Busca

Categoria: Fauna


09:00 · 30.04.2018 / atualizado às 08:55 · 30.04.2018 por

SEMA cria santuário no Maciço de Baturité para aves ameaçadas de extinção Foto > Arquivo DN

O periquito-da-cara-suja, uma espécie da fauna brasileira em extinção, vai ganhar uma reserva especial no Sítio Batalha, uma área preservação ambiental no município de Guaramiranga, na região do Maciço de Baturité. No local será criado o Centro Administrativo da Associação de Pesquisa e Preservação de Ecossistemas Aquáticos (Aquasis). A divulgação foi feita pelo titular da Secretaria do Meio Ambiente (SEMA), Artur Bruno.

Ainda conforme Artur Bruno, o convênio com a Aquasis oficializa a criação do Refúgio da Vida Silvestre (Revis) do Periquito-da-cara-suja. O início das obras do Centro Administrativo está programado para a primeira semana de maio deste ano. O Revis deverá ser entregue no mês seguinte, junho, por ocasião da comemoração da Semana do Meio Ambiente. Será uma área mais restritiva definida dentro do Sítio Batalha.

Secretário Artur Bruno anunciou a realização de iniciativas importantes para a preservação ambiental Foto > SEMA

O objetivo é proteger a fauna endêmica na Unidade de Conservação (UC), mais especificamente, esta espécie. Ela depende, principalmente, da floresta e de fontes d’água preservadas”, acrescentou a representante da Coordenadoria de Biodiversidade (Cobio), da SEMA, Doris Santos, no evento oficial realizado na na última sexta-feira (27) em Guaramiranga, onde também foi lançado o Projeto de Reflorestamento, Florestamento e Educação Ambiental da Bacia do Rio Pacoti.

Batalhão de Policiamento Ambiental

Além do criação do Revis e do lançamento do projeto de reflorestamento, Artur Bruno assinou ordem de serviço autorizando construção do Centro de Apoio do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPMA) na Área de Proteção Ambiental (APA) da Serra de Baturité. O Batalhão se encarregará do combate à caça predatória e de outros crimes ambientais como o desmatamento, assegurando a preservação da fauna e da flora nativas.

Completando o pacote ambiental para a região Artur Bruno acrescentou a autorização da reforma do Sítio Cocão, no Pico Alto, onde será construído o Centro Educacional da APA. Será cedida uma sala para a prefeitura de Guaramiranga, destinada ao desenvolvimento de políticas de educação ambiental na unidade de conservação (UC).

Reflorestamento da Bacia do Pacoti

Reforçando as ações ambientais,  ainda na sexta-feira a SEMA inaugurou a unidade de produção de mudas nativas, no Campus das Auroras, na Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), em Redenção. O viveiro é resultado de um Termo de Cooperação Técnica assinado entre a Secretaria e a Unilab.

A iniciativa viabilizará o reflorestamento de 25 hectares da bacia hidrográfica do rio Pacoti, sendo 3ha de nascentes e 22ha de mata ciliar. A estimativa é do plantio de 12.500 mudas das espécies angico, aroeira, camuzé, cedro, chichá, gonçalo-alves, ipê-amarelo, ipê-roxo, jacarandá, jatobá, mulungu, pau-ferro, pajeú, sabiá, sabiá-tiúba e timbaúba.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154