Busca

Categoria: Interior


11:08 · 27.01.2017 / atualizado às 11:08 · 27.01.2017 por

Caridade. A sede da prefeitura deste Município e e de algumas secretarias tiveram o fornecimento de energia suspenso pela empresa responsável. Com a decisão as repartições públicas estão sob às escuras. De acordo com a Enel Distribuição Ceará (antiga Coelce), o corte na energia foi ocasionado pelo atraso no pagamento de débitos.

Além da prefeitura de Caridade, a Enel disse, através de nota, que esta semana realizou a suspensão no fornecimento de energia de outras seis prefeitura do interior do Ceará. São elas: São Benedito, Independência, Novo Oriente, Tabuleiro do Norte, Saboeiro e Limoeiro do Norte. Nas sete prefeituras alvos da decisão, outras 31 unidades onde funcionavam secretarias das atuais gestões, também tiveram a energia cortada.

A empresa esclareceu que “somente tomou a decisão de interromper o abastecimento de energia após tentar negociar o débito em várias ocasiões”. A Enel disse, ainda, que “todos os cortes foram precedidos de notificações de corte, cumprem rigorosamente a resolução 414 da Aneel e ocorrem em unidades consumidoras que não prestam serviços essenciais”.

O Diário Sertão Central tentou ouvir funcionários da prefeitura de Caridade, mas as ligações não foram atendidos até a publicação desta matéria.

_________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

 

11:51 · 20.01.2017 / atualizado às 11:54 · 20.01.2017 por
Helário Neto: ele leu livros de sociologia e filosofia para melhorar argumentação na redação (Fotos: arquivo pessoal)
Helário Neto: ele leu livros de sociologia e filosofia para melhorar argumentação na redação (Fotos: arquivo pessoal)

Pedra Branca. Do torrão quente de Pedra Branca, uma proeza: uma nota mil na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O protagonista deste feito foi o estudante Helário Azevedo e Silva Neto, 17. O jovem sempre foi estudante de escola pública na cidade onde mora e virou destaque por estar entre os 77 únicos alunos de todo o País que conseguiram zerar a redação (gíria para identificar quem tira a nota máxima).

Depois da divulgação da nota, Helário é só felicidade. O feito foi compartilhado pelo governador Camilo Santana em seu perfil nas redes sociais. Tímido, o jovem é de falar pouco. Mas quando o assunto é sua mãe, faz questão de destacar que foi seu principal incentivo.

“Eu sempre me interessei pelo estudo porque a minha mãe sempre me motivou muito a isso. Ela sempre me disse que eu tinha que ser alguém na vida e ela foi minha grande inspiração neste quesito”, frisou.

Sua mãe foi sua inspiração e motivação: "Ela me dizia: Estude!"
Sua mãe foi sua inspiração e motivação: “Ela me dizia: Estude!”

Até ano passado ele era aluno de uma escola profissionalizante e passava de sete da manhã às quatro da tarde. Concomitante aos estudos para o Enem, o aluno também dedicava-se aos cálculos para conseguir uma boa pontuação na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obemep). E conseguiu: recebeu premiação pelas notas na Obemep nos anos de 2014, 2015 e 2016. A noite, quando chegava em casa, estudava de modo flexível. O esforço valeu a pena e hoje o pedrabranquense colhe os frutos de sua dedicação. “Ainda cheguei a fazer um curso presencial de dois dias na semana”, conta.

Helário diz ainda que não lê muito. Ele centrou suas leituras em livros técnicos, que ajudassem a transcrever seus diálogos, fator que acredita ter contribuído para garantir a nota máxima na redação. “Para a redação o que me ajudou muito foi ler dicas, redações de outras pessoas, um pouco de sociologia e filosofia para aplicar na argumentação”.

Filho de pais separados, o jovem mora com sua mãe no Centro de Pedra Branca, cidade onde pretende ficar e de onde só sairá para fazer medicina, o curso que pretende concorrer usando a nota que tirou no exame. Na soma geral, Helário teve 721,1 pontos. “Eu quero medicina! Eu ainda não tenho certeza porque eu vou pesquisar a questão da nota, mas eu já vi gente passando com uma nota inferior, por isso que eu tenho um pouco de esperança”, detalha.

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), que realiza estudo, pesquisa e avaliações sobre o Sistema Educacional no Brasil, na prova de Redação, a maioria dos participantes, 1.987.251, obteve nota entre 501 e 600. Das redações que tiraram zero, um dos principais motivos foi a fuga do tema proposto (46.874).

Segundo a Secretaria de Educação do Estado (Seduc), com relação às notas de Redação do Enem, ainda não houve divulgação por Estado. Dessa forma, só os estudantes podem acessar suas notas.

Leia a matéria completa na editoria Regional da edição desta sexta-feira do Diário do Nordeste >> Redações de alunos do interior se destacam

__________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

09:52 · 20.01.2017 / atualizado às 09:52 · 20.01.2017 por
Novos móveis para reestruturação de Centros já começaram a ser entregues (Foto: divulgação/TJCE)
Novos móveis para reestruturação de Centros já começaram a ser entregues (Foto: divulgação/TJCE)

Mombaça. Este Município do Sertão Central do Ceará e outros quatro da mesma região, integram uma lista do contemplados com novas mobílias que deverão ser utilizadas nos Centros Judiciários instalados nas respectivas cidades. Ao todo, 26 municípios ganharam os novos móveis.

Além de Mombaça, Boa Viagem, Canindé, Quixeramobim e Senador Pompeu receberam as novas mobílias. A aquisição dos novos equipamentos foi feita pelo Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec), que começou a realizar a entrega no início desta semana para Centros Judiciários de Solução de Conflitos (Cejuscs) das Comarcas do Interior.

Integram a lista as cidades de Acopiara, Aquiraz, Barbalha, Iguatu, Brejo Santo, Camocim, Cascavel, Eusébio, Granja, Icó, Itapajé, Limoeiro do Norte, Maranguape, Massapê, Morada Nova, Nova Russas, Pacajus, Pacatuba, Russas, Santa Quitéria e Varzéa Alegre.

O juiz Carlos Henrique Garcia de Oliveira, coordenador do Núcleo, destacou que a entrega do mobiliário demostra o compromisso da desembargadora Iracema Vale, presidente da Corte de Justiça, e do supervisor do Nupemec, desembargador Francisco Gladyson Pontes.

“Essa estrutura física vai possibilitar que várias localidades do Estado estejam disponíveis para a população, com um espaço adequado nos Fóruns para a realização das conciliações, mediações e a promoção de mutirões”.

__________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

09:46 · 20.01.2017 / atualizado às 09:46 · 20.01.2017 por

Aracoiaba. A Prefeitura deste Município do Maciço de Baturité iniciou esta semana o recadastramento de servidores municipais efetivos. De acordo com a assessoria de comunicação da atual administração, o processo segue até o próximo dia 16 de fevereiro, no horário de 7:30 as 13:30 horas, na sede das secretarias municipais a que o servidor esteja vinculado, sendo que o recadastramento é obrigatório.

Para fazer o recadastramento o servidor deverá preencher o formulário do servidor público municipal efetivo, munido de sua documentação pessoal. não realizar o recadastramento no período estabelecido terá suspenso o pagamento dos seus vencimentos, que só serão restabelecidos após a regularização do recadastramento feito pelo servidor municipal.

De acordo com o Secretário de Planejamento e Gestão, Raimundo Lopes, a medida está sendo tomada para atualizar e organizar os dados do setor pessoal da prefeitura.

“É uma espécie de censo dos servidores, quantos são, quem são e onde estão lotados. Visando melhorar o atendimento à população. Com o recadastramento, o município passa a ter um controle efetivo do gasto público com vistas a coibir desperdícios e otimizar a utilização dos recursos públicos”, disse.

O recadastramento tem como finalidade a necessidade de atualização periódica dos dados cadastrais dos servidores efetivos, sendo necessária a identificação do servidor, do perfil funcional, lotação, enquadramento funcional, bem como outras informações fundamentais para a Prefeitura, bem como dar maior controle e celeridade à Secretaria Municipal de Administração com a finalidade de buscar a melhoria da qualidade das informações como instrumento de gestão de recursos humanos.

O processo de recadastramento de dados de servidores tem sido adotada com mais frequência este ano, como forma de garantir aos novos gestores, a prevenção e a checagem de dados do corpo de funcionários municipais. Como muitos prefeitos não foram reeleitos, a atualização dos dados por parte dos novos gestores se faz para desvendar crimes como funcionários fantasmas nas folhas de pagamento.

_________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

18:36 · 19.01.2017 / atualizado às 18:36 · 19.01.2017 por
Ilário suspendeu homologação no último dia 2 de janeiro (Foto: reprodução/facebook)
Ilário suspendeu homologação no último dia 2 de janeiro (Foto: reprodução/facebook)

Quixadá. O Ministério Público do Ceará (MPCE) recomendou nesta quinta-feira (19) que o prefeito deste Município, Ilário Marques, realize a convocação dos aprovados dentro do número de vagas. De acordo com o órgão, o documento foi entregue em uma reunião na qual foram discutidas cerca de 20 questões de interesse do Município, entre eles a homologação do certame.

A recomendação foi expedida através do promotor de Justiça do Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Quixadá, Marcelo Cochrane. Para o promotor, com a divulgação da classificação final e envio ao Município para homologação, todas as etapas do concurso foram concluídas, mas a divulgação foi anulada por meio de um decreto de Marques, no último dia 2 de janeiro.

Conforme explicou o MPCE, Marques teria suspendido a homologação sob a justificativa de que a homologação teria sido realizada durante a vigência do prazo para recurso contra a classificação final, que somente se encerraria no dia 2 de janeiro de 2017.

“O decreto que anulou a homologação do concurso público de Quixadá não fez qualquer menção a possíveis irregularidades no certame e, mesmo superada a motivação exposta no decreto que anulou a homologação do certame, o concurso público aguarda indefinidamente homologação por parte do gestor municipal”, explica Marcelo Cochrane.

O Município tem o prazo de 10 dias para encaminhar à sede da Promotoria de Justiça do Juizado Especial Cível e Criminal de Quixadá, resposta, por escrito, sobre a aceitação e adoção das medidas para cumprimento da recomendação e, em caso de inobservância ao procedimento, o MPCE adotará todas as medidas judiciais e extrajudiciais cabíveis.

No último dia 2, Ilário Marques explicou que a homologação estaria suspensa para que fosse feito um estudo pelo setor jurídico da prefeitura. A principal suspeita é que não tenha havido um levantamento para saber se as finanças da prefeitura da cidade, possam garantir a contratação e pagamento dos concursados. O processo de análise segue sendo feito.

_________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

12:17 · 17.01.2017 / atualizado às 12:17 · 17.01.2017 por
Ginásio de Banabuiú, onde terá parte da programação esportiva da semana (Foto: Valdecir Pimenta/Ascom)
Ginásio de Banabuiú, onde terá parte da programação esportiva da semana (Foto: Valdecir Pimenta/Ascom)

Banabuiú. Acontece nesta quarta-feira (18) a abertura oficial da 29ª Semana do Município de Banabuiú. A cerimônia acontece no ginásio coberto a partir das seis da tarde. Assim como nas cerimônias esportivas tradicionais, uma tocha olímpica será acessa no evento.

A cerimônia terá a presença de todos os atletas de delegações esportivas inscritas nos jogos da Semana esportiva. Autoridades do Município, como o prefeito Edinho Nobre, o secretário de esportes, Marcel Farias, também estarão presentes.

Algumas competições esportivas já começam nesta segunda-feira (16) no campo Valdir Leopércio. As seletivas da categoria society também já estão acontecendo. Um congresso técnico foi realizado na semana passada com todos os atletas e dirigentes de equipes, inscritos nas competições. O congresso definiu as regras e o regulamento do evento. As categoria deste ano contemplam jogos já tradicionais, como futebol de campo, até novas modalidades, como poker. As inscrições já foram encerradas.

Boa parte da programação é feita de competições esportivas, mas outros eventos também marcam a semana. No próximo dia 20, por exemplo, fiéis percorrem 18 quilômetros a pé, por uma estrada da zona rural, até o distrito de Laranjeiras, um dos mais velhos da cidade. Eles se vestem de branco e rezam por São Sebastião. No dia 25 uma missa deve encerrar a programação, ao meio-dia, em alusão ao aniversário de emancipação da cidade.

No ginásio, a secretaria de Cultura, Turismo, Indústria e Comércio fará a decoração do ambiente. A equipe promete fazer algo diferente e único, misturando a história da emancipação com a importância dos eventos esportivos. Os principais espaços esportivos da cidade, como o campo Valdir Leopércio e o Ginásio João Claudino ganharam nova ambientação.

__________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

17:35 · 05.01.2017 / atualizado às 17:35 · 05.01.2017 por
Ilário suspeita que concurso possa ferir LRF (Foto: Arquivo/Cleumio Pinto)
Ilário suspeita que concurso possa ferir LRF (Foto: Arquivo/Cleumio Pinto)

Quixadá. Alvo de polêmicas, o concurso público deste Município do Sertão Central tem um novo capítulo: a homologação está suspensa para que seja feito um estudo pelo setor jurídico da prefeitura. A principal suspeita é que não tenha havido um levantamento para saber se as finanças da prefeitura da cidade, possam garantir a contratação e pagamento dos concursados.

A decisão foi tomada pelo prefeito Ilário Marques e confirmada na tarde desta quinta-feira ao Diário Sertão Central pela assessoria de imprensa do gestor. Ilário concedeu uma entrevista a uma emissora de rádio local na última quarta onde também teria falado no assunto.

A principal suspeita é que o valor que deverá ser gasto pela prefeitura para garantir o pagamento dos concursados efetivados, chegue a um total além do permitido, gerando um desequilíbrio financeiro.

Ilário quer apurar irregularidades (Foto: reprodução/facebook)
Ilário quer apurar irregularidades (Foto: reprodução/facebook)

Esta é uma das condições da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). A Lei estipula que de todo o dinheiro gasto no município, o total gasto para garantir o pagamento de funcionários efetivos e contratados não deve passar de 54%. Em Quixadá, Ilário desconfia que para pagar os concursados, terá que usar um montante de dinheiro que ultrapassaria esse total permitido, o que poderia ocasionar problemas com a justiça.

Em nota a assessoria confirmou que Ilário Marques irá submeter o certame a uma análise técnica da Assessoria Jurídica. O parecer deve sair em dentro de 30 dias, confirmando se o concurso foi mesmo realizado dentro dos trâmites legais.

A homologação do concurso foi suspensa até que o parecer da sindicância saia. A partir dele é que Ilário deve decidir se anula ou dá aval para prosseguir com a contratação dos aprovados. Uma manifestação dos aprovados no certame deve acontecer no próximo dia 8 na Câmara de Vereadores de Quixadá. Os concursados estão preocupados com a situação.

Polêmica e novela
O concurso público de Quixadá foi motivo de polêmica e as decisões em torno de sua realização ganhou ares de novela. O primeiro entrave foi no dia 27 de abril. A Juíza Titular Ana Cláudia Gomes atendeu a um pedido da Consulpam, empresa concorrente no processo de pregão licitatório, que alegou ter cobrado o valor de R$ R$ 102.400,00, considerado, segundo a empresa, “inexequível pela Administração Pública”. Em sua alegação, a Consulpam afirma que a empresa Serctam, vencedora da licitação, teria cobrado o valor R$ 600.000,00, e ainda assim, vencido a licitação.

Duas semanas depois, a empresa comunicou o cancelamento das provas que haviam sido marcadas para o dia 15 e 29 de maio último, uma das primeiras datas que havia sido divulgada. Dias depois, o Juiz substituto da 2ª Vara da Comarca de Quixadá, Adriano Ribeiro Furtado Barbosa, derrubou a liminar que suspendia o concurso. O juiz tirava férias da Juíza Titular quando tomou a decisão.

Na época, a tensão tomou de conta dos cerca de 15 mil inscritos. O concurso é um dos mais disputados e chegou a tem uma concorrência de 59 pessoas por vaga. Ao todo, serão 754 vagas oferecidas para 53 categorias profissionais. A vaga mais procurada entre os concorrentes foi a de enfermeiro plantonista. 297 profissionais aptos a assumir a função se inscreveram para disputar as cinco únicas vagas oferecidas, o que corresponde a uma concorrência de 59 pessoas disputando uma oportunidade.

A segunda maior concorrência foi para fisioterapeuta, tendo 165 inscritos para o preenchimento de três vagas, o que equivale a 55 pessoas disputando uma chance. Logo em seguida, vem o cargo de atendente. 15 vagas são ofertadas no concurso e 812 inscritos decidiram disputá-la, o que fez gerar uma concorrência de 54 pessoas por vaga. A concorrência geral pode ser consultada neste documento, emitido pela Serctram.

________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

11:02 · 05.01.2017 / atualizado às 13:37 · 05.01.2017 por

Boa Viagem. Este município está em situação de emergência, mas não é pela seca. O decreto foi assinado pela prefeita eleita do município, Aline Vieira, após constatar que a cidade não dispõe de material e nem de recursos humanos para que os trabalhos possam ser realizados. Serviços essenciais estão interrompidos.

O comunicado, acompanhado do decreto, foi anunciado através ofício por Aline na tarde da última quarta-feira (4). De acordo com a gestora, não há materiais “necessários para a plena realização de serviços essenciais tais como coleta e tratamento de lixo; combustível e transporte de pacientes para a realização de hemodiálise; exame e consultas especializadas em Fortaleza; transporte de equipes do PSF e do conselho tutelar; abastecimento de água; manutenção de chafarizes e obras de açudagem”.

A prefeita ainda afirmou que o sistema de informática da Prefeitura está inoperante devido a inexistência de contrato que, conforme documentou, possa atender as demandas. Não há informações se os salários dos servidores serão suspensos os pagos em parcelamentos, uma vez que o municípios não dispõe de verbas suficientes.

A prefeita usou do artigo 64, incisos III e IX da Lei Orgânica do Município para decretar o estado de emergência. O Diário Sertão Central tentou entrar em contato com Aline Vieira na manhã desta quinta-feira (5), mas as ligações para a sede da Prefeitura Municipal não foram atendidas.

__________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

15:59 · 30.12.2016 / atualizado às 15:59 · 30.12.2016 por
Plantação era mantida em estufa caseira em Senador Pompeu (Foto: SSPDS)
Plantação era mantida em estufa caseira em Senador Pompeu (Foto: SSPDS)

Senador Pompeu. Equipes da Polícia deste Município do Sertão Central se surpreendeu no que encontrou na casa de um homem suspeito de envolvimento em práticas delituosas: uma pequena estufa caseira com uma plantação de maconha. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o suspeito, que já foi identificado, conseguiu se evadir do local.

A plantação foi descoberta durante a Operação Ano Novo, desencadeada na cidade com o intuito de  inibir práticas criminosas na região. A residência onde as mudas de maconha foram encontradas fica na localidade de Alto do Bode.

A planta era mantida com um ventilador e uma lâmpada que era acesa permanentemente. Na mesma casa as equipes apreenderam munições de rifle calibre 762 e calibre 38.

Prisão
Em outra propriedade, também situada no mesmo bairro, os agentes de segurança apreenderam um adolescente e prenderam uma mulher, identificada por Mariana de Brito Mota (19) – ambos sem antecedentes. Na casa onde os dois estavam, a Polícia apreendeu aves da fauna silvestre brasileira e também DVDs e CDs pirateados.

Os suspeitos e os materiais foram conduzidos para a Delegacia Regional de Senador Pompeu, onde as medidas pertinentes foram tomadas.

De acordo com a polícia de Senador Pompeu, a Operação segue até este sábado (31). A população pode ajudar a Polícia denunciando a prática criminosa que tem conhecimento. Para fazer denúncias, basta ligar para o disque denúncia da SSPDS pelo número 181 ou para a Delegacia Regional de Senador Pompeu, no telefone (88) 3449-1324

_________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

09:35 · 22.12.2016 / atualizado às 09:35 · 22.12.2016 por
Em Quixadá, a situação gerou protesto; em Canindé também houve protesto (Foto: Cleumio Pinto)
Em Quixadá, a situação gerou protesto; em Canindé também houve protesto (Foto: Cleumio Pinto)

Banabuiú. Prestes ao final do ano, prefeitos que não foram eleitos ou que nã elegeram seus sucessores, têm encontrado problemas para entregar as prefeituras com as contas em dias. O problema se agrava com o cenário de dificuldade econômico atual. O principal problema tem sido o atraso no salário de servidores. Neste Município, contratados e efetivos ainda não receberam o salário referente ao mês de novembro. O quadro se repete também nas pequenas cidades, como Ibicuitinga e Ibaretama. Ambas também estariam enfrentando problemas com as gestões que estariam atrasando os pagamentos.

Em Canindé houve protesto. Os servidores tomaram as ruas do Centro da cidade reivindicando o pagamento. O ato também foi promovido na última sexta-feira (16). Esta semana a classe apresentou uma denúncia na câmara de vereadores do município. A 2ª Vara da Comarca de Canindé atendeu a solicitação do Sindicato e bloqueou as contas da prefeitura para garantir o pagamento. De acordo com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Canindé (Sindisec), trabalhadores lotados na Saúde, Educação e do setor administrativo que estavam em greve, retornaram as atividades.

Em Quixadá também houve protesto na última terça-feira (20). Indignados com o atraso no pagamento de novembro, o sindicato local reuniu a categoria e ocupou a sede do Centro Administrativo da cidade. De acordo com a classe, o prefeito Welligton Xavier teria repassado o pagamento ao seu secretariado e deixado os servidores de fora, o que gerou polêmica e revolta nos trabalhadores. Após a ocupação, os servidores negociaram e tiveram os salários depositados no mesmo dia.

O presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), Expedito José do Nascimento, reconheceu que “as cidades estão com dificuldade de arrecadação e, por consequência, acabam atrasando os pagamentos”. Conforme ressaltou, o órgão orientou os gestores a criarem um calendário e, se necessário, priorizarem o 13º. “É Lei, não pode atrasar. Então algumas prefeituras estão pagando o décimo antes de quitar dezembro. Aquelas que estão com as contas no vermelho, fatalmente estão encontrando dificuldades”, disse.

A boa notícia, segundo Expedito, foi a decisão do presidente Michel Temer de antecipar a liberação dos recursos arrecadados com a multa do programa de repatriação. Com isso, governos estaduais e municipais contarão com recursos extras no fim deste ano para pagar servidores e despesas em atraso. “Os prefeitos não terão como justificar. Esse valor vai servir, justamente, para quitar essas dívidas”, afirmou.

O atraso no pagamento de servidores lotados em prefeituras cearenses, é o destaque do Regional do Diário do Nordeste desta quinta-feira (22). A notícia mostra a realidade das principais cidades das regiões do Estado. Leia a matéria completa aqui >> Prefeituras atrasam salários de novembro

__________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com