Categoria: Esportes


10:00 · 10.02.2019 / atualizado às 10:10 · 10.02.2019 por
A Equipe Tabajara tem tido sucesso nas pescarias realizadas nos açudes do Sertão Central. Tarcísio da Silva e o amigo Júlio exibem o resultado no Açude Pedras Brancas, em Quixadá.

Não é conversa de pescador. Quem estiver disposto a fisgar um peixe fresquinho, no clássico estilo da pescaria, com a vara e o anzol, basta ter disposição, os equipamentos necessários, uma boa isca e procurar um açude em Quixadá. Várias barragens foram povoadas há alguns meses com alevinos, de acordo com a prefeitura, mais de 310 mil.

O Açude Pedras Brancas, nos limites deste Município com Banabuiú é uma opção. Apesar de está com pouco mais de 11% da sua capacidade segundo dados da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), o lugar é ideal para quem gosta de testar a paciência na água. Quem é habilidoso pesca tucunarés e tilápias à vontade.

Esse é o exemplo de um grupo de amigos de Quixadá, eles tem até uma equipe, a Tabajara. Aproveitam os fins de semana para se reunirem e irem às pescarias. O policial militar Tarcísio da Silva é um dos organizadores e idealizador. Tarcísio Filho seguiu o ofício do pai, na polícia e na água. Juntos, comemoram com os amigos o sucesso nas pescarias.

Tarcísio Fiho explica que a preferência dos pescadores esportivos é o tucunaré. A espécie dá grande força na linha.

Outros preferem aproveitar o tempo enquanto aguardam algum peixe morder a isca tomando uma cachaçinha gelada na areia da margem do açude. Após algumas doses voltam para casa contando vantagem. Alguns dizem que até pegaram peixe de mais de 20 quilos, mas ai já é mentira de pescador mesmo.

Quatro tambaquis

A não ser … em maio de 2017, noutro açude do Sertão Central,  o Arrojado Lisboa, em Banabuiú, um pescador fisgou no anzol dois tambaquis com 22 quilos cada, outro com exatos 20 quilos e mais um com 19.

Em maio de 2017 um pescador fisgou no Arrojado Lisboa, em Banabuiú, quatro tambaquis com mais de 20 quilos, em um único dia.

O administrador do açude construído e mantido pelo Departamento Nacional de Obras Contra a Seca (Dnocs), Ariston Queiroz, confirmou à época não se tratar de história de pescador.  O peso médio de um espécime adulto é 1 quilo. Hoje, o açude está com pouco mais de 5% de água.

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

08:30 · 10.02.2019 / atualizado às 08:30 · 10.02.2019 por
Procura por trilhas de ciclismo aumenta nos fins de semana em Quixadá. O desafio é sair da rotina.

A cada fim de semana aumenta o número de pessoas, homens, mulheres, adolescentes e até crianças, dispostos a pedalarem pelas estradas do Sertão Central. Quixadá, a Terra dos esportes radicais, é o ponto de partida, explica o poliatleta Kido Aranha. O ciclismo é uma das suas especialidades, mas ele garante serem apenas passeios de grupos, sem disputas, pelo prazer de realizarem uma atividade física saudável em contato com a natureza.

Todas as noites é possível ver “bicicleteiros“, como gostam de ser chamados, circulando em grupos pela cidade até às 21h. Os passeios não se estendem mais na área urbana por questão de segurança e pela falta de espaços adequados para a prática do ciclismo. A rodovia de acesso ao Açude Cedro é a preferida, por possuir boa iluminação e ser pouco movimentada à noite. Também é o momento para os Amigos das Trilhas planejarem mais um desafio para o fim de semana.

O Monólitos Adventure organiza e realiza os passeios MTB. Além de um guia experiente, de kit mecânico e de primeiros socorros, há até bicicleta para alugar. O valor é R$ 25,00 para uma trilha. O bicicleteiro pode utilizar sua própria bicicleta. O serviço do guia é R$ 60,00 para grupos de até 10 aventureiros. Quanto ao percurso, depende da disposição dos interessados. Não é preciso ter experiência, mas os iniciantes devem utilizar calçados confortáveis e protetor solar.

A cada etapa vencida os ciclistas se reúnem para as fotos selfie. Além do corpo a atividade fortalece amizades.
A união continua no retorno para casa pelas trilhas do sertão. Ninguém é deixado para trás.

Além dos Amigo das Trilhas em Quixadá existem vários grupos de bicicleteiros, dentre eles o Pedale em Quixadá, Sou Bicicleteiro, Pnk Bikes e Pedal dos Monólitos. Para participar, basta ter disposição e se aventurar em algum deles.

Monólitos Adventure
(88) 9 9606 4087

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

07:00 · 26.01.2019 / atualizado às 06:45 · 26.01.2019 por
Atletas de Quixadá treinam forte para subirem ao pódio do I Tail Run

Atletas de Quixeramobim, Senador Pompeu, Mombaça, Morada Nova, Canindé, Itatira, Lavras da Mangabeira, Icó, Capistrano, Itapiúna, Aratuba, Baturité, Fortaleza, Itaitinga, Maracanaú, Maranguape e de Quixadá, participam nesta última cidade, do I Taril Run, uma competição especial dividida nas categorias kids, feminino e masculino. As provas, com percursos de 200 e 400 metros, para as crianças e 3Km para mulheres e 5Km para ambos os sexos, têm início programado para as 6h deste domingo (27).

Antes, a partir das 5h, a organização da competição serve um café da manhã especial para os participantes. Já o encerramento, com a premiação dos atletas vencedores, será no Centro de Treinamento Tribo do Benjamim, no entorno de Quixadá, ao lado do Parque Lago dos Monólitos, mais conhecido como Açude do Eurípedes. Além dos campeões,  com troféus e prêmios em dinheiro, todos os atletas que concluírem as provas receberão medalhas de participação, explica a comissão organizadora, Francisco Moreira, Edsom Moreira e Francicleudo Pinheiro.

A novidade em eventos dessa natureza será a primeira Corrida Kids, com participantes dos 4 aos 6 anos, enfrentando um   percurso de 200 metro e atletas dos 7 aos 8 anos, com percurso 400 metros. Será uma corrida lúdica, tendo como meta maior inserir o público infantil no mundo do esporte, acrescenta a equipe organizadora destacando que 130 competidores adultos se inscreveram para as categorias 3K e 5K e 20 crianças para as provas Kids.

A equipe Bora Correr Quixadá pretende conquistar troféus e medalhas na competição.

Neste sábado (26) atletas das cidades mais distantes já começam a chegar em Quixadá. Eles recebem a partir das 8h os kits para as competições e se hospedam no Centro de Treinamento, onde também ocorrem as largadas.

O I Trail Run é uma realização do Centro de Treinamento Tribo do Benjamim e da equipe Bora Correr Quixadá.

I Trail Run 3K e 5K
Dia 27 de janeiro – A partir das 6h
Quixadá – Ceará
(88) 9 9623 5175 / (88) 9 9926 6990

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

07:00 · 03.01.2019 / atualizado às 07:05 · 03.01.2019 por

Nesta primeira semana de 2019 o Instituto de Desenvolvimento do Trabalho – Sine/IDT  está ofertando no seu site oficial oportunidades de emprego em várias áreas nas cidades de Quixadá e Quixeramobim, no Centro do Estado.No total são 21 vagas.

Na lista de Quixadá estão artista visual, camareira de hotel, caseiro, consultor de vendas, empregado doméstico nos serviços gerais, promotor de vendas, vendedor pracista, cada um com uma vaga e vendedor porta a porta, duas vagas.

Para Quixeramobim as opções são atendente de padaria, cobrador externo, estoquista, fiscal de caixa, fiscal de prevenção de perdas, pizzaiolo, vendedor de comércio varejista, vendedor de serviços, vendedor interno, com uma vaga cada e operador de caixa, duas vagas.

Os interessados deverão se dirigir as unidades do Sine/IDT de Quixadá, localizada no Terminal Rodoviário, e em Quixeramobim na Rua Dona Francisca Santiaga, Nº 30, Centro. Importante ressaltar que não serão repassadas por telefone, as pessoas devem se deslocar até um dos escritórios do Sine.

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

07:00 · 26.12.2018 / atualizado às 06:55 · 26.12.2018 por
Papai Noel decolou de parapente e pousou em Madalena distribuindo presentes para as crianças na zona rural.

O piloto de voo livre Eurismar Júnior surpreendeu dezenas de crianças de Madalena com presentes neste Natal. A surpresa maior ficou por conta da forma como ele chegou nas comunidades onde distribuiu os brinquedos arrecadados com a ajuda de amigos. Ele pousou de parapente após decolar da rampa situada em um serrote a pouco mais de 10 km do Centro da cidade.

De acordo com o piloto os voos do Papai Noel tiveram início na véspera do Natal e se estenderam pelo dia seguinte. O evento foi organizado pelas equipes da Quixadá Aventura e Madalena Adventures, especializadas em voo livre. Foram momentos gratificantes, principalmente quando o bom velhinho aparecia de repente nas comunidades, ressaltou Eurismar Júnior.

As equipes Quixadá Aventura e Madalena Adventures se uniram e promoveram o voo do Papai Noel em Madalena.
Antes das decolagens era preciso inspecionar todos os equipamentos de voo, inclusive um acessório adicional, o saco do Papai Noel.
A cada pouso era gratificante a surpresa das crianças ao se depararem com o Papai Noel no meio do sertão.

No ano passado a Associação de Voo Livre do Sertão Central (AVLSC) havia surpreendido os moradores de várias localidades da zona rural de Quixadá e até de Quixeramobim com a visita do ilustre personagem natalino. Alguns pilotos decolaram  da rampa do Santuário de Nossa Senhora Rainha do Sertão, na Serra do Urucum e pousarem nas localidades de Juatama, Serra do Padre e Custódio, em Quixadá, e ainda em Algodões, já no município vizinho, Quixeramobim.

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

13:00 · 17.12.2018 / atualizado às 13:15 · 17.12.2018 por
Torcida do Leão do Pici em Canindé saiu às ruas da cidade para homenagear o clube pelas conquistas deste ano.

As ruas de Canindé foram tomadas na tarde deste domingo (16) por centenas de integrantes das torcidas organizadas Canindé Tricolor e Leões de Canindé. Juntos comemoraram o título de Campeão Brasileiro da Série B e o centenário do clube, considerado o mais querido da cidade.

A concentração ocorreu no Jardine Park , na BR-020, e seguiu até a Casa da Pedra, reduto leonino localizado na Avenida São Francisco, na entrada da cidade. No percurso, muita animação e gritos “Viva o Leão de volta a primeira divisão!” e também de “É campeão!“.

Durante o percurso, de 35 quilômetros pelas ruas da cidade, muitos moradores saíram à porta das suas casas para aplaudirem a motocarreata. As “leoninas” e o mascote tricolor ‘’Juba’’, foram atrações à parte juntamente com os mais de mil tricolores que foram às ruas para dar um colorido especial ao domingo.

O mascote “Juba” prestigiou a festa dos torcedores em Canindé.

O membro do Conselho Fiscal do Fortaleza, professor Atila também prestigiou a festa e lançou o desafio da Canindé Tricolor abrir uma loja para a venda de produtos do clube e incrementar ainda mais a adesão do sócio torcedor.

Durante a festa muito teve pagode e música sertaneja, além dos hinos do Leão do Pici. Uma camisa autografada até por Rogério Ceni, e os jogadores do título foi sorteada entre os presentes.

A festa teve o apoio do jovem empresário Ítalo Magalhães. Torcedor apaixonado pelo time tricolor, cedeu carros de som e seu clube para a confraternização. ‘’Estamos unidos cada vez mais e nosso grande desafio agora é ajudar o Fortaleza dentro das nossas possibilidades’’, ressaltou.

Durante os jogos do Fortaleza na Série A a torcida da Canindé Tricolor irá aumentar o número de integrantes e lançar uma campanha intitulada. ‘’Seja mais um a ter orgulho de torcer Fortaleza’’, acrescentou a Assessoria de Comunicação da Canindé Tricolor.

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

15:00 · 27.11.2018 / atualizado às 14:55 · 27.11.2018 por
Nos seus festejos natalinos o Santuário Paróquia de São Francisco das Chagas, em Canindé, promove até corrida de rua.

A programação do Natal FelizCidade em Canindé, promovido pelo Santuário Paróquia de São Francisco das Chagas, deverá começar no dia 7 de dezembro, com santa missa na Basílica de São Francisco das Chagas, a partir das 18h, seguida de atrações diversificadas até o dia 25. O Natal encerra o ciclo de festejos em homenagem ao santo. Nesta época do ano também é grande o número de visitantes à cidade, destaca o reitor do Santuário, frei Maconi Lins.

Como tem ocorrido nos últimos anos, além dos cultos, dos reisados e das cantatas, a organização incluiu novamente atividades para os esportistas. Poderão participar no dia 16 da IV Corrida Natal FelizCidade Franciscana, uma corrida de rua com concentração na Praça da Basílica às 18h30 e largada às 19h; no dia 20 será a vez do III Pedalando para o Menino Deus, um passeio ciclístico com concentração e saída, às 19h, na Basílica.

Os interessados podem se inscrever na duas provas pelo site www.satuariodecanindé/natal.

De acordo com os organizadores, o objetivo do “Canindé Natal FelizCidade Franciscana” é promover na cidade uma sensibilização e preparação para a grande festa do Natal do Senhor, na perspectiva da espiritualidade franciscana. Envolvendo as pessoas em eventos e atividades diversas: celebrações, prova esportiva, Seresta do Menino Deus, passeio ciclístico, cantatas, Missa Solene do Natal do Senhor e Show Natalino.

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

07:00 · 10.10.2018 / atualizado às 07:10 · 10.10.2018 por
Especialista em montanhismo, Kido Aranha pretende mapear todos os monólitos existentes em Quixadá.

Uma das cadeias montanhosas de rochas mais conhecidas do mundo, a dos monólitos de Quixadá, vai ganhar um catálogo special. A iniciativa é do poliatleta Kido Aranha. Ele está formando uma equipe para mapear cada uma dessas formações geográficas existentes neste Município. No projeto, denominado Quixadá 360 Graus, ele pretende aferir a altura, a extensão, acesso e a localização de cada um desses monumentos naturais. O manual será útil para montanhistas e turistas.

De acordo com o poliatleta os trabalhos serão iniciados ainda este ano. Uma das formações mais conhecidas é a Pedra da Galinha Choca, juntamente com a edificação secular do Açude Cedro forma uma das belas paisagens do planeta. A respeito dela, sabe apenas que é um inselberg ou monólito, constituído de dioritos e granitos, rochas ígneas ou vulcânicas, formadas a partir do resfriamento do magma. Fica localizada a pouco mais de 5Km do Centro da cidade.

Dentre os muitos monólitos existentes em Quixadá alguns são curiosos, como o Chalé da Pedra. Situado na Praça da Cultura, nele foi erguida uma casa em estilo campestre. A edificação data da década de 1920. Patrimônio do Município desde o início dos anos 1980, o local foi transformado no Memorial Rachel de Queiroz, em homenagem à escritora da Academia Brasileira de Letras (ABL). Quanto à rocha, de acordo com geólogos, tem mais de 12 milhões de anos.

Apesar de ser uma das menores formações monolíticas de Quixadá, a do Chalé da Pedra, também será catalogada.

Diário Sertão Central. Participe pelo fone e whats app (85) 9 8755 0154

12:30 · 23.09.2018 / atualizado às 17:25 · 26.09.2018 por
Os pilotos de Quixadá querem modernizar a rampa da Serra do Urucum e instalar grama sintética.

Cansados de esperar pelas promessas de políticos para a recuperação de uma das melhores rampas de voo livre do mundo, a da Serra do Urucum, ao lado do Santuário de Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, em Quixadá, um grupo de pilotos de parapente e de asa delta resolveu pedir auxílio aos amigos de outras regiões. O empresário Eurismar Júnior, um dos esportistas apaixonados por essa modalidade está realizando uma vaquinha e com a ajuda de outros pilotos, pretende restaurar o ponto de decolagens da Terra dos Monólitos.

Um exemplo são os pilotos de Canoa Quebrada. Juntamente com as sua associações de voo livre abraçaram a reforma da rampa de Quixadá. As doações deles já passaram dos R$ 1 mil. “A rampa que detém os recordes na modalidade cross country (Distância)  finalmente terá uma estrutura digna de seus resultados. Muita gratidão a todos é muito bom saber que eu e muitos outros de Quixadá não estávamos sonhando sozinhos“, agradeceu.

De acordo com Eurismar Júnior, o objetivo é arrecadar recursos o suficiente para concretar o piso da rampa e instalar grama sintética. Além do visual mais agradável, os equipamentos dos pilotos não sofrerão avarias. Com iniciativas como essa e a realização de competições durante todo o ano, mostrando ventos favoráveis além do período de setembro a novembro, mais procurado pelos pilotos estrangeiros, o movimento é uma opção para o aquecimento da economia local.

Esclarecimento da AVLSC

O atual presidente da Associação de Voo Livre do Sertão Central (AVLSC), o poliatleta Kido Aranha, informou que a iniciativa independente de alguns pilotos deveria ter sido melhor discutida para os melhoramentos nas decolagens dos pilotos na rampa pertencente à Diocese de Quixadá, atualmente locada à Prefeitura. Caberia aprovação da administração municipal para realização dos serviços, o que não foi feito, justificou.

Kido Aranha ressaltou que a AVLSC apresentou dois projetos à gestão municipal. Um deles, orçado em R$ 40 mil, será destinado aos reparos emergenciais. No segundo, no valor de R$ 200 mil, está prevista a implantação da grama artificial em toda a rampa, além da urbanização de todo o espaço do paddock. Todavia, a providencia mais urgente é saldar a dívida do aluguel da rampa. O valor não foi informado. O atraso é de 12 meses.

O representante administrativo da Diocese de Quixadá, Leôncio Jean Gonçaves, confirmou a dívida financeira e ressaltou, apesar da existência do débito, ser de competência da Prefeitura a liberação da realização de obras no espaço de decolagens dos pilotos de voo livre. Como o contrato ainda está em vigor, a Associação de Voo Livre deve procurar o locatário para resolver o impasse.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

00:00 · 04.09.2018 / atualizado às 09:40 · 04.09.2018 por
A equipe do Grupamento do Corpo de Bombeiros de Canindé levou aproximadamente para concluir o resgate. Fotos > VCrepórter

Equipes do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) em Canindé (a 117Km de Fortaleza) resgataram nesta segunda-feira (3) um jovem que passou mal durante a realização de uma trilha até o Serrote Salgado, na zona rural deste Município, já no limites com Itatira. Houve necessidade de os bombeiros militares transportarem o rapaz em uma maca até a viatura do SAMU. Ele apresentava sinais de hipoglicemia e de insolação.

Após receber os primeiros socorros o rapaz foi transferido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Canindé. Os amigos confirmaram aos socorristas que ele começou a sentir o mal estar quando já haviam percorrido uma boa distância da trilha e estavam superando o relevo íngreme do serrote. O sol escaldante, com sensação térmica acima dos 40°C e a mata totalmente seca na região contribuíram para o agravamento do quadro clínico do jovem.

Desde o início de agosto o Corpo de Bombeiros tem trabalhado exaustivamente em Canindé. De acordo com o comando da Guarnição há risco constante de incêndios na região. Para evitar perigo para os moradores da área urbana e periferia foram abertos cinturões de isolamento da flora seca em áreas próximas aos imóveis. Mesmo assim o alerta é constante, principalmente por conta do aumento do número de romeiros com a proximidade do início dos festejos de São Francisco das Chagas na cidade.

Durante quase duas semanas uma extensão de aproximadamente 30 hectares da caatinga do Assentamento Jacurutu foi incendiada. Os focos de fogo chegaram até o serrote (Fotos) que dá nome à localidade. Os bombeiros militares, com o auxílio dos moradores, deram o primeiro combate às chamas. Brigadistas de Pronto Emprego Prevfogo, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) concluíram os trabalhos, sendo necessário chegar a locais de difícil acesso.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Diário Sertão Central

Fatos diários do Sertão Central e do Maciço de Baturité em infraestrutura, polícia, economia, política, esporte e cultura. Por Alex Pimentel.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags