Busca

Categoria: Gastronomia


06:00 · 13.10.2017 / atualizado às 06:00 · 13.10.2017 por

O chef Luciano Ferreira realiza oficinas de gastronomia por todo o estado do Ceará. Foto > ACC

Empreendedores do Maciço de Baturité vão receber nesta sexta-feira certificações pelo Projeto Revitalização da Gastronomia de Mulungu. Os participantes apresentarão ao público pratos inovadores como o crepe de mel de engenho e o carré de carneiro. O Encontro, com a participação do presidente da Associação dos Chefs de Cozinha do Ceará (ACC), chef Luciano Ferreira, é promovido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro em Pequenas Empresas (Sebrae) em parceria com a prefeitura de Mulungu.

De agosto até o início deste mês 50 profissionais de 16 estabelecimentos locais conheceram e aprenderam novas técnicas de gastronomia, elevando os sabores e enaltecendo os produtos regionais. Apostando na diversidade do agronegócio com produção e cultivo de café, hortaliças, frutas, raízes e ervas, o cardápio dos restaurantes, lanchonetes, cafés e pousadas foi enriquecido. Com a revitalização pretendem conquistar o paladar dos visitantes que buscam tranquilidade e o agradável clima serrano.

As oficinas de gastronomia foram ministradas pelo chef Luciano Ferreira. Na avaliação do especialista a valorização dessas atividades permite aos produtores e comerciantes locais não só um estímulo ao desenvolvimento sustentável, mas a consolidação de uma cadeia produtiva marcada pela pluralidade. Associá-las ao café de sombra, aos casarões históricos e as paisagens serranas da região é uma peculiaridade valiosa a ser incluída na receita do empreendedorismo.

Para a articuladora do Escritório Regional do Sebrae no Maciço de Baturité, Fabiana Gizelle, questões como a valorização da cultura serrana, o consumo direto dos agricultores familiares, o manejo sustentável e inovação em cardápios devem estar associados ao planejamento global de desenvolvimento da região. Os resultados podem ser alcançados em curto prazo como destinos turísticos que promovam o crescimento econômico do meio rural. Mulungu é um exemplo.

Gastronomia Mulungu – Certificação

A partir das 10 horas
Galeria e Cafeteria Santa Demolição
Sítio Espatódea

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

15:30 · 30.07.2017 / atualizado às 14:20 · 30.07.2017 por

Os chefs da cozinha quixadaense apresentaram suas receitas ao corpo de jurados do Sebrae.

Um cardápio especialmente sertanejo, com um olhar diferenciado sobre a gastronomia regional, foi esse o objetivo do Festival de Carnes de Cordeiro no Sertão, promovido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) neste fim de semana em Quixadá, no Sertão Central. O concurso gastronômico foi realizado no espaço da 39ª Exposição de Ovinos e Caprinos do Ceará (Expocece), no Parque de Exposições Valdir do Couto Dinelly.

Os restaurantes Pé de Serra, Rustik, Meu Xodó, Piazza Itália, Bom D+ e Fiends Loung Bar apresentaram a um seleto grupo de de jurados receitas especiais tendo as carnes de cordeiro, de caneiro e de cabrito, acompanhadas de ingredientes tipicamente regionais, como receitas para agradar o paladar de quem aprecia a culinária sertaneja. Cordeiro a Lampião, Picanha de carneiro Rustik, Danado de bom, Maria Bonita e Lampião, Picanha sertaneja e Arroz de carneiro foram os pratos apresentados pelos concorrentes.

Todos os pratos apresentados foram elogiados pelo jurados e pelo público.

A receita com melhor pontuação foi Danado de Bom, do restaurante Meu Xodó, um escondidinho de carne de sol de carneiro com purê de macaxeira e queijo coalho. A picanha sertaneja dom Bom D+, grelhada com crosta de ervas e queijo de cabra, servida com baião de dois e purê de macaxeira foi a segunda receita preferida pelos jurados. O terceiro lugar ficou com o arroz de carneiro com banana da terra do Freinds Loung Bar.

Entretanto, como questão de gosto não se discute, teve até pizza recheada com carne de sol de cabrito e cobertura de creme de nata com banana da terra, abóbora de vazante e manjericão, servida de bandeja pela Piazza Itália e uma saborosíssima picanha grelhada ao molho de cebola roxa, acompanhada de batata doce, receita do Rustik Restaurante.

Como uma boa comida sertaneja que se preze precisa ter um toque caseiro, o restaurante Pé de Serra agradou com o seu prato de lombo de cordeiro grelhado com hortelã, acompanhado de queijo de cabra curado e capitão de feijão com farinha, dando um toque ainda mais familiar à receita do Chef Paulo Neto, filho do empresário Paulo Holanda, que na oportunidade recebeu uma homenagem especial do Sebrae e da esposa e filhos.

O empresário Paulo Holanda do Restaurante Pé de Serra, foi homenageado pelo Sebrae e pela família.

Prestígio estadual

O presidente da Associação dos Chefs de Cozinha do Ceará (ACC) Luciano Ferreira, foi o responsável pelo curso gastronômico promovido pelo Sebrae aos chefs participantes, o qual, além do concurso teve como culminância a edição de um livro especial das receitas apresentada aos jurados e outras como Torre de Quixadá, ragú de cabrito à moda nordestina , cordeiro fit e bolinho de cabrito e macaxeira.

O Festival de Carnes de Cordeiro também demonstrou a importância da gastronomia sertaneja, focada na ovinocaprinocultura,  para a economia regional. O superintendente estadual do Sebrae, Joaquim Cartaxo, o secretário do Desenvolvimento Agrário do Estado, Dedé Teixeira e o prefeito de Quixadá marcaram presença no evento culinário. Na oportunidade elogiaram a iniciativa da articuladora regional do Sebrae, Wilma de Almeida, a analista técnica Gabriela de Aquino e equipes como também os empresários do setor.

Ilário Marques, Dedé Teixeira e Joaquim Cartaxo assistiram o evento promovido pelo Sebrae em Quixadá.

No encerramento o publico pode saborear um grelhado especial de carneiro, servido pelo Sebrae.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

06:30 · 28.07.2017 / atualizado às 06:15 · 28.07.2017 por

39ª Expocece, realizada em Quixadá, bate recorde em número de animais e de expositores.

A 39ª Exposição de Ovinos e Caprinos do Ceará (Expocece) está superando as expectativas em números de expositores e de animais. São 833 exemplares nas baias, apresentados por 52 criadores de vários municípios do Ceará e de outros estados, dentre eles Bahia, Paraíba, Pernambuco e Sergipe, conforme informações do presidente da Associação de Caprinos e Ovinos do Estado do Ceará (Acocece), André Medeiros.

A Expocece segue até este sábado (29), quando será encerrada com show de forró de Dedim Gouveia e Pau de Arara. Antes, das 8 às 14 horas, ocorrerá o julgamento dos grandes campeões das raças Santa Inês, Anglo Nubiana e Boer. No início da noite, a partir das 19 horas, haverá o 7º Leilão União de Raças. Alguns criadores apresentarão animais reprodutores com avaliação de R$ 50 mil a R$ 100 mil, explicou o ex-presidente da Acocece, Francisco Martins de Mesquita.

Nesta sexta-feira (28) durante todo o dia, haverá seletiva das raças Santa Inês e Anglo Nubiana. A partir das 9 horas os criadores poderão assistir a palestra “Carne ovina de qualidade – Desafios e oportunidades. A apresentadora será a especialista da Embrapa Caprinos, Lisiane Dorneles de Lima. À tarde o curso segue com a avaliação de carcaças e cortes comerciais de ovinos e caprinos. Em seguida,  a partir das 17 horas, será realizado o Festival de Carnes de Cordeiros do Sertão.

De acordo com André Medeiros o Festival de Carnes será realizado pela Associação dos Chefs de Cozinha do Ceará (ACC) na praça de alimentação do Parque de Exposições Valdir do Couto Dinelly. O público terá a oportunidade de saborear os melhores pratos de coerdeiro do Estado. O festival culinário é promovido pelo Serviço Brasileiro de Apoio as Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) com apoio da Acocece e logo depois,  partir das 21 horas, haverá o desfile da Garota Expocece 2017, seguido de show de forró.

O público poderá saborear as carnes de ovinos e de caprinos são muito apreciadas na culinária cearense.

Sobre os números de negócios da 39ª Expocece o presidente André Medeiros explicou que será possível apresentar somente após o encerramento do evento.

Mais Informações

39ª Exposição de Caprinos e Ovinos do Ceará

De 24 a 29 de julho – Parque de Exposições Valdir do Couto Dinelly
Estrada do Açude Cedro Km 03 – Quixadá
Entrada franca
Estacionamento R$ 10,00

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

07:30 · 24.07.2017 / atualizado às 07:45 · 24.07.2017 por

A Associação de Caprinos e Ovinos do Estado do Ceará (Acocece) começou a receber expositores para a 39ª Exposição de Ovinos e Caprinos do Ceará (Expocece). Os criadores já podem desembarcar seus animais no Parque de Exposições Valdir do Couto Dinelly, em Quixadá, à margem da estrada de acesso ao Açude Cedro.

As baias podem ser reservadas através dos telefones (88) 3412 5122, (88) 9631 3823 ou (88) 9 9813 0000, esse último disponível para mensagens pelo Whats App e também pelo e-mail  acocece.quixada@gmail.com.

De acordo com a Acocece, para a 39ª Expocece estão programadas a Nordestina da Raça Anglo Nubiana, um torneio leiteiro regional, ainda a Festa Nacional do Santa Inês e a Final da Copa Boer. Haverá também a feira de negócios e equipamentos agropecuários, com stands bancários montados no parque.

Um festival gastronômico, palestras e oficinas focadas na ovinocaprinocultura, o desfile da Garota Expocece e shows de forró completam a programação que segue até o próximo domingo.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

10:00 · 08.07.2017 / atualizado às 10:50 · 08.07.2017 por

A Feira de Artes de Banabuiú, a Banartes, se encerra nesta sábado (8) a sua 26ª edição recebendo elogios da população local dos visitantes. Desde a última quinta-feira o clima é de festa e de receptividade na cidade que voltou a respirar, arte, cultura e diversão após quatro anos sem a sua realização. O show de encerramento desta noite no corredor cultural será com Thiago Ribeiro e Vicente Nery. Ontem, a banda Matruz com Leite encantou o público.

Repetindo a programação desta sexta-feira, ainda pela manhã começam as feiras de Agricultura Familiar, Artesanato, Gastronomia e de Micro e Pequenos Negócios. Ainda pela manhã tem apresentações teatrais e a premiação dos vendedores e à tarde, a partir das 15 horas, o concurso de Voz Mirim, seguido do Festival Gastronômico e do Camarão Fest Gourmet.

Ainda de acordo com a programação oficial, à noite, a partir das 19 horas, tem o Show de Calouros, o Festival da Canção, e logo depois a premiação das modalidades no espaço especialmente montado para a maior festa cultural da cidade. Ainda no clima de festejos juninos a arena principal foi decorada com bandeirinhas e uma cidade matura foi montada no seu entorno.

Aproximadamente 80 mil pessoas, esse é o número de participantes estimados pela organização da Banartes nestes três dias do evento realizado pelo Governo Municipal de Banabuiú com o apoio da Casa Civil do governo do Estado. A Feira volta a fazer parte do calendário cultural da cidade, garante o prefeito Edinho Nobre.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

08:30 · 04.07.2017 / atualizado às 08:30 · 04.07.2017 por

Após cinco anos sem edições a tradicional Feira de Artes de Banabuiú, a Banartes, voltará a ser realizada em Banabuiú. A festa, organizada pelo Governo Municipal de Banabuiú, com o apoio da Casa Civil do governo do Estado, terá início na noite da próxima quinta-feira (6) e se estenderá até o sábado (8). No encerramento de cada noite grandes atrações musicais subirão ao palco. A prefeitura confirmou as apresentações de Junior Viana, Ítalo e Reno, Mastruz com Leite e Vicente Nery.

Ainda de acordo com a administração municipal a Banartes mistura uma diversidade de arte, cultura e tradição. A programação cultural tem início programado para as 19 horas. Às 23h, a equipe planeja o início das atrações musicais. Entretanto, na sexta (7) e no sábado (8), parte da programação acontece durante o dia, em dois palcos alternativos. O trecho da rua Raimundo Dias que passa em frente a Câmara, será fechado para virar a Vila das Artes, com exposições de artesanato, artes plásticas, e parte das atrações como o Criança Fazendo Arte.

Na outra área, será realizada pela primeira vez a Feira da Agricultura Familiar, com exposição de animais e concursos da Cabra e da Vaca mais leiteira, além de espaço para comercialização de produtos dos agricultores.

O público também poderá apreciar o Festival de Violeiros, Exposição de Artes Visuais, Festival de Quadrilhas, Feira de Gastronomia e Feira do Artesanato e de Comidas Típicas.

Haverá ainda Show Mirim, Teatro, Festival da Canção, Festival de Dança, Concurso de Poesia, Literatura de Cordel e Contação de Histórias. Os candidatos poderão concorrer a prêmios no total de quase R$ 9 mil, mas é preciso se inscrever na Secretaria de Cultura, Turismo, Indústria e Comércio, organizadora dos concursos.

A prefeitura de Banabuiú acrescenta que todos os eventos, incluindo os shows, são abertos ao público e gratuitos.

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

07:00 · 16.04.2016 / atualizado às 19:12 · 15.04.2016 por
Quixadá-Feira-de-Gastronomia-1
Duas mil pessoas são esperadas na edição deste ano da feira (Foto: arquivo)

Quixadá. Pequenos e micro empresários deste município do sertão central, que atuam no ramo da gastronomia, se reúnem na noite deste sábado (16) para mais uma edição da feira gastronômica “Vem comer na rua” que, este ano, chega à sua quinta edição. O evento ocorre a partir das 18 horas na praça José de Barros, no Centro.

14 expositores participam da feira que espera, segundo os organizadores, receber um público de duas mil pessoas.

Com programação cultural diversificada, a feira busca trabalhar a divulgação de produtos e marcas dos expositores participantes além de ajudar na prospecção de novos negócios. “A intenção não é competir! É trazer produtos a custos reduzidos para apresentar ao público na tentativa catalizar oportunidades”, explica o organizador Francisco Belchior.

Além das comidas, o momento visa atrair a família para uma ocasião Quixadá-Feira-de-Gastronomia-3especial. Os organizadores incluem no espaço show com mágicos, apresentação de palhaços e música ao vivo.

A feira tem pratos com preços que vão de R$ 4 a R$ 16. Cada expositor trabalha com um tipo de prato, para não promover concorrência entre os participantes. Entre as opções do cardápio deste ano, estão pratos como acarajé, açaí, brownie, mungunzá, vatapá, feijão verde, dentro outros. Atentos às questões de saúde e as tendência deste mercado, os expositores tão levarão pratos sem glútem e sem lactose, além das famosas paletas mexicanas e chocolates finos.

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, e do telefone (88) 9 9662 9580 ou ainda pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

07:00 · 13.11.2015 / atualizado às 06:13 · 13.11.2015 por

Tauá
A ovinocapronocultura como suporte econômico para o desenvolvimento rural. Apostando nessa perspectiva representantes da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Ministério da Integração Nacional (MI), Governo do Estado do Ceará, Prefeitura de Tauá, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), associações de criadores, e de sindicatos e cooperativas de produtores rurais, se reuniram  em Tauá. Participaram da oficina do programa Rota do Cordeiro, realizada pela Embrapa.

Rota do Cordeiro I (1) AP

O evento, realizado nos dias 10 e 11 no auditório do Parque da Cidade, teve como objetivo a continuidade de ações para o desenvolvimento socioeconômico do sertão dos Inhamuns, onde a caprinocultura e ovinocultura são atividades de destaque. A apresentação de tecnologias para impulsionar a produção de leite, carne e pele é um exemplo. O cooperativismo, o comércio e a gastronomia dos produtos derivados da ovinocaprinocultura também estão sendo abordados no Encontro que se encerra hoje.

Segundo o coordenador nacional do programa, o médico veterinário Octávio Morais, da Embrapa, Tauá foi escolhido no Ceará, por ser um importante polo estadual na área da criação de caprinos e ovinos. O setor dá suporte econômico à região mais árida do Estado, onde os animais estão adaptados. Também por esse motivo o programa iniciou na semana passada o confinamento de 120 cordeiros em um centro de terminação coletivo neste Município. Os animais serão submetidos a avaliações, para fins de melhoramento genético dos próprios rebanhos locais.

Ao longo da sua atuação, a Rota do Cordeiro, que integra o projeto Rotas da Integração Nacional, do Ministério da Integração Nacional, promove a inclusão produtiva e a integração econômica das regiões menos desenvolvidas do país aos mercados nacionais e internacionais. No caso da Rota do Cordeiro, são contempladas regiões no semiárido brasileiro tradicionais produtoras de caprinos e ovinos, mas que ainda apresentam baixos índices socioeconômicos. O Sertão dos Inhamuns é uma delas.

Octávio Morais, ressalta que o processo de capacitação dos criadores foi iniciado em 2012. Em Tauá foi implantado no início de 2014. Passados dois anos considerados avanços já foram conquistados. Um deles está relacionado a higienização dos animais; o outro, ao melhoramento genético. Entretanto, precisam aprender a trabalhar em grupo, através do associativismo. Unidos se tornarão ainda mais fortalecidos. Evitarão atravessadores e também a especulação de preços no mercado.

Outro aspecto apontado pelo especialista está relacionado à potencialidade de mercado. O rebanho do Município é suficiente apenas para atender a demanda local, de cidades da região e uma pequena parte de Fortaleza. Os restaurantes da capital precisam inclusive importar carne do Uruguai. Uma demonstração da opção de expansão da ovinocaprinocultura no Estado.

“O modelo desenvolvido em Tauá será expandido para outros 12 polos produtivos. Eles integrarão a Rota do Cordeiro. O título faz referência aos filhotes de carneiros, na idade de até seis meses, período ideal para o abate”, acrescentou o especialista.

Veja a reportagem no Diário do Nordeste > Ovinocaprinocultura é opção para o campo

Números 

200 mil é o rebanho estimado de caprinos e ovinos em Tauá
R$ 6,00 é o preço médio do quilo do ovino vivo
R$ 5,80 é o preço médio do quilo do caprino vivo

Mais Informações

Embrapa Caprinos e Ovinos
Estrada Sobral – Groaíras, Km 04 – Sobral
Telefone: (88) 3112 7400

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9970 5161, dos fones (88) 9970 5161 ou (88) 8865 6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

07:00 · 10.11.2015 / atualizado às 06:43 · 10.11.2015 por

Tauá
Representantes da Embrapa, Ministério da Integração Nacional (MI), Governo do Estado do Ceará, Prefeitura de Tauá, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), associações de criadores, e de sindicatos e cooperativas de produtores rurais, participam nesta terça, 10 e quarta-feira, 11, no Sertão dos Inhamuns, de oficina do programa Rota do Cordeiro, promovido pelo MI.

O evento, promovido pelo MI, tem como objetivo a continuidade de ações para o desenvolvimento socioeconômico do sertão dos Inhamuns, onde a caprinocultura e ovinocultura são atividades de destaque, será realizado no auditório do Parque da Cidade, em Tauá, com a apresentação de tecnologias para impulsionar a produção de leite, carne e pele. O cooperativismo, o comércio e a gastronomia também serão abordados.

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9970 5161, dos fones (88) 9970 5161 ou (88) 8865 6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com

08:00 · 02.11.2015 / atualizado às 11:45 · 02.11.2015 por

Quixadá
Apesar do feriadão de Finados um bom público foi a Praça José de Barros, no Centro de Quixadá, para participar da primeira edição do Quixadá Xtreme. O evento reuniu várias modalidades esportivas, shows e um espaço gastronômico, agradando quem optou em participar como lazer na noite do último sábado. Durante o dia já haviam sido realizados os treinos livres do IV Arena Cross, valendo pela 5ª etapa da Copa Cearense de Motocross.

Quixadá Xtreme 31.10.15 (17)

O principal ponto de encontros de Quixadá se transformou numa enorme arena. Enquanto as bandas Banda Mutuca, Banda Ultraleve, Gil Queiroz e Dj Willians animavam a noite, esportistas participavam de provas de ciclismo e faziam exibições de capoeira, jiu-jitsu, muay thai e judô. Outros preferiam ir ao corpo-a-corpo, nas lutas livres e quedas de braço. Até as crianças aderiram ao clima e formaram até fila para escalarem o paredão de montanhismo montado na praça.

Quixadá Xtreme 31.10.15 (13)Quixadá Xtreme 31.10.15 (14)Quixadá Xtreme 31.10.15 (2)Quixadá Xtreme 31.10.15 (19)

Quixadá Xtreme 31.10.15 (11)A professora Ana Lucia Silveira elogiou a iniciativa. Além de diferente, considerou o ambiente muito saudável. O esposo, Geovane Martins, também achou muito interessante, principalmente pela sonoridade do lugar, pode recordar algumas melodias metálicas, ouvindo as bandas de rock no palco do coreto. As filhas, Ana Paula e Larissa, também adoraram, dos doces na Feira Gatronômica Vem Comer na Rua a escalarem o paredão, sem correr riscos.

Quem esteve na praça entrou literalmente no clima do Quixadá Xtreme. Teve até estudante com braço no gesso disputando queda-de-braço. Foi Bruno X Bruno e quem parecia estar em desvantagem acabou ganhando. As meninas também participaram e elogiaram a criação do espaço. “A gente gosta muito de forró, de curtição, mas os esportes também estão na veia do nosso povo. Coisas assim deveriam ser realizadas com mais frequência”, comentou a universitária Erica Ribeiro.

O idealizador do Quixadá Xtreme, Kido Aranha, agradeceu ao secretário municipal do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Fabiano Baarbosa, a equipe do Sebrae, e aos voluntários que tornaram possível sua realização. Para Kido a data foi muito especial, principalmente porque era o dia do seu aniversário.

Ele não esquece os agradecimentos a Sílvio Almeida, no slackline, Deca Paiva da Strike Academia, Fael Lima Rodrigues e Samuel Kelvyn do Escalada Indoor, Belchior Torres, da Feira vem comer na rua, Francicleudo Pinheiro e Daniel Oliveira do Ciclo Turismo, Iran Oliveira da Academia Mega Light, Clailton e Mestre Edvardo do projeto Quartel de Portas Abertas.

Na lista também estão Claudio e Karina Ramone do Paintball, Mara Barros do Zumba, Ramon Lopez e Erismar Júnior, do voo livre, Diego Julião do Motocroos, Antonio Erionilton Lima e Dico Dico da corrida de MTB, Juarez Sá Locução, Deyvison Marinho e Wilber Pinheiro , na produção e logística, e o organizador do Quixadá Xtreme, Daniel Torgany, da DT Eventos.

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos.

Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9970 5161, dos fones (88) 9970 5161 ou (88) 8865 6118 e pelo email: diariosertaocentral@gmail.com