Busca

Categoria: Sem categoria


13:00 · 18.06.2018 / atualizado às 13:00 · 18.06.2018 por

Além do abandono a Av. José Caetano foi muito castigada pelas obras de saneamento da cidade.

Após quase uma década de abandono, pelas duas administrações anteriores de Quixadá, as ruas e avenidas do Centro desta cidade serão restauradas. O anúncio foi feito pelo atual gestor deste Município, Ilário Marques. A ordem de início dos serviços, denominados Operação Verão, foi assinada na manhã desta segunda-feira (18), na Praça da Catedral. Nos próximos meses serão realizadas diversas intervenções de melhoramento e requalificação urbana nas áreas consideradas críticas, assegurou o prefeito.

Os recursos para a realização da primeira etapa da Operação Verão, de R$ 5 milhões, foram captados através de convênio com o Governo do Estado. As intervenções iniciais ocorrerão dentro do quadrilátero urbano formado pela Avenida Plácido Castelo, Rua Rui Maia, Avenida José Caetano e Rua Francisco Brasileiro. Segundo Ilário Marques, essas vias, principalmente a José Caetano, quase intransitável, serão totalmente recuperadas.

A Plácido Castelo será outra avenida restaurada em Quixadá na Operação Verão.

Os investimentos também facilitarão o fluxo de veículos na principal avenida da cidade, a Plácido Castelo. O prefeito informou que a via não terá mais o canteiro central, aumentando a capacidade de trânsito. As ruas Rui Maia e Francisco Brasileiro receberão piso intertravado, conhecido como bloquetes de concreto. As calçadas serão padronizadas, a sinalização de trânsito será restaurada e instalada nova iluminação. Na conclusão das obras será criada a Zona Azul na área comercial.

Não foi informado o prazo para conclusão das obras, mas a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Seduma) pretende dar início aos serviços o mais rápido possível. No total, as obras serão realizadas em 18 quarteirões. Todavia, outro projeto, já em andamento, complementará a Operação Verão, visto que nesta primeira fase apenas parte das duas avenidas serão contempladas. O investimento será de mais R$ 5 milhões, atendendo outras vias muito movimentadas.

Ainda de acordo com Ilário Marques, as outras vias asfaltadas serão a Rua Dom Lucas, no bairro Campo Velho, corredor de tráfego da zona leste a oeste da cidade, sem necessidade de cruzar o Centro, e a Rua Paraguai, no bairro São João. Além do acesso a duas grandes áreas residenciais, a via é rota para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Serão 45 mil metros quadrados de asfalto. Antes, a prefeitura deverá recuperar o calçamento dessas ruas.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

08:00 · 15.06.2018 / atualizado às 08:05 · 15.06.2018 por

O Açude Cedro, em Quixadá, é reconhecido como um dos maiores patrimônios históricos do Brasil.

Professores e estudantes da Universidade Estadual do Ceará (UECE), da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN) estão participando em Quixadá, no Centro do Estado, do simpósio Patrimônios Culturais no Sertão Nordestino. A iniciativa do Encontro é da direção da Casa de Saberes Cego Aderaldo em parceria com o Grupo de Pesquisa em Patrimônio da Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central (Feclesc) e a UERN.

Na proposta, segundo os organizadores, além do intercâmbio cultural, da troca de saberes através de mesas redondas com pesquisadores da área, os participantes estão visitando lugares de memória e patrimônios no Sertão Central. O conjunto arquitetônico do Açude Cedro, em Quixadá é um exemplo. A estação ferroviária, o Museu Municipal Jacinto de Sousa e o Chalé da Pedra, também nesta cidade, são outras representações de patrimônio histórico.

Nesta manhã o grupo visita o Campo de Concentração do Patu, em Senador Pompeu, onde além dos casarios da construção da barragem, está situado o cemitério onde foram enterrados centenas de flagelados da seca. À tarde será a vez do Açude Cedro, considerado o maior patrimônio da região, afinal foi o primeiro construído no Brasil.

Entretanto, na avaliação de historiadores, o maior sítio histórico da região é mantido em Quixeramobim, cidade vizinha. A Casa de Câmara e Cadeia, a Igreja Matriz de Santo Antônio, a Casa de Antônio Conselheiro e os casarões de José Felício e do Paço Municipal, erguidos no século XVIII, ficam situados na área central da cidade mais antiga da região. Há ainda a ponte metálica e a estação ferroviária, outros ícones da história desse lugar.

À noite, a partir das 19 horas, o grupo se reúne numa mesa redonda, mediada pelo professor Hidelbrando Alves, com a participação dos pesquisadores Mestres Vagner Ramos, professor da UERN e Everaldo Dourado, arqueólogo da UFC.

Patrimônios Culturais no Sertão Nordestino
Dias 14 e 15 de junho
Das 8 às 22 horas
Casa de Saberes Cego Aderaldo – Quixadá

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

08:30 · 27.04.2018 / atualizado às 08:35 · 27.04.2018 por

Equipes do Cotar e do BPChoque apreenderam em Ocara veículos roubados que estavam sendo adulterados Fotos > SSPDS

Uma operação policial realizada por equipes do Comando Tático Rural (Cotar) do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) culminou com a prisão de cinco homens suspeitos de participação em um esquema criminoso, de roubo e adulteração de veículos para revenda em outras cidades. As prisões, iniciadas na tarde da quarta-feira (25) e encerradas na quinta-feira (26), ocorreram em Ocara, Chorozinho e Aracati. Também foram apreendidos três veículos roubados, informou a Secretaria de Segurança e Defesa Social (SSPDS).

Os suspeitos, Juarez Moreira de Souza Júnior, 45 anos, sem antecedentes, e Antônio Muniz de Sousa, da mesma idade, com passagens por receptação, Francisco Temistocles da Costa, 32 anos, que já respondia por lesão corporal dolosa, receptação e violência doméstica, Flares Uchoa Barbosa, 26, com passagens por roubo de veículo, receptação, associação criminosa e integrar organização criminosa e Francisco Fabrício Rebouças da Silva, 22, sem antecedentes, são apontados como integrantes de uma organização criminosa interestadual que roubava e furtava carros, além de clonar os veículos e revendê-los.

Segundo a SSPDS, os policiais militares estavam realizando patrulhamento na cidade de Ocara, quando observaram duas caminhonetes, modelo Hilux, com os capôs levantados em uma residência cercada de arame farpado.Dois suspeitos estavam ao redor dos veículos. Quando avistaram as viaturas correram para dentro da residência. Cercados, Juarez Moreira e Antônio Muniz saíram do imóvel e confessaram que entregariam os veículos para outros membros do grupo, em Chorozinho e Aracati.

Dando continuidade à ação policial foi marcada a entrega de um dos veículos em posto de gasolina, na cidade de Pacajus. Ali foram presos Francisco Temístocles e Flares Uchoa, quando se aproximaram para receber o veículo roubado. Durante a prisão eles confessaram que receberiam os veículos de seus comparsas para venderem no Rio Grande do Norte.

O último membro da quadrilha, Francisco Fabrício, foi capturado em Aracati. Ele estava esperando a outra caminhonete Hilux, roubada, já adulterada, em um posto de combustíveis. Ao ser preso confessou que levaria o veículo para um indivíduo, conhecido como Rony, em Canoa Quebrada, para que ele levasse o veículo para o Rio Grande do Norte. Na casa de Fabrício os policiais encontraram um automóvel de marca GM, modelo Spin, também roubado, já com placas clonadas.

Organização criminosa foi apresentada pela Polícia Militar na Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos

Os veículos apreendidos e as ferramentas utilizadas para adulteração foram apresentados, juntamente com os cinco suspeitos na Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC). Todos foram autuados por receptação, associação criminosa, adulteração de sinal identificador de veículo e falsificação de documento público, completou a SSPDS.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

07:30 · 13.04.2018 / atualizado às 07:25 · 13.04.2018 por

Bom Viagem recebeu a primeira chuva com mais intensidade, 59mm, após seis anos de estiagem. Foto >VCRepórter

Um  susto acompanhado do alívio, foi como muitos moradores de Boa Viagem, receberam a primeira chuva de maior porte este ano nesta cidade do Sertão Central. Foram 59 milímetros, no intervalo das 7h desta quarta-feira (11) para as 7h da quinta (12) de acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Todavia, segundo moradores de localidades situadas a margem de mananciais que desaguam no Açude Vieirão, as precipitações tem sido constantes naquelas regiões desde o fim de semana passado.

O principal reservatório público deste Município, com capacidade para 20 milhões de m³, continua completamente seco, mas a contar pelo diluvio de aproximadamente duas horas, na área comercial da cidade, inclusive formando um verdadeiro rio na rua Alfredo Terceiro, em breve o Vieirão voltará a receber água, aliviando a situação de aproximadamente 15 mil moradores que há mais de dois anos não recebem água encanada nas torneiras das suas casas.

Os primeiros registros de precipitações apurados pela Funceme no período das últimas 24 horas apontam o maior volume em Iracema, na Serra do Pereiro, com 112mm. No Sertão Central, Milhã recebeu 109mm, a maior nos últimos cinco anos. Em Pedra Branca foram 52mm e Quixeramobim, onde a barragem da cidade começou a receber água, 51,5mm e Quixadá, 33mm.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

06:30 · 20.11.2017 / atualizado às 06:50 · 20.11.2017 por

Comunidade do Sítio Veiga está em festa desde o dia 14 comemorando a Semana da Consciência Negra.

A Comunidade Quilombola do Sítio Veiga, na Serra do Estevão, em Quixadá, comemora nesta segunda-feira (20) 0 Dia da Consciência Negra. Entretanto, a programação dos “Negos do Veiga”, como também são conhecidos, teve início na terça-feira (14) passada  com a visita dos quilombolas à Casa de Saberes Cego Aderlado, um equipamento cultural administrado pelo Centro Cultural Dragão do Mar, vinculado à Secretaria de Cultura do Estado, o qual começou a funcionar este mês.

Na sexta-feira (17) os quilombolas do Sítio Veiga receberam a visita de estudantes de Serviço Social. Era mais um encontro da programação da VII Semana da Consciência Negra, com missa afro, forró da melhor idade, torneio quilombola, noite cultural e se encerra no próximo sábado (25) com a tradicional dança de São Gonçalo, apresentada pelo Mestre da Cultura Joaquim Roseno e suas pastorinhas, fechando mais um ciclo de preservação dos costumes quilombolas do Sítio Veiga, onde residem 39 famílias.

As crianças também participam da programação especial elaborada pela comunidade do Sítio Veiga.

Veja também no Diário do Nordeste

Quilombos: Resistência para vencer invisibilidade histórica

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

08:00 · 09.10.2017 / atualizado às 10:40 · 09.10.2017 por

O lutador de MMA cearense Rony Jason agrediu uma mulher após a realização de uma festa em Quixadá, na madrugada de domingo (8). Conforme informações de pessoas que assistiram ao show em um hotel da cidade, a vítima é uma irmã do lutador.

Desde então, um vídeo mostrando a suposta agressão vem sendo compartilhado nas redes sociais. O Diário do Nordeste optou em não mostrar o vídeo para preservar a vítima.

Quem presenciou a cena informou que Rony Jason discutiu com a irmã e, em seguida, a derrubou no chão. Caída, ela tentou se defender com os pés. Algumas pessoas que estavam ao redor seguraram o lutador. A agressão ocorreu logo após uma discussão entre os irmãos.

De acordo com a Polícia Civil, até a publicação desta edição nenhum registro foi feito pela vítima a respeito do fato. A fonte da Polícia informou que, havendo interesse, a agredida deverá procurar a Delegacia da Mulher, onde casos dessa natureza são investigados. A delegada titular, Janaína Siebra, poderá instaurar inquérito independente do interesse da vítima.

A reportagem do Diário do Nordeste tentou manter contato o lutador, todavia, até a publicação desta matéria o telefone dele estava desligado e ele não respondeu as mensagens enviadas por  rede social.

Em novembro de 2011, Rony Jason começou a ganhar destaque no cenário nacional de lutas estilo MMA após vencer seu adversário, Reginaldo Vieira, no primeiro round, pela disputa do cinturão peso pena até 66 Kg. Em junho do ano seguinte o lutador natural de Quixadá também foi campeão do TUF Brasil, na categoria peso-pena.

De lá para cá, o campeão tem acumulado derrotas, a última delas em março deste ano, quando foi superado pelo canadense Jeremy Kennedy na segunda luta do UFC Fortaleza, no Centro de Formação Olímpica (CFO) da capital cearense, dia 11.  Foi a segunda derrota seguida do lutador de Quixadá, que não vence há quatro lutas.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

08:00 · 18.09.2017 / atualizado às 07:45 · 18.09.2017 por

Uma passageira de um ônibus da empresa Guanabara, que seguida de Juazeiro do Norte para Fortaleza foi ferida durante a viagem. Conforme informações do motorista e de outros passageiros à Polícia Militar o transporte coletivo intermunicipal foi apedrejado na CE-060 quando cruzava o município de Quixeramobim, no Sertão Central.

O ataque ao ônibus ocorreu por volta das 2h30 da madrugada desta segunda-feira (18). Quando passava entre as localidades de Oiticica e Carauno se deparou com alguns homens à margem da rodovia. Um deles, com camisa azul e short jeans, passou a airar pedras quebrando uma das janelas e atingindo a passageira. Ela foi socorrida ao Hospital Municipal de Quixeramobim, onde ficou sob observação.

Uma equipe da Polícia Militar seguiu até o local do ataque, mas ninguém foi localizado. A Polícia Civil deverá investigar o caso.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

15:30 · 06.09.2017 / atualizado às 15:30 · 06.09.2017 por
A 28ª Vaquejada de Quixeramobim será realizada de 7 a 9 de setembro, no Clube do Vaqueiro, que já preparou parte da estrutura e deve receber 5 mil pessoas por dia. Crédito: Alex Pimentel

A Associação Brasileira de Vaquejada (ABVAQ) conseguiu, nesta quarta-feira (06), derrubar a liminar concedida no último dia 30 de agosto que proibia a realização da Vaquejada de Quixeramobim, que acontece há 27 anos na cidade. Segundo a organização do evento, a decisão favorável da Justiça permitirá que a competição ocorra normalmente a partir desta quinta-feira (07), seguindo até sábado (09), no Clube do Vaqueiro, como previsto inicialmente.

O evento correu o risco de não acontecer neste ano após os promotores de Justiça da Comarca de Quixeramobim, Raqueli Castelo Branco Costenaro e Vicente Anastácio Martins Bezerra de Sousa, ingressarem com Ação Civil Pública (ACP) na 1ª Vara da Justiça no Município, requerendo a anulação da competição, alegando maus-tratos e crueldade com os animais. O pedido foi deferido pela juíza Kathleen Nicola Kilian, que estabeleceu multa diária de R$ 100 mil caso a determinação fosse descumprida.

Apesar da decisão contrária da juíza, os organizadores do evento esperavam pela queda da liminar para realizar a vaquejada. Organizador da competição, o empresário Sílvio Fernandes informou que não tinha a intenção de desobedecer a decisão judicial, mas que confiava que Emenda Federal 96 – aprovada recentemente, legalizando o esporte – prevaleceria na Justiça do Estado.

“Temos uma das cinco maiores vaquejadas do Ceará. Com ela, atraímos milhares de turistas e dividendos para o nosso município”, disse Fernandes, que acrescentou que já está acertando os últimos detalhes para que a 28ª edição do evento comece normalmente nesta quinta-feira (07).

08:00 · 03.07.2017 / atualizado às 08:05 · 03.07.2017 por

A prefeitura de Quixadá divulgou o encerramento das atividades da Farmácia Popular do Brasil nesta cidade do Sertão Central. De acordo com a prefeitura, o equipamento de assistência às pessoas de baixa renda criado em 2004 finalizou os seus serviços na última sexta-feira, 30 de junho.  A Secretaria de Saúde de Quixadá foi cientificada da decisão através de ofício emitido pelo Ministério da Saúde.

Através de divulgação feita no seu portal oficial a prefeitura de Quixadá  destacou ser contrária a medida aplicada pelo Ministério da Saúde, justificando trazer prejuízos imensuráveis a população mais pobre, usuária direta do serviço e que o fechamento das farmácias fragiliza ainda mais o Sistema Único de Saúde (SUS).

Ainda conforme a prefeitura de Quixadá o programa contava em suas unidades próprias com 112 medicamentos, com redução de até 90% do valor de mercado. A condição para a aquisição dos medicamentos que estavam disponíveis nas unidades era a apresentação de documento com foto, no qual conste seu CPF, juntamente com uma receita médica. Entre os medicamentos muitos utilizados no tratamento de diabetes e de hipertensão.

Em maio a administração municipal havia anunciado o retorno da assistência à população. As medidas para regularização do serviço estavam sendo adotadas junto à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). O serviço seria normalizado dentro de 60 dias. Entretanto o Diário do Nordeste havia divulgado o fim das Farmácias Populares.

Veja mais no Diário do Nordeste 

População carente de Quixadá voltará a ser assistida por Farmácia Popular 

Fim das Farmácias Populares preocupa moradores do Interior 

A reportagem do Diário do Nordeste tentou manter contato telefônico com o Ministério da Saúde e também envio mensagem através de e-mail, todavia, até a publicação desta edição não houve retorno do órgão federal.

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

13:00 · 26.06.2017 / atualizado às 13:15 · 26.06.2017 por

A polêmica em torno de um jumento encontrado caído em uma rua do bairro São João, em Quixadá, continua nas redes sociais. Na noite deste domingo (25) o animal acabou morrendo no Centro de Zoonose da cidade, apesar de ter sido resgatado na noite da última quinta-feira (22) por uma equipe da Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Seduma) e receber cuidados veterinários.

O jumento foi resgatado para o Centro de Zoonoses de Quixadá e mesmo recebendo cuidados acabou morrendo

A prefeitura de Quixadá informou que o animal apresentava uma hemorragia anal. Todavia, de acordo com os exames preliminares, não havia sinais de fratura nas patas dianteiras, característicos de maus tratos, atribuídos ao proprietário do jumento. O animal pode ter caído na rua já por estar debilitado. Para informar com precisão a causa da morte serão necessários exames mais complexos.

O proprietário do animal, que pediu para não ter o seu nome revelado, informou ao Diário do Nordeste que estava tratando o bicho no seu curral e pretendia utiliza-lo nos afazeres rurais, vez que é agricultor. Havia recebido o jumento há cerca de 15 dias, do dono de uma fazenda, para quem trabalha. O bicho estava com fome e com sede, decidiu então cuidar dele, inclusive o transportando em uma carroça até o seu estábulo.

O agricultor ainda informou que quando o animal se soltou do curral ele ainda estava trabalhando na fazenda e só pode retornar no dia seguinte. Quando chegou soube do resgate efetuado para o Centro de Zoonose de Quixadá e da polêmica, inclusive sendo acusado, injustamente de maus tratos. Para esclarecer os fatos seguiu até a delegacia regional da Polícia Civil, que apura o fato. Havendo constatação dos maus tratos pode ser lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), havia informado um policial.

Veja mais no Diário do Nordeste

Maus tratos a animal viraliza na internet e causa revolta e indignação entre internautas

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161