análises mais apurada fica a definição paralela à apresentada pelo órgão oficial do Estado, a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Fuceme). Como o Encontro de Quixadá reúne um maior número de profetas e de várias regiões, a probabilidade de acerto é maior, reitera.

Bom, o resultado será apresentado no dia 12 de janeiro próximo. Além de mais de uma dezena de profetas e profetisas de Quixadá estão confirmadas a participação de representantes de Aracati, Camocim, Ipu, Limoeiro do Norte, Orós, Russas, Tauá e Sobral. Serão recepcionados com um café da manhã especial. Haverá homenagens a personalidades e após o Encontro será servido um almoço ao público.

O Encontro em Quixadá costuma contar com mais de 30 profetas e profetisas.

A novidade este ano será a campanha de arrecadação de alimentos não perecíveis. Como o público espectador costuma ser superior a 500 pessoas o objetivo é angariar meia tonelada de produtos para distribuição com famílias carentes sertanejas. São as mais afetadas quando boas chuvas não chegam às  suas lavouras, acrescentam Soares e Cortez.

Fique por Dentro

30 é a média de profetas participantes do Encontro em Quixadá
No último Encontro 23 apresentaram suas previsões
Lurdinha Leite e Meyrismar Nobre são as profetisas do Encontro
Em 2018 a maioria dos profetas apontaram chuvas melhores em relação ao ano anterior, interrompendo um longo período de estiagem

23º Encontro de Profetas da Chuva
Dia 12 de janeiro – A partir das 8h
Campus do IFCE – Quixadá
Estrada do Açude Cedro

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

13:30 · 13.12.2018 / atualizado às 13:30 · 13.12.2018 por

O gesto inusitado de uma estudante de apenas nove anos de idade está repercutindo na cidade de Pedra Branca, no Centro do Estado. Ela distribuiu dinheiro com os colegas e ainda pagou merenda para todos na escola.

Entretanto, amigos da família informaram que o dinheiro pertencia ao pai da garota. Ela apanhou R$ 1.200,00 na carteira dele. Esse valor seria utilizado para pagar despesas domésticas. Sem saber, a menina resolveu dividir com os amigos.

O caso só foi notado quando a filha mais velha do trabalhador notou que não havia mais dinheiro na carteira. A criança, filha mais nova, confirmou ter levado o valor que encontrou para a escola. Resolveu agradar os amigos.

Os pais dos alunos da sala onde a menina estuda se prontificaram em recuperar o dinheiro. No dia seguinte foram devolvidos R$ 800,00. Outros R$ 200,00 foram gastos com compras no mercantil do bairro onde a escola pública fica situada.

A história da estudante se espalhou pelas sociais e apesar de ter causado transtornos ao próprio pai, muitos consideraram o ato como de nobreza, em partilhar com outras crianças, humildes, alguns momentos de felicidade.

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

09:00 · 04.08.2018 / atualizado às 09:50 · 05.08.2018 por

De qualquer lugar da cidade é possível ver as ruínas da estátua do santo sem cabeça no topo do Serrote Cágado.

Serão, 40,32 metros, 10 a mais que o padroeiro da cidade vizinha, Canindé. Quando estiver concluída, a estátua de Santo Antônio de Caridade, à margem da BR-020, se tornará o maior monumento religioso católico de concreto do Brasil. Após anos tendo como sua principal atração a obra do “santo sem cabeça“, a nova estrutura será concluída, assegurou a prefeita deste Município, Amanda Lopes, ressaltando que o projeto será dividido em três etapas.

A divulgação do início das obras ocorreria somente após as eleições de outubro, todavia, a reportagem do Diário do Nordeste descobriu o projeto, seguiu até a cidade e foi recepcionada pela equipe da administração municipal. Juntos, seguiram ao cume do Serrote Cágado. Para eles, o Santuário de Santo Antônio será o maior marco deste Município que na próxima segunda-feira (6) comemora 59 anos de emancipação política.

Boa parte dos 22 mil habitantes deste lugar ainda nem está sabendo da novidade como também do destino a ser dado à cabeça do santo, escorada em uma rua do Conjunto Cohab, a 3 km do corpo. Os indagados sobre o novo projeto ainda desconfiam, mas garantem que sendo concluída a estátua será tão grande quanto a fé de quem acredita no santo. Será motivo de orgulho e de prosperidade para a cidade.

Veja a reportagem completa no Diário do Nordeste sobre a estátua de Santo Antônio que será a maior do País.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

12:00 · 09.07.2018 / atualizado às 11:45 · 09.07.2018 por

Moradores da localidade de Jardim, na zona rural de Quixeramobim, ficaram surpresos com um fato estranho registrado neste fim de semana no cemitério daquela comunidade. Na noite do último sábado (7) uma urna funerária de criança foi encontrada dentro de um túmulo semiaberto. No caixão havia uma perna humana, enrolada em ataduras, dentro de um saco plástico. O fato curioso se espalhou pela região deixando todos assustados.

Logo surgiram especulações a respeito do mistério. Uma delas foi de que era a perna de uma mulher. Muito religioso, o marido, um agricultor, decidiu enterrar a perna no parque santo. Como ele não sabe ler nem escrever acabou sepultando na cova errada. O proprietário do túmulo teria retirado o pequeno caixão e ao abri-lo se deparou com a perna. Acabou deixando a urna ao relento, com a parte do corpo.

Todavia, o presidente da Associação Comunitária de Jardim, Damião Monteiro, informou através da Rádio Campo Maior que uma família foi enterrar uma pessoa e quando se aproximaram da lápide ficaram assustados. O túmulo estava aberto e nele estava o caixão de criança. Ele confirmou que a perna é de uma mulher. Em razão de uma doença precisou amputar o membro inferior. Um rapaz foi enterrar, no lugar errado. Através da emissora os familiares dela, moradora de uma localidade vizinha, tomaram conhecimento do engano. A perna foi enterrada na sepultura correta.

Como a comunidade é muito pequena, nela residem pouco mais de 50 famílias as identificações dos envolvidos nesse bizarro caso não foram reveladas, para não causar constrangimentos. “É comum as pessoas daqui passarem o fim de semana no cemitério, cuidando dos túmulos dos seus entes queridos, mas sepultar apenas uma perna, é a primeira vez que acontece por aqui“, ressaltou um morador que esclareceu ao Diário do Nordeste o curioso fato, rapidamente espalhado pelas redes sociais.

A comunidade de Jardim fica situada no distrito de Manituba, a cerca de 50 quilômetros do Centro de Quixeramobim, já próximo aos limites com o município de Pedra Branca, no Sertão Central.

Histórias macabras

Neste fim de semana o Diário do Nordeste publicou reportagem sobre uma pesquisa realizada por alunos de uma escola pública na Serra do Estevão, na zona rural de Quixadá. Os estudantes acabaram revivendo várias histórias de assombração, relatadas pelos moradores mais velhos. Fantasmas, um homem que vira bicho e um sítio mal assombrado são algumas delas.

> Serra do Estevão, “um lugar lindo de morrer” e também de assombrações

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

08:00 · 26.06.2018 / atualizado às 08:15 · 26.06.2018 por

Moradores de Quixeramobim aguardaram com expectativa a barragem sangrar este ano.

A primeira barragem do Sertão Central a sangrar no início da quadra invernosa, o Açude Quixeramobim, frustrou a expectativa de muitos moradores desta cidade distante 235 quilômetros da capital cearense. O entusiasmo surgiu quando praticamente do dia para a noite, no fim de abril deste ano, a represa construída pelo Governo Federal, inaugurada em 1960, recebeu um bom volume hídrico. Estava completamente seca até o dia 12 daquele mês.

O acúmulo repentino de aproximadamente 97% da capacidade do açude agitou os moradores. Câmeras de videomonitoramento foram instaladas nos dois lados da ponte com 240 metros de extensão e 15 comportas. O objetivo era transmitir em tempo real o transbordo na parede após nove anos de espera. A lamina d’água atingiu até sete centímetros para começar a escorrer rio Quixeramobim abaixo. Todavia, as chuvas se reduziram e o espetáculo das águas não aconteceu.

Muitos moradores se divertiram no banho de açude. O sangradouro era utilizado como ponto de apoio.

O motivo da frustração dos moradores está na captação da água pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) do Município, para abastecimento da cidade. Apesar de ter passado a contar com a adutora do Açude Pedras Brancas, no município vizinho, Banabuiú, a barragem local é fundamental para a complementação do atendimento do sistema de bombeamento, havia explicado o presidente do SAAE, Miguel Fernandes. Sistematicamente são bombeados 500 mil m³. O Açude tem capacidade para  7,8 milhões de m³, segundo levantamentos da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh).

A cada dia de chuva muita gente corria para a barragem, mas a água parecia estar no mesmo nível, nunca atingia a cota máxima, explicou o técnico do Departamento Nacional de Obras Contra a Seca (Dnocs), João Eudes da Silva. Ele é o administrador do açude. O volume atual, 6,88 milhões de m³, será suficiente para atender o abastecimento até o fim do ano. Havendo inverno o próximo ano, deverá sangrar novamente, estima.

O Açude Quixeramobim sangrou pela última vez em abril de 2011 se tornando atração na região.

Vista atual da parede do Açude Quixeramobim no sentido praia sertão. Vista neste mês de junho da bacia do Açude Quixeramobim acima da ponte.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

10:00 · 16.06.2018 / atualizado às 09:55 · 16.06.2018 por

Além das atrações materiais ufólogos de Quixadá querem aprofundar os estudos sobre a vida além da Terra.

Os ufólogos de Quixadá, cidade conhecida por sua peculiar formação geográfica, repleta de monólitos, continuam colhendo registros das aparições de Objetos Voadores Não Identificados (OVNIs) e também de abduções, quando seres humanos são raptados temporariamente por alienígenas, para suas experiências. A continuidade desses supostos fenômenos extraterrestres levou esse grupo de estudiosos, coordenado pelo pesquisador Robisson Alencar, conhecido como Bob Peças, a iniciarem uma campanha pela construção de um centro de pesquisas.

> Quixadá vai ganhar centro de observação e estudos de UFOs

Na edição deste sábado (16) o Diário do Nordeste aborda detalhes sobre o Centro de Ufologia de Quixadá. O projeto está pronto e já começa a conquistar parceiros. Agora, a intenção do idealizador, é lançar oficialmente a proposta. O local e a data ainda não foram definidos. Por enquanto, certo apenas o local onde será erguido, nas proximidades da Faculdade Cisne, a cerca de um quilômetro da Pedra do Eurípedes, formação rochosa apontada por ufólogos da cidade como um portal interdimensional para os OVNIs.

O portal da Pedra do Eurípedes fica a pouco mais de um quilômetro do aeroporto de Quixadá.

Esta semana, mais uma vez, moradores relataram o surgimento de luzes estranhas no entorno do Lago dos Monólitos, como o local é denominado oficialmente. O ufólogo Reginaldo Silva, conhecido como “Quixinha”, confirmou mais uma aparição, horas após a reportagem ter visitado a Pedra do Eurípedes. Para ele e a equipe comandada pelo amigo Bob Peças, com os equipamentos a serem instalados no Centro UFO, havendo a possibilidade até de um radar, haverá possibilidade de registrar com nitidez as visitas noturnas dos viajantes extraterrestres.

Bob Peças destaca a iniciativa da sua equipe como pioneira no Brasil. Com  construção do Centro será possível reunir grupos de estudiosos de ufologia do Ceará, de outros estados e de outros países. Enquanto estiverem discutindo o tema, o público, os visitantes, turistas, poderão conhecer o espaço temático a ser implantado, assistir as reuniões e acompanhar os relatos de quem já teve a oportunidade de ver discos voadores e ser abduzido.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

10:00 · 20.05.2018 / atualizado às 11:05 · 21.05.2018 por

Cães à procura de calor chamam a atenção de condutores que cruzam a BR-122 em Quixadá

Uma cena curiosa pode ser observada após as madrugadas frias dos últimos dias na BR-122, por quem cruza a rodovia federal com destino a Fortaleza ou seguia para o sul do Ceará. Mais de uma dezena de cães, deitados na malha viária, diante do posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) em Quixadá. Quem passa, lentamente, não pode deixar de notar os animais. Alguns até acham que estão mortos.

Os patrulheiros de plantão no posto rodoviário situado na saída da cidade informaram que os animais são atraídos pelo calor do asfalto. A temperatura na madrugada tem beirado os 18ºC. Foi assim no sábado (19). Para se aquecer, a matilha deita e adormece por algumas horas. Como ninguém buzina, os animais continuam deitados, quem passa imagina que estão mortos.

Outra curiosidade observada pelos policiais rodoviários nos últimos dias está no local escolhido pelos cães. Eles deitam somente na faixa onde os veículos são proibidos de trafegarem. Motocicletas, carros, caminhões e ônibus passam bem ao lado. Como o local escolhido fica diante da guarita, parecem se sentir protegidos, acrescenta um patrulheiro destacando com humor: “isso é o que podemos chamar de um redutor de velocidade animal“.

Após uma boa soneca se aquecendo no asfalto os cães se levantam e continuam sua jornada

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

08:00 · 23.04.2018 / atualizado às 06:50 · 25.04.2018 por

A demora na chegada de uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) a um atendimento corriqueiro, mas curioso, levou um vigilante de 40 anos de idade a pedir socorro à Polícia Militar. Desesperado, ele ligou para o 190. A ligação foi realizada de um motel, na periferia de Quixadá. A parceira acabou desmaiando nos primeiros momentos de amor, revelou o vigilante aos policiais.

Conforme informações do Centro de Operações Policiais Militares (Copom), o caso aconteceu por volta das 22 horas deste domingo (22). O vigilante informou que havia se encontrado casualmente com a mulher, de 44 anos, na Praça José de Barros, no Centro da cidade. Após um pouco de paquera a convidou para irem ao motel, onde ela passou mal e desmaiou.

A equipe da Polícia Militar ainda insistiu na urgência no atendimento do SAMU. Como ninguém compareceu, percebendo que a circulação sanguínea dela estava parando, pela mudança da cor do rosto, socorreram a mulher até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde recebeu atendimento médico e foi reanimada. As suspeitas médicas são de que ela tenha consumido bebida alcoólica em excesso com alguma droga.

O vigilante, que é solteiro, não poupou elogios aos policiais militares. Ele temia que a parceira viesse a morrer no quarto do motel e fosse responsabilizado criminalmente, por feminicídio. “Com certeza a Polícia não ia acreditar que ela havia morrido de amor“, havia revelado antes de ser liberado pelos policiais, já que não havia sido constatado nenhum crime.

Auxílio do SAMU

Sobre o socorro à paciente, a Polícia Militar acrescentou posteriormente à publicação desta edição que a equipe do SAMU em Quixadá compareceu ao motel e após prestar a assistência médica preliminar realizou o transporte dela até a UPA. Os policiais também destacaram a constante parceria com as equipes de emergência do órgão estadual de atendimentos de urgência.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

10:00 · 01.04.2018 / atualizado às 10:05 · 01.04.2018 por

Na entrada de Boa Viagem há uma imagem de aproximadamente 3 metros, da padroeira, Nossa Senhora.

Uma “história do além” está ganhando repercussão na cidade de Boa Viagem, no Sertão Central, distante 220Km da capital cearense. Segundo relatos de moradores, uma mulher está aparecendo no bairro César Cals e pedindo ajuda para desenterrarem imagens de santos que estariam enterrados na sua casa, naquela área residencial. A vizinhança estaria até disposta a ajudar, não fosse um detalhe: a moradora já morreu há alguns anos.

Os relatos da aparição do fantasma feminino foram divulgados pelo radialista de uma emissora local, Luis de Sá. Uma moradora da Rua Maria Aguiar de Aragão, onde o caso vem ocorrendo, relatou a ele que o vulto da ex-vizinha, Alzira, em um vestido branco, aparece nos sonhos dela e de amigas, contando que está passando por dificuldades no mundo espiritual e somente desenterrando as esculturas terá sossego.

A reportagem do Diário do Nordeste ainda não conseguiu manter contato com Luis de Sá, mas conforme as explicações de uma das moradoras, a qual se identificou apenas por “Neta” e resolveu tornar público o fenômeno paranormal, através do radialista, o viúvo foi informado do pedido da esposa, mas ele não havia demonstrado interesse em atender o apelo espiritual, através dos sonhos.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Diário Sertão Central

Fatos diários do Sertão Central e do Maciço de Baturité em infraestrutura, polícia, economia, política, esporte e cultura. Por Alex Pimentel.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags